You aren't following marlonzp.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-06-09 20:32:25 -0300 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Finalizado, um pouco mais de 58 horas</p><p>Bem,
    Risen

    Platform: PC
    216 Players
    13 Check-ins

    Finalizado, um pouco mais de 58 horas

    Bem,  os jogos da Piranha Bytes são ame ou odeie, para quem já jogou algum jogo da empresa principalmente Gothic vai ter uma boa ideia de como Risen funciona.

    O ponto forte do jogo é o  worldbuilding e a maneira como os personagens reagem a suas ações, muitas vezes conversar com um personagem e terminar uma quest pode abrir novas opções de diálogos e reconhecimento de outros NPCs, o mundo não é estático e personagens podem mudar suas rotinas dependendo de alguma quest ou diálogo e aqui eu não estou falando de escolhas que mudam drasticamente a trama mas de pequenas coisas, de modo geral o jogo não tem escolhas totalmente impactantes mas essas coisas menores que são o diferencial dos jogos da PB. Comparado com outros rpgs o uniuverso de Risen também é bem mais low fantasy e modesto, típico da maioria dos rpgs europeus, vc não vai achar 500 criaturas armas e armaduras diferentes, nesse ponto o jogo é mais modesto, apesar de ter variedade o suficiente para não chegar a ser chato.

    Outro ponto forte é a exploração da ilha que apesar de não ser tão grande é cheia de segredos. A trilha sonora também é muito boa e da uma imersão bacana enquanto explora.

    A trama em sí não é nada demais, quebra o galho, mas como o worldbuilding do jogo é bom acaba compensando.

    O combate fica mais interessante depois que desbloqueamos skills com as armas, no começo pode ser bem frustrante e os inimigos podem nos matar facilmente, algumas partes da ilha tem que ser exploradas com cuidado

    O ponto fraco do jogo é que ele fica bem linear depois do capítulo 1, é possível fazer todas as side quests e explorar a maior parte da ilha nesse primeiro capítulo, então o que resta nos próximos é seguir a trama principal que tem alguma fetch quests e explorar algumas dungeons meio extensas cheio de salarians, o que fica meio maçante depois de um tempo.

    Enfim, gostei do jogo mas como tudo da Piranha Bytes é meio difícil recomendar, há quem ame e quem odeie.

    17
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-05-15 01:47:02 -0300 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Lembrei desse jogo outro dia, praticamente o "pr
    Loki: Heroes of Mythology

    Platform: PC
    15 Players
    1 Check-in

    Lembrei desse jogo outro dia, praticamente o "primo pobre" to Titan Quest,  a única vantagem é o gameplay mais gore e cada inimigo tem uma animação ao morrer, de resto é meio linear e as classes não são lá muito memoráveis.  Uma coisa que é legal é que podemos escolher se os monstros vão dar respawn ou não

    4
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-05-09 22:56:03 -0300 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Finalizei já tem um tempo mas fiquei devendo um
    Borderlands 3

    Platform: PC
    49 Players
    46 Check-ins

    Finalizei já tem um tempo mas fiquei devendo um check in

    Bem, para quem acompanhou desde o lançamento sabe que Borderlands 3 foi meio polêmico e dividiu o fandom, tirando os problemas de performance que de fato foram um saco e demoraram para corrigir o jogo foi elogiado pela jogabilidade e criticado pela história, personagens e humor. De modo geral é por aí mesmo, melhoraram muito a jogabilidade que é de fato o maior ponto positivo do jogo, o "gunplay" é viciante e empolgante, adicionaram a escalada para algumas áreas e agora podemos dar fast travel de qualquer lugar para qualquer ponto de fast travel ou mesmo o automóvel, tem algumas outras melhorias menores com o carrergar todas as armas nas máquinas apertando apenas um botão e outras de UI (embora eu prefira o inventário do BL2)

    Outra melhora é nas skill trees dos vault hunters, agora temos 3 skills ativas para usar com vários perks para adicionar (acho que são 4 na verdade já que foi adicionada uma skill tree nova para cada personagem, nos últimos patches, mas não cheguei a jogar depois disso). Os mapas estão maiores (isso nem sempre é positivo já que alguns são exagerados) e tem vários cantos para explorar e desafios para achar.

    Por último, os vault hunters agora falam durante as missões, isso já acontecia no Pre Sequel mas foi melhorado aqui, mas isso meio que tem um ponto negativo já que todos os npcs reagem da mesma forma com todos os VH e com as mesmas respostas o que não combina muito em algumas cenas, eles não reconhecem com qual personagem vc está jogando o que é meio bizarro quando todo mundo está falando sobre sirens e a Amara está lá tipo "WTF" (Isso foi um problema grave no BL2)

