• rafa9000 Rafael Gazola Ghedini
    2022-12-15 09:35:28 -0200 Thumb picture

    Continuo ou não continuo eis a questão!

    Pessoal, to jogando Assassin's Creed Valhalla, e já estou com 60 horas. Só que eu ja estou cansado do jogo e ainda falta pelo menos 4 territorios para desbravar, atualmente estou na busca por Sigurd que foi levado para Essex por uma mulher que esqueci o nome(-Q). Estou em duvida se paro de jogar mesmo não tendo terminado a historia principal, ou se ainda continuo jogando, se vale a pena terminar o jogo e tals. Oque vocês acham?

    Assassin's Creed Valhalla

    Platform: Xbox Series X
    40 Players
    5 Check-ins

    18
    • Micro picture
      sweet_lorelei · about 2 months ago · 1 ponto

      Quem saber você poderia dar um tempo ,jogar por obrigação ou tarefa nunca é bom, as vezes vc não esta na vibe desse jogo no momento dai não conseguem aproveitar tanto, mas 60 horas é bastante tempo é ruim largar algo que investimos tanto tempo assim ,ja aconteceu algo assim comigo com outer worlds joguei arrastado do meio pra frente qs dropei mas quando terminei achei muito legal e hj em dia tenho vontade de rejogar rsrs

      1 reply
    • Micro picture
      nerdzilla · about 2 months ago · 1 ponto

      Eu larguei o game mais ou menos nesse ponto também, pelos mesmos motivos...antigamente eu tinha meio que toc em largar alguma coisa na metade, mas hoje em dia não me obrigo mais a continuar, meu tempo é precioso demais. É um jogo, se não tá mais agradando e entretendo pare e vá aproveitar melhor o seu tempo, as 60 horas não serão jogadas fora, vc aproveitou, curtiu. Vc sempre pode retomar em outro momento se quiser tbm...eu estou numa vibe de evitar jogos de mundo aberto no momento pq eles estão bem assim, cansativos e longos sem acrescentar nada de importante nesse tanto de horas.

      1 reply
    • Micro picture
      noblenexus · about 2 months ago · 1 ponto

      Termine, todo jogo que eu larguei no meio me assombram até hoje srsrrs e muitas vezes ao concluir a jornada você tem uma visão mais ampla do jogo como um todo.

      GTA Vice City foi assim pra mim, queria dropar do meio pra frente, mas insisti, hoje em dia to até querendo rejogar.

      Enfim pega um guia e vai fundo na campanha, ou vai jogando aos poucos, ou da uma pausa, assiste vikings pra ficar na vibe ou até vai jogar valheim com amigos, mas não recomendo dropar.

      3 replies
  • 2022-12-12 16:52:03 -0200 Thumb picture
  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2022-11-08 20:38:39 -0200 Thumb picture
    denis_lisboadosreis checked-in to:
    Post by denis_lisboadosreis: <p>100% nas <i style="background-color: initial;">D
    Assassin's Creed III The Tyranny of King Washington

    Platform: Playstation 3
    38 Players
    2 Check-ins

    100% nas DLCs The Tyranny of King Washington Episode 1: The InfamyBenedict Arnold, The Battle Hardened Pack, e The Hidden Secrets Pack.

    Assassin's Creed III possui várias expansões, mas apenas algumas possuem lista de troféus. 

    Em Benedict Arnold, que faz parte da campanha principal, Comandante George Washington pede ajuda a Connor para descobrir quem é o traidor no forte de Westpoint. São 4 missões extras e uma nova lista de tarefas bem diretas e um pouco mais desafiadoras em uma nova localização, que não acrescentam muito à experiência do jogo e não geram troféus, mas mostra o primeiro atrito do protagonista com Washington. Já o cara do título é um famoso ex-herói e traidor da história dos EUA, mas não apresenta nada de destaque aqui.

    The Hidden Secrets Pack adiciona algumas armas e roupas para Connor, e missões navais extras, e conclui parte das missões do Capitão Kidd onde pegamos sua espada numa exploração de ruínas bem ao estilo das catacumbas que Ezio explorava em jogos anteriores.

