• anduzerandu Anderson Alves
    2022-08-21 09:30:16 -0300 Thumb picture

    Registro de finalizações: Contra Hards Corps

    Zerado dia 20/08/22

    Na época do SNES vs Mega Drive a Konami fazia uma coisa bem curiosa: lançava jogos diferentes de grandes franquias ao invés de apenas portar um mesmo jogo para os dois hardwares. Foi assim com Turtles in Time versus Hyperstone Heist, Castlevania IV versus Bloodlines e Contra III versus Hard Corps.

    Que época louca, hein? Só coisa grande para ambos os lados! Será que alguém nesse período já chegava ao ponto de adquirir ambas as plataformas para desfrutar de tudo isso?

    O fato é que o Sega Genesis não fez tanta parte assim da minha vida. Na infância um primo meu era meio Seguista e falava muito bem de Sonic. Íamos nos fliperamas para jogar mas eu não achava essa Coca toda não. Em outras oportunidade cheguei a conviver com o console da Sega (mesmo sem saber o nome) e jogar um bocadinho de coisa bem por cima (como Altered Beast), mas eu realmente não via a graça de jogar essas coisas.

    Há poucos anos tenho me aberto à mais plataformas depois de eras focado na Nintendo e um pouco de Playstation e PC. No caso do Genesis era mais "complicado" pois era um console antigo e que exigia emulação. Fora que eu ainda tinha que descobrir que jogos como Contra Hard Corps (CHC) existiam. Por muito tempo não vi muito motivo para largar, sei lá, o meu Wii U, 3DS e PS3 e ir baixar um emulador.

    Felizmente vários amigos me abriram os olhos para clássicos tanto do Mega quanto do Master System e venho jogando e conhecendo as coisas a fundo com o tempo. O Genesis cresceu muito no meu conceito, mas não vou mentir que me decepciono bastante com vários jogos famosos. Muita coisa simplesmente não envelheceu bem.

    Resolvi ir atrás de CHC pois além de ser algo curto, eu já terminei a grande maioria dos títulos da franquia clássica (falta o Forces) mais alguns outros mais modernos (acredito que vou deixar passar os de PS1). Modéstia aparte, eu fiquei bom na franquia e muito confiante.

    Há uns poucos meses iniciei o jogo, joguei o primeiro estágio e simplesmente deixei para depois.

    CHC é bem o run 'n' gun esperado e com aquela temática futurística/alienígena da franquia naquela geração. Uma coisa que eu percebi cada vez mais é que ele tem um lado mais robótico ou Exterminador do Futuro/Robocop ao invés da clássica temática das Forças Armadas americanas em cenários de guerra como florestas e afins. O mundo aqui é mais cyberpunk ou sei lá. Os inimigos mesmo são mais máquinas.

    Os visuais são...Um pouco abaixo do esperado, bem mais simples do que eu lembrava quando joguei ontem. Na verdade eu acredito que estava com muito do Blazing Chrome na mente e acabei recebendo um jogo bastante aquém do SNES. A maior parte das vezes senti que seria algo que rodaria até num NES, para ser sincero. Não que isso seja um problema.

    Nessa minha nova jogatina, eu lembrei porque eu deixei o jogo de lado anteriormente: ele é bizarramente difícil! Ou seria injusto?

    Tem sempre aquele monte de inimigo entrando na tela enquanto você corre, atira pra frente, para e atira para trás, mira e atira diagonalmente num inimigo numa parte superior da tela. Porém esse jogo parece ter um foco maior em chefes. Você mata uns caras, acha um sub-boss, o derrota, anda mais um pouco, outro sub-boss e depois de um pouco de outros desafios, um boss. São muitos!

    E diferentemente de um Mega Man da vida, esses chefes demoram demais para serem destruídos quase sempre e mesmo quando aprece que finalmente acabou, vem uma nova forma. Cara, é tenso! E isso vindo de alguém que normalmente acha Contra até justo e que insistiu muito para terminar o 4 no DS, que é bem tenso também. CHC está em outro nível!

    Eu apanhei muito mesmo na primeira fase e mesmo sabendo o que fazer para derrotar seu chefe, que ainda assim era bem imprevisível! Lembrei que na época os jogos eram mesmo difíceis (talvez nem tanto) e que há uma necessidade GRANDE de experimentar, aprender, decorar os estágios e seus chefes. Infelizmente tive que apelar para o savestate pois não tenho mais paciência para dar Game Over a cada duas mortes e re-jogar mil e uma vezes a campanha. Na infância esse jogo teria durados muitos meses comigo e possivelmente nunca o teria terminado para voltar pro Donkey Kong Country 3 ou algo do tipo.

    Mesmo com o savestate não foi uma tarefa fácil, mas isso porque não os faço com frequência e esse primeiro chefe mesmo eu devo ter enfrentado umas 20 vezes! Será que eu sou tão ruim assim, haha?

