This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • 2021-08-26 14:14:37 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Vamos continuar nossa sobrevivência ao horror em

    Vamos continuar nossa sobrevivência ao horror em Resident Evil: Survivor, um jogo esquecido da saga Resident Evil, porém muito interessante. Divirtam-se!

    12
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · about 1 month ago · 2 pontos

      Também o acho muito interessante e divertido

    • Micro picture
      onai_onai · about 1 month ago · 2 pontos

      Eu também gosto dele, apesar de parecer meio tosco.

    • Micro picture
      romline5 · 30 days ago · 2 pontos

      Sou fan! Pena que a Capcom não lançou nenhum para PS2 PS3 e PS4.

  • 2021-07-20 14:06:58 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Resident Evil: Survivor é o próximo jogo a ser a

    Resident Evil: Survivor é o próximo jogo a ser analisado no Clube Ludum. Como sempre, uma análise breve e objetiva.

    17
  • 2021-07-15 14:25:40 -0300 Thumb picture
    Post by clubeludum: <p>Hoje vamos desbravar aquele jogo que geralmente

    Hoje vamos desbravar aquele jogo que geralmente as pessoas não gostam: Resident Evil: Survivor. De fato, é um game interessante. Vamos sobreviver ao horror!!

    6
  • jcelove José Carlos
    2021-06-04 21:07:42 -0300 Thumb picture
    jcelove checked-in:
    Post by jcelove: <p>Desde que gravei o vídeo que tava com vontade de

    Desde que gravei o vídeo que tava com vontade de terminar de novo o RE Village de pobre do PS1, mas apesar de ser curto o esquema de ter que zerar numa sentada sem save me dava preguiça.

    Esponja de bala chata danada

    Por sinal lembrava dele ser bem mais curto, talvez pela rota que peguei quando zerei, acho que fui na igreja primeiro. Acabei levando a tarde inteira, toda hora pausando o retroarch e fazendo outra coisa até que foi.

    Esse eu só tinha terminado uma vez a contra gosto muitos anos atrás e na minha cabeça só pegava as rotas alternativas apos terminar o jogo, mas na real é bem mais simples: 

    Logo no começo vc pega uma chave e ela abre a porta de qualquer um dos edificios a sua frente (igreja e cinema cminhos curtos, biblioteca caminho longo) dai quando passa dos esgotos e volta a superficie tem outra área no mesmo esquema de ganhar a chafe e escolher qual porta vai. 

    O MRX desfilando na passarela, toda pomposa. Enche mais o saco que no RE 2.

    Como tinha ido no cinema no dia do video resolvi ir pelo caminho da biblioteca/restaurante e foi legal. 

    O jogo é bem tranquilo apesar de se rmuito dificil manobrar tanque em primeira pessoa e controlar a mira no direcional. Não lembrava muita coisa e como não tinha feito esse caminho teve uns bons trechos de novidade.

    Uma coisa legal são os vários easter eggs de franquias da Capcom em posters

    Tem Dino Crisis no Arcade, Ghouls n Ghosts e SSF2T no quarto das crianças...

    Aproveitei pra pegar uns cheevos no RA, que por sinal tem um set bem justo pra esse, basicamente fazer todas as rotas e terminar. 

    Os unicos desafios mesmo é fazer rank S e passar do tyrant sem continue, coisa que não consegui dessa vez pq cheguei com pouco item de cura e achei que dava pra vencer na força bruta com a magnum e a GL, mas não deu. Na segunda tentativa foi, ele é bem fácil de esquivar até.

    Só fiquei bolado que o meu Retroarch bugou dois achievements que não triggam, o do rank S (que não consegui de qq forma, e o do Rank A, que fiz mas não rolou U_U)

    Não lembrava tbm que qdo zera e salva na proxima run começa com todas as armas e munições que tinha qdo o jogo acabou, já deixa a coisa mais interessante. Tem a rocket tbm, mas só se fizer rank S. Se conseguir consertar os achievements bugados acho que da pra tentar a "platina" qq hora.

    26
    • Micro picture
      thecriticgames · 4 months ago · 2 pontos

      Zerou um dos meus REs favoritos kkkkkk brincadeiras a parte ele tem um esquema de caminhos que é tipo: uma reta linear, depois se bifurca em três caminhos (cada um com uma Handgun B,C e D), mais uma reta linear que vem dos três caminhos, mais três caminhos (cada um com um encontro diferente com o Mr X se não me engano), mais uma reta que vem destes 3 caminhos até o final do jogo. Lembrando que dependendo da escolha final de caminhos muda quem é morto pelo Tyrant quando ele desperta.