    Já The Battle Hardened Pack adiciona mapas e personagens novos para o modo multiplayer online, e infelizmente uma lista de troféus envolvendo esse conteúdo, que alguns podem ser feitos sozinho, mas dois só com ajuda de outros jogadores online. Deu pra fazer, mas com os servidores fechando ninguém mais pega. 

    E em The Tyranny of King Washignton, temos uma campanha própria desligada da principal, num mundo paralelo, ou imaginado, ao estilo "What if... ?", em que o "pacífico" George Washingnton ao entrar em contato com uma Maçã do Eden ela cria um mundo em que ele se torna um tirano violento e maluco, o que preenche de certa forma o antigo buraco na história contada pela cobaia 16 nos jogos anteriores sobre Washington e a Maçã. Nessa versão, Connor detém suas memórias da linha principal, mas aqui ele ainda é Ratonhnhaké:ton um guerreiro indígena de sua tribo.

    Nesse primeiro episódio exploramos a área de fronteira coberta pela neve, onde os homens do rei louco capturam pessoas sob ordens de Benedict Arnold, e temos como objetivo libertar e ajudar essas pessoas enquanto buscamos uma fonte de poder sobrenatural de totens animais espirituais. Nesse cenário o protagonista conta com menos equipamento e os inimigos são sempre hostis, e o lugar está infestado de lobos, mas ao adquirir os poderes do lobo, tudo muda. Ratonhnhaké:ton pode invocar lobos e ficar invisível temporariamente ao custo da saúde, o que é bem satisfatório pro aumento de desafio, e mostra como seria Assassin's Creed se seguisse por outro caminho menos "realista".

    Os troféus dependem mais de tempo e paciência em cumprir tarefinhas, mas a exploração não chega a ser tão tediosa, e os novos poderes ajudam impulsionar pras conquistas, e fazer 100% nas missões não foi tão trabalhoso quanto na campanha normal. 

    Gostando mais do que esperava dessa DLC. Indo agora para os próximos 2 episódios.

    @platinadores

    16
  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2022-10-30 03:44:49 -0200 Thumb picture
    denis_lisboadosreis checked-in to:
    Post by denis_lisboadosreis: <p><strong style="background-color: initial;">Assas
    Assassin's Creed III

    Platform: Playstation 3
    4361 Players
    313 Check-ins

    Assassin's Creed III finalizado e platinado!

                                                                     16ª Platina

    Dando sequência e começando exatamente do final de Assassin's Creed: Revelations, que apesar do III, é o 5° jogo da linha principal ignorando spin-offs dos portáteis.

    Muita coisa mudou, agora o Animus leva o protagonista, Desmond Miles, para memórias da América colonial para encontrar uma chave especial, no ambiente da guerra de independência dos EUA contra o domínio Inglês em paralelo da tragédia causada aos nativos indígenas. 

    E claro, um jogo cheio de política e questionamentos sobre a origem dos EUA e sua democracia, sobre extermínio indígena, imperialismo, representatividade política, moralidade, fantoches políticos, e sobre traíras fedorentos .

    Controlamos primeiramente o inglês engomado Haytham Kenway chegando em Boston durante as articulações do pré-guerra, e depois o indígena "Connor" Kenway de sua infância até a formação como assassino sob tutela de um veterano, e em busca clássica por vingança, onde encontramos figuras históricas importantes como George Washington, Benjamin Franklin, e diversos militares, locais e episódios que encantam os fanáticos pela história estadunidense, mas que deixa um ar de "quem?" pra quem é de fora. Também temos missões especiais no presente, com Desmond finalmente fazendo algo de útil fora do Animus contra a empresa multinacional e tirânica Abstergo.

    Os gráficos estão diferentes, mais detalhados e voltados para os personagens e suas expressões faciais, mas que também causam estranheza, principalmente por causa de bugs, e do excesso de foco no rosto durante algumas cenas que escondem o ambiente, principalmente em áreas populosas.

