2021-07-04 13:09:59 -0300 2021-07-04 13:09:59 -0300
bobramber Jefferson Da Silva Prado checked-in to:
Post by bobramber: <p>NOTA: 5,1 (cálculo da nota&nbsp;<a href="http://
Star Wars: TIE Fighter

Platform: PC
53 Players
3 Check-ins

NOTA: 5,1 (cálculo da nota aqui)

Conhecendo os melhores jogos do ano em que Nelson Mandela torna-se o 1º presidente negro da África do Sul

Nelson Mandela

Star Wars: TIE Fighter é um simulador de voo e combate espacial em que jogamos com um piloto do Império em eventos que ocorrem entre os episódios V e VI de Star Wars. Foi aclamado pelos gráficos, inteligência artificial e sistemas de informação de voo.

Capa do game

O jogo possui quatro batalhas principais, cada uma com diversas missões. Além disso, um treinamento de voo com três cursos, que pode ser feito com qualquer uma das sete naves disponíveis, e um treinamento de combate com quatro missões diferentes para cada uma das sete naves, variando de simples cenários de treino à reconstituições de importantes missões históricas.

Além do tradicional laser, com diferentes modos de tiro, há armas de curto alcance e mísseis. É necessário balancear a potência entre arma, motor e escudo, e neste, entre escudo frontal e traseiro. Os escudos recarregam com o tempo, mas se esgostados o dano vai para o casco, podendo desativar sistemas, como motores, marcação (targeting) e o próprio display do cockpit. Os sistemas também se reparam lentamente, cabendo ao jogador escolher a ordem de reparo.

Visão do cockpit

Gosto de Star Wars como amante de ficção científica, mas sem nenhum furor pela saga. E não curto jogo de navinha, o que falar então de um jogo de simulação de voo espacial?! Minhas expectativas eram as mínimas possíveis, pois geralmente não consigo nem jogar devido à complexidade dos comandos e falta de costume.

Esse jogo tem no GOG, então foi fácil obtê-lo, peguei a versão do Windows, que exige joystick, o que já ajuda nos controles. Primeira coisa foi fazer o treinamento básico, no qual acabei ficando sem munição e não sabia como recarregar, num outro aprendi que tem um botão (no teclado) que altera a quantidade de energia entre o motor e o recarregamento dos tiros.

TIE Fighter

Parti para as missões de treinamento de combate da nave que dá nome ao jogo, fui muito bem até a terceira, completando pelo menos os objetivos principais, vez ou outra algum secundário. Já a quarta missão não consegui completar, pois uma nave me abatia com um único tiro de míssel, mas tudo bem, tinha aprendido a marcar o target, hostil ou amigável e a repetir a velocidade dele, hora de ir para as batalhas reais.

A primeira missão começa conosco inspecionando alguns cargueiros, então um deles possui material ilegal, algumas naves aparecem, consegui derrubá-las, mas sempre perdia porque os cargueiros íam embora, não entendi se devia analisá-los mais (o que fiz) ou derrubá-los, o que tentei fazer, mas seus escudos são muito fortes. De qualquer maneira, me senti satisfeito e feliz por ter ido bem em ¾ do treinamento.

Naves de combate de Star Wars

Posso dizer que consegui jogar um game de simulação de voo espacial, e isso graças aos tutorias ingame e briefing - dinâmicos e objetivos, deixando claro, com poucas palavras, os principais comandos e o que é a missão.

O game saiu em 1994 para DOS, teve uma versão de colecionador em 1995 e outra exclusiva de Windows, com diversas melhorias, em 1998. As três foram disponibilizadas no GOG em 2014.

Hub onde acessamos as diversas opções ingame

11
  • Micro picture
    msvalle · 3 months ago · 2 pontos

    Joguei muito esse e o X-Wing, curtia demais!

    1 reply
  • Micro picture
    santz · 3 months ago · 2 pontos

    Olha aí que show. Quando eu pego um simulador desse tiro eu também nunca sei o que fazer (confesso que acabo pulado o tutorial e nem leio o manual). Para gravar os vídeos, eu estudo bastante o jogo e estou passando um perrengue com o Elite de 1984.

    1 reply
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...