      3 replies
    • Micro picture
      le · 4 months ago · 2 pontos

      Esse jogo sofreu no ocidente por ter sido lançado do jeito errado, sem pistola. Pra um jogo de pistola, ele até que era bem razoável.

      4 replies
    • Micro picture
      tiagotrigger · 4 months ago · 2 pontos

      Não sei se vai ajudar nos achievements, mas esse jogo tem uma facilidade que dá pra abusar, quando você não está olhando pros inimigos (quando eles não aparecem na tela) eles não te atacam. Ai é só ficar virando de costas pra eles que eles ficam correndo pra ficar na sua frente depois te atacar. xD

      1 reply
  • mateusmaster Mateus Antonio da Silva
    2021-04-23 16:59:05 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado #283 – Resident Evil Survivor (PS1)

    #10º em 2021

    Primeiro spin off de Resident Evil lançado e que joguei. Trata-se de um jogo com perspectiva em 1ª pessoa que tenta seguir os moldes da trilogia clássica da franquia, porém é bastante limitado devido o console que foi lançado, não tem puzzles, leva e trás de itens ou backtracking, é bem linear. É uma experiência curtinha, mas interessante. Engraçado que até mesmo nesse jogo a Capcom optou por colocar escolhas que fazem o jogador optar por seguir caminho A ou B durante o trajeto.

    Pense o que um Resident Evil precisava ter naquela época, e você encontrará aqui:

    - Zumbis e mapas sombrios? Check

    - Animações de porta abrindo? Check

    - Fases que se passam em esgotos? Check

    - Fases no subsolo e que são laboratórios da Umbrella? Check

    - Batalha final com algum tipode Tyrant? Check

    - Fuga final em um Helicóptero? Cheeeeck! kkk

    Tudo que tinha nos RE clássicos aparecem aqui de certa forma. Os inimigos são todos reaproveitados dos dois primeiros jogos: enfrentamos zumbis, lickers, hunters, ivys, cachorros zumbis, corvos, aranhas e mariposas gigantes, entre outros. Temos que lidar também com inúmeros Tyrants T-103 (como o Mr. X) durante a trajetória. 

    Legal notar que esse foi o primeiro jogo de Resident Evil com cenários renderizados em 3D em tempo real. Porém é aquilo, padrão PS1 kkk com cenário carregando na sua frente, tudo bastante limitado e quadradão (porém o modelo dos inimigos são bem feitos). A jogabilidade é bem estranha, segue o modelo tanque da trilogia clássica, porém no cenário 3D, o que é bizarro. Não movemos a câmera com o segundo analógico, e sim movendo para a direita e esquerda no mesmo analógico (ou direcional digital) que nos movemos para frente e para trás. E atirar também é estranho: também temos que apertar R1 para mirar e "X" para atirar, como nos outros RE.

    Ah, e é um jogo BEM fácil, é um passeio no parque. A munição das pistolas são infinitas, e das demais é bem generoso. Os inimigos morrem fácil demais, 2 tiros de 12 em huntes e lickers são suficientes. Os Mr. X então são facilmente abatidos xD Sem falar que se você der as costas para qualquer inimigo ele para de te atacar, sóa tacam pela frente kkk A dificuldade só engrossa mesmo literalmente na terceira forma do chefe final (santificado seja o save state). Falando nele, é uma adição inédita do game: o Tyrant Hypnos T-Tye. Ele tem três formas, ficando cada vez mais monstruoso o cinzentão. 

