This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • andre_bertinidarocha André Luis Bertini da Rocha
    2022-04-05 21:58:06 -0300 Thumb picture
    Post by andre_bertinidarocha: <p>Em questão gráfica, o jogo é muito bom e até hj

    Em questão gráfica, o jogo é muito bom e até hj é bonito; A Jogabilidade é meio tosca demais nos momentos ala Uncharted e dá kill direto de bobeira; Já o combate tem seus momentos, o problema que não tem tutorial, levei 2 dias para pra aprender a esquivar, aí sim  comecei a me divertir! Agora a estória é  nível filme B para cima, então nem espero muito...


    Outro detalhe: Entre nos menus e configure a tela/caméra, o modo padrão beira ao in-jogavel de tanto que o personagem ocupa espaço na tela. 

    0
  • natansouza Natan Souza
    2022-03-03 09:54:59 -0300 Thumb picture

    Primeiro finalizado do ano...

    Bom já critiquei algumas vezes o jogo em diversos check-in durante essa jogatina, já havia zerado ele muitos anos atrás no meu ps3 não lembrava quase nada do jogo, mas em fi o hj tem diversos pontos ruins e vários pontos bons, e que o geral é sim um jogo muito bom, na minha opinião apesar de tudo eu ainda acho a campanha do Chris a melhor de todas, é esse esquema de várias campanhas cada uma com uma pegada diferente gostei bastante, pois do mesmo jeito que eu gostei mais da campanha do Chris existe que goste mais da do Leon (eu detesto esse cara XD...) e quem goste da do Jake, da Ada e tal.... Tem outra coisa que eu achei muito boa foi a IA do parceiro, quase não passei raiva com isso jogando o jogo, ao contrário da Sheeva do Re 5 que ficava gastando toda a munição e as Ervas e Spray.... Aqui não compartilhamos nossa munição nem itens de cura com o parceiro e isso foi uma ótima jogada da capcom, por outro lado o inventário é minusculente pequeno não existindo nem a possibilidade de um baú p vc guardar os itens nem mesmo após os capítulos como vimos no RE 5 e sim isso me enxeu o saco, toda hora tinha que escolher entre pegar itens de cura e munição, e eu gosto de guardar tudo nem que não vá precisar.... XD.... Mas é sim um jogo muito bom, tô pegando as armas infinitas agora p zerar em um nível um pouco mais difícil, e irei tentar pegar alguns troféus ainda..... 

    16
  • natansouza Natan Souza
    2022-02-25 13:35:08 -0300 Thumb picture
    natansouza checked-in:
    Post by natansouza: <p>Finalizando agora a campanha do Jake, é uma camp

    Finalizando agora a campanha do Jake, é uma campanha boa, achei uma mistureba meio louca da campanha do Chris coma do Leon, mas no geral foi bem bacana, não lembrava quase nada dela... E sim Jake e a Chery são um casal melhor que Leon e Ada que não se decidem nunca kkkkk

    12
  • natansouza Natan Souza
    2022-02-23 20:20:52 -0300 Thumb picture
    natansouza checked-in:
    Post by natansouza: <p>Sei que a galera vai meter o pau criticando mas

    Sei que a galera vai meter o pau criticando mas não tem que faça eu gostar desse Babaca do Leon... Eita personagem fuleragem.... Desde os primeiros jogos nunca gostei dele... A campanha dele aqui é até boa, mas ele não ajuda, e essa frescura que ele tem que essa Ada nojenta então..... Deixa-o Chris matar essa desgraça...... XD

    Terminei a campanha do Leon e a do Chris, e comecei a do Jake Hj.... E mesmo que pareça sim um Call of dutty da vida a campanha do Chris p mim é a melhor. Pena que os caras matam o Pears.... Poderiam ter matado a Helena.... Quer personagem mais inútil e esqueci em que ela? 

    13
    • Micro picture
      thiones · 3 months ago · 2 pontos

      Gostava mais do Leon antes dele virar super-herói da Marvel.

      1 reply
  • natansouza Natan Souza
    2022-02-20 15:04:37 -0300 Thumb picture
    natansouza checked-in:
    Post by natansouza: <p>Dando uma joga e relembrando das últimas vezes q

    Dando uma joga e relembrando das últimas vezes que joguei,  fazia vários anos....

