• pauloaquino Paulo Aquino
    2017-07-02 21:21:05 -0300 Thumb picture

    Relatório: Junho/2017 (by Paulo Aquino)

    Mais um mês de junho que passa. Quero expor aqui os games que eu joguei, neste período que eu chamei de "mês maluco". 

    Peço que, se possível, comentem aqui cada jogo que passou pelas minhas mãos. 

    Vou fazer uma breve descrição dos jogos que joguei neste último mês. 

     - King of Fighters 2012 (Android): Admitamos, é um game legal, curti a mecânica de jogo, o esquema de golpes facilitados, ficar rolando pra lá e pra cá... Só acho que o treco merecia alguem melhor como chefe final. E não um "terceiro sexo" (ainda mais um "terceiro sexo" que não cala a porra da boca)

     - Teenage Mutant Ninja Turtles - Tournament Fighters (SNES): Essa versão de SNES é mucholoca. Neguinho tá falando por aí que eu só jogo a versão japonesa, principalmente pela bunda da Aska... 

     - Double Dragon (Master System): Como sempre, o Abobo se fudeu. Você joga aquilo e se sente a dupla do Apenas um Show, aqueles zoeiros. O problema é que aquela Marion é uma sacana...

     - Phantasy Star (Master System): Praticamente o game da minha vida. Muitos só queriam enfiar o Lassic no cesto de lixo (metade dropou lá pela décima quinta vez que viu o Game Over; existe a função de se gravar a partida pra quê, "inteligência"?!). Já eu, tive como guia na minha aventura por Algol, uma ruiva gatíssima, parecendo uma norueguesa, parecendo a Orihime do Bleach, e que despertou lá dentro dela uma energia fantástica. E foi SÓ UMA das muitas coisas que me encantaram nesse jogo. 

    Viva Alis Landale, a nossa Tensei (天精, a galera aí que manja do japonês)!! 

     - Metal Slug Advance (Game Boy Advance): Quando eu descobri que o GBA tambem conta com essa parada mucholoca, não perdi tempo. E eu tava com os do NGPC! 

     - Sonic Battle (Game Boy Advance): O Sonic the Fighters pode ter decepcionado alguns, pode ser aquela coisa "de casual pra baixo", mas veio Sonic Battle mostrar que sim, o ouriço azul supersônico é um porradeiro de primeira. E a inclusão do Emerl foi um fator, eu diria, dos mais gratos.

     - Super Mario Kart (SNES) - ou seria Hyper Street Kart?...: Eu já curtia o Mario Kart original. Aí seu @gamerdesconstrutor me apresenta um certo hack... Quem diria, acelerar com a titia Chun-li... 

     - Top Gear 2 (SNES): Uma pros saudosistas das locadoras. Voar baixo em pistas do mundo todo até mesmo de noite (corridas noturnas são muito rock n' roll), em corridas que não têm só quatro competidores, o que pode ser mais foda que isso? E adivinha o que pinta quando você zera em Championship. 

     - Turma da Mônica em: O Resgate (Master System): EU SEI!! Wonder Boy, tal tal tal! O Mônica no Castelo do Dragão, xiiii... Mas depois que eu experimentei esse e o Mônica na Terra dos Monstros, independente da forma, me dei conta que games de Turma da Mônica são legais sim. E WONDER BOY IN MONSTER LAND, esse sim é que é "chocho"!

     - Alex Kidd in Shinobi World (Master System): O game de despedida do Alex Kidd. Aqui sim fizeram final decente.  E tem aquela aparição FAIL dele no Mega Drive. 

     - Gundam SEED Destiny (Game Boy Advance): Eu peguei esse, ao mesmo tempo influenciado pelos Transformers, e querendo um bom game de luta de Gundam. Descobri mais tarde que havia um segundo game de luta incluso. E o @pyroaquino ainda pirou nele. 

     - Mario Party Advance (Game Boy Advance): Eu tava atrás de um bom game de minigames, e veja o que me pintou. É só ver a minha reação em cada check-in meu deste game. Será por causa de uma certa princesa sexy?

