• lendaryo Solivan Martins
    2021-06-08 17:41:47 -0300 Thumb picture
  • anduzerandu Anderson Alves
    2021-06-04 19:32:30 -0300 Thumb picture

    Registro de finalizações: F-Zero: GP Legend

    Zerado dia 04/06/21

    Precisava de um tempo dos dois RPGs que estava/estou jogando (Final Fantasy XV e outro), então fui atrás de jogar algo mais antigo e menos complexo em relação a enredo e mil e uma mecânicas. A ideia era jogar algo no PSP (nem lembro o que era), mas o mesmo estava parado desde que joguei Castlevania: Bloodlines a cerca de um mês, o que infelizmente significa bateria descarregada completamente para o portátil (ligo o 3DS e Vita muito mais tempo depois e ainda estão com suas cargas).

    E falando em 3DS, estava mexendo nele quando avistei esse F-Zero: GP Legend e resolvi jogar! A minha história com esse jogo praticamente não existe, pois eu nem sabia que ele existia até pouco tempo atrás. Eu achava que a franquia se limitava ao SNES, N64, Gamecube e um no GBA, mas esse segundo definitivamente foi uma surpresa quando pesquisei sobre a série há uns meses e vi seu nome. Achei até que pudesse ser algo irrelevante e nem ser um jogo de verdade, mas muito enganado estava eu. Vi uns vídeos e...uau! Será que o coitado foi esquecido por ter saído perto do final da vida do GBA?

    Primeiro eu tenho que dizer que a minha experiência com a franquia nunca foi das melhores. Nunca curti muito o de SNES pois o achava sério demais e sem carisma (não tive o jogo na época, apenas joguei via emulador bem depois). O de N64 era bem legal, assim como o de GC, bem rápidos e tal, mas era isso (curtia jogar multiplayer com amigos). Agora a experiência que ferrou com tudo pra mim se chama Maximum Velocity.

    Eu tinha um GBA SP lá de 2006/2007 em diante e fui montado lentamente a minha coleção. Amava meu Metroid Fusion, A Link to the Past + Four Swords, Mario Tennis: Power Tour, Donkey Kong Country 3, Mario Kart: Super Circuit, Pokémon Sapphire etc. Um dia resolvi comprar esse F-Zero: Maximum Velocity sabendo que a série era bem famosa. MEU DEUS! Que jogo infernal! Eu sofria para passar das copas no nível Novice e nem sonhava com os níveis maiores. Assim eu cansei de F-Zero e aquele cartucho mal entrava no meu portátil.

    Até hoje tenho um gosto meio amargo com essa franquia. Ela acabou gerando outras séries de jogos de corrida de naves, o que é legal, e vejo muito gente pedindo a volta das corridas do Captain Falcon, mas pra mim, sinceramente, tanto faz. E eu não me importo se nunca mais ver um novo F-Zero.

    Numa pesquisa aleatória sobre F-Zero há uns anos, vi as pessoas reclamando do quanto Maximum Velocity é tenso e considerado "facilmente o jogo mais difícil da série". Isso muito me interessou, ainda mais quando vi que poderia dar uma nova chance à franquia através desse tal de GP Legend, um jogo mais leve e menos sério.

    Abrindo o jogo aqui, finalmente, e jogando uma partida ou outra, foi o bastante para querer continuar e ir até o final o quanto antes. O que era um "teste" para dar uma conferida e passar o tempo se transformou em algo sério e que me dediquei. Que jogo massa!

    A primeira coisa que tenho que mencionar é que o menu principal inclui o modo "Story", além do modo "Grand Prix", exclusive e principal da série até então. Eu esperava jogar corrida atrás de corrida em diferentes copas e níveis, mas GP Legend vai além de uma forma completamente inesperada!

    O modo história conta com 8 campanhas focadas em diferentes protagonistas, heróis e vilões. Inicialmente apenas o piloto Rick Wheeler está disponível e o jogo inclui uma breve apresentação dele e uma forma de contar o enredo que até me lembra um pouco uma história em quadrinho. O personagem está atrás de um inimigo que foge de seu alcance com frequência.

    Logo alguns rostos familiares começaram a aparecer e a serem desbloqueados como personagens jogáveis a partir do menu de escolha de campanhas, inclusive o próprio Captain Falcon. Essas histórias se entrelaçam de uma forma legal e você acaba vendo diferentes perspectivas das mesmas situações. Cada personagem tem apenas 5 fases.

