• renegadoomgames RenegaDoom Games
    2021-09-08 10:40:23 -0300 Thumb picture

    Far Cry 3: Blood Dragon - FINAL - LEG PT-BR

    Far Cry 3: Blood Dragon é uma parodia dos filmes e jogos de ação dos anos 80. O jogo se passa em uma ilha Retro-futurista, em mundo aberto, com jogadores assumindo o papel do sargento Ciborgue militar Rex "Power" Colt. #FC3BD#FarCry#UbiSoft

    Broadcasted live on Twitch -- Watch live at https://www.twitch.tv/renegadoomgames

    Far Cry 3: Blood Dragon

    Platform: PC
    797 Players
    78 Check-ins

    0
  • renegadoomgames RenegaDoom Games
    2021-09-03 10:16:12 -0300 Thumb picture

    Far Cry 3: Blood Dragon - #2 - LEG PT-BR

    Far Cry 3: Blood Dragon é uma parodia dos filmes e jogos de ação dos anos 80. O jogo se passa em uma ilha Retro-futurista, em mundo aberto, com jogadores assumindo o papel do sargento Ciborgue militar Rex "Power" Colt. 

    #FC3BD#FarCry#UbiSoft 

    Broadcasted live on Twitch -- Watch live at https://www.twitch.tv/renegadoomgames

    Far Cry 3: Blood Dragon

    Platform: PC
    797 Players
    78 Check-ins

    0
  • renegadoomgames RenegaDoom Games
    2021-09-02 10:53:29 -0300 Thumb picture

    Far Cry 3: Blood Dragon - #1 - LEG PT-BR

    Far Cry 3: Blood Dragon é uma parodia dos filmes e jogos de ação dos anos 80. O jogo se passa em uma ilha Retro-futurista, em mundo aberto, com jogadores assumindo o papel do sargento Ciborgue militar Rex "Power" Colt. 

    #FC3BD#FarCry#UbiSoft 

    Broadcasted live on Twitch -- Watch live at https://www.twitch.tv/renegadoomgames

    Far Cry 3: Blood Dragon

    Platform: PC
    797 Players
    78 Check-ins

    0
  • andre_andricopoulos André Zanetti Andricopoulos
    2021-08-25 00:12:16 -0300 Thumb picture

    GÊMEOS INGLESES ASSASSINOS 👫

    Bora começar mais um game da icônica série histórica que nos transporta para lugares fenomenais

    Bispo, a "garota Matrix" é bastante misteriosa. Uns arriscam dizer que ela já trabalhou para CIA. Mas fato é que ela é a central de controle para Assasinos ao redor do mundo, em busca de memórias genéticas para sequenciar. Então "bora lá".

    Estamos na bela Londres...

    Numa louca época da REVOLUÇÃO INDUSTRIAL.

    Repleta de comerciantes e políticos corruptos.

    Homens bigodudos excitantes...

    E belas paisagens,claro! Uau...parece uma pintura, não?

    Siderúrgica Ferris, 1868

    E eis que eles aparecem, os nossos dois personagens jogáveis do game. 👫

    Evie e Jacob Frye.

    Mais um game mundo aberto da incrível série ASSASSIN'S CREED, com melhorias de jogabilidade perante seu antecessor e novidades como dois personagens jogáveis com características e atributos distintos. Outro destaque refere-se ao gancho que auxilia no transporte pela bela cidade de Londres (bem ao estilo BATMAN 🦇). A diferença gráfica (para pior) é forte se comparado à bela França de UNITY. Mas a trama empolga mais e não deixa de ser um game divertido. As Guerras de Gangues e também os atributos de sua gangue são boas distrações in game. Vale a pena essa viagem, principalmente com a possibilidade de usar a carruagem para passear pelas largas ruas da cidade 👍🏻

    Assassin's Creed Syndicate

    Platform: Playstation 4
    609 Players
    230 Check-ins

    23
    • Micro picture
      hyuga_kojiro9 · about 1 month ago · 1 ponto

      Comprei esse jogo ontem na promoção da PSN. Assim que terminar o infernal Cuphead vou começar esse

      1 reply
    • Micro picture
      douglascruz19 · 30 days ago · 1 ponto

      Jogão, eu curti bastante, a diferença de gameplay dos irmãos dá um diferencial bacana para o jogo.

