2020-07-05 15:55:32 -0300 2020-07-05 15:55:32 -0300

Livros de jogos

Single 3811501 featured image

Seguindo um pouco a linha do artigo de Animes Sobre Jogos que eu tinha feito, eu andava pensando em fazer algum outro similar com filmes ou séries, mas a real é que eu vejo muito pouco desses (quem sabe eu tente depois). Aí por acaso eu dei de cara com esta matéria bem legal sobre livros relacionados a jogos e decidi fazer um artigo sobre isso com os que eu li. :)

Eu acho bem legal essa coisa de conteúdos complementares dos jogos em outras mídias e, infelizmente, poderiam explorar bem mais. Um ou outro jogo ganha um filme live-action mal feito que mal faz jus ao material original (Assassin's Creed? Ainda não tive coragem de assistir ahahahah) e, geralmente, são conteúdos spin-off que nada (ou muito pouco) acrescentam ao universo da franquia. Mas sem mais enrolação, vamos lá!

Ah, um aviso antes: ESSE ARTIGO CONTERÁ PEQUENOS SPOILERS DOS JOGOS!! Mas tentarei dizer o mínimo possível, só pra contextualizar os livros.

Minha experiência com a franquia: Diablo sempre me interessou bastante pela temática, mas no meu primeiro contato (uma experimentação gratuita do Diablo 3) o estilo do jogo não me agradou. =/
Por isso, acabei nunca indo atrás de conhecer a história da franquia, até que... Comprei o livro Diablo - A Ordem.

Sobre o livro:  A Ordem conta a história do Deckard Cain, um personagem bem conhecido de quem jogou os jogos, já perto dos seus 90 anos tentando descobrir o que aconteceu com os Horadrim, uma ordem de pessoas que protegiam o mundo das investidas demoníacas. No meio disso, uma garotinha (Leah) se junta à sua jornada, sendo caçada por demônios por possuir poderes que nem ela compreende.

Minhas impressões: a parte mais legal desse livro, pra mim, é que ele tem um clima de desolação e desesperança imenso (não sei se nos jogos também é assim). O mundo está totalmente devastado pelas guerras contra os demônios e as pessoas tentam viver como podem, mas o mau está sempre à espreita.
Além disso, Deckard é o protagonista mas ele tá muito longe de ser o herói clichê protegido por plot armor, sendo que ele e a Leah conseguem escapar das garras da morte sempre por um triz e com muito sacrifício e sofrimento, o que dá um tom humano muito bom e verossímil aos dois.

A franquia tem vários outros livros (Livro de Cain, Livro de Tyrael, Tempestade de Luz, além de outros que parecem nunca terem sido traduzidos para cá) e eu só não fui muito atrás porque, infelizmente, acabei parando de ler, já que eu só leio no caminho casa - trabalho e agora, com a pandemia, felizmente posso trabalhar de casa. xD
Bom, isso e também que eu tava focando mais em mangás e novels, já que carregar livros na mochila deixa ela pesada.

Minha experiência com a franquia: Gears of War é uma das minhas franquias favoritas (e ouso dizer que uma das melhores já feitas em questão de jogo de tiro/temática de guerra) e foi uma grata surpresa ver como os livros (e as HQs também) enriquecem MUITO a história do jogo. Pra quem é fã, é praticamente um must buy.

Sobre os livros: cada um deles se passa em algum momento mencionado nos jogos, mas que só jogando a gente não tem muita informação. Por exemplo, o Fim da Coalizão acontece entre o Gears 2 e Gears 3 e mostra o que se passou entre a queda de Jacinto (fim de Gears 2) até o ponto onde os personagens estão vivendo em navios de guerra (começo de Gears 3), e rola MUITA coisa ali. 
Já Slab, a Prisão rola antes dos jogos e conta o que houve para Marcus ter passado de herói de guerra à prisioneiro por traição (Gears 1 começa justamente com Dominic Santiago tirando Marcus da sua cela). Os outros livros, só pelo título, também são bem fáceis de saber onde se situam na cronologia. 

Minhas impressões: o trabalho da autora (Karen Traviss) com os livros é fantástico e dá pra ver o respeito e a dedicação dela com a franquia. Diferente de muitos autores por aí, ela não fica usando de liberdade autoral desleixada e causando inconsistências com os jogos (coisa que o próprio jogo Gears Judgment fez). Pelo contrário, tudo o que ela cria é feito de forma harmoniosa com história original, acrescentando muitos detalhes interessantes na história já bem rica da franquia.