    Temos 4 áreas de mundo aberto para explorar: os ambientes urbanos de Boston e Nova York, e a parte rural onde desenvolvemos a fazenda Davenport, a sede assassina local, e a área de fronteiras entre esses locais onde se pode usar a nova função de caçar, e com a exploração mais ampla do jogo. Temos a volta dos cavalos, que agora podemos invocar.

    O combate está mais dinâmico e difícil, mas também com muito mais fluidez, e com alerta de tipos de ataques inimigos, parecido com os da série de Batman Arkham, e esse é um dos aspectos mais positivos, quando não somos atrapalhados por bugs. Como novos equipamentos tem o arco e flecha, variadas pistolas de 1 ou dois disparos, armadilhas, iscas pra caça, e um dardo com corda que puxam ou penduram inimigos, mas apenas 4 armas ou itens são selecionados por vez sem entrar no menu.

    Uma das novidades que mais chama atenção são as divertidas missões navais onde controlamos nosso próprio navio pirata, em que atacamos, defendemos, ou perseguimos outras embarcações em áreas pré determinadas, mas que infelizmente não se pode navegar livremente fora de missões.

    Esse Assassin's Creed também tem o infame modo de multiplayer online, que achei menos equilibrado, mas possui o novo modo Matilha de Lobos que é bem mais acessível e pode ser jogado sozinho, fazendo séries de assassinatos contra a IA em condições variadas num limite de tempo.

    As missões são na maioria simples e dentro do mesmo tipo de diversão dos jogos anteriores, mas ao tentar fazer 100% dos objetivos somos atrapalhados por bugs e level design ruim. Por diversas vezes o caminho é nada intuitivo, objetivos aparecem e dão falha de modo muito repentino no meio da missão, inimigos que não entram nas regras de combate e te acertam de modo indefensável ou que não podem ser alvos. E numa das chatíssimas explorações pela rede subterrânea os gráficos falhavam e explodiam o som e imagem, deixando a tela branca e um barulho ensurdecedor interminável até que o jogo fosse reiniciado. Tive de passar essa parte "tateando" na claridade cegante  e me orientando pelo mapa pra achar uma saída que salvasse o jogo fora do labirinto contando a parte explorada. Um terror.

    Por fim, é um jogo que tenta ser mais amplo que os anteriores, a dificuldade mais acentuada, muitos bugs que atrapalham bastante a experiência, trama com reviravoltas que diferenciam do anterior, e um bom desenvolvimento da história do assassino, mas com cortes que aceleram, empobrecem e desperdiçam as relações com demais personagens, com final realista e pé no chão pra Connor, mas extravagante pra Desmond. 

    Os troféus online são mais simples de pegar, em contrapartida, fazer os objetivos das missões em 100%, e completar a fazenda dão muito mais trabalho do que deveriam, e bugs que deixam o jogo com cara de que teve sua entrega apressada e com foco no visual.

    No caminho pra conseguir essa platina peguei várias Badges do myPSt.

    Professor Nota 10 por acumular 15 troféus no dia do professor.

    Easter Egg - Bronze por platinar 10 jogos com referências a outro jogo.

    Ubisoft - Bronze por platinar 10 jogos da empresa.

    Aventura - Prata por platinar 6 jogos do gênero.

    MC - Coração de Samurai por platinar um jogo com espadachins na data da batalha de Sekigahara.

    19
  • 2022-10-19 12:24:49 -0200 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Vamos comemorar os 15 anos da saga!</p><p>Lançad

    Vamos comemorar os 15 anos da saga!

    Lançado em 2007, Assassin's Creed é o próximo jogo a ser analisado no Clube Ludum. Como sempre, uma análise breve e objetiva.