     - Joe & Mac (Mega Drive): Um game arcade bem "ladrão de ficha", bem "raíz", onde você tem que resgatar um montão de belas garotas? Por que não? E daí que Crime Fighters só saiu pra fliperama? 

     - Asterix (Master System): Quem tambem não queria tomar aquela poção druida e porrar todos aqueles soldados romanos? Bom, o império romano desapareceu de todo jeito, né? E Asterix é muito comédia! 

     - Megaman Soccer (SNES): Vocês vão me chamar de doido varrido por ter encarado este game. A jogabilidade dele, de tão travada, é coisa de roupeiro (quando não gandula) de várzea. Mas em todas as minhas experiências com games de ludopédio em emuladores para touchscreen, sempre tem alguma coisa que não deixa fluir legal. Junta com outro fator: eu só encaro jogos assim onde se possa jogar com CLUBES (não só seleções). Mas fui dar uma chance pra Megaman Soccer, e aí... Eu só queria que fosse tipo Mario Strikers (por um motivo BEM "Paulo Aquino"...)

    Queremos mais games "realismo de cu é rôla"!! Realismo pra quem precisa de realismo!!

     - Pokémon Emerald (Game Boy Advance): Algum game padrão de Pokémon eu tinha que encarar, não acham? É só qualquer um de vocês ver a review que eu fiz deste jogo. Peguei todos. E nunca vou me cansar de zerar este jogo. 

     - Astro Boy Omega Factor (Game Boy Advance): Outra preciosidade que eu quis ir até o fim. Que melhor modo existe pra se homenagear a obra do grande Osamu Tezuka? Osamu Tezuka, que, por sinal, foi amigo pessoal de Maurício de Sousa. 

     - Sonic the Hedgehog 2 (Mega Drive): Não dá pra se discutir! Sonic é Sonic. E daí que Tails atrapalhe, que seja isso, que seja aquilo? Já acho que pra mim, fã da Sega que nunca jogou Sonic 2 de Mega Drive, é porque é "poser", pronto, falei! 

     - SNK vs Capcom - Card Fighters 2 (Neo Geo Pocket Color): @lola O card game que eu quero jogar. O primeiro Card Fighters (ou seria os dois primeiros?) eu peguei lá no "oba oba" do Yu-Gi-Oh. Já este, eu encaro como se fosse a versão definitiva. E o que dizer da chefe secreta? Daquela "Zatanna loira"?

    QUANDO VEREMOS ESTE GAME CADASTRADO??

     - Yu-Yu Hakusho - Makyo Toitsusen (Mega Drive): Pra matar a saudade da Manchete! A versão da Tec Toy fez umas coisas que não ficaram lá muito legais. Mas, sabe como é, faz lá um game pra até quatro carinhas, com Urameshi, Kuwabara, Kurama, Hiei, Genkai velha, os principais nomes do Torneio das Trevas, o Itsuki e o Sensui, e pronto. Não precisa mais nada. 

     - Aero Fighters (SNES): Vamos dizer que eu "vinguei" a turma da locadora. KKKKKKKKK. Eles sonhavam em usar lá a nave que parece um coelhinho. 

     - WWE Road to Wrestlemania X8 (Game Boy Advance): A exemplo dos games de "fut", eu tentei algumas coisas nos emuladores para touchscreen. Não sei, mas principalmente com os jogos de WWE (ou WWF, sei lá; aí depende da época de cada game), alguma coisa teimava em não rolar. Só com este jogo (e Slam Masters, que eu falo dele mais tarde) que eu consegui o que eu queria. E tive que ser pragmático. Lá eu venço minhas lutas com coisas que dão resultado prático, não com firula. 

     - Ultimate Mortal Kombat 3 (Mega Drive): Essa é pra galera que se liga em MK. No tempo que eu jogava o cartucho, eu apelei pra tudo que vocês imaginarem. Até aprendi os comandos dos Brutalities. E ainda passei as dores de cabeça que passei. 

    Já no emulador pra Android... Vamos dizer que eu me desforrei! Eu "washed the mare" (procurem no dicionário de inglês).