  • cavaleiroblck Allan.Victor
    2021-04-02 23:13:36 -0300 Thumb picture
    Post by cavaleiroblck: <p>Inicio de Gameplay no Genshin Impact, assiste lá

    Inicio de Gameplay no Genshin Impact, assiste lá pra dar uma força!

    Genshin Impact

    Platform: PC
    56 Players
    67 Check-ins

    1
  • rjmaster Ronald Junior
    2020-12-04 10:33:49 -0200 Thumb picture

    Sleeping Dogs: Perseguições, violência e muito Kung Fu

    Depois de muito tempo sem postar nada, finalmente tomei tenência de terminar a minha singela análise de Sleeping Dogs. 

    Sleeping Dogs foi um jogo que me surpreendeu. Eu esperava um jogo mediano, algo legal, mas nada que me empolga-se de verdade. Porém fui pego de surpresa com um jogo incrível cheio de conteúdo e com um dos melhores combates dos jogos do gênero. 

    Ele pode até ter suas falhas, mas ainda sim é um jogo que vale a pena dar uma chance.

    Aproveita que você leu até aqui e dê uma conferida na minha análise completa de Sleeping Dogs. Valeu!

    http://bit.ly/3luXsY

    Sleeping Dogs

    Platform: PC
    2396 Players
    70 Check-ins

    1
  • clovisalmeida Clóvis Almeida
    2020-06-30 13:37:09 -0300 Thumb picture

    Days Gone: não é perfeito, mas tava no caminho certo (review)

    Medium 3810395 featured image

    Fazer algo novo dentro do cenário pós-apocalíptico de zumbis é um desafio. Mas que bom que a Bend Studio topou encara-lo.

    Days Gone começa de maneira simples, tímida, quase que uma repetição de títulos já conhecidos da temática. Mas que no desenrolar ganha escopo, forma e personalidade. E bota personalidade nisso! Deacon St. John é o catalisador de todo o carisma contido neste game, com poucas cenas e linhas de diálogo o personagem te ganha e diverte com suas doses de sarcasmo e deboche. Algo muito bem trabalhado até mesmo nas linhas de comentários durante o mundo aberto, o personagem nunca para de falar sozinho, ou melhor, falar conosco. Traçando piadas e comentários ácidos para com as situações e aquele mundo em geral criando uma ligação afetiva com o personagem.

    A busca pela amada e também de um lugar naquele mundo é intrigante, Deacon parece não querer se encaixar na construção de uma nova sociedade e busca apenas por sobrevivência. Ainda que a sua jornada insista em cruzar caminhos e objetivos, moldando a personalidade do herói de acordo com a jornada a ele proposta. A ponto de discutir as linhas das quais se deve cruzar ou não, assim como o peso que a morte de um zumbi aqui frenético,  tem para o indivíduo.

    Um vivo mundo morto. O escopo aberto de Days Gone aborda diversos elementos já conhecidos, postos de controle, acampamentos inimigos, caçada de recompensa, restauração de linhas de suprimento, ninhos e hordas. Tudo bem distribuído e encaixadinho para terem um sentido na narrativa. Em quantidades suficientes pra agradar, mas não a ponto de tornar repetitivo ou genérico.

    A beleza está nos detalhes. Explorar ambientes em busca dos escassos suprimentos é essencial no gênero e é onde o jogo mostra sua beleza. Cada canto explorado tem detalhes, tem vida e teve vida. As casas, os estabelecimentos comerciais, os acampamentos abandonados.. todos tem uma história pra contar se você acompanhar a disposição dos objetos e móveis, de como estão as cenas de morte nos ambientes. Você praticamente é convidado a descobrir o que aconteceu naquele lugar durante o surto. 

    Tudo tem um preço. Paredes invisíveis, problemas de colisão, missões que não se ativam, NPCS que desaparecem do mapa, texturas que não carregam... o pacote todo está presente. Mesmo 1 ano depois, mesmo com todos os patchs e correções. 

    Days Gone tem uma variedade generosa de armas, dispositivos e consumíveis. Tudo personalizável, com comportamentos e funções diferentes contribuindo para um sistema de progressão robusto onde nada é obrigatório. Tudo é uma questão de como você se adapta e como você aborda a situação. A essencialidade da motocicleta que parte como proposta de sobrevivência, o clima é dinâmico e faz diferença na gameplay. Ótimas mecânicas de combate dão uma identidade própria para o game e o coloca no radar do gênero. A Bend Studio foi ambiciosa no projeto, os eventuais problemas ocorrem e você se vê revoltado mais pela quebra de imersão, do que pelo problema em geral. Talvez mais tempo de forno pudesse ter feito mais pelo game e diminuído o marketing negativo que afasta desavisados dessa ótima experiência.