    Tem momentos que o hitbox é bem duvidoso ou que você tem que se posicionar perfeitamente num lugar para não morrer. E olha que quando encostada num oponente te mata!

    Fora a dificuldade bizarra, CHC traz muitas novidades positivas para a franquia. Primeiro que há muito enredo no jogo desde o briefing das missões como  acontecimentos nas fases que geram diálogos e até escolhas. Escolhas essas que te levam para diferentes ramos da campanha e com diferentes consequências.

    Ir atrás do vilão ou ir defender o laboratório dos ataques? Você decide qual será a próxima fase. E olha que elas são bem diferentes entre elas, com chefes exclusivos para cada rota e tudo mais. Pelo o que eu entendi, pelo menos 3 jogatinas seriam necessárias para ver tudo!

    O jogo ainda introduz a possibilidade de escolher diferentes personagens (4 no total) sendo que cada um deles tem diferentes armas! Super legal!

    E nesse jogo você tem 4 slots de armas para cada personagem, ao contrário dos dois do Contra III, por exemplo. Normalmente você encontra armas nas fases e decide se as recolhe e substitui as que possuir, mas aqui não, você sempre poderá ter as 4 armas dos personagens (desde que as colete). Um dos três botões do controle do Mega Drive alterna entre elas e você decide qual usar com o risco de a perder caso morra.

    Na minha jogatina inicial eu joguei com o cara que apareceu primeiro e seu arsenal consistia no Laser, Spread, Homing e um lança-granadas. Depois que terminei a campanha e decidi jogar outra rota, fui com outro personagem (meio que um lobisomem) e suas armas eram completamente diferentes e aparentavam ser bem melhores!

    Infelizmente não cheguei a ir tão longe nessa segunda campanha (fiz duas de seis fases). Porém o caminho diferente que segui foi mil vezes mais interessante do que o que eu joguei inicialmente!

    Uma última diferença e algo que parece inicialmente bobo mas que é bem útil é que você pode rolar em CHC, uma mecânica que ignorei por muito tempo. Basta agachar e apertar o botão de pulo.

    No final da campanha uns chefes atacam e se moviam de um jeito que me fazia coçar a cabeça sem saber como evitar a morte e a resposta estava aí: rolar! As vezes eles atacam e só deixam espaço para ficar abaixado mas logo encostam em você se ficar parado ou se levantar. Se soubesse disso antes o jogo teria sido mais dinâmico e possivelmente mais fácil. Isso e o lance de escolher outros personagens, além de que jogar em dois jogadores deve sim ser mais tranquilo visto que não há estágios de rolagem vertical.

    Também tenho que mencionar que algo que me animou de recomeçar o jogo foi a possível existência de códigos de trapaça para vidas que vi no Gamefaqs.com, mas depois percebi que era para a versão japonesa. Tentei ainda o código Konami e não deu certo e o menu de opções só permite dificultar as coisas mais ainda. Fiquei com preguiça de procurar por mais ajudas na internet para a versão USA.

    Resumindo: Contra Hard Corps é legal e faz jus ao nome por ser bem HARD, mas não vi isso de uma forma positiva nesse jogo. Muitas adições foram feitas à simplicidade da franquia e tudo isso é bacana, mas a experiência em si demanda muita paciência para lidar com ataques inimigos imprevisíveis e frustrantes e muita decoreba para saber como lidar com os obstáculos, onde se posicionar numa situação de morte  instantânea e o quê pensar quando você morre porque o projétil inimigo desaparece dentro dos seus ou um tentáculo te acerta de longe e você sabe que o pulou.

    De bom: enredo e escolhas deixam o jogo mais vivo, variado e aumentam demais o fator replay. Personagens diferentes em estética e armas para você escolher. Para até dois jogadores. Mecânicas novas adicionadas como bifurcações no seguimento da história, armas exclusivas para os personagens e que você não tem que ficar decidindo quais duas levar, rolagem. Muitos chefes e eu sempre gosto de chefes.

    De ruim: Os chefes demoram demais para morrer e geralmente sempre apelam quando parece que você venceu. Dificuldade um tanto alta demais e frustrante pela quantidade de desafios e hitbox meio estranho. O jogo demanda muita tentativa e erro até pegar o jeito e se você o jogar sem savestate ou ajudas do tipo, pode preparar uns bons dias de jogo para cada rota até decorar tudo. Esperava mais da parte visual, que é bem simples.

    No geral, o jogo é maneiro mas não o colocaria entre os meus Contras prediletos. Por outro lado, com as diferentes rotas e personagens somados à possibilidade de jogar em dois jogadores fazem com que CHC continue no radar e seja atualmente o único que eu re-jogaria, inclusive com amigos. Jogo ok.