     - Sonic Advance 3 (Game Boy Advance): MACACADA, VAMOS DEIXAR BEM CLARO UMA COISA: pra Paulo Aquino, "Sonic água de coco" é Sonic Unleashed e Sonic Bunda (o do Knuckles marombado)!! Já O SONIC ADVANCE 3, eu acho divertido usar as diferentes combinações de duplas pra passar cada fase. E imaginem usar a dupla mais incomum de todos os tempos, Super Sonic e PINGAS Man (Robotnik pra quem não sabe) contra o chefe secreto! Como sempre, a OST é um show à parte. 

     - SNK vs Capcom - Match of the Millennium (Neo Geo Pocket Color): Outro game de luta que me cativou. Duas galeras se enfrentam, aí junta um modo de minigames, outro de customização de personagens, os finais são mais bem feitos que nos jogos de Dreamcast (nada desse lance de só um textinho meia-boca), é modo treino, é opção de golpes facilitados... Nem tem como não se gostar desse jogo. @pyroaquino aprova!

     - Rock n' Roll Racing (SNES): Mano... Junta rock com corridas pouco convencionais. Cada piração que rola nessas corridas malucas regadas a rock pauleira... "Born to be wild..."

     - Sonic Chaos (Master System): Ah, as várias vezes que eu alugava esse jogo... É o "Sonic raíz". Aqui é pouca conversa e muita ação, sem mimimi, sem essas coisas que nunca me foram relevantes. 

     - Sonic Pocket Adventure (Neo Geo Pocket Color): Até isso aqui eu encarei. Eu nem perdi meu tempo com o lance dos quebra-cabeças. Alguns vão dizer que já viram coisas mais foda no Game Gear.

    Eu? Fui pelo lado prático. Só queria detonar o Robotnik. 

     - Golden Axe (Mega Drive): Essa é pro @fap_fap_fap

    Eu já vi falarem "n" coisas desse jogo. Uns falam que é "game arcade 'raíz', de cabra homem", outros falam que é "o game onde ninguem toma banho" (tem que ser muito "zoeiro", vê se pode isso...)...

    Não importa. Pra mim, Golden Axe é o game da gostosa de biquíni vermelho.  ( ͡° ͜ʖ ͡°)

    Não importa se é a ambientação estilo Conan o Bárbaro ou sei lá. A Tyris-Flare é a primeira coisa que me vêm a mente quando eu penso em Golden Axe. As coisas que eu quero fazer com a Tyris-Flare...

    Houve uma ocasião, lá no meu tempo de rato de fliperama, eu estava em um daqueles bares, coincidentemente tinha uma máquina de Golden Axe. Eu estava vendo um cara jogando e usando a Tyris-Flare. Aí o rádio do lugar começa a tocar a Sledgehammer, aquela do Peter Gabriel. E eu lá vendo a tal partida. Fica a cargo de vocês pensarem na imagem que se criou na minha mente...

     - Super Street Fighter II Turbo Revival (Game Boy Advance): Eu sei, tem a versão de GBA do Street Fighter Alpha 3. Mas, sabe... Ah, isso daqui é Super Turbo Revival. Pelo menos lá rola finais minimamente decentes pra todo mundo. E ainda contei com um patch, porque quando você desafia o Akuma, o game trava. Mas agora eu não tenho mais esse problema, eu saio no braço com o Gouki tranqüilo (bom, tranqüilo vírgula, né, sabem como é Akuma)

     - Castlevania - Bloodlines (Mega Drive): Vá! Algum Castlevania eu tinha que experimentar!... Nem que for pra esculachar com Crepúsculo ou chamar Vlad Tepes de "vampiro raíz" ("carnívoro" e tudo mais, KKKKKK). Devo dizer, esse Castlevania de Mega Drive não é ruim não! 

     - Power Rangers the Movie (Mega Drive): Vou contar uma coisa pra vocês. Mesmo se eu ver em algum lugar uma comparação entre games de tokusatsu e games de Power Rangers, pra mim este game é a minha melhor experiência com games de Power Rangers. Tá, podia ser mais difícil, eu sei. Mas sejamos honestos, tacar joystick na parede (e incomodar os vizinhos) nunca foi a minha idéia de diversão. Ah, você acha bonito tacar joystick na parede? Problema seu!...