    Já a trama do jogo realmente não é grande coisa, basicamente temos que parar os vilões de abrir um vault e só, tem alguma revelações sobre o lore do jogo mas nada de muito relevante, os vilões foram outro problema , o background deles é até interessante e tinha potencial mas são caricatos e aquela coisa de livestreaming foi meio toscão. Na verdade, as partes mais interessante da trama são as que são focadas nos conflitos secundários (tipo Rhys vs Katagawa). O humor e as side quests variam de medíocre para ótimo, mas de fato comparado ao BL2 nãol é lá muito engraçado. Dos personagens novos gostei do Clay e da dupla de robôs Grouse e Sparrow que são de longe os melhores personagens, de resto os personagens são ok com exceção da Ava que já se tornou pelo fandom a personagem mais odiada da saga. haha

    Sobre o Mayhem mode, a ideia em sí é bem interessante já que não precisamos mais zerar o modo história várias vezes para upar o personagem, o problema é que nos modos acima do nível 5 os inimigos meio que se tornam esponja de dano e só alguma poucas armas são úteis, esse foi um outro problema, o jogo tem muitas armas, muitas lendárias mas elas não são tão únicas e memoráveis como os jogos anteriores.

    Por sorte, as DLCS tornam o jogo mais interessante como sempre,  uma breve análise abaixo de cada uma delas.

    Moxxi's Heist of the Handsome Jackpot: A dlc que mais tem a vibe do BL2, temos os robôs da Hyperion de volta, o Timothy e vários áudios do Jack espalhados, a trilha sonora também é muito boa, personagens como Freddy ne Amber são bem legais, a trama e o vilão são meio meh, mas é uma dlc bem divertida.

    Guns, Love, and Tentacles:  DLC com uma pegada meio dark, a vila lembra a da dlc da Tiny Tina, alguns npcs bizarros e bem carismáticos como  Mancubus Bloodtooth e Burton Briggs, as side quests desses dois personagens são bem legais, os vilões e a trama são meio meh, mas vale pelas side quests e ambientação/bizarrice.

    Bounty of Blood. Minha dlc favorita, vibe western muito boa com um narrador descrevendo  cada cena importante, Rose foi a melhor vilã do jogo, lembra um pouco a Nisha, no geral essa dlc teve o melhor balanço entre todos os elementos que tornam Borderlands interessante.

    Psycho Krieg and the Fantastic Fustercluck: Essa dlc tinha potencial para ser a melhor, toldo fandom estava esperando algo do nível da dlc da Tiny Tina e a do Claptrap em Pre Sequel, mas infelizmente ela acabou sendo bem curta e com mapas mais lineares e side quests também curtas e no geral pouco desenvolvidas (com exceção a que vc ajuda a arma falante que foi bem hilária), apesar disso em termos de história foi a melhor dlc, explorar a mente do Krieg e descobrir mais sobre seu passado foi bem interessante.

    Enfim, BL3 é um jogo bem divertido, o gameplay é viciante e bem envolvente e as skill trees estão mais elaboradas, tem os problemas que citei acima que de fato precisam ser melhorados em um próximo jogo mas não diria que o jogo é um total fracasso em outros aspectos também, principalmente considerando as ótimas dlcs.

    6
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-03-28 14:31:07 -0300 Thumb picture

    Ghost of Tsushima:Jogo ganhará filme dirigido por diretor de John Wick

    Ghost of Tsushima, jogo da Sucker Punch Productions (estúdio responsável pela série "inFamous") para PlayStation 4, vai virar filme dirigido por Chad Stahelski, cineasta por trás da franquia John Wick.

    Resto da matéria

    Ghost of Tsushima

    Platform: Playstation 4
    319 Players
    205 Check-ins

    17
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-02-02 01:20:55 -0200 Thumb picture
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-02-02 01:20:02 -0200 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Finalizado!</p><p>Em uma época que&nbsp; FPS sin
    Titanfall 2

    Platform: PC
    82 Players
    36 Check-ins

    Finalizado!

    Em uma época que  FPS single player interessantes são raros Titanfall 2 merece certo destaque,  o jogo tem alguma mecânicas  interessantes e controlar o BT é bem legal com a variedade de armas que ele tem (embora poderia ter mais partes com ele do que com o Cooper sozinho), a relação do Cooper com o BT também é bem legal e tem alguns diálogos engraçados e divertidos. A trama é bem ok, nada de muito especial, parece que faltou uma introdução melhor, não sei se é explicado no primeiro jogo que é praticamente multiplayer, o final também deixa uma brecha enorme para um terceiro jogo.

    Para quem estiver afim de um fps single player mais linear e direto ao ponto vale a pena.

    7
  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-01-16 01:51:39 -0200 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Finalizado! Esse já estava na lista tem um bom t
    Ryse: Son of Rome

    Platform: PC
    312 Players
    84 Check-ins

    Finalizado! Esse já estava na lista tem um bom tempo.

    Um dos maiores pontos positivos  desse jogo é mesmo sendo um dos primeiros da geração ele tem gráficos, design de rosto/expressões faciais superiores a muitos jogos atuais, de fato, é um ponto que merece destaque.

    Segundo ponto é o sistema de execução que é bem divertido e variado, embora como usamos toda hora eventualmente vamos ver todas as execuções, e apesar da maioria ser randômica podemos ativar algumas execuções específicas dependendo da posição do inimigo,  se ele estiver perto de uma barreira de espinhos ou precipício  por exemplo.

