2019-01-16 20:06:52 -0200 2019-01-16 20:06:52 -0200
thecriticgames Matheus Pontes

OFF-Topic - Tentando aprender japonês + 10 materiais nipônicos.

Como alguns amigos daqui da rede sabem me encontro atualmente de férias, mas também iniciei nas mesmas um estudo para tentar aprender a língua japonesa, dentro de um ano se possível e por conta própria. Não apenas pelos game, mas também para poder ter uma noção da linguá já que ano que vem pretende visitar o Japão.

E nessa brincadeira voltei a assistir animes, séries, a consumir material niponico e posto aqui 10 materiais niponicos que vim a consumir nesses dias (dentre eles uma menção desonrosa), nada de ser um critico meticuloso aqui, a ideia é ser pura opinião própria.

OBS: Há quem se interessar estou estudando pelo https://www.nhk.or.jp/lesson/portuguese/learn/list... mas tenho outras fontes tambem em uma lista para iniciar do zero após terminar as minhas aulas daki.

9 - Dragon Ball Heroes

O que parece uma fanzine de um fã da saga de 15 anos de idade a la Dragon Ball AF é uma propaganda descarada para um game de arcade da franquia, e digo que são uma das coisas mais estranhamente não ortodoxas e preguiçosas que já vi, episódios de menos de 10 minutos, e nesse tempo se incluem uma abertura consideravelmente grande, um fechamento e uma prévia do próximo ep, isso tudo torna ele facil e rapido de ser assistido, o que é conveniente pra mi que tenho pouco tempo.

8 - Kamen Rider Kuuga

Confesso que este aqui só entrou na lista pq anos atrás eu assisti 22 dos 49 epis e resolvi terminar de assisti-lo agora, a série é dos anos 2000 o que é bem antiga, e apesar da otima história não é facil de assistir hoje em dia nem de recomendar a ninguem devido aos "defeitos" especiais que tinham uma qualidade a la novela Os Mutantes da Record.

7 - Mamadayo

Este daqui eu assisti no dia 31 de Dezembro pra refletir um pouco sobre a vida msm, me julguem, o ultimo filme do Akira Kurosawa (conhecido pelos seus filmes de Samurai) é um drama-comedia que aborda a vida de um carismático professor japonês amado pelos seus alunos que resolve se aposentar para viver como escritor, o que se vê no filme que é até bem cansativo apesar de legal é a vida do mesmo com o passar dos anos entre altos e baixos como a perda de sua casa e o apoio e amor incondicional de seus alunos ano após ano ajudando a ele e sua esposa. E em cada ano uma festa de aniversario com um encontro de todos os alunos e do professor é realizado onde o mesmo bebe m copo gigante de breja de uma vez e os alunos perguntam a ele se ele já bebeu o bastante/ já terminou (uma analogia a se ele já viveu o bastante) e o mesmo sempre bebe tudo e responde "Mamadayo" (Ainda não em japonês).

6 - Mobile Suit Gundam (filmes compilados)

Confesso ser fã de Gundam desde o JRPG japones Hero Senki passou pelas minhas mãos (assim como sou fã de Kamen Rider e Ultraman pelos mesmos motivos). E consegui achar legendado em pt a trilogia de filmes que reúne o primeiro anime, e como é bom assistir animes dessa época, principalmente pelos mesmos terem algo que sinto muita falta hoje nos animes, a animação feita a mão com pouco uso dos computadores.

A história, lutas e personagens do primeiro Gundam são bem maneiros, os filmes, 3 ao todo duram em média 3 horas cada e compilam e condensam o que há de importante nos 49 epis da série alem de adicionarem algumas coisas mais.

Para quem se interessar em baixar; https://drive.google.com/drive/folders/1b39mgIAYfJ...

5 - Yojimbo

Akira Kurosawa novamente, e com filme de samurai, um de seus filmes mais famosos Yojimbo que envolve um habilidoso samurai que chega a um vilarejo onde duas facções lutam pelo poder e o mesmo decide enganar ambas para conseguir dinheiro ao mesmo tempo que com sua esperteza tenta ver uma forma de livrar o lugar deles. Aqui é o Kurosawa sendo Kurosawa, o foda é que o linguajar nipônico aqui é muito antigo e carregado, dai fica difícil captar as palavras, mas é um filme foda pra sua época, a sequencia Sanjuro eu assisti no cinema anos atrás e recomendo mais ainda.