     - Zone of the Enders - The Fist of Mars (Game Boy Advance): Pensem bem no por que eu ter posto aquela música do US Mangá. No tempo que eu jogava esse barato no PC, eu fui até o fim. Agora eu revivi essa época. Os mechas são da hora. E rola até umas coisas que me lembraram X-Men. 

     - Yu-Gi-Oh! Reshef of Destruction (Game Boy Advance): Quem já leu a minha crítica deste jogo, levanta a mão! 

    Eu teria que ver como é o Eternal Duelist Soul. Mas que oportunidade melhor eu teria pra poder ter em minhas mãos Slifer o Dragão do Céu, o Dragão Alado de Ra, e Obelisco o Atormentador? E em uma aventura original? 

     - Road Rash (Master System): Outra dos meus tempos de alugar cartuchos. Na época, eu queria fazer três coisas assim que eu entendi melhor o game: comprar a Diablo, ficar na parte mais nobre da tabela de récordes, e zerar o game. Belezga que os primeiros Road Rash não têm lá algo que dê pra se chamar de final (a partir do 3DO passou a ter). Mas...

     - Cheese Cat-Astrophe starring Speedy Gonzales (Master System): Aqui é um dos pouquíssimos casos aqui relatados que eu ainda não zerei. Bom, eu tinha que ter um game de desenho animado. E até hoje a musiquinha da fase 1-2 não me sai da cabeça. 

    Mas é só questão de tempo, eu vou ser mais uma razão pela qual o Frajola vai se lascar legal (quando foi que Frajola conseguiu o que queria?)...

     - Phantasy Star IV (Mega Drive): Aqui chegamos ao clímax da série clássica. Eu acompanhei a jornada de Chaz e seus amigos, para solucionar aquela que é a maior crise pela qual o sistema Algol (abalado pela destruição de Palma) já passou. 

    Confesso que lá eu tive emoções de todos os tipos, só pra vocês verem as coisas que Phantasy Star 4 tem a oferecer. É um RPG pra ninguem pôr defeito. 

     - Super Monaco GP (Mega Drive): Teve um tempo que eu jogava uma compilação chamada Sega Classics, que tinha este jogo, Golden Axe, Streets of Rage 1, Revenge of Shinobi e Columns (este último é estilo Tetris).

    Quantos não consideraram a gostosona da tela título como a melhor parte de todo o game? 

     - Sonic the Hedgehog 3 & Knuckles (Mega Drive): Já este jogo (ou seriam estes dois jogos) é o ápice do "Sonic raíz", é onde a fase clássica chega à sua etapa mais épica. Os caras fazem a loucura suprema de se fazer uma "fusão Potala (Dragon Ball Z alguem?)" entre dois games. E a parte onde finalmente Sonic e Knuckles saem na porrada? Isso sem falar do chefe final! Rola altas doideiras nesse game, loucuras dignas de Apenas um Show. 

     - X-Men Mutant Apocalypse (SNES): Sabem uma certa música em japonês que eu postei na seção deste jogo? AMBIENCE - Rising. É a abertura japonesa do desenho de 1991 de X-Men. Estão curtindo ela?

    Eu já conhecia o jogo, mas depois que eu descobri a música, fiquei com vontade de zerar o jogo. 

     - Mega Bomberman (Mega Drive): Imagina um game onde no console físico você passava HORAS "farmando" power-up pra poder encarar o chefe final de igual pra igual (SIM, eu zerei o jogo por esses  meios). Aí, no emulador, você "se vinga"!

    E o modo Battle? Alguem aí falou em churrasqueiras explosivas que funcionam por controle remoto? Marcolino Pereira, o tal de Cascais? HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA

     - The Legend of Zelda - A Link to the Past (SNES): A turma tá até hoje tentando entender o que foi aquele meu gameplay, que uma das coisas que eu mais fiz foi tirar onda com o Agahnim... Mas ninguem mais poderá dizer que eu nunca terminei um Legend of Zelda. 

     - Street Fighter Alpha 3 MAX (PSP): Contando todas as dificuldades que existem pra se rodar um emulador de PSP, eu confesso que só baixei este jogo pra poder usar a Ingrid. A Ingrid é uma prova de que uma personagem "Mary-Sue" pode sim ser legal. 

