This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • mastershadow mastershadow
    2023-01-12 16:32:02 -0200 Thumb picture
    mastershadow checked-in:
    Post by mastershadow: <p>Depois de zerar o Castlevania Lord Of Shadows do

    Depois de zerar o Castlevania Lord Of Shadows do PS3,  resolvi jogar um "Castlevania em 3D de verdade" haha.

    Pra min esse  é o melhor Castlevania em 3D, e a trilha sonora dele é fodástica demais.

    A primeira vez que zerei esse game foi em 2008,faz um bom tempo!

    32
    • Micro picture
      vante · 21 days ago · 2 pontos

      Eu gostei mais do Curse of Darkness do que do Lament of Innocence, mas joguei demais os dois! Curse em especial tem a minha trilha sonora favorita da série, senão de todos os jogos, enquanto o Lament eu acho mais atmosférica em comparação. Ambos são muito bons de qualquer forma

      1 reply
    • Micro picture
      itsamevenom · 21 days ago · 2 pontos

      Amo o Lament Of Innocence, tô doido pra rejogar, mas emprestei o meu ps2 pra uma amiga, tô com preguiça de ir buscar xD

      1 reply
    • Micro picture
      thii · 21 days ago · 2 pontos

      Na época não curti a movimentação. vou tentar zerar de novo

      2 replies
  • 2022-10-31 22:37:14 -0200 Thumb picture

    Anti-Soul Misteries Lab

    Pra fechar o Halloween com a série de caçadores de criaturas da noite!

    11
  • 2022-09-12 21:37:03 -0300 Thumb picture

    The Belmont clan shall hunt the night!

    Primeiro Castlevania terminado em console! Faz tempo que não me divertia tanto! Eu realmente tava precisando brincar um pouco no PS2, já que eu fumei quase tudo quanto é jogo 2D nos últimos tempos, então foi muito bom dar essa variada. E olha, que jogasso!

    Depois de libertar o Forgotten One do seu sofrimento de ficar assistindo MK Battle of the Realms pela eternidade, parti pra enfim dar uma surra no vampiro metido a besta que sacaneou o Leon nessa jornada. A luta contra ele foi até que fácil na primeira metade, até ele fazer uma magia que manda o cenário pro espaço e nesse processo, um game over pra mim... Ok, 4 Game Overs nesse game aqui. Bem menos do que se comparar a qualquer classicvania kkkkkkkkkkkk. 

    Bem, depois que fiquei só desviando desse ataque e espamando poções, eu consegui derrotar ele até que de boa. Mas aí, o Matthias resolve lançar a pegadinha do malandro e a Morte chupa a alma do vampirão sacana. Agora conheço a origem do Dracula, que eu já esperava, mas agora entendo bem melhor como que as coisas funcionaram agora que joguei o jogo. Por fim, a última luta é contra a Morte que não tá fazendo shitposts que nem no anime. Deu um bom trabalho essa luta, ainda mais porque quando ele isolava a foice, era fácil pegar ele desprevenido, mas quando ele para de arremessar a foice e fica lançando as caveiras explosivas ficou complicado, mas nada que um bom spam de potions não resolva. Estratégia meio suja, eu sei, mas funcionou e é isso o que importa!

    Enfim, o castelo desaba, Leon garante que os Belmonts vão dar um coro no Matthias e posso agora confirmar: Castlevania Lament of Innocence, FINALIZADO! Não vou negar, me diverti horrores com esse jogo, e pretendo revisita-lo algum dia. Não hoje, não amanhã, mas um dia. Uns deslizes aqui e acolá, mas num geral, um jogo muito gratificante e divertido! Antes de fechar o post, gostaria de agradecer aos membros @thecriticgames, e ao @katsuragi que me auxiliaram durante essa jornada, de coração, muito obrigado por se disponibilizarem pra me dar uma luz nessa jornada! Mais de 8 horas de jogo com 93% do mapa completo, acho que foi uma jogada bem aproveitada, mesmo sem ter visto tudo que tem no jogo. Acho que agora já sabemos qual será a próxima jornada... Assim que eu achar uma iso que funcione no PS2 kkkkkkkkkkkkk.