    O lado ruim é que acabam-se criando diferentes "timelines", já que as vezes dois personagens apostam algo e você deve vencer, mas na campanha do outro, você deve vencer com o outro, criando diferentes desfechos para os mesmos casos.

    Mas a parte mais legal dessas campanhas é que cada fase tem objetivos diferentes. Tem fase que você já começa no meio da pista em alta velocidade e só deve alcançar um meliante que está em fuga. Em outras você deve destruir todos os oponentes, fugir e até as clássicas corridas com voltas. Enfim, cada estágio conta com desafios diferentes e pertinentes a história que são bem legais e não caem na mesmice.

    Além disso, cada campanha conta histórias bem próprias e, claro, você deverá jogar com a nave daquele personagem. Algumas são bem tranquilas, outras são ótimas, outras são bem ruins e os atributos variam bastante de uma para outra.

    Eu tive bastante dificuldade na campanha do vilão maior, pois sua nave tinha muito Top Speed, mas era lenta e pesada e fácil de fracassar nas missões. A última campanha de todas na ordem, de um vilão menor, foi bem chata também, com missões que exigiam total domínio das mecânicas do jogo.

    E falando em mecânicas, o jogo não mudou muito em relação aos outros 2D da franquia (Até os 3D): você acelera, freia, usa o L e R para ajudar a fazer as curvas ou aperta os dois juntos para usar o turbo, que consome vida da nave que felizmente pode ser regenerada ao pilotar sobre faixas verdes nas pistas. Há ainda a possibilidade de bater nas outras naves para estragá-las ou atrasá-las ou mesmo empurrar oponentes para o buraco ou contra bombas, o que não é muito fácil de fazer. 

    Para quem manja bem da série, ainda existem uns "trampolins" que te jogam sobre precipícios ou mesmo rotas já percorridas que ainda permitem que você manobre a nave no ar e caia num local mais escondido, cortando bastante caminho. Incluíram também um comando que eu não conhecia ao apertar duas vezes rapidamente o L ou R, que te joga de lado naquela direção, ótimo para curvas fechadas ou voltar pro centro da pista!

    As pistas são mais tranquilas de pilotar também, mesmo ainda tendo várias curvas bem fechadas e os visuais são lindos, simulando o 3D tanto nos cenários quanto nas naves e a trilha sonora é coisa de primeira!

    Já para aqueles que preferem a ação direto ao ponto clássica, há o modo Gran Prix, já mencionado, em que você escolhe entre diferentes níveis de dificuldade e diferentes campanhas, cada uma com 5 circuitos. Cheguei a jogar a primeira Copa no nível iniciante e foi bem fácil, já acostumado com alguns desafios mais chatos no final do modo história. E ainda pude escolher a minha nave, claro.

    Tive a impressão que alguns modos não estavam disponíveis anteriormente e apareceram depois, mas posso estar enganado, como um modo de treinamento e outro de Time Attack, desinteressantes pra mim. Agora o que curti foram os dois seguintes:

    -Modo de Missões em que você tem curtos objetivos a serem cumpridos. São 40 no total e cada um, além de ser desafiante e rápido, ainda conta com troféus de bronze a ouro (fiz alguns e não achei muito fácil);

    -Modo multiplayer de 2 a 4 jogadores com o cabo Game Link. Interessante que havia a opção de jogar com um único cartucho ou vários. Sensacional!

    Resumindo: F-Zero: GP Legend é sensacional! O jogo mais completo da franquia e, na minha opinião, o melhor! Claro que é um páreo difícil contra a série 3D também, mas ao menos contra os 2D (ainda não joguei o tal do Climax), é disparado o mais completo e divertido. Sério, o Maximum Velocity, chatão e dificílimo, pode ir para a casa do chapéu!

    De bom: visuais lindos, muito fluído e colorido na medida certa. Controles muito bacanas. Modo história é um diferencial e tanto com toda a sua narrativa e personagens se encontrando atrás de um objetivo. Inclui modos adicionais que fazem o jogo durar muito. É possível focar apenas nos campeonatos como nos jogos anteriores. Modo multiplayer para até 4 pessoas deve ser muito legal. Desbloqueáveis. Trilha sonora perfeita.

    De ruim: achei estranho que numa situação com os personagens A e B, o A vence mas ao jogar a campanha do B, ele é quem ganha e as coisas mudam. Achei a dificuldade um pouco aleatória e algumas missões aqui e ali foram tensas.

    No geral, esse vai ser o F-Zero que eu vou recomendar para qualquer um que queira conhecer a série, de verdade. Amei demais! Jogaço divertido!

