This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • rafael_mingato Rafael Mingato
    2021-10-11 18:28:56 -0300 Thumb picture
  • wanderyen Wanderyen Erin
    2021-10-10 04:54:07 -0300 Thumb picture
    wanderyen checked-in:
    Post by wanderyen: <p>#img#[794920]</p>

    0
  • andre_andricopoulos Andr√© Zanetti Andricopoulos
    2021-10-08 00:24:20 -0300 Thumb picture

    WELCOME TO RACOON CITY

    Parece melhor...

    Há muitos detalhes de quem se preocupou em jogar os jogos como ITCHY / TASTY escrito em sangue (palavras descritas nos diários dos games). 

    Ou ainda essa ic√īnica cena:

    Uma coisa é certa: não será difícil fazer algo melhor do que as porcarias estrelada pela "gracinha" da Mila Jojovich

    29
    • Micro picture
      thiones · 15 days ago · 5 pontos

      Eu até que gostei do trailer. Desde que não tenha esposa do diretor com mais poderes que o Neo, acho que pode dar certo.

      1 reply
    • Micro picture
      jcelove · 15 days ago · 3 pontos

      Ah vi hj e pelo que entendi vao misturar elementos do enredo do re 1 e 2 na mesma historia so pelo fanservice...é isso mesmo? Tem um jeitao de bomba e definitivamente nao verei mas de fato, pra ser pior que os da Alice tem que se esforçar bastante

      5 replies
    • Micro picture
      matsugaki · 14 days ago · 3 pontos

      A ideia de usar o enredo e monstros, fiéis aos do jogo, maravilhoso, mas os atores... Esse Leon mexicano aí. IH RAPAZ

      6 replies
  • mateusmaster Mateus Antonio da Silva
    2021-10-07 00:03:09 -0300 Thumb picture

    Filmes maratonados: Resident Evil (as anima√ß√Ķes can√īnicas)

    Concluindo mais uma etapa nessa grande jornada que √© consumir quase tudo poss√≠vel de Resident Evil, nos √ļltimos dois meses tamb√©m assisti √† essas quatro produ√ß√Ķes animadas em computa√ß√£o gr√°fica que s√£o can√īnicas dentro da franquia! Foi assim: ap√≥s jogar RE 4 eu assisti √† Degeneration e depois √† Infinite Darkness. Em seguida joguei RE 5 e somente assim pude ver Damnation. Previsivelmente, ap√≥s zerar RE 6 parti para Vendetta xD S√≥ √© uma pena que as conex√Ķes reais entre essas anima√ß√Ķes e os games sejam beeeem t√™nues, se n√£o inexistentes. Mas foi uma experi√™ncia legal, cumprem o papel de expandir o universo da franquia, por citar ag√™ncias como a BSAA, a TerraSave e outras.¬†

    O maior astro de todas essas obras √© o Leon, impressionante a popularidade que o fod√£o de franja tem! Essas anima√ß√Ķes todas focam-se em apresentar um acontecimento epis√≥dico dentro da saga, um caso isolado que envolva alguma cat√°strofe com armas bio-org√Ęnicas (B.O.W) em que nossos her√≥is precisam investigar e lutar contra. Fica claro para mim que os games da era de a√ß√£o (RE 4, 5 e 6) seguem bem nessa toada. Infelizmente nenhuma dessas obras chega a ser realmente estupenda na hist√≥ria, por√©m muitas tem √≥timas cenas de a√ß√£o e foram primores t√©cnicos em suas √©pocas.

    - Degeneration

    O primeiro filme em computação gráfica da franquia mostra que é sim possível fazer uma história que conversa com os games e funciona por si só, mesmo que executada de forma meio torta. Acompanhamos um capítulo na história de Leon e Claire, que voltam a se encontrar inesperadamente para mais um pesadelo!

    Degeneration se passa em meados de 2005, um ano após as desventuras de Leon com o culto espanhol dos Illuminados, e sete anos depois do incidente em Raccoon City. Na história vemos Leon trabalhando com a S.R.T. (Special Response Team), em conjunto com seu mais novo crush, Capitã Angela Miller. (Aiai esse Leon...) Por outro lado, Claire tem papel de liderança em uma ONG que apoia vítimas de bioterrorismo chamada TerraSave.