    11
    • Micro picture
      thecriticgames · 5 months ago · 2 pontos

      Aproveitou bem, Curse of Darkness vai tomar mais tempo seu por ele ter sistema de RPG com nivel até o 99 e tudo mais.

      2 replies
  • 2022-09-12 09:15:23 -0300 Thumb picture

    Reta final baby!

    Acho que essa música só toca no Joaquim mode.

    Então, depois de derrotar a succubus (que não vou colocar a imagem por motivos) e perambular no castelo, consegui desbloquear o Vampire Killer (cena bem triste, vale ressaltar) agora com força total! Admito que é muito bom derrubar os inimigos que levavam um combo inteiro pra cair com meio combo.

    Aí avancei, avancei e avancei mais um bocado, e quando eu vi, tava nas escadarias finais. Como o @thecriticgames e o @katsuragi tinham me falado de um monte de coisa que tem no jogo, e eu não tinha achado metade delas, acabei voltando pra explorar as áreas, sem muito sucesso. Aí eu dei uma pesquisada que me fez me sentir meio estúpido, porque as áreas onde eu tinha que ir estavam na minha cara, e eu não tinha ligado... Aí peguei o chicote de fogo, o chicote de gelo, o orb branco e uma pancada de up-grades de HP, Hearts, acessórios, etc. Aí explorando a área final mais um bocado, eu consegui a chave para a prisão da tortura eterna, onde obrigaram o Forgotten One a assistir MK Battle of the Realms pela eternidade (ou jogar Resident Evil 3 Remake de acordo com o Crítico kkkkkkkkkkkk). Aí eu fiquei com pena do coitado e mandei ele pro outro mundo de uma vez... Depois de tomar meur 3º game over com o hyper beam que ele lança no final da luta.

    Enfim, a orb preta também está em minha posse!

    Agora, acho que ainda tem mais itens pra coletar, mas eu não faço ideia de onde achar, mas eu vou me ver revisitando esse jogo algumas vezes, então possivelmente vou rejogar com mais experiência e sem ficar me perdendo toda hora kkkkkkkkkkkkkk. Agora só ficaram faltando as passagens secretas, e uma boa surra no Walter que tá se achando demais pra quem não é Dracula. Acho que mais tarde eu finalizo, mas não tenho certeza, então, vamo ver como que eu termino essa aventura!

    14
    • Micro picture
      thecriticgames · 5 months ago · 2 pontos

      Eu entendo o Forgotten One eu me senti cono se tivesse desmembrado e com vermes comendo minhas entranhas quando joguei RE 3 Remake.

      1 reply
  • 2022-09-11 15:53:08 -0300 Thumb picture

    4 chefes já foram!

    Continuando a jornada no castelo de Lament of Innocence, fui direto na Dark Palace of Waterfalls, que acho que foi a parte que eu menos gostei até agora por conta dos corredores que tem bifurcações, o que me fez ficar perdido algumas vezes, e os inimigos peixe também encheram bem a paciência, mas lá, pelo menos eu consegui uma chave que abriu uma porta Garden Forgotten by Time. Onde eu consegui um slot extra pra equipamentos. Outra coisa, foi a luta contra o Joaquim, que foi a boss fight que eu mais gostei até agora! Bem difícil, e bateu o desespero aqui, o que me fez espamar poções, mas dava pra ter vencido sem espamar se eu tivesse jogado com mais cuidado. 

    Depois disso, decidi fazer um backtracking pra algumas áreas anteriores pra ver se conseguia acessar algumas áreas que antes eu não conseguia e... Ainda não consigo... Eu acho. Tenho que perguntar pros veteranos aqui o seguinte: Existem up-grades de pulo e velocidade no jogo? Uma das áreas que eu não consegui acessar foi porque ela estava numa plataforma muito alta e eu não alcancei na House of the Sacred Remains, e outra foi na ponte que cai enquanto você tenta passar na Anti-soul Mistery Lab. Se não tiver, deve ser um problema de Skill Issue da minha parte... Bem, vou atazanar o @thecriticgames e o @katsuragi pra isso já que eles manjam bastante desse jogo. (não me bloqueiem pls!)

    Já falei que eu gosto do visual do Leon? Essa vibe medieval é bem dahora em Lament.