     - Saturday Night Slam Masters (SNES): Luta livre, com o Mike Haggar de Final Fight, e o traço do ilustrador de Hokuto no Ken? Rola. 

     - Phantasy Star II (Mega Drive): Belezga, outro que eu ainda não zerei. A minha atual causa de noites mal-dormidas. Aqueles labirintos... Eu vou precisar me focar mais neste jogo (e virar a internet do avesso atrás de mapa). Mas eu não dropei!!

     - Mônica na Terra dos Monstros (Mega Drive): Eu experimentei esse lá nas minhas primeiras experiências com emuladores. Só lá por 2011 eu zerei pela primeira vez. 

     - Wario Ware Inc. - Mega Microgame$ (Game Boy Advance): Como não curtir um jogo com tanto minigame maluco? Eu até conheci um point novo, point que o malaco do Wario não fica nem tomando conta dos carros (quanto mais entrar). Eu, por outro lado... A turma de lá adora quando eu vou pra lá. 

     - Metal Warriors (SNES): Sabem como eu conheci este jogo? Depois de ouvir uma música do Megadriver. Foi o que bastou pra eu ir lá baixar. E todo resto é história.

     - Guilty Gear X Advance Edition (Game Boy Advance): Digam o que vocês quiserem deste jogo! É a experiência mais próxima que eu tenho do BlazBlue. Eu só queria que tivesse Litchi Faye (vocês sabem, a "melancias atômicas do juízo final"). E alguns se decepcionaram com a dificuldade (qual?) do game. Quer dureza? Morde titânio! 

     - Konami Krazy Racers (Game Boy Advance): Eu tava buscando um game estilo Mario Kart, no qual não rola isso de só quatro competidores por corrida (por que será, hein?!) que rola em alguns games de corrida. O que eu consigo? Konami Krazy Racers. Viva o estilo "Corrida Maluca"!

     - Dragon Ball Z - Supersonic Warriors (Game Boy Advance): GOKU É O CARA! Aí está um dos melhores games de Dragon Ball Z de toda biblioteca do Game Boy Advance. Já conta com um modo de lutas isoladas (só uma luta), só você e a CPU (hoje até Street Fighter V tem um modo assim). Não é Budokai 3 nem Budokai Tenkaichi 3. Mas é bem feito e muito divertido. 

     - Fatal Fury Special (SNES): @fap_fap_fap Eu tinha que jogar as primeiras aparições da Mai Shiranui na franquia. A Mai Shiranui é aquela coisa que dispensa comentários. ( ͡° ͜ʖ ͡°)

    Aliás, queria revelar uma coisa aqui: eu tenho uma figura na qual aparecem King, Yuri, Mai, Chun-li, Sakura e Cammy; as seis em uma posição sugestiva, eu diria aqui. Eu até podia postar, mas aí seria considerado como NSFW. Como devo agir nessas circunstâncias? 

     - Alex Kidd in Miracle World (Master System): Como não mencionar aquele que foi um dos primeiros mascotes da Sega? Eu diria que tá tipo o Metal Hero hoje em dia. Bom, lá, o último que teve foi o boboca Robotack (que alguns querem esquecer). Aqui, se não fosse o Segagaga...

     - Chojin Sentai Jetman (NES): Algum game de Nintendinho eu tinha que jogar, não acham? E lembram do que eu disse sobre games de tokusatsu e games de Power Rangers? O jogo do Esquadrão Voador Jetman se revelou a minha melhor experiência com games de tokusatsu. 

     - Yu-Yu Hakusho Final - Makai Saikyo Retsuden (SNES): Vamos dizer que esse eu nem quis saber de ir atrás de rom traduzida, patch ou o que for, joguei assim mesmo. Curti a dica do Yakumo (o vilão de um OVA da série). Eu só me preocupei em soltar Rei Gun em todo mundo.  

     - Road Rash II (Mega Drive): Sair correndo por aí a milhão em cada moto doida, descendo o cacete em todo mundo, e tudo isso ao som de muito rock pauleira. Diversão garantida. Só não pode dar mole, né? Senão o cara se arrebenta que nem o Coiote do Papa-léguas...