    Quanto aos antagonistas, primeiro o filme apresenta Curtis Miller, irmão de Angela, que tem um passado traumático devido os acontecimentos de Raccoon e se dedica na luta contra o bioterrorismo por meios menos dignos; Frederic Downing, chefe da empresa WillPharma, personagem que primeiro desconfiamos de sua índole, depois aparentemente confiamos nele por ser cabeça da empresa farmacêutica a produzir vacinas para o T-Virus, e por fim descobrimos que ele era um ex-empregado da Umbrella que havia roubado doses dos vírus T e G... E um personagem meio que sobrando aqui é o Senador Ron Davis, figura meio patética corrupta que só pensa em seus ganhos pessoais.

    A animação se passa em dois cenários majoritariamente, o aeroporto de Harvardville que é assombrado por um ataque envolvendo o T-Virus e a sede da WillPharma, em que uma bomba explode e vemos Curtis injetar uma dose do G-Virus em si mesmo, virando assim um monstrengro tal qual William Birking. Ambos só cenários são palco para muitos tiros e ação desenfreada.

    Leon neste filme n√£o aparenta ser a mesma pessoa que foi em Resident Evil 4, se n√£o fosse a franja estaria irreconhec√≠vel, nem mesmo loiro √© mais, n√£o esbo√ßa emo√ß√Ķes e nem o humor sarc√°stico do game, sempre estando de cara fechada. Mas o seu fraco por mulheres continua forte, roubando at√© um beijo de Angela em um momento bem nada a ver em baixo d'√°gua! J√° Claire mant√©m personalidade vista nos outros games, sempre disposta a ajudar os outros, tendo fortes rela√ß√Ķes com crian√ßas (no caso a indiana Rani) e tal, o problema √© que pouco a colocam na a√ß√£o de fato... E que roupinha feia essa que colocaram nela kkk

    A qualidade da anima√ß√£o √© mista, parece MUITO como se fosse uma grande cut-scene... os cen√°rios s√£o bem feitos para as √©poca, por√©m o rosto dos personagens s√£o zoados, n√£o expressam muitas rea√ß√Ķes e os olhos s√£o mortos, e a qualidade da movimenta√ß√£o do corpo tamb√©m √© estranha, parece meio travado e com movimentos lerdos demais. O ritmo do filme √© regular, tendo momentos cansativos com di√°logos fracos.

    Porém ainda é um filme legal, para os fãs da franquia é um alívio em face dos filmes da Milla. Foi aqui que Resident Evil mostrou consequências do caso Umbrella/Raccoon City, mostrando que o mundo não era mais o mesmo e diversos ataques estavam acontecendo no mundo. Além de introduzir novos conceitos à saga, como a TerraSave e a nova empresa do pedaço: Tricell Incorporate, compradora dos restos da WillPharma. Construção de universo que fala?

    - Damnation

    Segundo filme animado da franquia, Damnation novamente segue o queridinho da Capcom e de grande parte do p√ļblico, Leon S. Kennedy, em uma miss√£o especial contra BOWs em cen√°rios de conflito pol√≠tico. Tem uma qualidade gr√°fica muito superior √† Degeneration, parecendo √≥timas cutscenes de games da atua gera√ß√£o. Conta uma hist√≥ria bem epis√≥dica dentro do lore da franquia, mas √© interessante o bastante para proporcionar boas cenas de a√ß√£o e de luta.

