• luchta Ewerton Ribeiro
    2021-05-16 18:04:37 -0300 Thumb picture
    Post by luchta: <p>A versão antiga era mil vezes melhor!</p>

    Medium 774958 3309110367

    A versão antiga era mil vezes melhor!

    Castlevania III: Dracula's Curse

    Platform: NES
    949 Players
    63 Check-ins

    3
    • Micro picture
      santz · about 3 hours ago · 1 ponto

      Isso era Castlevania ou era daquele desenho com o Simon zueiro?

      1 reply
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2021-05-14 07:51:51 -0300 Thumb picture

    O que eu achei da 4º temporada de Castlevania da Netflix!

    Acabei de ver a quarta e última temporada da animação da Netflix baseada em Castlevania, e vou falar minha opinião, primeiramente sem spoilers, depois coloco uma TAG de spoilers para falar do resto!

    Antes de tudo, uma coisa que queria falar a tempos, e vou aproveitar essa oportunidade para falar, é sobre adaptações. Os americanos adaptando um produto japonês, é complicado, eles tem um jeito de criar histórias e design de personagens bem diferente dos orientais, e quase nunca eles entendem como certos personagens foram concebidos.

    O nosso querido Trevor apesar de um personagem interessante é um belo clichês do anti herói de histórias americanas. Mas principalmente o Isaac é um personagem totalmente diferente do Curse of Darkness, tendo apenas nome e função parecida com o original. Já que dificilmente um ocidental replicaria perfeitamente a personalidade excêntrica do Isaac original, e se tentassem iria parecer um gay extremamente estereotipado.

    Mas enfim, é uma produção ocidental, que adapta e do jeito deles a franquia, e não tenta seguir o enredo original dos jogos, eu já me conformei com isso. E se por um lado trás personagens novos, por outro aprofunda os consagrados, e na moral se tem algo legal aqui é eles trazerem novos vampiros, e se uma coisa que os jogos pecam é trazer vampiros diferentes para a trama, poucos são mostrados nos jogos e menos ainda tem alguma importância (e o jogo tem foco nos vampiros).

    Mas o que eu achei especificamente dessa quarta temporada da animação? Ela foi ótima, a melhor entre elas sem dúvidas! Muita ação sem enrolação, animação excelente, assim como direção de arte (cenários lindos como sempre foi), muito fan service, e claro, sem piadas ou cenas de sexo, muita enrolação ou Warren Ellis dando uma de moleque ateu de treze anos, usando sua obra para dar hate no cristianismo.

    [SPOILERS] Agora vou dar detalhes do enredo, só leia se já viu a animação!

    Primeiramente falarei do fan service, como deu para ver no trailer e imagens promocionais o Alucard agora usa seu escudo do SotN, e ele usa muito. Também tivemos vários inimigos clássicos (não consegui identificar todos, mas creio que teve monstros originais também), como nosso "monstro fimose" do Dawn of Sorrow, o Gergoth, bem fiel aos jogos. Assim como os Fleamans (que parecem goblins) e muitos outros. E como da para ver o Abel, Innocent Devil do Isaac, também da as caras com design e luta fodas.

    Não posso deixar de comentar a referencia a Berserk Armor, do Berserk, que na real era outra armadura, mas com design bem parecido, já que pelo que fiquei sabendo os produtores dessa animação querem animar Berserk, então fizeram esse ester egg, colocando a personagem Striga para lutar com ela. A posição da imagem acima é idêntica a do mangá!

    Outra coisa que eu curto demais nessa animação são os inimigos, tem alguns que você sabe que vão aparecer para morrer alguns minutos depois, mas mesmo assim eles tem golpes únicos, nada de poderzinho ou magia genérica, muitos deles tem referências a outros personagens que vimos em animes, bem legal. Como a inimiga que ai em cima que usa fios para matar os oponentes, ou um velho vampiro bárbaro que atira machados que voltam para ele e se teleporta, parece um pouco o Kratos do novo GOW. Isso aliado a ótima animação dos combates, deixa tudo mais legal.