     - MERCS (Master System): Digo e repito: o primeiro game zerado na vida ninguem esquece. 

     - Streets of Rage (Mega Drive): Aqui chegamos à resposta da Sega ao Final Fight. E ainda com um cutucãozinho na franquia rival (que só lembrou de pôr mulher selecionável no segundo jogo). Blaze (e suas belas pernas) quis porque quis se destacar no game. Quem já fez o final alternativo com a Blaze sabe muito bem do que eu estou falando. 

     - Road Rash III (Mega Drive): Os arruaceiros de duas rodas agora aprontam mundo afora. Me respondam, vocês acham mesmo que eu ia de qualquer moto vagabunda que não corre porra nenhuma? 

     - Power Rangers The Fighting Edition (SNES): Sejamos honestos, turma. Cobrir o Ivan Ooze de porrada, nunca envelhece.

    Aliás, uma pros cariocas: quem falaria "cobrir de biscoito"? Todo mundo fala "cobrir de bolacha".

     - Streets of Rage 2 (Mega Drive): Toda aquela polêmica sobre qual Streets of Rage é melhor, se o 2 ou o 3... Quem viu sabe que eu só quis jogar com a sexy Blaze. 

     - Streets of Rage 3 (Mega Drive): Independente de censuras e alterações malucas, pra mim só o melhor dos finais interessava. Tudo pra ver a imagem da Blaze de maiô. ( ͡° ͜ʖ ͡°)

     - Dragon Ball Advance Adventure (Game Boy Advance): Por causa de algumas paradas "água de coco" onde Dragon Ball Z foi se meter, eu quis mandar ver esse jogo. Nem dá pra imaginar as doideiras que esse jogo tem.

     - Lunar Legend (Game Boy Advance): Eu estava jogando um outro JRPG, chamado Riviera - The Promised Land. Descobri um problema por lá: depois de algum tempo de uso, as espadas quebram. Eu queria um RPG de GBA no qual não há esse problema. Me recomendaram Lunar Legend. Pode não ser a melhor versão de Lunar the Silver Star Story. Mas eu me dei bem nesse jogo. Arregacei o Ghaleon, aquele que queria ser vilão de Saint Seiya. 

     - Sonic the Hedgehog (Master System): Nos primeiros Sonic de Master System, dá pra se encontrar as esmeraldas (que ainda eram seis) espalhadas pelas fases, em vez de se entrar nas Fases Especiais (os famosos bônus). Mais um game que passou por mim em junho. 

     - King of Fighters EX2 - Howling Blood (Game Boy Advance): O que eu queria mesmo era trucidar o tal do Munchausen. Em vez disso, eu pego de chefe final um arremedo qualquer de Goenitz? Não tá certo isso! 

     - Pulseman (Mega Drive): Então o Satoshi Tajiri já atuou em outros projetos (e não só Earthbound) antes de Pokémon? E ainda por cima um "Megaman de Mega Drive"! Bom, só o que eu não vi lá foi o Pulseman usar as armas dos bosses.

     - Super Street Fighter II - The New Challengers (Mega Drive): Eu joguei esse tambem, lógico. Ao mesmo tempo foi e não foi pra pirar nas bundas da Chun-li e da Cammy (( ͡° ͜ʖ ͡°), quarta vez que eu ponho aqui essa carinha). Quem já foi ler minha review deste jogo levanta a mão! 

     - The Revenge of Shinobi (Mega Drive): Outro velho conhecido meu. No console físico, de cada dez vezes que eu jogava, nove eu fazia final bom, porque gamer que é gamer faz final bom! No touchscreen, meu domínio permanece. 

     - Shinobi III - Return of the Ninja Master (Mega Drive): O zé-ruela cabeludo do tal de Ninja Master quis reerguer sua Zeed. Ele só não esperava que eu estaria de volta no pedaço. Não adiantou nem o cara ter vindo com base voadora tipo a da SHIELD. Adivinha o que eu fiz.