Minha experiência com a franquia: apesar de eu gostar muito da franquia, eu confesso que só fui jogar o primeiro RE (o remake, ainda por cima) este ano e nunca joguei o resto dos antigos ou seus remakes. Eu comecei pelo RE 4 no meu saudoso PS2, já que antes disso eu tinha medo de jogar porque todo mundo falava que o jogo era bem assustador. xD
Apesar disso, eu li tudo o que pude da franquia na época, então sei o que rola em todos os jogos, e já gostava tanto que até mesmo aquele filme tosco em 3D que só saiu no Japão eu conseguir dar um jeito de assistir, numa época onde torrent nem era popular ainda e os Kazaa da vida eram o que reinavam.

Sobre os livros: Resident Evil tem uma cacetada de livros, HQs, mangás etc, mas infelizmente as únicas obras que vieram pro BR foram os livros da S. D. Perry, então vou falar apenas deles. Vocês podem dar uma lida sobre as outras obras no site REVIL. No antigo FYFRE tinha para ler online as HQs e tudo, infelizmente não sei dizer onde achar esse tipo de coisa hoje em dia. =/
Mas bom, sobre a coleção da S. D. Perry, são 7 livros (5 tratando dos jogos clássicos, indo do 0 até Code: Verônica, e 2 originais dela, o Caliban Cove e o Underworld). 

Minhas impressões: os livros são muito legais, mas não acrescentam nada à história dos jogos. Os livros dos jogos são até que bem fiéis, mas há pequenas inconsistências (como o personagem Trent), e os dois livros originais dela, apesar de muito bons (bons ao ponto de que, se a Capcom tivesse feito RE5 e RE6 baseado neles, ninguém teria reclamado que "não são Resident Evil"), não possuem nenhum detalhe que dê para tentar encaixar com a história original. Ou seja, diferente do que a Karen Traviss fez, a coleção toda da Perry é basicamente uma grande fanfic (mas uma excelente fanfic para quem for fã).

Como o artigo já está grande, fica aqui apenas mais algumas recomendações rápidas que gostei:

World of Warcraft: Crônicas vol.1 = conta sobre o início do universo do jogo, os deuses antigos, Sargeras e todas aqueles detalhes que, dentro do MMORPG, a gente só recebe algumas pequenas frações de informações. Infelizmente, nunca traduziram o volume 2 em diante. 

Coleção de mangás Zelda "Perfect Edition" = são 5 volumes de mangás em formato de livro, sendo que alguns deles contam a história de dois jogos num mesmo volume (ou seja, é beeeeem rushado). Eu li só o The Minishp Cap / Phantom Hourglass e foi legal, serve para atiçar a curiosidade em conhecer os jogos.

Guiness World Records: Gamer's Edition = esse é daqueles livros de curiosidades, bem legais para se ler quando se está numa sala de espera ou coisa assim (infelizmente nenhuma sala de espera de NADA vai ter esse tipo de livro, fazer o que né?).

E é isto. Tem muuuuuuito livros de jogos por aí, não cheguei a ler todos que gostaria, mas quem sabe um dia (quando eu tiver mais espaço para livros ou comprar um kindle). xD

42
  • Micro picture
    jcelove · about 1 month ago · 2 pontos

    Eita, tema bastante vasto Zefie chan. De uns anos pra cá qse toda serie ocidental tem livros baseados nela.
    Os de Re sao dos mais antigos e acompanham a serie a muitos anos mas como nao sao canônicos so servem de passatempo mesmo.

    Tem os de Assassins creed q nasceram qse junto com os jogos e sao bem fieis, acho ate melhores q a historia dos jogos pq cortam toda aquela maluquice do Desmond.hehe

    Um q eu quero muito mas é extremamente dificil conseguir é o livro de parasite eve, que inspirou o jogo

    8 replies
  • Micro picture
    cris_ds · about 1 month ago · 1 ponto

    Acho que os únicos que li mas que não são complementares, mas sim de onde tiraram jogos seriam o do Senhor dos Anéis e o primeiro do Metro 2033 (esse que aliás é excelente). De complementar só tenho (mas nem li ainda) os dois primeiros que saíram por aqui do Mass Effect (Ascenção e Revelação).