    Será se gosta de briga XD

    O nome desse jogo deveria ser Street Evil XD da vc sair matando os zumbi tudo na porrada, apesar de soar como uma crítica é uma mecânica que eu gosto bastante, pena que o inventário é muito limitado não me deixa juntar muita munição, Life nem Granada.... 

    25
    • Micro picture
      zefie · 3 months ago · 2 pontos

      Eu preciso voltar nesse, jogava em co-op com um amigo que sumiu depois que casou então vou ter que terminar as campanhas que faltam com a IA mesmo (espero que seja melhor que a da Sheva do RE5 pelo menos auhauhhua).

      1 reply
  • itsamevenom Ericles Oliveira
    2022-01-09 22:41:41 -0200 Thumb picture
    itsamevenom checked-in:
    Post by itsamevenom: <p>Campanha do Jake concluída.</p><p>#img#[805452]<

    Campanha do Jake concluída.

    Ainda bem, ruim pra caraio, agora só falta a da Ada, que por incrível que pareça, nunca joguei, nem na época do X360.

    10
  • itsamevenom Ericles Oliveira
    2022-01-03 23:18:19 -0200 Thumb picture
    itsamevenom checked-in:
    Post by itsamevenom: <p>Campanha do Chris Terminada !&nbsp;</p><p>#img#[

    Campanha do Chris Terminada ! 

    BOW Haos Morta !

    10
  • itsamevenom Ericles Oliveira
    2022-01-02 20:19:50 -0200 Thumb picture
    itsamevenom checked-in:
    Post by itsamevenom: <p>RE-começando a campanha do Chris.</p><p>#img#[80

    RE-começando a campanha do Chris.

    Apesar dos problemas até que a jogabilidade é legalzinha, mas de fato o 6 é o jogo mais porcariazinha da franquia, MUITO cafona, até pro padrões aceitáveis da franquia.

    15
  • mateusmaster Mateus Antonio da Silva
    2021-10-06 18:58:28 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado #301 – Resident Evil 6 (PS3)

    31º em 2021

    Geralmente tento achar pontos positivos em algum produto de entretenimento amplamente difundido como ruim, aquele tipo de coisa que todos dizem ser imprestável, ruim, chato. Sempre tento defender e achar pontos positivos. Mas aí não né meu patrão, a Capcom pisou feio na bola com o sexto game de RE. Não tem nada nesse game que seja legitimamente BOM, não que o jogo em si seja uma bela droga, mas ele não encaixa nem com os clássico por natureza, e nem com os dois anteriores por não ter uma jogabilidade gostosa e ser exagerado até demais. Soltar um clichê aqui: a Capcom tentou agradar muitos públicos ao mesmo tempo e acabou não criando uma boa experiência para gosto algum... Esse jogo tem excessos em tudo, a duração então... Rapaz... Foram mais de 25 sofridas horas para terminar todas as campanhas, levei quase o mês inteiro para falar a verdade (não dá pra jogar esse game direto mais de 3 horas, cansa demais). São 7 personagens jogáveis. São muitos momentos scriptados, tem muitos zumbis na parte do Leon, tem explosões além da conta... e muito mais. Absurdos, superpoderes, explosões, monstros gigantes, tudo isso e muito mais será visto em RE 6...

    A começar pela jogabilidade, quase sempre que falam que um game é ruim é devido a história, porém aqui até o elemento central de um game irrita. O posicionamento da câmera é esquisito; as animações de andar rápido (padrão) é estranha, meio desengolçada; a movimentação da câmera irrita, balança de forma constante e fora de ritmo; os controles são mal mapeados: jogar granadas é burocrático, trocar de armas apertando para o lado é arcaico até mesmo para 2012, usar o inventário é igualmente travado, usar itens de cura também. Tudo isso somado me irritou de tal maneira, que foi difícil me acostumar e aproveitar a experiência. Sem falar do level desing, totalmente linear e a maioria pouco inspirada (compara TLOU I que tbm é linear com esse game, por exemplo).  Ainda na parte de gameplay, tiveram a brilhante ideia de colocar os clássicos files como bônus de itens coletáveis de cenário, e ainda por cima somente acessíveis fora da sessão de jogo... Palhaçada né? Os gráficos são bons, a versão que joguei estava bonita, ainda melhor nas cinemática, em que os personagens são bem trabalhados. Sem falar que esses "filminhos" seguem tão bons quanto os vistos em RE5: com alta noção cinematográfica, movimento de câmeras ágeis que buscam a ação, closes certeiros, etc. Como esquecer, por exemplo, a cena do encontro de Chris e Leon, as acrobacias de Jake, a cena triste envolvendo Piers, entre outras. O som também é de boa, mas nada que marque tanto.