    15
    • Micro picture
      jcelove · about 1 month ago · 2 pontos

      Caramba man, ok o visual do jogo nao te atradar tanto (normal pra quem ta acostumado com a paleta do snes) mas dizer que tem parte que lembra o nes foi exagerado. Os gaficis sao muito bons, gosto mais do edtilo visual dele do que contra 3 pra ser cincero.

      As decisoes alem de mudarem as fases alteram is finais tbm, tem 5 se me lembro, incluindo um galhofa e um q vc termina na fase 3. Replay gigante.Nunca zerei, nem com savestate XD

      A versao us é sinistra na dificuldade. Nao tem cheats e os continues sao limitados. A japa é muito mais amigavel. No switch da pra mudar a regiao da rom nao?

      O boss da fase 1 tem um macete ridiculo: basta ficar no meio da tela atirando pra cima que ele nao te acerta.hehe

      3 replies
    • Micro picture
      santz · about 1 month ago · 2 pontos

      Esse se tornou meu Contra favorito depois que zerei ele. Ele é ultra apelão, mas é muito foda e super frenético.

      1 reply
    • Micro picture
      realgex · about 1 month ago · 2 pontos

      Nessa 4a geração, vamos assim dizer, primeiro eu tive o Mega Drive. Daí, um tempo depois, eu comprei o Snes. Por que ? Porque eu queria jogar demais Jurassic Park no Super Nes que eu achava fantástico (que não sei como, eu acabei no videogame) e Starfox, que, apesar de não ser lá grande coisa, o Mega não tinha nada igual. Óbvio que cada videogame sempre teve seus exclusivos na época, mas era muito bacana, mesmo assim, ter os dois. Eu era rico e não sabia... kkk !

      1 reply
  • hard_waters David Waters
    2022-07-27 19:11:01 -0300 Thumb picture
    hard_waters checked-in:
    Post by hard_waters: <p>Decidi jogar outra coisa de Mega que tava na vib

    Decidi jogar outra coisa de Mega que tava na vibe faz tempo!

    E que coisa mais maluca! Tem horas que tem uma penca de chefes outra outra tem menos ae tem mais de novo com mais formas e vai e com caminhos... hahahaha

    Fora o jogo ser pauleira em tiro porrada e bomba, mas nunca te deixa sem assistência, sempre te dropa itens...

    Meeeeenos antes do último Boss começar, só entre uma forma e outra, mas não, foi massa ter a XP de aprender tr00 a jogar pra passar, essa coisa de tentativas finitas e continues infinitos é uma regra maravilhosa de se aprender sem precisar jogar td de novo 🥰

    E é um que por ter caminhos, ctza que vou retornar a ele mais pra frente! Mais um pra conta! O/

    Como é de um estilo que curto mais, apesar de não estar laaaaa com Metal Slug e Gunstar, ficou beeeeeem posicionado!

    ________

    Segue a meta de 5 por mês pra chegar em 40!

    1 - Marvel vs Street Fighter (Arcade)

    2 - Naruto Gekitou Taisen 4 (GameCube)

    3 - Vampire Savior (Arcade)

    4 - Dark Souls Remastered (Switch)

    5 - Mario Kart 64 (Switch)

    6 - Rogue Legacy (Switch)

    7- Dragonball Fighter Z (Switch)

    8 - Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 3 (Switch)

    9 - D&D - Shadows Over Mystara (Arcade)

    10 - The Punisher (Arcade)

    11 - Azure Striker: Gunvolt (3DS)

    12 - Gunstar Heroes (Switch)

    13 - Cadillacs & Dinosaurs (Arcade)

    14 - Inside (Switch)

    15 - Overcooked! 2 (Series)

    16 - Mega Man Zero (Switch)

    17 - TMNT Shredder's Revenge (Series)

    18 - Mega Man Zero 2 (Switch)

    19 - Streets of Rage 2 (Switch)

    20 - Contra Hard Corps (Switch)

    @desafioanual

    28
    • Micro picture
      vante · about 2 months ago · 2 pontos

      Olhei de primeira e pensei que fosse Castlevania Bloodlines kkkkkkkk

      1 reply
    • Micro picture
      subzero_amarelo · about 2 months ago · 2 pontos

      Contra Hard Corps é o melhor Contra! Divertido, bem feito e com várias possibilidades de gameplay e caminhos diferentes. Jogaço!

      1 reply
    • Micro picture
      jcelove · about 2 months ago · 2 pontos

      Boa! A versão japa é bem mais tranquila, a americana tem uma dificuldad einsana U_U. Da pra zerar na terceira fase com o final da arena.