    Os novos personagens apresentados também são interessantes, os principais são a Greta (imagem acima) do vilarejo de Danesti, e crush do Alucard, e sim, ela faz referencia ao ainda ausente Grant DanastyZamfir que é uma doida ai, que morre, e nimguém explicou (ou eu não prestei atenção) pra que serviu o adereço que um demônio colocou nela. Varney que parecia mais um Godbrand 2.0, mas não era, e seu parceiro Ratko. Os personagens antigos tem todos um desfecho aqui, a maioria satisfatório.

    E para resumir o plot, o foco aqui é um povo do mal tentando ressuscitar o Drácula. Hector, Isaac e Carmilla tem seu núcleo ainda separado, e nunca se encontram com os protagonistas (no enredo dos jogos eles só se encontram nos eventos de CoD, mas como aqui as coisas são diferentes não sei por que fazer isso). É Isaac que mata Carmilla em uma luta épica, não pensei que seria assim. E o Alucard que pensei que seguiria os passos do pai, de acordo com o final da temporada anterior, ele resolve ajudar de boas o pessoal da Greta/Saint Germain. Mal sabiam que o S. Germain estava ajudando o Varney e outros a ressuscitar o DráculaVarney que parecia um vampiro genérico, mas que se revela sendo a própria Morte, o que me espantou muito, mas ele dava pequenos sinais que eram quase impossíveis de prever.

    No final Trevor quase morre, mas vence a Morte (lol). Sypha fica grávida, e Alucard junto com eles e Greta formam uma vila. Mas o inesperado é que tanto o Drácula quanto a Lisa revivem no fim, e nem eles mesmos sabem como (inclusive fazem piadas com teorias, referenciando os fãs que vão fazer). Pelo que vi eles pretendem continuar esse universo com outros personagens, vamos ver como vai ser. No geral eu curti a temporada, foi um fechamento legal, e apesar de tosqueiras (como a Sypa ser overpower, usar a magia de gelo como o Lanterna Verde usa o anel, moldando tudo, e usando o fogo para gerar propulsão parecendo o Homem de Ferro, fora o Hector que é um bosta, diferente dos jogos) ele cumpriu bem o papel de adaptação e apagou o gosto amargo que a terceira deixou. No geral é uma animação legal, apesar das ENORMES ressalvas vindas de um fã que encheriam um post inteiro. Quem partir das animações para os jogos, vai ficar todo perdido...

    Castlevania III: Dracula's Curse

    Platform: NES
    949 Players
    63 Check-ins

    12
    • Micro picture
      seufi · 3 days ago · 2 pontos

      Pelo que entendi, o prego que o demônio colocou na mulher era só pra detectar a entrad mesmo...

      1 reply
    • Micro picture
      ersatzgott · 3 days ago · 2 pontos

      Faz sentido eu tentar ver o resto, sendo que detestei a primeira temporada?

      7 replies
    • Micro picture
      santz · 3 days ago · 2 pontos

      Eu já perdi as esperanças nessa série.

      2 replies
  • natnitro Renata
    2021-05-14 02:49:55 -0300 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>(SEM SPOILERS)</p><p>" -- Eu suponho que tivesse
    Castlevania: Curse of Darkness

    Platform: Playstation 2
    3032 Players
    100 Check-ins

    (SEM SPOILERS)

    " -- Eu suponho que tivesse outras opções: Gritar com satanás até ele admitir que só estava mantendo a cadeira aquecida pra você..." -- (melhor momento ever da série inteira hahuahauahuahua)

    4ª temporada de Castlevania da Netflix maratonada com sucesso e resumida em uma palavra:  -- Amei!!!

    Se o pessoal da Netflix fez uma cagada homérica na 3ª temporada, dessa vez se redimiram com louvor porque a 4ª temporada realmente ficou sensacional, com muita ação, gore, pancadaria das boas, humor bem sacado, eastereggs aos montes e um encerramento bem digno pra consertar bastante as merdas que fizeram já a partir da segunda temporada e que levaram a série a só ir despencando ladeira abaixo e sem freio...