    F-Zero: GP Legend

    Platform: Gameboy Advance
    170 Players
    2 Check-ins

    14
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 15 days ago · 2 pontos

      Eu adorava essa versão do SNES... porém o achava relativamente difícil...

  • 2021-05-04 12:23:45 -0300 Thumb picture

    O lendário Game Boy Advance do Space World 2000 foi encontrado

    Os eventos do Nintendo Space World vivem na história dos jogos, de uma época em que a Nintendo guardaria algumas de suas maiores revelações para o programa. É também uma mina de ouro de colecionadores, com demos, hardware e mais revelados na feira antes de desaparecer na obscuridade.

    Um exemplo é o Game Boy Advance Prata e Verde-azulado; é de um ano notável, 2000, pois foi esse o show que revelou o verdadeiro sucessor do Game Boy. Este truque da Nintendo já foi visto várias vezes, é claro, revelando portáteis com todos os tipos de cores que não chegam ao mercado, por isso é sempre emocionante quando são descobertos.

    Mais informações

    9
  • viciogame VICIOGAME Retro Games
    2021-04-30 12:58:45 -0300 Thumb picture

    ​🎮 Altered Beast (Game Boy Advance) Complete Gameplay

    #Viciogame #AlteredBeast #GameBoyAdvance #Gameplay #GBA #ゲームボーイアドバンス #Gameboy #Walkthrough #Sega #ゲームボーイ #Playthrough #任天堂 #Longplay #BeatEmUp #Nintendo #獣王記 #LetsPlay

    Altered Beast: Guardian of the Realms

    Platform: Gameboy Advance
    64 Players
    4 Check-ins

    0
  • viciogame VICIOGAME Retro Games
    2021-04-23 13:24:44 -0300 Thumb picture

    ​🎮 Action Man (Game Boy Advance) Complete Gameplay

    #Viciogame #ActionMan #GameBoyAdvance #Gameplay #Nintendo #Walkthrough #ゲームボーイアドバンス #Atari #Playthrough #MagicPockets #ゲームボーイ #Gameboy #Longplay #GBA #任天堂 #LetsPlay

    Action Man Robot Atak

    Platform: Gameboy Advance
    7 Players
    2 Check-ins

    0
  • viciogame VICIOGAME Retro Games
    2021-04-17 13:54:25 -0300 Thumb picture

    ​🎮 Lady Sia (Game Boy Advance) Complete Gameplay

    #Viciogame #LadySia #GameBoyAdvance #Gameplay #RFXInteractive #任天堂 #GBA #ゲームボーイ #Gameboy #ゲームボーイアドバンス #Nintendo #LetsPlay

    Lady Sia

    Platform: Gameboy Advance
    80 Players
    7 Check-ins

    0
  • 2021-04-13 09:22:44 -0300 Thumb picture

    GERAÇÃO ADVANCED

    Lindezas criadas por E_Volution_ para enaltecer a região de Hoenn e seus protagonistas. Saudades Pokémon Ruby, Sapphire e Emerald!

    [@jvhazuki]

    Pokemon Ruby Version

    Platform: Gameboy Advance
    6492 Players
    134 Check-ins

    22
  • viciogame VICIOGAME Retro Games
    2021-04-09 15:39:03 -0300 Thumb picture

    🎮 Popeye (Game Boy Advance) Complete Gameplay

    #Viciogame #GBA #Popeye #Gameplay #GameBoyAdvance #Nintendo #Namco #任天堂 #MagicPockets #ゲームボーイ #RushForSpinach #ゲームボーイアドバンス #GameBoy #LetsPlay

    Popeye: Rush for Spinach

    Platform: Gameboy Advance
    10 Players

    0
  • viciogame VICIOGAME Retro Games
    2021-04-02 16:23:09 -0300 Thumb picture

    ​🎮 Around the World in 80 Days (Game Boy Advance) Complete Gameplay

    #Viciogame #AroundTheWorldIn80Days #Gameplay #GameBoyAdvance #JulesVerne #AvoltaAoMundoEm80Dias #JulioVerne #AroundTheWorldInEightyDays #GBA #任天堂 #GameBoy #ゲームボーイ #Nintendo #ゲームボーイアドバンス #LetsPlay

    Around the World in 80 Days

    Platform: Gameboy Advance
    6 Players

    1
  • lendaryo Solivan Martins
    2021-02-12 19:58:23 -0200 Thumb picture

Load more updates

Keep reading → Collapse ←
Loading...