      5 replies
  • gabrielluiz Gabriel Luiz
    2022-07-06 02:06:53 -0300 Thumb picture
    Post by gabrielluiz: <p>Voltei no desafio e desbloqueei o final verdadei

    Medium 831683 3309110367

    Voltei no desafio e desbloqueei o final verdadeiro. É isso.

    6
    • Micro picture
      santz · 3 months ago · 2 pontos

      Zoofilia.

  • gabrielluiz Gabriel Luiz
    2022-07-05 16:27:13 -0300 Thumb picture
    gabrielluiz checked-in:
    Post by gabrielluiz: <p>05/07/2022 - 110° jogo finalizado.</p><p>Comecei

    05/07/2022 - 110° jogo finalizado.

    Comecei com o Ray e terminei com o Robozinho, eu até experimentei os outros personagens, mas o tiro azul do robô e também o pulo duplo dele acabaram me conquistando.

    Acho que acabei pegando o final ruim, vou jogar novamente selecionando outras opções, me deu até vontade de jogar de novo o Blazing Chrome, mas o comecinho da penúltima fase me deixa tonto.

    Atualizando:

    Selecionei todas as segundas opções e bem, o robo é bem apelão mesmo.

    5
  • hard_waters David Waters
    2022-07-05 00:56:06 -0300 Thumb picture
    hard_waters checked-in:
    Post by hard_waters: <p>Falaram que a versao japa da maioria das coisas

    Falaram que a versao japa da maioria das coisas era melhor, enrao fiz oq deveria ser feito...

    21
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Boa. Em termos de cinteudo a us é igual a japa. A grande diferença é na dificuldade. Pelo q lembro a us tem vida e continue contadissimos.

      Ah, o boss dessa primeira fase tem um macete ridiculo, basta ficar parado no meio da tela atirando pra cima na cabela dele que eke nao te acerta XD

  • gabrielluiz Gabriel Luiz
    2022-07-05 00:04:03 -0300 Thumb picture
    gabrielluiz checked-in:
    Post by gabrielluiz: <p>Tava jogando Contra HC, eu me perco no número de

    Tava jogando Contra HC, eu me perco no número de fases então não lembro o número, mas é aquela que vem umas motos ao fundo. Resolvi escalar uma parede na qual tinha um portão vermelho que você tem que destruir, chegando lá em cima tinha um cara de terno azul, como to jogando a versão japonesa então acabei não entendendo o que ele me perguntou, estão selecionei a primeira opção mesmo, ai caiu nisso:

    Certeza que é alguma piada com algum jogo da Konami ou com alguém da equipe, enfim, morri nesse segundo.

    7
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Essa rota da arena é a mais rapida pra zerar. Nunca consegui.hehe

    • Micro picture
      santz · 3 months ago · 1 ponto

      Essa parte é tipo uma piadola mesmo, mas é bem desafiador.

  • 2022-06-17 21:16:08 -0300 Thumb picture

    CONTRA HARD CORPS ZERADO!!!!!

    Um ótimo jogo lançado para, por incrível que pareça sega Genesis , jogabilidade incrível , história boa em comparação aos outros jogos da série ,a única coisa que eu achei meio paia nele foi a dificuldade ridícula em comparação aos outros jogos da série ,porém de resto é 10

    4
  • saulovyny Saulo Vinicius
    2022-05-29 10:25:54 -0300 Thumb picture
    saulovyny checked-in:
    Post by saulovyny: <p>Dia 10 - Shooter Favorito</p><p><strong>CONTRA:

    Dia 10 - Shooter Favorito

    CONTRA: HARD CORPS

    Jogaço, 4 personagens disponíveis, ação e música frenética, gráficos incríveis, e aquela dificuldade padrão da série, só zerei com save state mas é o melhor shooter kkkk

    Menção honrosa para o Gunstar Heroes que é um ótimo coop para se divertir, mas é peca pela facilidade.

    @goraku

    21
    • Micro picture
      luckk · 4 months ago · 2 pontos

      Muitoo bom!

  • katsuragi Jefferson Trindade
    2022-05-28 18:56:53 -0300 Thumb picture
    katsuragi checked-in:
    Post by katsuragi: <p>Finalizado! O melhor Contra já feito até hoje! S

    Finalizado! O melhor Contra já feito até hoje! Sensacional demais! 

    26
    • Micro picture
      jcelove · 4 months ago · 2 pontos

      Dificil nao cpncordar.

    • Micro picture
      fredson · 4 months ago · 2 pontos

      Ele tem várias rotas e finais. Já zerei inúmeras vezes também.

  • neilson1984 Neilson Lopes De Carvalho
    2021-05-26 17:50:52 -0300 Thumb picture

    Daqui a pouco aquela Live com galera!

    Daqui a pouco as 19:30 teremos uma Live do clássico Contra: Hard Corps do Mega Drive, um jogo bem dificil mais vamos ver se conseguimos zerar hehe:

    5

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...