This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • 2023-01-06 06:37:11 -0200 Thumb picture
  • 2022-06-29 06:45:27 -0300 Thumb picture

    #444 - Medal of Honor: Frontline [PlayStation 2] 2002

     Após a aquisição da Electronic Arts sobre a Dreamworks Interactive, a equipe interna desenvolve o primeiro jogo da série sem o envolvimento de Steven Spielberg. O jogo é bem parecido com Allied Assault, com bastante foco em ação, mas também mistura muitas missões de furtividade e espionagem, o que garante uma grande variedade na jogabilidade. A primeira missão do jogo acontece no Dia D, que foi o cenário de destaque do título anterior, mostrando que o PS2 também conseguia entregar aquela experiência. O título foi um enorme sucesso de crítica e de vendas, alavancado a série e estabelecendo um novo padrão de qualidade para os jogos de FPS baseado na Segunda Guerra.

     - Mais um jogo espetacular da série, mesclando missões de ação intensa com etapas mais focado em espionagem. A estrutura ainda é dividida em objetivos, mas tudo flui de maneira mais natural e nosso personagem não é o grande herói de guerra, mas sim, um soldado comum que deve encarar grandes missões históricas. O visual do jogo é incrível, com muito tiro e efeitos realistas. A primeira missão no Dia D é um espetáculo visual, assim como era no jogo anterior. Tiro para tudo quanto é lado, bombas explodindo, soldados morrendo, muito muito bom. Os efeitos sonoros e a música também contribuem para o clima de guerra e a jogabilidade é bastante responsiva.

    Nota pessoal: ★★★★☆

    @andre_andricopoulos, @ziul92, @mardones, @darlanfagundes, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @noyluiz, @marlonildo, @volstag, @manoelnsn, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @sergiotecnico, @avmnetto, @denis_lisboadosreis, @fredson, @hyuga, @wcleyton, @bobramber, @thiagobrugnolo, @eduardo_wrzecionek, @christciamn, @romline5, @dantlast, @marcelokiss487, @diego_lacuna, @thiago_, @cosunsc [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    42
    • Micro picture
      thiones · 7 months ago · 4 pontos

      Essa invasão da Normandia é uma das cenas icônicas historicamente falando onde quer que ela apareça. Seria massa um jogo atual recontando esse acontecimento.

      6 replies
    • Micro picture
      denis_lisboadosreis · 7 months ago · 2 pontos

      Esse eu joguei a versão HD que vem junto do Medal of Honor (2010) de PS3 e achei bastante nostálgico os elementos dos clássicos presentes nele. Mas as missões são muito bagunçadas.

      2 replies
    • Micro picture
      denis_lisboadosreis · 7 months ago · 2 pontos

      Se não me engano o protagonista não é um soldado comum, e sim o mesmo protagonista do primeiro jogo do PS1, o Patterson.

      2 replies
  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2021-12-01 17:07:11 -0200 Thumb picture
    Post by denis_lisboadosreis: <p><strong style="background-color: initial;">Medal

    Medal of Honor: Frontline HD finalizado!!

    Que nostálgico!

    Remasterização do jogo de 2002 segue como uma meio sequência do primeiro Medal of Honor e Medal of Honor: Underground do PS1 e carrega todo o seu espirito antes de várias mudanças que ocorrem dali em diante na série, tanto na jogabilidade como na apresentação visual

    A principal mudança em relação à versão original são os controles, podendo usar a granada com um botão simples instantâneo ao invés de seleciona-la como mais uma outra arma, e a mira aproximada da própria arma ao invés da cruzinha clássica. Como um ajuste artificial posterior causa um pouco de estranheza e ainda possui bastante imprecisão, apesar disso é mais prático e confortável pra quem acostumou com jogos mais recentes. Ainda é possível usar os controles clássicos, o que não recomendo, eles funcionavam bem pro PS1 sem os analógicos e com lógica de movimentação do Doom, mas ficaram muito desajeitados no PS3. Fora isso, apenas pequenas melhorias visuais e sonoras.

    E por falar nisso, esse jogo mata a saudade das trilhas dos clássicos, que era excelente, com concerto e corais impecáveis, e fica especialmente bonito na fase 3 da 4ª missão, em meio às ruas de uma cidade holandesa destruída pela guerra.

    A jogabilidade e dificuldade no geral são versões aprimoradas dos jogos anteriores do primeiro PlayStation, com inimigos surgindo sempre dos mesmo pontos chaves, barra de vida circular podendo ser recuperada apenas com itens como cantis e kits médico, objetivos fixos e bastante lineares nas missões, o clássico enxame de soldados quando você xereta nas metralhadoras fixas, fases longas, e se morrer volta a fase toda, sem checkpoints, como nos velhos tempos.

    A história é como do primeiro, não muito focada nos personagens e mais na missão em si, onde controlamos o mesmo Tenente James Patterson em missões especiais para a OSS, uma antecessora da CIA, indo da cinematograficamente famosa invasão no Dia D, passando por infiltrações como espião sem sutileza em instalações nazistas, e sabotagem, destruição ou confisco (roubo) de projetos bélicos. Com um diferencial aqui de ter um vilão destacado, o Barão Rudolf Ulbricht von Sturmgeist, um capitão nazi fictício da SS que tá sempre escapando, até que você tenha um duelo com ele no final bem ao estilo nazista, covarde arrogante e com grupo de capangas obedientes.

    Esse jogo possui troféus bem simples de se conseguir, peguei a maioria e completei com ouro em todas a fases, mesmo a maldita fase do carrinho de mina estilo Indiana Jones, e liberando todo velho estojinho de medalhas, apenas me faltando terminar o jogo no modo Hard pra platina, o que não tenho ânimo por ora.

    Por fim, jogo interessante de ser revisitado como conteúdo extra e contraste da versão de 2010, com o clima cinzento e música espetacular, além de sempre ser muito mais satisfatório matar nazistas, neonazistas, fascistas em qualquer circunstância do que a caricatura de mulçumanos genéricos em campanha colonialista ianque vergonhosa por petróleo.

    9
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-09-09 19:37:49 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte Final</p>

    parte Final

    1
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-09-07 19:47:33 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 14</p>

    parte 14

    1
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-09-02 20:04:41 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 12</p>

    parte 12

    1
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-08-31 21:04:16 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 11</p>

    parte 11

    0
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-08-26 20:31:32 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 10</p>

    parte 10

    1
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-08-24 20:18:29 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 9</p>

    parte 9

    0
  • gabrielpinheiro Gabriel Pinheiro
    2020-08-19 19:47:24 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielpinheiro: <p>parte 8</p>

    parte 8

    1

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...