    E o que mais incomodou na terceira temporada foi a quebra de ritmo, já que focaram demais nos planos malignos da turminha do mal que queria dominar o mundo, mas que não se desenrolava nunca, até chegar num final bem meh e, dessa vez, pelo menos consertaram isso com roteiro melhorado, mas que ainda pecou um pouquinho em partes, só que com saldo positivo de muito mais acertos do que erros, principalmente nas tiradas de humor com a Sypha resmungando mais do que a Dercy Gonçalves enquanto roubava todas as cenas em que ela apareceu e o Trevor mostrando que finalmente virou adulto e honrou o nome da família, mas sem perder o lado trapalhão, além do Alucard, que está no seu melhor momento da série inteira, mostrando que ele sabe bem como tocar o terror e que achou um equilíbrio perfeito entre o lado vampírico frio e devastador e o coração humano, o que torna ele um dos melhores personagens dessa temporada do início ao fim... 

    (esse já virou meu wallpaper aqui... ♥♥♥)

    E falando justamente em ação, é ai que a série brilhou porque o roteiro seguiu basicamente a linha dos jogos da franquia, passando por vários bosses já bastante conhecidos que foram um ótimo fanservice, até chegar no plot onde apareceu o verdadeiro chefão e ai sim dá até vontade de pegar um controle e arregaçar os botões jogando aquela parte, que é um final digno de um Curse of Darkness... \o/

    E depois de uns nós na garganta com o epílogo, ai vem o final pra valer, que achei uma fofura só, e daria pra fazer uma série inteira só seguindo a linha a partir do final da 4ª temporada... O medo ai é que o Adi Shankar também já tenha tido essa mesma ideia e resolva colocar o plano em ação... Só que daquele jeito dele que é um Ó... Huahuahauhahua

    E pra quem tiver na dúvida ai se vale a pena perder um tempinho com a 4ª temporada, podem ir sem medo porque dessa vez a série se redimiu e realmente acertou muito mais do que errou antes e encerrou de um jeito minimamente digno pra honrar a o nome de peso da franquia... \o/

    22
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2021-05-13 19:37:45 -0300 Thumb picture
    Post by luchta: <p><a href="https://occ-0-1068-1722.1.nflxso.net/dn

    Estou me preparando psicologicamente para ver os dez episódios dessa temporada final de Castlevania da Netflix! Vamos ver o que vão aprontar nessa última temporada da animação já que a última mudou muito o tom, cheio de sexo e piadinhas de sexo, e extremamente arrastada a história tendo relevância apenas nos episódios finais, parecendo um grande filler. E pelo que falaram das análises essa vai ser assim também, pelo menos a parte do que realmente importa acontecer lá pelo fim. Acho que vou tomar uns remédios para ajudar, fã de Castlevania sofre... Se eu estiver mentalmente saudável depois disso, eu faço uma postagem falando do que eu achei.

    Castlevania III: Dracula's Curse

    Platform: NES
    949 Players
    63 Check-ins

    3
    • Micro picture
      seufi · 4 days ago · 1 ponto

      Só assista. Muito melhor que a terceira. Dá um rumo digno aos acontecimentos, conserta as cagadas e termina de uma maneira que eu gostei. Recomendo muito.

      1 reply
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2021-04-15 22:04:47 -0300 Thumb picture

    E lá vamos nós de novo...

    Espero que essa quarta temporada seja a última, e que feche a série de uma forma decente pelo menos!

    Castlevania III: Dracula's Curse

    Platform: NES
    949 Players
    63 Check-ins

    4
    • Micro picture
      santz · about 1 month ago · 1 ponto

      Série paia. Vi a primeira e segunda temporada e não curti muito.

      1 reply
    • Micro picture
      onai_onai · about 1 month ago · 1 ponto

      Vi tanta gente falando mal da terceira temporada que perdi o interesse em ver...