    Falando em Anti-soul Misteries Lab, foi a 4º área que eu explorei, e se a das cachoeiras foi a que eu menos gostei, essa foi a que eu mais gostei! A música mais animada fez eu não querer sair dessa área, e fo muito divertido de explorar ela do início ao fim. Os inimigos foram interessantes, os quebra-cabeças bem legais e achei uma parede secreta que acessei entrando num quadro no estilo Super Mario 64, o mais engraçado foi que eu pulei por pular mesmo, quando vi: bom! Área nova! Foi bem dahorinha essa área, e no dia em que eu rejogar, provavelmente vou começar por ela. Foi MUITO DAHORA! O Golem foi desafiador, mas foi mais fácil que os outros chefes que eu enfrentei até agora, o que foi bom pra variar um pouco. 

    19
    • Micro picture
      thecriticgames · 5 months ago · 2 pontos

      Pode ir me marcando, mesmo porque os posts estão me dando até vontade de rejogar ele. Respondendo sua duvida sobre pulo e corrida, SIM e são as reliquias que você pega no jogo, uma pra ser mais especifico, Wolf's Foot que tu pega no Anti-Souls Mystery Lab no segundo andar, enquanto ativada faz você correr mais rápido e pular mais longe, justamente pra acessar essas partes.

      4 replies
    • Micro picture
      manoelnsn · 5 months ago · 2 pontos

      Castlevania do PS2? Isso é igual Bleach, não existe, ahuahauahuaua

      4 replies
    • Micro picture
      katsuragi · 5 months ago · 2 pontos

      Dark Palace of Waterfalls é a minha área favorita do jogo, majoritariamente por conta da trilha sonora dela ser tão boa, é uma das únicas áreas do jogo que não possui uma segunda faixa ambiente, mas eu não vejo necessidade pois a faixa em si que toca é simplesmente espetacular, a área realmente não é uma das melhores do jogo e pode ser frustrante pois o pico de dificuldade aumenta um pouquinho aqui, mas eu acho ela num geral tão bonita, e olha que eu não sou um cara de curtir esgotos em jogos. Hehe
      Essa área da House of Sacred remains é facilmente acessado sim usando uma Relíquia adquirida no jogo que faz o Leon correr mais rápido e com isso ter pulos com uma distância maior, coisa que vai servir pra diversos momentos no jogo, até mesmo essa ponte que cai.
      Essa área da House of Sacred Remains no entanto pode ser acessada já assim que encontra, a questão é o timing do pulo mesmo e também mudar a direção de ataque do chicote bem na hora certa pro Leon agarrar certinho, mas tem que ter um timing bom, com prática se consegue mas a Wolf’a Foot facilita e nuito o processo geral.
      Eu to achando engraçado essa ordem que você está seguindo, o jogo dá um senso de liberdade logo no início mas é muito comum escolherem esta ordem de Stages: House of Sacred Remains>Antisoul Mysteries Lab>Garden Forgotten by Time>Dark Palace of Waterfall>Ghostly Theatre.
      Essa costuma ser a ordem normal por conta da escala de dificuldade das áreas ser evidente e crescente se você seguir essa ordem, mas não que isso deva impedir alguém de jogar como desejar. hehe

      1 reply
  • 2022-09-10 12:40:12 -0300 Thumb picture

    FINALMENTE! Peguei um dos Castlevanias do PS2 pra jogar!

    Meu PS2 retornou dos mortos definitivamente dessa vez! Pelo menos até ele dar problema de novo, mas por hora ele tá bem vivo e funcionando, então... O Castlevania cantou! 

    Eu já tava querendo jogar os títulos de PS2 faz um tempinho, e acabei pegando esse daqui antes do Curse of Darkness que é um que eu tô bem ancioso por jogar. E bem, primeiras impressões: Ele é um jogo bem... único, eu diria. Algumas coisas são estranhas, mas funcionais, o combate é bem fluido e meio caótico às vezes (num bom sentido), mas a falta de lock-on incomoda. Incomodaria bem mais se a arma principal não fosse... Cês sabe né? O chicote que ataca de longa distáncia, e alguns golpes pegam grandes áreas de dano, especialmente o do triângulo. O uso de itens é interessante, mas eu queria poder usar eles no Menu direto também, ao invés de usar o analógico direito pra selecionar no meio da porradaria.