    O enredo segue a cartilha do protagonista com amnésia. Acompanhamos Ark Thompson, detetive particular, que, a pedido de seu grande amigo Leon, vai investigar a base da Umbrella na ilha Sheena. O jogo começa após ele se acidentar e perder a memória, fato que o fez acreditar ser Vincent Goldman, o comandante da ilha e membro da Umbrella - ambos eram parecidos fisicamente... No decorrer do game, Ark encontra os irmãos Lott e Lily Klein, moradores da ilha, que o ajudam a recuperar a memória. Em resumo, Vincent fazia experimentos com o cérebro de jovens garotos (retirar Beta Hetero Asertonina de seus cérebros sem anestesia) para crair seu próprio modelo de Tyrant (Hypnos). Porém esses adolescentes se revoltam e fogem da prisão em que eram mantidos, o que faz Vincent matar a todos de forma cruel. Por causa disso, o vilão deliberadamente espalhou o T-Vírus na ilha, para encobrir seus atos da Umbrella. E era isso que Ark precisava investigar. Após passar por grande parte da ilha, esgotos e laboratórios, ajudar as crianças orfãs Klein e recuperar a memória, Ark enfrente Hypjnos e sai vitorioso da ilha com um helicóptero. 

    Survivor é um jogo datado e bem superficial, porém é interessante para conhecer mais da franquia. O jogo, ao final, disse que levei 2 horas para terminá-lo. Para entender mais a história é necessário ler vários documentos que encontramos no caminho. Está datado, mas por ser um jogo curto, dá para superar. Interessante que  o jogo tem três caminhos diferentes, o que pode expandir o tempo para os mais assíduos.

    2,5/5 estrelas

    9
    • Micro picture
      mastershadow · 5 months ago · 2 pontos

      Sempre gostei desse.só acho ruim nao ter save no meio da partida,mesmo sendo curto,as vezes vc nao ta afim ou tem tempo pra pegar e zerar numa tacada só.

      1 reply
  • noblenexus Rafael
    2021-03-10 17:25:14 -0300 Thumb picture
    noblenexus checked-in:
    Post by noblenexus: <p>Terminado, essa foi uma pendência que adqueri lá

    Terminado, essa foi uma pendência que adqueri lá em 2005 quando fui convidado pro aniversário de um amigo e resolvi comprar pra ele um jogo de PS1, e como ele curtia resident evil eu comprei pra ele o melhor que tinha no camelo Resident Evil 4 de PS1!!!!

    Só que como muitas vezes era um malandragem dos camelos da época de fazer capas no paint e na real o jogo era resident evil survivor srsrrs imagina que dahora na festa quando eu dei o presente pra ele e bang não era o que tava na capa.

    Por sorte eu tenho bons amigos e isso só rendeu um 'uhn que jogo sera esse?' e uma jogatina bem divertida de uma tarde inteira alguns dias depois da festa. Porém não terminamos o game pq eramo ambos cagões pra terror.

    O jogo em si é mais ou menos o que eu me lembrava, só bem menos realista do que o que está na minha cabeça srrsrs (o que é ótimo), a jogabilidade envelheceu mega mau, mas por sorte o jogo sabe que ele é travadão e não te cobra velocidade sobre humana contra os inimigos e nem uma mira a la robin hood.

    Uma coisa que gostei nele em comparação os jogos da franquia principal e o fluxo, os games regulares tem muito puzzle, muito leva e trás e muito back tracking, mas esse game como a proposta parece ser de múltiplas jogatinas curtas, ele acaba sendo bem mais dinâmico.

    E mesmo assim algumas vezes eu me pegava pensando...uhn  pra que lado vou agora e até tentando fazer um tradicional back tracking, mas o jogo meio que bloqueia por seções.

    O chefe final foi mais desafiador pelos controles do que por ele em si, na verdade a maior parte desse jogo é mais desafiadora pelos controles do que pelos puzzles/inimigos.

    Mais uma página do meu carnê das casas bahia gamer foi retirada, ta pago, pena que não terminei quando criança, eu adorava esse lance de multiplos cenários, inclusive isso me fez terminar umas 5 - 6 vezes aquele spin off de sonic com o shadow.

    12/50

    @desafioanual

    29
    • Micro picture
      mastershadow · 7 months ago · 3 pontos

      Eu sempre gostei desse game, acho divertido.Meu unico problema com ele é a falta de save no meio da jotatina, por mais que seja curto, as vezes vc nao ta com tempo/disposição pra ir até o final, e isso frusta,pois nao tem como salvar.Quem joga em console como meu caso é chato dai.Quem joga em emulador, nesse caso o save state é até justificavel.

      2 replies
    • Micro picture
      seufi · 7 months ago · 2 pontos

      "O de hoje tá pago"

    • Micro picture
      felipe_turesso · 7 months ago · 2 pontos

      Eu gostei bastante do Survivor, apesar dos problemas dele.