     - Zatch Bell! Eletric Arena (Game Boy Advance): Primeiro, eu joguei este jogo. Depois, assisti o anime. Mais tarde, joguei aquela coisa "assim assim" de Playstation 2. Mas este game de GBA é sem dúvida minha melhor experiência com Zatch Bell. O criador da série fantasiado de cavalinho é muito comédia. Pena que ele e os produtores do anime se desentenderam, e o desenho acabou "antes da hora"... 

     - Pit Fighter (Master System): Eis aqui um caso de memória afetiva. Pit Fighter pode não ser nenhum primor (ainda mais hoje em dia). Esta versão de Pit Fighter já não ajuda muito tambem. Mas aquelas duas músicas (a abertura e o momento de se pôr nome pra tabela de récordes) ficaram na minha cabeça. Com ou sem o "blip blop maldito" (o "square wave").

     - Desert Speedtrap starring Road Runner (Master System): Mais um jogo que por várias vezes eu já aluguei. Quem conhece este desenho clássico sabe que o Coiote só se fode nessa merda. O que vocês acham que o Coiote devia fazer? Processar a ACME? Invadir o prédio da Warner atirando em quem estiver no caminho? Ou só jogar tudo pro alto e pedir comida chinesa? 

     - Ultimate Spider Man (Game Boy Advance): Parece que o Parker não consegue ficar longe de encrenca. O perturbado do Venom tambem não ajuda em nada. E ainda pinta a Silver Sable na parada? Sei não, hein! Sei não... Será que Peter Parker escreveu "vai Corinthians" na cruz?...

    ---

    Eu não pretendo ser o Zé Graça. Eu não pretendo ser o Umehara. Eu só quis tornar o meu junho o mais emocionante possível. Digam o que acharam desta verdadeira maratona gamemaníaca. 

    Galera, sorry pelo textão (e as muitas atualizações)!

    BLACK OUT - Video Games

    @juninhonash @burningorpheus @gradash @barbarabai @fredson @sucodelarangela @tchulanguero @somari @volstag @jclove @wildwolf @biachunli @danielgfm @lucasbarcelos5 @katsuragi @setzer_eduardo @gamerdesconstrutor @santz e a patota toda (ah, cara...)

    16
    • Micro picture
      fredson · about 4 years ago · 2 pontos

      Isso é que eu chamo de "mês maluco" definitivamente, hahahaha. Tá louco, é uma quantidade que provavelmente eu não conseguiria jogar mesmo se estivesse de férias. Por acaso zerou todos? Tem muitos jogos, de muitas franquias. Ô loko! Anyway, parabéns por essa maluquice.

      1 reply
    • Micro picture
      volstag · about 4 years ago · 2 pontos

      Mês louco mesmo, e preciso jogar esse Metal Slug do GBA

    • Micro picture
      wildwolf · about 4 years ago · 2 pontos

      "Sonic Advance 3" Me dá um abraço aqui, jovem.

  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-30 23:26:48 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>Até isso daqui eu quis tentar! Será que a @sucod
    Ultimate Spider-Man

    Platform: Gameboy Advance
    117 Players
    17 Check-ins

    Até isso daqui eu quis tentar! Será que a @sucodelarangela curte essas paradas? KKKKKKKKK

    Porrar o Venom nunca envelhece. 

    Eu só queria saber se no caso deste game, o vilão principal é a Silver Sable (que pelo menos essa eu enfrento) ou o safado do Bolivar Trask. 

    4
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-30 07:00:18 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p><strong>Mas esse Coiote só toma no cu!!... </str
    Desert Speedtrap

    Platform: Master System
    133 Players
    3 Check-ins

    Mas esse Coiote só toma no cu!!... HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA

    É por isso que eu digo, o único fudido que eu agüento ver, é o Coiote do Papa-léguas! 

    2
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-30 06:52:51 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>#img#[445509]</p><p>#img#[445510]</p><p>Sei o qu
    Pit-Fighter

    Platform: Master System
    167 Players
    1 Check-in

    Sei o que todos vocês dirão neste momento. 

    Este game figurou entre os games que eu alugava. Não está exatamente entre as melhores versões de Pit Fighter. 

    Dá sempre na mesma coisa, tanto faz você zerar usando Buzz, Ty ou Kato.