    Sendo ambientada em uma zona de guerra na Rep√ļblica Eslava Oriental (pa√≠s fict√≠cio do Leste Europeu), no ano de 2011, a trama mostra a guerra civil envolvendo o governo tir√Ęnico daquele pa√≠s e os rebeldes populares, em meio a uma guerra em que as armas bio-org√Ęnicas est√£o sendo utilizadas por ambos os lados. √Č uma narrativa abrangente, que se alinha a games como RE 5, 6 e Revelations 1, em que o foco passa a ser envolvimento de governos internacionais e grupos terroristas com a heran√ßa maldita que a Umbrella deixou ao mundo. Leon √© enviado para o local, mas desobedece coordenadas (passadas pela Hunnigan!) de retirada e decide ficar no pa√≠s para investigar um pouco mais. Gra√ßas a Deus mantiveram um senso de humor c√≠nico no personagem que, apesar de ainda estar carrancudo, n√£o √© mais o boneco de cera inexpressivo de Degeneration. No desenrolar da trama ele acaba por ser capturado pelos rebeldes, mas logo passam a cooperar. No lado das for√ßas rebeldes, somos apresentados √† Ataman, senhor que tem o poder de controlar as BOWs, J.D, o cara maneiro que curte a Am√©rica e Buddy, uma das figuras de lideran√ßa do grupo. N√£o demora muito para percebermos que os errados nessa hist√≥ria s√£o aqueles no poder (Fight the Power!), centralizados na figura da milf presidente Svetlana Belikova, que em segredo, mantinha in√ļmeros Tyrants e outros monstros em seu dom√≠nio. Mas nem s√≥ de ‚Äúbem e mal‚ÄĚ vive esse filme, que me surpreendeu a mostrar a sempre enigm√°tica espi√£ Ada Wong, que aqui surge se passando por uma agente da BSAA, mas logo se demonstra estar ali apenas para interesses pr√≥prios e roubar uma amostra para si!

    A narrativa segue para l√° e para c√°, ora mostrando Leon enfrentando seus velhos conhecidos Lickers, ora enfrentando civis infectados pelo parasita Las Plagas vers√£o 2. As cenas de confrontos s√£o boas, sempre primeiro colocando a c√Ęmera em primeira pessoa com uma lanterna para dar certa tens√£o e depois evoluem para combates armados contra os monstros, que me deixaram com plena vontade de pegar o DualShock kkk Adiante no filme ocorre uma bela de uma luta mano-a-mano, ou melhor, gata-a-gata entre Ada e a presidente e wow, surpreendentemente uma luta muito justa e que deixa at√© Ada impressionada. Achei um pouco for√ßada algumas situa√ß√Ķes como uma em que Leon e Ada se safam de dez guardas apontando armas em suas dire√ß√Ķes, mas... beleza. O bom √© que ap√≥s isso o filme segue em ritmo acelerado com direito √† muitos Lickers (que est√£o sendo controlados por Buddy... ok, foi dif√≠cil engolir essa), e um Tyrants T-013, muito parecido com o Mr. X de RE2, que realmente imp√Ķe respeito. Ap√≥s sofrer para derrotar um, com direito a um tiro de tanque na cabe√ßa do monstr√£o... tudo isso para mais dois surgirem no horizonte, coitado de Leon e Buddy kkk Por√©m nada que uma uni√£o pac√≠fica entre EUA e R√ļssia para resolver a situa√ß√£o e salvar o dia, n√£o √© mesmo?!

    √Č um filme legal, epis√≥dico, mas que tem v√°rias refer√™ncias aos games cl√°ssicos e representa um Leon muito melhor que o do filme animado anterior. Creio que a maior liga√ß√£o com os games seja a Ada usurpando mais uma amostra, agora do Las Plagas tipo 2. Tanto que nos cr√©ditos finais s√£o mostradas cenas de Resident Evil 6! A qualidade do CGI √© alta, parecendo mesmo games de √ļltima gera√ß√£o, com bons movimentos e tudo mais. Leon nunca √© demais, n√£o √© mesmo? E aqui ele foi s√≥ um pouquinho gado, quase nada xD

    - Vendetta

    Criticado por muitos e apreciado pelos mais entusiasmados, o terceiro filme animado can√īnico da franquia entrega ao p√ļblico a t√£o requisitada parceria entre Leon S. Kennedy e Chris Redfield, dois dos maiores protagonistas da franquia (e tamb√©m do mundo dos games), al√©m de Rebecca Chambers, que estava sumida desde RE Zero. Vendetta, assim como os filmes anteriores, √© epis√≥dico e demonstra mais uma opera√ß√£o contra o bioterrorismo, BOW e vil√Ķes caricato.