      Eu fechei o jogo recentemente e o enredo foi o ponto que mais chamou minha atenção. Até pensei na possibilidade, embora improvável, da Capcom fazer um remake dele. Enfim, até que é um game porreta :D

      6 replies
  • felipe_turesso Felipe Turesso
    2021-02-21 16:27:37 -0300 Thumb picture

    Resident Evil: Survivor finalizado.

    Ontem fechei o Resident Evil: Survivor.

    Eu já tinha jogado umas duas vezes no passado, porém nunca o joguei inteiramente em decorrência do medo quando criança (HAHAHA). Pensei que seria pior, haja vista as inúmeras coisas que li e ouvi falar sobre o game. Não se trata de um jogo formidável, mas é divertido. Particularmente gostei dele, mesmo possuindo uma jogabilidade complicada em alguns momentos.

    Só não entendi mesmo a sacada de não poder salvar o progresso do jogo. Enfim, é um jogo legal até. Dá para se divertir jogando ele. Além disto, possui um enredo interessante e macabro.

    Muito ôxi!

    8
    • Micro picture
      jcelove · 7 months ago · 2 pontos

      É mesmo, nao tem save, mas é por ser curtinho. A pegada arcade.hehe
      Dependendo da rota q pegue termina em uns 40min .

      2 replies
  • thecriticgames Matheus Pontes
    2020-10-13 22:06:17 -0300 Thumb picture

    Desafio: como se fosse a primeira vez

    O @vante me summonou dos mortos pra este @desafio que consiste em citar jogos de seu passado segundo estas regras:

    Regras:

    - Citar pelo menos 3 jogos em que a primeira experiência foi muito impactante, devido à descobertas ou emoções que despertaram e que se você fosse jogar de novo, não teria a mesma surpresa de antes (é aquele jogo que dá até vontade de esquecer só pra ter a primeira experiência de novo).

    - Marcar alguns amigos pra participar também

    E vamos ao desafio porque to com vontade de postar coisas de jogo no Alva.

    Final Fantasy IX

    Sabe quando um jogo te pega pela musica, gráficos e atmosfera? Foi esse comigo, junto de  Silver e Hero Senki me fez querer escrever, desenhar e tentar criar uma história, nasceu ali Guerreiro dos Talismã, meu shonen de homens palitos com personagens com poderes de FF IX num mundo de Silver com formas de Gundans, Kamen Riders e Ultramans. Hoje tremendamente zerado eu fiz uma parte considerável da minha paz com meu passado nostálgico gamer. As vezes queria conhece-lo de novo do zero, mas acho que eu carregaria algum preconceito bobo com o visual e passaria boa parte da jornada tentando desmerecer na minha mente o jogo caso não o conhecesse desde a infancia.

    Resident Evil 3/Survivor

    Aqui moram jogos que eu realmente queria esquecer e experimentar de novo, na época ainda descobrindo o PS1 quando nem sabíamos pronunciar Resident Evil direito meu irmão comprou o RE3 e eu o Survivor sem conhecermos nada da saga. Enquanto assistia ele se desdobrando de medo e pavor do Nemesis sem passar do segundo encontro dentro da delegacia mesmo após anos de gameplay (meu irmão era muito ruim) eu ia me cagando de medo em gameplays isolados de RE Survivor com amigos do meu irmão de telespectador, com medo de topar com o Nemesis em uma virada de esquina, me apavorou muito ambos os jogos e hoje gosto muito deles, principalmente RE3 que só fui zerar anos depois quando comprei do meu irmão o jogo e que estampava tudo quanto é loja de games da época, bem que o jogo merecia um remake...

