2021-06-12 21:14:08 -0300 2021-06-12 21:14:08 -0300
santz Tiago Prado Oliveira

Jogo finalizado nº: 427 - Snake, Snake, Snaaaaaaake

 Eu não tive contato com a série na época e venho zerando cada jogo em sequência. Depois de finalizar os dois primeiros jogos de MSX da série, estava bastante ansioso para jogar o lendário jogo do Kojima. Comparado com os jogos da época, ele realmente apresenta um puta avanço técnico. A forma como ele trabalha o ambiente 3D e a liberdade que ele oferece em termos de exploração é algo bastante inovador. O que mais destaca no jogo, pra mim, é a forma como a narrativa se desenvolve, cheio de com cenas com efeitos de câmera cinematográficos e sequências de ação de tirar o fôlego. No entanto, a trama e os temas filosóficos de guerra, achei bobo.

 Outra coisa que achei curiosa foi a jogabilidade. As mecânicas presentes no jogo, nada mais é que as mesmas ideias de Metal Gear 2 aplicados a um universo 3D poligonal. As armas, os itens, o puzzles, os chefes, tudo isso eu já tinha visto nos jogos anteriores, então não me surpreendeu. Uma coisa que curti bastante foi o uso daquele rádio, acho que é decoder o nome. Sempre que me via numa situação sem saída, o pessoal lá me oferecia uma baita ajuda através das dicas. Mas eu morri muitas e muitas vezes. A cada parada nova que acontecia, era morte. Cai em todas as armadilhas e fui visto por praticamente todos os soldados, resultando sempre em mortes, pois o combate desse jogo é terrível. Essa mecânica de morrer para aprender achei meio chato para esse estilo de jogo. No geral, curti demais a experiência, me diverti muito, mas confesso que esperava mais.

Metal Gear Solid

Platform: Playstation
6988 Players
287 Check-ins

38
  • Micro picture
    tiagotrigger · 3 months ago · 4 pontos

    O que mais me impressiona nos MG eram as possibilidades, pode fazer muita coisa de forma diferente, caminhos diferentes etc.

    6 replies
  • Micro picture
    fredson · 3 months ago · 4 pontos

    Masterpiece. Esse pra mim é nota 10.

    2 replies
  • Micro picture
    jcelove · 3 months ago · 3 pontos

    Pensei que já tivesse terminado essa masterpiece, mas nunca é tarde pra apreciar um clássico.

    É isso mesmo, o Solid é o que Kojima queria ter feito no MG 1 e 2 e não conseguiu pro causa das limitações da época, vários eventos do Solid são recriações de aventos dos originais como a parte das paredes ocas pra explodir, as traps, o chão eletrificado, o uso do missil teleguiado, até o plot twist é na mesma pegada.

    Mas a jogabilidade é beeeem mais refinada e cheia de possibilidades. Acho o codec um recurso de ajuda sensacional pq ele ta lá pra falar com o jogador quando ele empaca e sempre se tem várias formas de resolver as situações e boss fights.

    O combate horrivel que vc falar é no mano a mano ou nos tiros? Na real a ideia é não combater, exceto nos bosses onde os combates funcionam bem quando vc entende. Diferente de Splinter cell por exemplo, ou tenchu onde se fosse sair na mão ava ferrado pq realmente era ruim e feito pra te fazer desistir e tenter d enovo no stealth.

    Os tiros facilitam muito se usar a mira automática (quadrado+x) com a socom e famas.

    6 replies
  • Micro picture
    volstag · 3 months ago · 2 pontos

    Expectativa sempre estraga a experiencia

    2 replies
  • Micro picture
    thiagobrugnolo · 3 months ago · 2 pontos

    Essa é uma franquia que aindda estou devendo, o Solid joguei uma vez, mas na época não fui longe pois não sabia quase nada de inglês, então fiquei perdido nas missões, mas antes quero jogar os dois primeiros do MSX também.

    1 reply
Keep reading → Collapse ←
Loading...