    A Capcom nunca deu certeza sobre o ponto em que esse filme se encaixa na cronologia, porém é certo que se passe entre os acontecimentos do sexto e do sétimo game, ou seja, entre 2013 e 2017 (muito se aponta ser em 2014). O cenário passa por diversos locais, porém grande parte da segunda metade se passa na metrópole de Nova York. O vilão da vez é Glenn Arias, um magnata que vendia vírus e BOWs no mercado negro. O motivo de seu surto genocida decorreu de um ataque do governo americano que veio a matar seus amigos, familiares e sua noiva, bem no dia de seu casamento. O cara perdeu a cabeça, até mesmo guardou o braço de sua amada. Devido a isso, desenvolveu o A-Vírus, vírus que transforma pessoas em zumbis mas com o poder de diferenciar aliados e inimigos. O diferencial desse vírus também é seu método de infecção: seu agente foi espalhado na água potável da região de South Lake, porém só é ativado pelo gás que o vilão solta esporadicamente em pontos específicos.

    Na real, o filme já abre com Chris e seus soldados da BSAA em uma operação em uma mansão (muito parecida com a Mansão Spencer) a fim de prender Gleen, porém foram surpreendidos por zumbis ágeis e ferozes, e pelo próprio vilão, que dá um belo de um sopapo em Chris. No desenrolar do filme vemos que Rebbeca se tornou uma brilhante cientista, chegando a ponto de criar um antivírus para o A-Vírus, motivo pelo quão foi perseguida pela capanga de Glenn, Maria, uma mariposa ardente. Se não fosse por Chris, ela teria sido levada ali mesmo. Após isso ambos resolvem procurar por Leon, que estava de férias após sua equipe ser dizimada por um grupo envolvido com o vírus zumbi. Leon estava na fossa: sem esperanças, sofrendo de stress pós traumático, vivendo uma vida regada a álcool (exatamente do jeito que Chris estava no início de RE6). Custou, mas após muita insistência de Chris e Rebecca, é convencido a ajudar. E logo após isso, sem nem tempo de respiro, grupos de Glen atacam nossos heróis.

    A partir daí temos cenas de ação uma mais insana que a outra, em que Chris tá suas fodices e Leon mete uma mitagem atrás da outra, principalmente em cima de uma potente moto. O filme realmente tem excelentes cenas de açãone de combate, sério, ver Chris e Leon matando hordas de zumbis nesse filme são o ápice de tais cenas na franquia. Matar zumbis não é suficiente, tem que ser estiloso.

    O nível da animação gráfica é alta, o filme é o mais bonitos de todos cenários são perfeitos, personagens mitoo bem modelados (só estranho um pouco o rosto de Leon), e o nível da animação corporal e movinentos é altíssimo. Os personagens secundários pouco acrescentam ao filme e ao lore da franquia. Do lado dos mocinhos, temos D.C, Damian e Nadia, todos membros de elite da BSAA, porem pouco aparecem e estão ali para constar. Já do lado do mal, temos apenas Maria (a fêmea fatal) e Diego (o brutamontes), ambos agem como força tarefa de Glenn. Todos esses personagens pouco são aprofundados na trama e estão apenas lá por estar.

    A trama n√£o √© t√£o inspirada assim, n√£o tem nada que saia do convencional, mas serve para proporcionar boas cenas de confronto. S√≥ √© uma pena que utilizam do artif√≠cio da mocinha em perigo e deixam Rebecca em cativeiro at√© o final do filme. Mas pior que isso, a vontade de Glenn era se casar com Rebecca, por causa de sua apar√™ncia muito pr√≥xima a de sua falecida noiva. Pois√© kkk mas superado essa parte, o filme se encaminha aos finalmentes e √© onde o ritmo n√£o para. √ďtimas cenas de a√ß√£o com os her√≥is e uma luta empolgante entre Chris e Glenn, com direito at√© a troca de tiros a queima roupa sem nenhum tiro ser acertado. Ap√≥s a √≥bvia vit√≥ria de Redfield, o vil√£o cai para a morte certa. Mas que vil√£o morre assim t√£o f√°cil na franquia? N√£o, Glenn se funde com Diego, virando uma ciratura muita semelhante a um Tyrant e volta com sangue no z√≥io para o round 2.