    Super Metroid/Metroid Fusion

    Este é um caso curioso, descobri a saga ja com o PS2 quando meu amigo que ama games conseguiu seu primeiro console um SNES, na epoca em que ele começou a jogar tudo que eu sabia é que ele era tido em alguns meios como o melhor jogo de SNES e nem sequer sabíamos o que diabos era um Metroid (de fato, achavamos que a Samus era um XD). Quando pesquisei na internet e passei os basicos da trama da saga até então pra ele (Samus, Metroid, Chozos, Ridely e Mother Brain) começou uma verdadeira jornada espacial, todos os dias eu ia na casa dele e quase como um diario da testemunha de um heroi eu ia escrevendo mentalmente o trajeto que aquela heroina fazia no planeta Zebes encarando seus mistérios até a chocante batalha final com zero spoiler e muita emoção para ambas as partes. Pude reviver de forma acentuada e com Zero spoiler todo o drama, misterio e caustrofobia no Fusion que consegui zerar na epoca de lançamento com um emulador de GBA (em uma época que o VBA era tão arcaico que não rodava ainda as ROMs de Pokemon Ruby & Safira) queria as vezes esquecer totalmente o Fusion, esquecer de SA-X, da misteriosa sombra que voa ao fundo de um dos cenários fazendo os vidros trincarem e o lugar vibrar.

    Shin Megami Tensei Persona 3

    Dispenso maiores comentários, quando eu terminei esse jogo eu senti como se tivesse morrido meu melhor amigo, como se ele tivesse me dado adeus sumindo em uma luz indo pra outra vida enquanto sorria e me olhava, foi muito triste e eu queria esquecer totalmente para revisita-lo, mesmo correndo o risco de reviver o péssimo primeiro encontro com o jogo onde quase o atirei pela janela tamanho desgosto pelas batalhas por turno. Queria poder dizer o mesmo do 4 mas ali foi o reverso, ótima primeira impressão e um gosto de + ou - com a resolução.

    Okami

    Lembro de quando vi esse jogo em uma revista pela primeira vez, eu não conseguia imaginar de maneira nenhuma essa imagem ai de cima se mexendo e nem as varias outras mesmo as que tinham barras de energia e as reticulas comuns que o caracterizam como um  jogo e quando finalmente criei coragem de compra-lo eu não conseguia aceitar que aquilo se mexia novamente, e foi dono de uma puta de uma jornada emocional assim como P3, queria esquecer e reviver novamente.

    Shovel Knight

    Meu jogo favorito, queria esquecer de todos os personagens e rezerar com meus amigos, redescobrindo cada NPC maluco e carismático que habito a esse caricato mundo cheio de cores.

    MENÇÕES HONROSAS: Vários, mas cito em resumo aqui, jogos da saga Souls, Demon's, Dark 1 e Bloodborne que são os únicos que zerei até então, ah e os Bioshocks tambem, todos os 3.

    desafio @hard_waters @manoelnsn e @volstag porque vocês 3 tudo falaram comigo recentemente.

    39
    • Micro picture
      vante · 12 months ago · 3 pontos

      Os jogos de Metroid 2D realmente são muito marcantes, são jogos muito inesperados e muito bem feitos também! Pena que só conheço esses da lista kkkkkkkkk

      5 replies
    • Micro picture
      rax · 12 months ago · 2 pontos

      Lista top.Alguns ai me da vontade de rejogar como se fosse a primeira vez mas,por experiencia sei que isso nunca vai acontecer infelizmente da mesma forma,mas fico feliz de os ter experienciado tambem. (2 jogos da sua lista me marcaram em umas epocas bem especificas que me fariam pensar/sentir/experienciar/refletir/aproveitar de forma diferentese os jogasse atualmente,os 2 games foram Persona 3 e Okami.)

      2 replies
    • Micro picture
      gusgeek · 12 months ago · 2 pontos

      Todos os Metroids 2D, Okami e Shovel Knight (principalmente todas as campanhas) Eu também queria "esquecer" pra jogar tudo de novo!! XD

      1 reply
  • 2019-12-07 19:56:49 -0200 Blank user
    laicons checked-in:
    Post by laicons: Aquele jogo que é ruim mas e bom.. #psclassic #auto

    Aquele jogo que é ruim mas e bom.. #psclassic #autobleen

    2
    • Micro picture
      onai_onai · almost 2 years ago · 1 ponto

      É um jogo ruim que também gosto.

  • eduardo_wrzecionek Eduardo Wrzecionek
    2019-03-29 02:48:15 -0300 Thumb picture

    Finalizado

    Depois de 1 fucking semana tentando zerar consegui terminar  essa @!#$%¨&* sem usar save state. Como o jogo Não tem o save game em nenhum momento e ainda por cima no normal. Uma dica pra quem for jogar usa bastante o L1 vai ajudar pacas na mira. Nota final daria um 69 pra ficar mais gostoso, gostei do nível de dificuldade dele bem desafiador. 

       

    11

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...