    Tem muito corredor nesse jogo também, vale ressaltar, mas não incomoda tanto já que dá pra farmar corações, mas certamente é meio redundante em alguns momentos. Falando nisso, Crystal + Blue Orb = overkill! Muito bom! Umas dúvidas que eu fiquei agora, são sobre as portas bloqueadas com chaves de alguma cor. Eu não sei o que significa, mas se alguém puder dar alguma dica de como liberar eu agradeço. Outra coisa são os power ups, que eu só peguei 1 no Garden Forgotten by Time, mas é a segunda área em que eu fui, a primeira foi a House of the Sacred Remains.

    Agora, duas coisas que eu não vejo muita gente comentando, mas acho que vale ressaltar, é o visual e a atmosfera do jogo. Visualmente falando, eu queria MUITO poder tirar screenshots do meu PS2 (Se tiver como, falem aí pls!) porque tem partes que são muito bonitas de se olhar, de verdade! E a atmosfera... Nossa senhora, que jogo sinistro! Acho que esse é o Castlevania com a atmosfera mais macabra da série, e levando em conta como que eu gosto do primeiro Devil May Cry por causa disso, é óbvio que iria apreciar aqui também! Eu tive uma sensação de que alguma coisa ia dar errado assim que eu desci as escadas do castelo, que tem uma OST bem tensa também, as escadas pareciam que não tinham fim, e quando desci, uma arena ensanguentada, uma porta trancada, e alguma coisa que certamente não é de deus abaixo da arena. Eu fiquei com a sensação de que alguma coisa ia acontecer e o bixo ia quebrar o chão ou sei lá, mas eu tranquei!

    Enfim, a última coisa que eu fiz foi vencer da cabeça de Medusa que... Espero não ter que rever pra ser sincero kkkkkkkkkkk. Tomei 2 Game Overs por causa dela (até agora foram os únicos) e peguei um anel com resistência a fogo. Tô entupido de poções e vamo ver pra onde eu vou agora! Provavelmente pra área das cachoeiras i guess.

    28
    • Micro picture
      eikesaur · 5 months ago · 2 pontos

      Feliz pelo seu PS2, como eu queria que o meu também revivesse 😞😭

      1 reply
    • Micro picture
      jcelove · 5 months ago · 2 pontos

      Queria muito jogar o lament e principalment o curse ainda.

      2 replies
    • Micro picture
      thecriticgames · 5 months ago · 2 pontos

      Eu adoro esse jogo incondicionalmente.

      5 replies
  • 2022-08-30 22:15:46 -0300 Thumb picture
    luizw checked-in:
    Post by luizw: <p>#img#[842913]</p><p>#img#[839604]</p><p>Campanha

    Campanha (Normal) 100% Finalizado 

    3
  • thecriticgames Matheus Pontes
    2022-08-30 16:54:15 -0300 Thumb picture

    Uma musica por qual sou apaixonado.

    Castlevania é uma franquia que nunca fez muito feio com trilha sonora, até o episódios seboso de Arcade que citamos no Castlevania (Lado B) no @3continues tem musicas fodas (que você pode ouvir aqui https://open.spotify.com/episode/1Oo030IzS549cDh0h...) mas no PS2 ele foi demais. A unica coisa que estraga o LoI sonoramente falando é o voice acting dele, coisa que felizmente melhorou muito em Curse of Darkness depois. 

    23
    • Micro picture
      knight0kun · 5 months ago · 2 pontos

      HhhhAAAAaaaa!! A OST DESSE GAME!! I LOVE IT!! <3

    • Micro picture
      vante · 5 months ago · 2 pontos

      Castlevania nunca decepciona com a OST!