  • anaelize Ana
    2021-01-13 01:16:39 -0200 Thumb picture

    [OFF] Fãs de RE podem gostar dessa série da Netflix: Sweet Home

    Baseado em uma webtoon coreana, ao assistir me lembrou bastante Resident Evil, especialmente a partir do quarto jogo. Para quem estiver pensando em assistir já digo que a atuação dos atores pode parecer um pouco forçada, porém isso é cultural. Gostei muito, enredo maravilhoso e personagens marcantes. Recomendo!

    9
    • Micro picture
      reasel · 4 months ago · 2 pontos

      achei que era baseado no sweet home do NES

    • Micro picture
      zefie · 4 months ago · 2 pontos

      Eu comecei a ver mas não curti, achei os personagens muito sem sal (tirando a menina bailarina e o yakuza). Até fiquei curioso pra ver mais, mas achei muito arrastado se comparado com o Alice in Borderland, que eu tinha acabado de ver xD

      2 replies
  • 2020-09-26 17:27:40 -0300 Thumb picture

    Resident Evil tem nova animação anunciada

    Medium 737853 3309110367

    A Netflix anunciou neste sábado (26/09) um novo filme de animação da série de jogos Resident Evil. Chamado de "Resident Evil: Infinite Darkness", o filme teve seu primeiro teaser divulgado pela página da Netflix de Portugal no Twitter. O longa deve contar com a presença de Leon e Claire, dois protagonistas icônicos da franquia. O lançamento para a plataforma de streaming está marcado para 2021.

    Link: https://twitter.com/NetflixPT/status/1309923190223892483

    Resident Evil

    Platform: Gamecube
    2012 Players
    41 Check-ins

    4
  • marcelokiss487 Marcelo Kiss
    2020-09-23 20:41:00 -0300 Thumb picture

    Aee,, quem já vi essa minissérie da Netflix?

    Medium 3828760 featured image

    Comecei a assistir agora e tô curtindo =D 

    Os primórdios dos games e da indústria e seus responsáveis, tá bem legal e empolgante. 

    O nome é GDLK.

    Space Invaders

    Platform: Atari 2600
    1677 Players
    6 Check-ins

    14
    • Micro picture
      ralfrisi · 8 months ago · 2 pontos

      Achei muito boa!!!!

    • Micro picture
      rafael_mingato · 8 months ago · 2 pontos

      Nunca ouvi falar, vou procurar aqui, vlw a dica =)

      2 replies
    • Micro picture
      volstag · 8 months ago · 2 pontos

      Assisti 4 episódios até agora, um mais legal que o outro

      1 reply
  • 2020-09-02 17:07:48 -0300 Thumb picture

    Série da Netflix sobre a história dos jogos cita o primeiro jogo LGBT

    Ressuscitando essa persona pra falar sobre uma série que foi lançada recentemente na Netflix e que eu assisti nessa semana chamada GDLK (ou High Score), ela fala sobre foi a trajetória dos precursores na indústria de jogos, passando pelos fliperamas, os primeiros RPGs, os primeiros jogos de luta, e o início do PC gaming. 

    Durante os 6 episódios, que duram cerca de 40 minutos cada, conheceremos não apenas as mentes por trás de jogos como Final Fantasy e Doom, como também as pessoas que tiveram suas vidas influenciadas por esses jogos, logo no primeiro episódio uma mulher trans fala sobre sua experiência com Space Invaders e as competições que ela participou quando era jovem. Também conheceremos o homem que criou que criou o seria considerado o primeiro jogo com foco na comunidade LGBT, o rpg Gayblade, no qual você tem que enfrentar um político homofóbico que existiu de verdade e que costumava dizer que a AIDS era uma punição divina.

    Eu curti e recomendo a todos, é bom conhecer o rosto dos pioneiros da indústria e também ver como esses produtos influenciaram as crianças e adolescentes da época.