    Assassin's Creed

    Platform: Playstation 3
    3284 Players
    153 Check-ins

    3
  • 2022-10-08 12:11:05 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Curtindo uma peça de teatro enquanto tomo um caf

    Medium 844226 3309110367

    Curtindo uma peça de teatro enquanto tomo um cafezinho, morô? ☕️

    Assassin's Creed Unity

    Platform: Playstation 4
    1129 Players
    367 Check-ins

    4
  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2022-09-05 21:25:21 -0300 Thumb picture
    denis_lisboadosreis checked-in to:
    Post by denis_lisboadosreis: <p><strong>Assassin's Creed: Revelations</strong> c
    Assassin's Creed: Revelations

    Platform: Playstation 3
    4133 Players
    154 Check-ins

    Assassin's Creed: Revelations com 100% dos troféus!

    Faz um tempinho que consegui, depois de uma maratona em busca de reunir o mínimo de jogadores para conquistar os troféus online cheios de especificidades, como esse Carnival, que exige jogar no mapa Siena, de uma DLC, com outros 3 jogadores que também possuam essa expansão e acumular no modo Procurado ao menos 3 minutos escondido na multidão. 

    E com isso completo 100% nas expansões Multiplayer Map Pack, Multiplayer Character Pack, e The Lost Archive, que se somam à platina no jogo base.

    Peguei tudo à tempo antes do fechamento do servidor, que não parece ter fechado mesmo ao fim do prazo... 😅

    21
  • andre_andricopoulos André Zanetti Andricopoulos
    2022-08-26 09:38:42 -0300 Thumb picture

    GÊMEOS INGLESES ASSASSINOS 👫

    "Rapaz eloquente" e dramático pra conversar...😁

    Deveria ter essa opção para, a qualquer momento, dar um cascudo nesses indeliquentes 😎

    TROFÉU CONQUISTADO 🏆: LÂMINA DE CIMA

    Aliás, por cima dá pra curtir o visual às alturas...

    ...e também solicitar um assasinato enquanto você observa do alto. 😎

    Jogo lindo. Seja num dia de sol no parque...

    ...ou até mesmo sob forte chuva e ruas semi alagadas.

    O jogo tem seus detalhes em cada cantinho do game, em cada arquitetura, em cada parede...

    A mudança de clima muda até o "tom" do game. Aqui sinto "BLOODBORNE" vibes...

    TROFÉU CONQUISTADO 🏆: BRIGA FU (eu juro que não quis matar o cavalinho... 🐎😔)

    Mais um game mundo aberto da incrível série ASSASSIN'S CREED, com melhorias de jogabilidade perante seu antecessor e novidades como dois personagens jogáveis com características e atributos distintos. Outro destaque refere-se ao gancho que auxilia no transporte pela bela cidade de Londres (bem ao estilo BATMAN 🦇). A diferença gráfica (para pior) é forte se comparado à bela França de UNITY. Mas a trama empolga mais e não deixa de ser um game divertido. As Guerras de Gangues e também os atributos de sua gangue são boas distrações in game. Vale a pena essa viagem, principalmente com a possibilidade de usar a carruagem para passear (ou devo dizer atropelar? 😁) pelas largas ruas da cidade👍🏻.

    Sinopse: " Londres no século XIX: uma época de revolução industrial, mudanças rápidas e opressão sombria das classes operárias. Reviva as memórias dos gêmeos Assassinos Jacob e Evie Frye, conforme constroem a gangue dos Rooks para acabar com os Blighters, derrubar os templários e salvar as pessoas de Londres."

    Assassin's Creed Syndicate

    Platform: Playstation 4
    639 Players
    291 Check-ins

    16
  • 2022-08-23 16:04:10 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Hoje temos uma gameplay da batalha final do prim

    Hoje temos uma gameplay da batalha final do primeiro Assassin's Creed, mas... Algo inesperado aconteceu 😅

    Assassin's Creed: Director's Cut Edition

    Platform: PC
    4210 Players
    145 Check-ins

    3
  • 2022-08-21 15:09:34 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Hoje temos uma pequena gameplay de Assassin's Cr

    Hoje temos uma pequena gameplay de Assassin's Creed. Vamos ver uma pequena cinemática do confronto de uma pessoa que gosta de livros e outra que odeia! Muito ôxi!!

    Assassin's Creed: Director's Cut Edition

    Platform: PC
    4210 Players
    145 Check-ins

    4

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...