    Bom, eu entendo que a trama n√£o seja especialmente inspirada - mas at√© a√≠, qual anima√ß√£o de RE foi? - por√©m as cenas de a√ß√£o e combate mano a mano, a uni√£o de Leon e Chris, a volta de Rebecca aos holofotes e os bel√≠ssimos visuais fazem valer a pena assistir. S√≥ √© uma pena que mais uma vez seja um epis√≥dio isolado no combate infind√°vel contas o bioterrorismo, n√£o h√° liga√ß√Ķes com o que viria a seguir na linha do temos de Resident Evil.

    - Into Darkness

    Com toda certeza o formato original dessa animação era um filme, não faz sentido algum uma série com quatro episódios de 20 minutos cada... Enfim, lançado pela Netflix, Into Darkness é a quarta produção em CGI da franquia, infelizmente possui mais pontos negativos do que positivos, sendo uma obra mediana. O filme carece de cenas de ação, ficando reservado demais à cenas expositivas, flashbacks sem marcação de tempo e tentando explicar uma trama não muito inspirada. Porem a qualidade visual é boa, a expressão facial é perfeita, anos-luz a frente das bizarrices vistas em Degeneration...

    A hist√≥ria, can√īnica, se passa em 2006 e reverbera acontecimentos do segundo e do quarto game da franquia. A trama gira em torno das consequ√™ncias do envolvimento americano na guerra civil de Penamstan. Leon S. Kennedy e Claire Redfield novamente ganham destaque, por√©m essa balan√ßa pesa mais para Leon. O ex-loiro da franjinha ainda trabalha para o servi√ßo especial do governo americano. J√° a irm√£ de Chris mant√©m seu status de ativista da ONG TerraSave, dessa vez ajudando civis de Penamstan.

    Leon √© convocado pela equipe do pr√≥prio Presidente Graham (o pai da Ashley) para investigar um suposto ataque hacker, por√©m logo descamba para uma hist√≥ria envolvendo armas bio-org√Ęnicas (BOWs), intrigas internacionais entre EUA e China, agentes duplos e corrup√ß√£o governamental. Leon √© designado a uma miss√£o em Xangai, na China, junto com dois outros agentes: Shen May, especialista em ci√™ncia da computa√ß√£o, e Jason, um ex-soldado que esteve na guerra civil de Penamstan, e foi recebido como um ‚Äúher√≥i‚ÄĚ ao retornar aos Estados Unidos. J√° Claire, ainda em Washington, come√ßa a investigar por conta pr√≥pria a verdade sobre a guerra civil de Penamstan e o envolvimento do Secret√°rio de Defesa Wilson (o filho da puta da vez). O que ela descobre √© uma conspira√ß√£o envolvendo armas biol√≥gicas e o governo americano.

    Tem boas cenas de ação, como a invasão dos zumbis na Casa Branca, dos ratos zumbis no submarino, do ataque em Penamstan e a cena da "Boss Fight final", em que temos uma espécie de Tyrant com consciência. Mas é pouco, poderia ter mais, a obra exagera em cenas de diálogos, porém tem uma conversa muito boa entre Leon e Jason em que ele abre seus sentimentos sobre sua experiência de 1998. Nisso já começa o papinho de Terror e Medo. Into Darkness aborda o mundo pós Umbrella, com BOWs sendo usadas como armamento de guerra por governos, experimentos com supersoldados e por fim o envolvimento da nova empresa da vez, a Tricell.

    Ah, essa anima√ß√£o √© mediana, poderia ter mais cenas de a√ß√£o, explicar quais v√≠rus foram usados e talvez ser um pouco menos confuso em certas motiva√ß√Ķes. A qualidade gr√°fica √© alta, a movimenta√ß√£o tamb√©m. Leon mant√©m sua personalidade aqui, sendo ao mesmo tempo casca dura e tendo senso de humor sarc√°stico, al√©m de ser o centro motor da trama. J√° Claire serve mais como personagem de apoio, movimentando investiga√ß√Ķes importante, mas acabando como a mocinha a ser resgatada no final. √Č um filme ok, voltado inteiramente aos f√£s imersos na franquia.