    A história é boa, nada de muito elaborada mas boa, em alguns pontos lembra o clássico e fodão Gladiador, mas acho que seria mais interessante se deixassem a influência dos Deuses de lado e focassem mais na parte histórica, em várias partes sentimos a vibe gloriosa e imersiva de um jogo que se passa em Roma antiga, e a trilha sonora ajuda bastante também.

    De ponto negativo é que o jogo é bem simplista, principalmente o combate, só usamos um tipo de arma arma e escudo o que faz sentido tendo em vista a parte histórica mas que deixa o combate sem muitas opções, não desbloqueamos/aprendemos novos combos e skills, temos apenas os ataques leves e pesados básicos, esquiva e parry, os upgrades são apenas de vida/focus e para melhorar as execuções que são o único grande ponto positivo do combate.

    Enfim, Ryse é um bom jogo, se um dia tivermos uma sequência poderiam manter o esquema de execuções mas aprofundando o sistema de combate.

    8
    • Micro picture
      zsquall · 4 months ago · 2 pontos

      Esse é jogão mesmo mano...

  • marlonzp Marlon Zanini
    2021-01-12 20:17:57 -0200 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Finalizado! Apesar de ter finalizado esse ano vo
    Pillars of Eternity II: Deadfire

    Platform: PC
    11 Players
    9 Check-ins

    Finalizado! Apesar de ter finalizado esse ano vou considerar como um jogo do ano passado já que fiz 90% em 2020, só faltou o finalzinho para esse ano.

    Bem, a maior vantagem de POE2 sobre o primeiro jogo é que agora temos multiclassing a subclasses para as classes já existentes,  por isso a variedade de builds é MUITO maior que a do primeiro jogo, tivemos algumas melhoras de gameplay e funcionalidade que foram bem vidas também como o uso de spells ser per encounter por exemplo. O jogo possui bem mais skills cheks que o primeiro a a reação da party com as tramas  são bem mais frequentes também. A trilha sonora é excelente, Justin Bell já se tornou um dos meus compositores favoritos com POE 1/2. As side quests e as trama paralelas de modo geral também são muito boas, e considerando que esse jogo é 90% side quests pode-se dizer que no geral ele tem estórias de modo geral boas.

    Agora os pontos negativos: A trama principal é muito curta e pouco trabalhada,  o conceito de destruir a wheel e suas implicações é até interessante mas não souberam usar isso, a impressão que tive é que a trama desse jogo foi um prequel para a verdadeira trama que seria em um possível POE3 que provavelmente não teremos, fazendo uma comparação é como se fosse Metal Gear Grounds Zero com o Phantom Pain, considerando apenas a main quest POE2 é tão curto quando Grounds Zero, o jogo em sí é grande por causa das side quests/DLCs e exploração apenas, e por sorte elas são muito boas.

    Outro ponto é o sistema de batalha naval e gerenciamento de navio que foi bem chatinho, as batalhas são mal elaboradas, é melhor simplesmente abordar os navios e entrar em combate normal, e o gerenciamento é chato porque os dias passam muito rápido enquanto estamos navegando então comida e bebida acabam muito rápido e temos que ficar repondo, confesso que usei o Unity console para repor e evitar isso.

    Outro ponto são os loadings, bem demorados, joguem em um SSD se possível no HD é tenso.

    Por último achei o loot do primeiro jogo um pouco melhor,  isso não é exatamente um ponto negativo mas achei as armas two handed pouco variadas em relação a one handed por exemplo e o sistema de penettração  de armadura pode ser um pouco frustante algumas vezes.

    Sobre as DLCs, a que mais gostei foi Forgotten Sanctum, me lembrou as missões dos mind flayers do Baldur's Gate 2, a atmosfera é bem sombria, tem algumas batalhas interessantes e revelações sobre o lore, a escolha final pode potencialmente afetar e muito a trama de algum jogo futuro, o único ponto negativo é que os chefes tem muito HP e parecem esponja de dano, isso é um problema com todas dlcs na verdade. Beast of the Winter também foi boa, algumas revelações sobre o lore e Waidwen's Legacy.

    Enfim, POE 2 apesar de algumas falhas é um excelente RPG,  é uma pena que o jogo não vendeu muito bem e provavelmente não teremos POE3, agora é aguardar que o Avowed que se passa no mesmo universo faça jus ao lore do jogo.

    14
  • marlonzp Marlon Zanini
    2020-10-26 16:57:25 -0200 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Aquela música pirata marota para animar a segund
    Pillars of Eternity II: Deadfire

    Platform: PC
    11 Players
    9 Check-ins

    Aquela música pirata marota para animar a segunda feira.

    14
  • marlonzp Marlon Zanini
    2020-10-06 18:24:43 -0300 Thumb picture
    marlonzp checked-in to:
    Post by marlonzp: <p>Rapaz, Deadfire está igual ao Brasil, a quantida
    Pillars of Eternity II: Deadfire

    Platform: PC
    11 Players
    9 Check-ins

    Rapaz, Deadfire está igual ao Brasil, a quantidade de animal abandonado não é mole não haha.

    7
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...