    Falando de história, bem... Em linhas gerais ela não é um pesadelo, porém conta com exageros escabroso, assim, ESCABROSOS! A trama inevitavelmente se direciona para um conflito mundial, com conflitos envolvendo bioterrorismo em diversas regiões, com tensões políticas, agências especiais, etc. Na realidade, se for parar para pensar, a pegada é a mesma dos filmes em animação da franquia. Eu não critico isso, não julgo, até gostaria de ver uma trama nesse molde dentro dos games da franquia, só faltou ser bem feito mesmo. Para começar o estilo narrativo escolhido pela Capcom: PRA QUÊ contar a história em 4 campanhas autônomas independentes uma da outra??? Tudo bem que tem interseções entre elas, porém da forma que foi feita restou um saldo bem negativo, com uma história picotada e confusa. Sem falar que devido as partes conectadas das campanhas somos obrigados a rejogar os mesmos trechos de antes, derrotando os mesmos chefes sem mudança alguma nem na gameplay e nem no enredo. Um saco! Poderiam ter feito um trabalho de recorte, trocando de personagens em momentos-chave (como em Revelations 1 e 2), trazendo maior dinamismo ao jogo e a narrativa em si, que surpreenderia bem mais se assim o fosse. Argh! Pensa em um jogo que só tomou decisões erradas. E não pense que a história seja redondinha e imune de furos... E os exageros, Oh Wesker, por que? Para se ter um ideia, o jogo tem explosões em todo capítulo, perseguições de carro, moto, helicóptero e jato (!!!), zumbis que pulam mais que grilos, infectados com armas desde o começo, clonagem, vilões que viram geleia do mal e claro, o chefão que se transforma em cão do inferno, tiranossauro rex e por fim uma mosca gigante (sim, nessa ordem), conseguindo voltar à forma humana como quem tira uma camisa. A justificativa de tudo isso? O novo vírus da vez: o C-Vírus (sim, daqui a pouco usam o alfabeto inteiro kkk). Vírus criado a partir de amostras do Progenitor com anticorpos de Sherry (contaminada com G-Vírus), e que posteriormente foi ainda aperfeiçoado com anticorpos de Jake. 

    Mas bora lá, com SPOILERS agora: temos 7 personagens jogáveis, Leon S. Kennedy, Helena Harper, Chris Redfield, Piers Nivans, Jake Muller, Sherry Birkin e Ada Wong. Cada qual com suas armas únicas e animações próprias. Durante a grande desventura, enfrentamos diversas criaturas infectadas pelo C-Vírus, seja zumbis comuns, soldados infectados (J'avos), transformações desses J'avos em criaturas insectóides, além de diversos chefes um mais feio que o outro. No final de julho de 2013, Leon e Helena precisam primeiro lidar com o atentado bioterrorista em Tall Oaks, cidade americana em que o atual presidente e amigo de Leon, Adam Benford foi alvo. A dupla de agentes especiais precisam investigar o causador do problema e por isso acabam por parar na China para abater o vilão infiltrado, Derek Simmons, além é claro de desvendar os mistérios envolvendo Ada. É uma campanha que tenta ser mais sombria e voltada ao terror, mas falha ao enfiar um quantidade abusiva de zumbizinhos anêmicos em tela. 

    Chris e Piers, agentes da BSAA, se vêem nesse conflito em dois momentos: primeiro no final de dezembro de 2012 no país do leste europeu da Nação Eslava Meridional, e depois também durante o acontecimento na China, em julho de 2013. Essa campanha é mais emocional, trata de questões como stress pós traumático, papel do soldado, depressão, alcoolismo e redenção. Chris perde seu pelotão de foram abrupta devido traição da falsa Ada (o clone, chamada de Carla Radames) e em decorrência disso perde sua memória recente e afoga as tristezas em cachaça. Somente Piers consegue trazer o papi de volta à ativa, retirando-o da fossa. Isso para serem designados à missão em território chinês, local em que desejam a todo custo impedir o avanço do ataque bioterrorista e claro, capturar a Ada farsante (que eles criam ser a real). 