    Days Gone

    Platform: Playstation 4
    541 Players
    282 Check-ins

    16
  • anikabonny Anika Bonny
    2020-06-10 14:07:24 -0300 Thumb picture

    Maneater (PlayStation 4)

    Maneater é um basicamente um simulador de tubarão. Mas diferente de outros do gênero (leia-se Hungry Shark), ele é um jogo mais bem trabalhado, com visão em terceira pessoa (ou seria em terceiro tubarão?) e uma aura de AAA.

    Análise completa: http://bit.ly/2UvyKMW

    Maneater

    Platform: Playstation 4
    6 Players

    8
  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2019-09-13 22:06:50 -0300 Thumb picture
    denis_lisboadosreis checked-in to:
    Post by denis_lisboadosreis: <p>Zerei Saints Row 2!!</p><p>#img#[659410]</p><p>D
    Saints Row 2

    Platform: Playstation 3
    202 Players
    5 Check-ins

    Zerei Saints Row 2!!

    Depois de uma longa jornada nesse jogo absurdo, sem troféus, e quebrar um controle, consegui acabar com todos os chefes das gangues rivais e com um dos chefes da Ultor, além de fazer uma vingança indevida contra um mentor do passado .

    Esse jogo é como um GTA que manteve o exagero da era PS2, e ainda dá uma bela extrapolada. Talvez, por isso mesmo, fique difícil se apegar ao Protagonista e suas atitudes sociopatas pra ser o "fodão". Mas, sendo um jogo pra não se levar a sério, sobra diversão e referências aos jogos e filmes da cultura pop.

    O que mais me surpreendeu foram as possibilidades de customização do personagem. Da pra fazer um homem afeminado, uma mulher masculina, ser negro, oriental, obeso, anoréxico, bombado, dentre outras possibilidades, e o mais importante é que isso não atrapalha na história, ou na jogabilidade.

    O visual é bom pra época, o mapa é grande, muitos veículos e customização nos mesmos, jogabilidade variada, história mediana pra menos, personagens interessantes e engraçados,  e baixa dificuldade.

    7
  • gabriel_bonafe Gabriel Bonafé Bastos
    2019-08-16 00:26:51 -0300 Thumb picture

    RED DEAD REDEMPTION 2: SEPARANDO TÉDIO E IMERSÃO

    Red Dead Redemption 2 foi lançado em 26 de outubro de 2018, mas só tive a oportunidade de jogá-lo em março de 2019. Como de costume, peguei o disco emprestado e prometi devolvê-lo em dois meses. Mas o período que o game ficou no meu PlayStation 4 foi o dobro, assim como seu dono (meu irmão) havia alertado. “Só começa se tiver muito tempo”, disse.

    Embora seja positivo à primeira vista, o tempo de jogo estendido acaba afastando muitos jogadores do título da Rockstar. Isso porque Red Dead Redemption 2 exige paciência para se tornar divertido, o que nem sempre é realidade quando nos dispomos em frente à tela com o controle na mão.

    No meu caso, que dificilmente tenho longas horas vagas para investir jogando, cheguei a deixar o game de lado por quase um mês. Sim, tem uma hora que se torna realmente um saco cruzar grandes distâncias no mapa, principalmente quando isso é feito apenas para trocar diálogos.

    Quando voltei ao progresso, já com intuito único de dar fim à campanha, me reanimei com tarefas secundárias e despertei novos interesses que me prenderam por mais um mês no jogo. E é justamente essa linha tênue entre imersão e tédio, tão presente em Red Dead Redemption 2, que acho justo abordar.

    Leia mais aqui: https://bit.ly/3088poX

    Red Dead Redemption 2

    Platform: Playstation 4
    809 Players
    331 Check-ins

    1
    • Micro picture
      guee · about 2 years ago · 1 ponto

      Acabei de fazer um check-in falando que tinha zerado o jogo e apontei exatamente pra esse problema. O jogo sofre pelas suas qualidades, sua grandiosidade afasta a gente dele.

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...