    Mas confesso que eu curtia, e curto até hoje (tenho no meu celular) duas músicas do jogo em particular:

     - a abertura

     - a hora de pôr nome pra tabela de récordes

    Não sei se tem no YouTube. Mas se puderem, pesquisem. 

    2
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-30 06:42:08 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>Olha, essa brincadeira besta da dedada!!...&nbsp
    Mario Party Advance

    Platform: Gameboy Advance
    313 Players
    31 Check-ins

    Olha, essa brincadeira besta da dedada!!... 

    E continua (como se algum dia fosse acabar) a festa do encanador bigodudo. 

    Agora Peach participa da prova da corrida de trenó no gelo.

    Com habilidades assim, não é nenhuma surpresa que Peach apareça em muitos games não padrão de Mario. 

    E agora a prova da subida nas nuvens. 

    Princesa Peach se atrapalhou um pouco no processo, mas foi bem sucedida. Vejam só! 

    E para delírio do público, a prova do estilingue. 

    A princesa sexy soube administrar sua vantagem e bateu um récorde. 

    Uma salva de palmas para a princesa Peach. 

    Por que vocês acham que a Peach  tem seu público cativo? 

    Cara, eu me esbaldo com Mario Party Advance! 

    Mario, cuidado pra não se enroscar com tanto casco! KKKKKKKKKKK

    Ih, Luigi, o que que você andou não pagando? HUAHUAHUAHUAHUAHUA

    É cada coisa que rola aqui, tá louco... 

    1
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-29 23:32:48 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>#img#[445427]</p><p>#img#[445428]</p><p>#img#[44
    Metal Warriors

    Platform: SNES
    2154 Players
    24 Check-ins

    Mano, isso daqui é uma doideira só! 

    Não imaginava que o negócio fosse ser que nem um certo tokusatsu que muito brasileiro conhece: começa no espaço pra terminar na Terra. 

    Parece que agora o expresso terelteltel vai aumentar a marcha. Digno de Star Wars o treco!

    A fase que eu tô agora? Sexta fase! Segura o borogodó, champzada, que enquanto Phantasy Star 2 tá meio empacado, aqui eu vou chutar muita buzanfa! 

    E vê lá se eu tô preocupado com platina!... 

    Torçam por mim, galera! 

    0
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-29 18:45:41 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>@gamerdesconstrutor</p><p>#img#[445334]</p><p>&n
    Phantasy Star II

    Platform: Genesis
    433 Players
    88 Check-ins

    @gamerdesconstrutor

     Eu queria me desculpar com todos vocês. 

    Esta foto aí, do último ítem que eu descolei, é o meu maior progresso (ATÉ AQUI) neste game. 

    Alguem devia ter me alertado que seria loucura querer conduzir dois gameplays ao mesmo tempo, e ainda por cima quando um é metido a Contra, e o outro quer ser The 7th Saga. 

    E ainda, logo quando eu ficava de Metal Warriors isso, Metal Warriors aquilo, meu tablet "ameaçou me deixar na mão"... 

    Mas eu não dropei! Nenhum dos dois! 

    Torçam por mim! 

    2
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-29 12:23:40 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>#img#[445196]</p><p>Está comprovado que Undertak
    WWE Road to WrestleMania X8

    Platform: Gameboy Advance
    5 Players
    10 Check-ins

    Está comprovado que Undertaker, independente da gimmick, é uma força da natureza. 

    0
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-28 19:55:37 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>#img#[445023]</p><p>E vai rolar a treta!&nbsp;</
    WWE Road to WrestleMania X8

    Platform: Gameboy Advance
    5 Players
    10 Check-ins

    E vai rolar a treta! 

    0
  • pauloaquino Paulo Aquino
    2017-06-28 16:00:19 -0300 Thumb picture
    Post by pauloaquino: <p>Ah, os meus tempos de rato de fliperama...</p><p
    Aero Fighters

    Platform: SNES
    1008 Players
    40 Check-ins

    Ah, os meus tempos de rato de fliperama...

    Véio, deu vontade de tirar um cochilo... 

    2
    • Micro picture
      willguigo · about 4 years ago · 1 ponto

      Fliperama <3

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...