4 - Tasogare Seibei - O Samurai do Entardecer

Mais um filme de Samurai, mas sem Kurosawa, aqui o responsavel é Yoji Yamada, sai o samurai heroico, romantizado e fodão, entra a figura histórica nesse drama histórico. A parada aqui envolve Seibei, um samurai de baixo nível apelidado pelos colegas de "Tasogare Seibei" ou Seibei do Entardecer, já que enquanto todos vão beber e festejar após o expediente o protagonista vai pra casa cuidar das suas filhas, e da sua própria mãe com demencia, isso com quase nenhum recurso o que leva ao protagonista ta sempre sujo, mal trapilho, despenteado e com roupa rasgada. É um drama de época bem fácil de assistir e nada massante, alem de contar com um dos melhores atores niponicos da atualidade Hiroyuki Sanada de Lost, O Ultimo Samurai, Westworld, etc.

3 - Ikiru

Opa, mais Kurosawa mas sem Samurai dessa vez, outro drama, no caso o filme "sem ser de Samurai" mais famoso da carreira dele, Ikiru (Viver em japones) que fui assistir no dia 1° de Janeiro pra refletir sobre a vida tb (me julguem de novo). Aqui acompanhamos um tipico burocrata japones, que passa a vida inteira trabalhando sem pensar em nada alem do trabalho, só para se ver com um mortal câncer no estomago perto da sua aposentadoria e se ver numa odisseia urbana para encontrar o sentido da vida, é um filme longo, mais recompensador, é foda bagarai.

2 - Digimon Tamers

"Como diz a tipica regra das obras niponicas, sempre deixe o trabalho envolvendo o destino do mundo na mão de crianças, elas irão resolver o problema na metade do tempo dos adultos e com o dobro da eficacia."

Tenho um carinho incondicional pela primeira temporada de Digimon, bem mais do que na época da TV Globinho, mas perdi a terceira temporada e a assisti aquela que muitos tem como a melhor (e que eu teria tambem não fosse na reta final parte da animação ficar meio mal animada), uma trama mais densa e com inspirações lovecraftianas (sendo inclusive a primeira vez que me deparei com algo lovecraftiano na vida), é uma temporada memorável para todos que a assistiram. Independente do inicio tipico e cliche de animes com crianças se unindo pra salvar o mundo.

1 -Lobo Solitario

Mangas não são minha prioridade pra consumir agora porque , bem, eu os leio em portugues e inglês, e isso em nada ajuda a aprender japones, mas Lobo Solitario, a edição lançada no Brasil atualmente é repleta de terminologias japonesas e ajuda nisso. Com respeito a obra o manga fantasticamente foda e premiado (o Watchmen dos mangas igual ja ouvi dizer) que envolve uma premissa simples, um pai ronin com seu filho pequeno viajando pelo japão feudal buscando vingança contra o clã Yagyu. É uma obra foda pra kcete, e ja entrou pro hall de um dos melhores mangas que já li (junto de Berserk e Oldboy). Alem de ter alguns dos melhores enquadramentos de quadrinhos que ja vi por ai, recomendado pra que escreve quadrinhos, como o @manoelnsn e o @vinicios_santana_3 caso se interessem.

MENÇÃO DESONROSA

00 - Ghost in the Shell

BOOOOOOOOOOOOOOORIIIIIIIIIIIIIIIIG AS HEEEEEEEEELLL!!!

A expectativa é realmente um monstro, um monstro maldito, e as minhas fizeram eu esperar muti de GitS, tanto que tudo que havia d aobra, até mangas, OVAs e jogos estavam na minha lsita pra consumir a obra, mas PQP que coisa cansativa e chata, eu simplesmente não consigo ligar para os diálogos filosóficos da parada, que abordavam temas que no papel me pareciam muito interessantes, mas não deu, li o manga e o primeiro filme foi uma luta contra o sono, tentei depois assisti o segundo mas dormi com 10 min de filme o que me obrigou a tirar tudo da saga das minhas listas, pra quem curte, não se sinta ofendidos, aqui é pura opinião pessoal, pura questão de gosto.

Os próximos materiais que irei consumir são Zillion, Cowboy Bebop, e filmes do Estudio Ghibli, aceito sugestões de animes e filmes japoneses.

Hero Senki: Project Olympus

Platform: SNES
12 Players

28
  • Micro picture
    manoelnsn · over 3 years ago · 3 pontos

    Gundam não vi nenhum até hoje, eu gosto de robôs se degladiando, mas essa série do Tomino envelheceu muito mal, já que outros usaram sua fórmula a exaustão e abordando temas de um modo bem mais detalhado. Se gostar do estilo de aconselho de cara Macross(o primeiro), Gunbuster(que é uma aula de como fazer uma boa história com um curto espaço de tempo), Zegapain(tem a mesma premissa de Matrix, mas a desenvolveu bem melhor) e The Vision of Escaflowne.