    1 reply
  • Micro picture
    mandaloriano_95 · about 1 month ago · 1 ponto

    Caramba, eu tenho esse Diablo III: A Ordem faz muitos anos e já tinha até esquecido, huahuahua. Cheguei a ler um pouco dele quando comprei, mas por algum motivo eu nunca terminei.

    Um livro relacionado a jogos essencial e que é um tanto triste por nunca ter sido publicado no Brasil é o Masters of Doom. É uma baita biografia sobre a id Software e sobre como o John Romero e o Carmack moldaram a cultura dos jogos nos anos 90.

    1 reply
  • Micro picture
    natnitro · about 1 month ago · 1 ponto

    Tô com planos de maratonar a série Gears qualquer hora também e ai quero pegar os livros também pra ir acompanhando a história nos detalhes... :-)
    E na sua lista ai eu só acrescentaria a saga The Witcher que vem justamente dos livros do Andrezj Sapkowsky, e os jogos acabaram virando um spinoff pós livro e nada menos do que o Drácula de Bram Stocker que deu origem ao universo inteiro de Castlevania... ♥♥♥♥
    Já o filme do AC ficou tão sem graça igual café ralo que só recomendo mesmo pra quem não tiver nada mais útil pra fazer e ainda tiver problemas de insonia porque ai sim o tempo vai ser bem aproveitado com um bom cochilo no meio do filme... huahauhauahaua

    1 reply
  • Micro picture
    seufi · about 1 month ago · 1 ponto

    Eu comprarai fácil o Chronicles volume 2...

    3 replies
  • Micro picture
    sorensenxd · about 1 month ago · 1 ponto

    Os livros do Resident Evil são maravilhosos, eu já cheguei a ler os três primeiros umas 2 vezes, lembro que baixei em PDF traduzido por fans e depois comprei quando lançou o livro
    Eu queria completar minha coleção e ler tudo, mas ai eu teria que ler os três primeiros de novo pela terceira vez kkkk, eu lembro que eu tinha vários livros de star wars na estante e eu coloquei o do resident evil do lado, ai eu vejo que alguns do Star Wars tinha o autor Steve Perry, ai fui pesquisar e vi que era o pai da S.D. Perry

    Me interessei demais pelos livros do Gears of War, esse ano, pela primeira vez eu zerei quase todos jogos da série, só falta o Gears of War 5, e achei esse mundo maravilhoso, quero saber mais sobre ele

    Eu recomendo MUITO, o que pra mim foi a melhor experiência de Leitura de Games, a série de livros do Mass Effect
    Uma das vezes que eu zerei a franquia, eu estava lendo os livros juntos, no jogo o universo do Mass Effect já é algo muito gigantesco e cheio de detalhes, o livro aumenta mais ainda esse universo, se eu me lembro bem, o primeiro livro explica o os acontecimentos que impediram que o David Anderson se tornasse o primeiro Spectre humano
    O Revelação, Ascensão e Andromeda estão disponíveis no Kindle Unlimited!

    6 replies
  • Micro picture
    santz · about 1 month ago · 1 ponto

    Meu colega tem o livro do God of War. Ele falou que é ruim de doer.

    4 replies
  • Micro picture
    rafaelssn · about 1 month ago · 1 ponto

    Não sabia que tinha livros sobre Gears of War...

    2 replies
  • Micro picture
    darlanfagundes · about 1 month ago · 1 ponto

    O livro que conta a história de Bioshock antes do jogo é muito bom tmbm!

    1 reply
  • Micro picture
    kess · about 1 month ago · 1 ponto

    Eu tenho um livro de Assassin's Creed, mas ainda não o li. Ganhei de presente do meu sobrinho. Acho a ideia interessante, mas é só uma tentativa de revitalizar a indústria dos livros, que tem trazido histórias de youtubers para poderem alavancar vendas. Não que isso seja algo ruim, mas não espero que sejam obras de arte.

  • Micro picture
    nilomonteirogamer · 27 days ago · 1 ponto

    Que show! Ainda vou começar a ler os de Resident e de Assassins Creed! Conteúdo muito bom!

  • Micro picture
    artigos · about 1 month ago · 0 pontos

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    1 reply
Keep reading → Collapse ←
Loading...