    • Micro picture
      katsuragi · 5 months ago · 2 pontos

      Trilha sonora de LoI é simplesmente fantástica. Cada faixa muito bem composta para suas áreas e momentos em questão, um trabalho espetacular e um dos mais memoráveis da franquia. Eu acho ele um título bem superior ao CoD pelo simples fato dele não ser um CorredorVânia que CoD acaba se tornando e extendendo até demais, já LoI é tão bom e curto que deixa gostinho de quero mais cada vez que rejogo.
      Quanto a dublagem eu acho que ambas as americanas quanto japonesas fazem um trabalho muito bom em ambos os jogos, hoje em dia jogo somente usando a dublagem japonesa mas eu gostava muito da americana também.
      Haunted Castle sofre de dificuldade retardada pois o jogo é muito divertido se você conseguir diminuir a dificuldade dele, o level design é divertido e, como citou, tem uma OST fenomenal.

      1 reply
  • 2022-05-27 10:02:50 -0300 Thumb picture
  • 2022-02-06 11:11:12 -0200 Thumb picture

    Know Your Demon #182 Golem

    ORIGEM: Religiões abraâmicas

    PRIMEIRA APARIÇÃO: Megami Tensei II (NES)

    LORE: Um ser antropomórfico artificial do folclore judeu, sendo normalmente um ser criado a partir de material inanimado (como barro ou lama) para servir seu criador. A palavra Golem significa na é usada na Bíblia como גלמי (golmi) e significa "minha forma crua" se referindo ao humano inacabado perante os olhos de Deus. No hebraico moderno o termo tem a mesma conotação de "idiota" ou "inútil" e em salmos e escritos medievais a palavra era utilizada como sinônimo para um material cru, ainda não trabalhado.

    Golens eram normalmente de barro e podia ser ativados com um determinado ritual onde se escrevia um dos nomes de Deus em sua testa ou em um papel depositado em sua boca. A palavra mais comum relatada para sua ativação era emét (אמת, "verdade" in hebraico) que ativava o golem e para desativa-lo era necessário apagar a primeira letra formando a palavra mét (מת, "morte ou morto" em hebraico) .

    Varias narrativas de golens existem sendo as mais antigas eram do Talmude (o livro sagrado do Judaísmo) que se referia a Adão como um Golem. Dentre as narrativas mais famosas temos o Golem de Chelm da cidade homônima da Polônia que fora criado por um rabino e destruído por este ao apagar a palavra, sem antes desferir um arranhão contra a cara de seu criador e o Golem de Praga criado por um rabino para defender um gueto de judeus de ataques feitos por frentes anti-semitas e batizado como Josef ou Yossele.

    APARIÇÕES EM OUTRAS MÍDIAS:

    São inimigos que aparecem em uma grande variedade de jogos da série Castlevania como inimigos e chefes e em variações de barro, ossos, metal, carne e madeira, sua primeira aparição se da como chefe em Haunted Castle e sua aparição mais marcante se da em Lament of Innocense onde a criatura serve como chefe sendo animado de forma como descrita na mitologia judaica.

    Golens marcam presença na série Final Fantasy desde o primeiro jogo como inimigos e pela primeira vez como invocação em Final Fantasy V.

    São presentes como criaturas no RPG de mesa Dungeons & Dragons em vários tipos, podendo ser inimigos e até criados por feiticeiros e clérigos com os rituais corretos.

    Golens marcam presença no card-game Yu-Gi-Oh sob varias formas como Destoyer Golem, Millennium Golem e Gogogo Golem. Créditos a @ersatzgott 

    Golens marcam presença no universo de The Witcher, marcando presença nos 3 jogos principais e até no MOBA The Witcher Battle Arena. Notavelmente em The Witcher 2 encontramos um golem falante inteligente criado por um mago para guardar seu laboratório. Créditos a @rafaelssn

    by @thecriticgames

    24
    • Micro picture
      bobramber · 12 months ago · 2 pontos

      Não sou muito de ler essa tua série, mas o fiz agora e achei interessantíssimo. Parabéns!!! Vou acompanhar mais.

      2 replies
    • Micro picture
      rafaelssn · 12 months ago · 2 pontos

      Eles também aparecem no The Witcher, com um formato sem rosto, um construto puro com vida por magia.

      1 reply
    • Micro picture
      ersatzgott · 12 months ago · 2 pontos

      Golemon e vários Golems em Yu-Gi-Oh!, como Destoyer Golem, Millennium Golem e Gogogo Golem

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...