    O Saldo:

    Ent√£o,¬†avaliei cada filme no sistema de 5 estrelas do Letterboxd, e enquanto fazia assistia-os,¬†entre cada uma dessas obras ficava o pensamento de que a hist√≥ria poderia ter sido um pouco mais bem elaborada, mais ousada, ou at√© mesmo que a narrativa fosse mais inovadora, portanto, como obras cinematogr√°ficas eu n√£o penso que s√£o grandes filmes, por√©m eu gosto de cada um deles, e pretendo sim REver futuramente! Fica evidente que a nota m√©dia dessa linha de filmes animados de Resident Evil √© 3 estrelas de 5! Eu recomendo bastante para qualquer f√£ da franquia, apesar de n√£o adicionarem conte√ļdos relevantes para a main line da franquia, s√£o obras que expandem a lore e s√£o indispens√°veis para os fanboy do Leon S. Kennedy kkk

    Agora é só ficar de olho para ver se a Netflix vai realmente dar sinal verde para continuação de Infinite Darkness. E se assim o for, que por favor, tente entregar algo mais inventivo! 

    3/5 estrelas

    4
  • 2021-10-01 18:40:08 -0300 Thumb picture
  • felipe_turesso Felipe Turesso
    2021-09-28 17:26:25 -0300 Thumb picture

    Documentos narrados em Resident Evil (1996)

    A minha irmã, @videogamesdeath, possui um canal chamado Video Games Death e faz vários vídeos de jogos de terror, lives, dentre outras coisas. Hoje iniciamos um projeto de narrar documentos de jogos, assim como canais estrangeiros no YouTube também fazem. Começamos com Resident Evil (1996), mas queremos fazer de vários outros games.

    Esperamos que gostem e pra quem gosta de jogos do g√™nero o canal dela √© um prato cheio. Muito √īxi! :D

    7
  • jcelove Jos√© Carlos
    2021-09-27 17:36:35 -0300 Thumb picture

    Resident Evil 1 do PS1 em primeira pessoa

    Feito na Unity, ta até bem fiel.

    33
    • Micro picture
      thiones · 25 days ago · 3 pontos

      Só não gostei dos modelos dos zumbis, a ambientação está demais e ainda mantiveram a OST clássica de 96

      1 reply
    • Micro picture
      mateusfv · 25 days ago · 2 pontos

      Interessante, apesar que RE em primeira pessoa, j√° tem as campanhas dos 3 primeiros no L4D2 e.e

      4 replies
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 24 days ago · 1 ponto

      T√ī no trampo ent√£o...republicando p ver depois...

      Mas realmente...os modelos dos zumbis...kkkkkkkkkkk

  • jcelove Jos√© Carlos
    2021-09-17 23:12:27 -0300 Thumb picture
    Post by jcelove: <p><a href="https://www.youtube.com/watch?v=BFniapI

    Se tivesse dinheiro pra jogar na tela jogava, perfeito demais!

    23
  • natansouza Natan Souza
    2021-09-15 12:35:39 -0300 Thumb picture
    Post by natansouza: <p>Me lembro bem dessa parte... Enxeu muito o saco

    Medium 791488 3309110367

    Me lembro bem dessa parte... Enxeu muito o saco até descobrir a maldita combinação... Kkkkk

    40
    • Micro picture
      thiones · about 1 month ago · 3 pontos

      Essa eu nunca vou esquecer. Desde que nasci até o dia em que morrer (entendedores entenderão).

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · about 1 month ago · 2 pontos

      Desse jeito...lol

    • Micro picture
      santosmurilo · about 1 month ago · 2 pontos

      eu nunca acertei! tive que comprar detonado pra passar kkk

  • thiones Seb√° Oliveira
    2021-09-13 19:27:27 -0300 Thumb picture

    Parece que o PH lembrou a senha do canal.

    Como dizem que quem é vivo sempre aparece (eu não concordo), o PH apareceu depois de um ano sumido. Quase um Filipe Ramos da vida. 

    14
    • Micro picture
      jcelove · about 1 month ago · 2 pontos

      Comecei a ver ontem mas n√£o terminei. Gostava do canal mas ele gosta de umas opini√Ķes pra gerar flame.hehe

      2 replies

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...