    26
    • Micro picture
      santz · 9 months ago · 4 pontos

      Só pra ser chato, esse não é o primeiro jogo com temática LGBT, pois saiu um outro jogo para Macintosh em 1989 chamado Caper in the Castro, um point-and-click adventure em preto e branco que retrata a temática focada em LGBT.

      2 replies
    • Micro picture
      jongamezon · 9 months ago · 2 pontos

      esse documentario foi muito bom espero q saia uma segunda temporada

      1 reply
    • Micro picture
      kalini · 9 months ago · 2 pontos

      Tô tentando fazer um num RPG Maker um game (ou melhor, GAYme, haha!) onde alguns dos sete heróis jogaveis são LGBT, lutando contra grupos de extrema-direita, incluindo o proprio Hitler! Mas não se resume a isso, e a historia aborda topicos muito pesados. Ele é inspirado no Gayblade, mas com estetica JRPG e é em turnos.

      1 reply
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2020-07-20 11:55:24 -0300 Thumb picture
    Post by luchta: <p><a href="https://pbs.twimg.com/media/Ec5tj4WXYAE

    O artista latino Linkartoon postou essa arte da She-Ra versão Netflix, só que bem sexualizada. E por conta disso brotou lacrador de todo o redor do globo dando hate no cara. Ahahahaha!

    Os caras reclamam, que o desenho representa mulheres de todos os tipos (menos bonitas e peitudas claro, e a She-Ra parece um menino nem peito tem), e que essa arte era um desrespeito com a obra. Mais uma prova que a nova versão da She-Ra nunca teve por objetivo apresentar a personagem para um publico novo, e sim destruir a imagem de uma personagem já consagrada para entre outras coisas passar uma agenda ideológica e virar um simbolo para militância progressista.

    Masters of the Universe: He-Man -- Power of Grayskull

    Platform: Gameboy Advance
    10 Players

    17
    • Micro picture
      tecnologgamer · 10 months ago · 3 pontos

      Destruir atributos físicos inerentes femininos, se Deus tivesse pensado nisso era melhor ter feito Adão e Claudio mesmo.

    • Micro picture
      volstag · 10 months ago · 3 pontos

      Foi feito pra um novo publico, e esse publico que eu saiba são as crianças, eu não tenho filha, mas não gostaria de ver ela vestida assim, os cidadãos de bem possivelmente iriam querer estuprar ela.
      A She-ra antiga era assim, a Xuxa se vestia assim e etc, e olha no que deu, cresceu uma geração tarada dos infernos (incluindo eu).
      Não acho que o publico alvo do remake do desenho vá entender nem meu ponto de vista e muito menos o de lacrar, de progressista ou etc, a cabeça delas ainda está se formando, elas aprendem o que é errado com a familia mesmo, todo mundo sabe disso.
      Agora, sobre essa arte desrespeitar... nem um pouco, o cara faz a arte que quiser, aliás, não é nem um pouco difícil encontrar coisas bem pesadas e pornográficas de qualquer personagem, feitos pela galera da minha geração provavelmente, é sempre bom lembrar disso.
      Pra mim quem tá reclamando desse desenho é o mesmo povo que reclamou quando fizeram os novos Thundercats (pra criança também), com criança é muito fácil, se elas gostarem o desenho prospera, se elas não curtirem o desenho murcha e para de passar, já com adulto nunca nada tá bom, mas pirateiam e assistem escondido, provavelmente muitos ainda pausam e batem uma punhetinha pra alguma cena, com ou sem peito e coxão.
      Tá na hora de deixar o que é de criança pras crianças dizerem o que acham e os adultos que vão assistir o que quiserem também, se meu vizinho curte assistir Show da fé, que bom, assim ele fica feliz e não cuida da nossa vida, se tá ruim pra mim, mudo de canal.

      14 replies
    • Micro picture
      noyluiz · 10 months ago · 1 ponto

      Ta parecendo a chun li poha olha o tamanho da coxas

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...