    Em seguida joguei a campanha de Jake e Sherry, que é a menos consistente, hora caindo para a ação desenfreada e hora tentando emular o feeling de RE 3 com o Nemesis de Taubaté: o Ustanak, vilão grandão que persegue a dupla incansávelmente do começo ao fim do jogo. Ambos se conhecem também no final de dezembro d , Sherry, agora também agente do governo, acaba descobrindo que Jake é imune ao C-Virus, então eles fazem um acordo quanto ao sangue do garoto. Porém ela não esperava que ele fosse filho de Albert Wesker, que fossem sentir algo pelo outro e que seriam sequestrados pela Neo Umbrella, ficando 6 meses em custódia (pois é). Só conseguiram fugir do cativeiro em julho de 2013, aonde? Poisé, na China, no momento em que Leon caia de avião na cidade e que Chris estava em missão. O objetivo desses dois sempre foi um: fugir! E a campanha é bem isso mesmo, fugir do Ustanak, tentar se abrigar e dar perdido nos infectados, fugir do Ustanak de novo e ficar em paz. 

    A campanha de Ada, no entanto, costura entre todas as outras, como se fosse o modo Separate Ways de RE4: vemos os acontecimentos pela perspectiva da espiã, agimos como o fator funcional dos Deus Ex Machina do game, entendemos mais sobre todo o furdunço envolvendo clonagem, o relacionamento estranho dela com Simmons (e Leon), além é claro de usar o gancho all the way para se movimentar tal qual o Batman. Fuck Yeah Bitch! Essa campanha até tenta ser furtiva mas é bastante falho nisso. Tem trechos insuportáveis de mergulho também. 

    Mas sejamos justos: esse é o game da franquia em que a Capcom menos deu suas famosas crises de preguiça. O jogo tem bastante conteúdo, muitos modos extras (mercenaries, caça ao agente, sobreviventes, predadores, etc ), vários extras no menu, desafios, um player com todas cinemáticas em ordem cronológica, animações próprias de cada personagem interagindo com os inimigos em diferentes cenários, objetos e armas, jogatina Coop online ou local, etc. É um jogo ROBUSTO, o oposto do recente RE 3 Remake. Porém, esse realmente é o pior game da main line da franquia. Fraco como jogo, fraquíssimo como Resident Evil. Tem razão em ser odiado por muitos. Gameplay irritante, trama exagerada, narrativa mal ajambrada, controles falhos... Só se salva mesmo pelos carismáticos personagens, pela qualidade das cinemáticas e pelo robusto conteúdo extra. É um jogo que quero passar longe por muuuuito tempo. Mas também, o que poderia vir de tão bom assim de um jogo que tem como logo uma girafa ganhando um boquetão de uma moça?!?

    2,5/5 estrelas

    6
    • Micro picture
      lucas_okita · 7 months ago · 2 pontos

      Um dos meus Resident Evil favoritos! Foi uma das experiências coops mais legais que já tive! Eu platinei inclusive esse jogo duas vezes, no PS3 e 4, mas concordo sim que ele é longo demais.

      Minhas campanhas favoritas foram Chris, Leon, Ada e Jake. Acho a do Chris muuuuito boa!

      1 reply
  • itsamevenom Ericles Oliveira
    2021-08-14 10:37:06 -0300 Thumb picture
    itsamevenom checked-in:
    Post by itsamevenom: <p>Campanha do Leon Concluída !</p><p>#img#[787336]

    Campanha do Leon Concluída !

    RE6 é o ápice da breguice  da franquia, o enredo é bem mais ou menos, apenas algumas pequenas partes são legais! Como o arco da Helena, a treta da Ada e do Chris com o Leon Scott Gado.

    Apesar dos muitos problemas o jogo é até divertidinho, as cenas de ação são cafonas sem sentido mas é bonito de ver na tela. Mas é só isso mesmo!

    12
    • Micro picture
      santz · 9 months ago · 1 ponto

      Esse parece ser só um jogo de ação divertido.

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...