    Digimon Tamers é diferenciado por 2 motivos: primeiro que quem fez a história dele é um dos criadores de Serial Experiments Lain(o cara é muito competente no que faz) e segundo que, apesar de ter crianças heroínas, tem uma participação enorme de adultos(e no fim das contas são os adultos que salvam o mundo com seu programa, os moleques foram apenas ponta de lança, huahua). Infelizmente a franquia só foi fazer algo de destaque em Digimon Savers/Data Squad, onde os personagens são mais velhos e a história ganhou mais ação.

    GITS tem muuita filosofia, a ambientação dele é de cair o queixo também. Mas concordo que ele é muito restrito, e tu precisa de certo arabouço pra entender tudo ali. Eu respeito a obra pacas, tenho o mangá e vi todo o anime Stand Alone Complex(só não vi o Arise, mas quando vi que deixaram a Motoko mais jovem, saltei de banda), é uma pena que não gostou. Tem outras obras com um tema parecido, mas sem tanta filosofia no meio, que talvez tu goste, que são Armitage III E Battle Angel Alita

    Agora outros que são muito bons, pra não dizer excelentes:

    Legend of The Galactic Heroes(esse principalmente, e @mateusfv, vai voltar a ver quando?)
    Rose of Versailles
    Monster
    Perfect Blue
    Yamato 2199
    Vampire Hunter D Bloodlust
    Fullmetal Alchemist Brotherhood

    Cowboy Bebop é episódico, então achei bem fraco(apesar da animação soberba e da ambientação excelente) e Ghlibi tem um tom mais infantil, exceto por coisas como Princess Mononoke, Nausicaa e Hotaru no Haka :D

    7 replies
  • Micro picture
    lanzitto · over 3 years ago · 2 pontos

    Bota aí na sua lista de filmes Zatoichi de Takeshi Kitano e Battle Royal

    4 replies
  • Micro picture
    andre_andricopoulos · over 3 years ago · 2 pontos

    Nikoooo...tchutchuco... Me fez lembrar o game MINI NINJAS. Parabéns pelo japonês ...

  • Micro picture
    xch_choram · over 3 years ago · 2 pontos

    Ae vlw pela dica, também quero pegar pra estudar japonês esse ano (e os posteriores provavelmente)

    4 replies
  • Micro picture
    mandaloriano_95 · over 3 years ago · 2 pontos

    Sempre bom ver gente interessada em estudar o idioma, mas honestamente, talvez aprender japonês em um ano, sem sequer estar num ambiente imerso pelo idioma, seja uma expectativa um tanto irreal. Claro, há uma série de fatores que influenciam no tempo de aprendizado, como quanto tempo por dia ou por semana você possui para se dedicar a estudar e, nesse caso de ser autodidata (coisa que eu admiro, porque pra mim mesmo me falta foco pra tanto), o quanto você é capaz de focar e se dedicar. Mas falando de acordo com a minha experiência, completando 4 de estudo do idioma, acho que em 1 ano de estudo vai ser bem difícil sequer ler um mangá shounen em japonês sem precisar do dicionário a cada quadro. A fala já é mais simples, e é possível que 1 ano posa garantir uma boa margem de conhecimento para ao menos se comunicar de forma básica lá no Nihon. De qualquer forma, bons estudos!

    1 reply
  • Micro picture
    kaidrus · over 3 years ago · 2 pontos

    Recomendo que assista os outros animes de Gundam, como o Gundam the Origin que se passa antes do 0079 (primeiro gundam), mostrando principalmente mais sobre o passado do Char até o acontecimento do ep1 do 0079.
    Até tem uma ordem cronológica a seguir depois desses, porém é mais recomendado pra quem é bem fã da série mesmo, mas alguns excepcionais entre eles seriam o Gundam 0080 War in the pocket, meu gundam favorito até o momento, que conta a guerra de uma forma bem diferente na visão de uma criança de 11 anos.
    e o Zeta gundam que se passa 7 anos depois da ''Guerra de um ano'' do primeiro gundam, com novos protagonistas e organizações, mas com os antigos personagens ainda presentes.

    1 reply
  • Micro picture
    vinicios_santana · over 3 years ago · 2 pontos

    É sempre bom pegar grandes mestres, você sempre absorve algo que pode ser atribuído a sua obra.
    Minha esposa é japonesa e tenta ensinar aos poucos o bebê com canais infantis japoneses.
    Já ela estuda por um canal com aulas do simples ao avançado.
    https://youtu.be/mXu1VNGgUPw
    Eu deveria estudar também né kkkk

    4 replies
Keep reading → Collapse ←
Loading...