• 2020-04-05 13:05:03 -0300 Thumb picture
    17
    • Micro picture
      lordsearj · about 2 months ago · 2 pontos

      Sigo o Eric há anos. Seu conteúdo é excelente. Volta e meia ele faz lives no YouTube também. RPGista raiz.

      1 reply
  • pauloe Paulo Emilio
    2020-03-05 17:05:23 -0300 Thumb picture

    Top 10 jogos que mudam sempre de tempo em tempo... :D

    Tá aí a lista @hard_frolics.

    10. The King of Fighters 97

    Sou fã de jogos de luta, adoro assistir os campeonatos e tudo mais, mas nunca fui muito bom neles, sou aquele jogador casual (pra tudo), mas mesmo assim adoro jogá-los e o KOF 97 foi o que mais joguei, tanto só, quanto com amigos. Jogava no PS1 mesmo, se fui em algum fliperama jogar um KOF foram poucas as vezes, prefiro usar o famigerado controle da Sony mesmo, e aprendi a fazer "meia-lua" sem o pano da camisa, pois me disseram uma vez que os fiapos entravam no controle e poderia "esculhambá-los" no processo. Lembrando que temos aqui Orochi, o melhor chefão da série na minha opinião, e também, o jogo possui os melhores personagens secretos do gênero, que hoje em dia não existe mais isso, são tudo DLC. Saudades fazer códigos no controle pra liberar a galera.

    9. Mass Effect 2

    Nem sei o que dizer sobre esse jogo, só sentir.

    8. The Elder Scrolls V: Skyrim

    Aqui me vi jogando um RPG de mesa, tipo GURPS, D&D ou até o Tormenta da vida (aliás jogo até hoje essas paradas aí). Aquele cenário e situações me fez recordar e sentir como se estivesse dentro de algumas das aventuras que joguei com meus amigos magos, arqueiros e guerreiros, enfrentando dragões, Necromantes, bandidos, caçar tesouros e templos perdidos, rolando os dados para ver se passou ou não nos testes. Acho que Skyrim foi um dos jogos que mais rejoguei na vida. Amém!

    7. Metal Gear Solid 3: Snake Eater

    O jogo mais completinho da saga, ele é perfeito em tudo que se propõe, possuindo ótimos fanservices, uma game play excelente com mecânicas inovadoras ("foi amor a primeira ascendida de charuto", quando uma coisa simples como tirar uma sanguessuga do corpo foi feita) e uma história incrível com ótimos personagens ( BOSSSSSSS :'( ). Kojimão no seu auge.

    6. Counter-Strike 1.6

    Jogo dos corujões em LAN Houses, de juntar a galera e jogar um deathmatchzão da massa, torneios de times de bairros e até LAN House x LAN House colocando seus melhores clientes pra "chibata". Era muito legal, foi uma época boa!

    Daqui pra baixo só Super Nintendo, tentei, mas nada supera a nostalgia (me segurei pra não colocar mais, se não seria todo top 10 desse console maravilhoso).

    5. Donkey Kong Country

    Jogo com uma das músicas mais belas e relaxantes que já ouvi (Aquatic Ambience), as fases são bem divertidas com cenários bonitos e diversificados, passando por biomas e estruturas diferentes da ilha. No quesito game play, DKC é bem legal e dinâmico, no inicio achei que teria dificuldade em ter que controlar dois personagens, mas depois dos primeiros segundos da primeira fase percebi o quão estava enganado, e era nada do que imaginei, quer dizer, mais ou menos, ainda bem! Fiquei com um pé pra colocar o 2 ao invés desse, mas acho que o primeiro me marcou mais.

    4. Mega Man X

    Fiquei em dúvida entre esse e o X-2 que é uma evolução do X em quase tudo (e tem uma habilidade secreta mais legal também, o Shoryuken, pra dá aquela "FAROFADA" nos momentos difíceis), mas o coração escolheu o primeirão. Lembro que eu ia para locadora e uns coleguinhas me pediam pra eu passar de certos lugares ou chefões pra eles, me sentia o "bixão". Acho que os jogos da saga X são os melhores do gênero ação/plataforma que existem, sinto uma adrenalina jogando, é frenético, fluído, as mecânicas de dash e a escalada na parede foi uma das melhores coisas que inventaram pra esse tipo de jogo. Ah! Curto todas as músicas daqui, sem exceção, ouço até hoje, quando pego uma BR de carro eu quase sempre meto essa trilha maravilhosa nas alturas e não me pergunte a velocidade que ando ouvindo isso aqui.

    3. The Legend of Zelda: A Link to the Past/A Link Between Worlds

    Sim vou roubar aqui, são jogos bem parecidos, apesar de terem algumas mecânicas diferentes entre eles, e sim, sei que o jogo na metade muda bastante, mas até lá é quaaaaaase a mesma coisa, gosto de dizer que um é praticamente um remake do outro. A link to the Past foi o meu primeiro Zelda, e já me encantei com o visual do jogo e com o que poderia vir pela frente, conhecer todo aquele vasto mundo e tudo que o jogo poderia me proporcionar, e para minha surpresa vieram muito mais coisas além do que eu esperava.

    2. Super Mario World

    Super Nintendo foi o meu primeiro videogame e com ele veio essa maravilha de jogo que fez juntar a família/amigos pra jogarem. Quem morria passava o controle, quem passava de fase passava o controle, aí um ficava atrapalhando o outro pra morrer e passar logo o controle pro outro jogar, era try hard... Super Mario World é um dos melhores jogos do Mario pra mim, depois dele vem o 3 e o Galaxy. Ótimas lembranças disso aqui, acho que foi um dos primeiros jogos que joguei na vida, se não o primeiro.

    1. Chrono Trigger/Final Fantasy VI

    Vou roubar de novo porque sou desses, nunca consegui me decidir qual dos dois é o melhor pra mim, então, tão ali empatados na primeira posição. O dois possuem um elenco de personagens incríveis repletos de carisma, acho que não desgosto de nenhum deles, os arcos de cada um também são sensacionais, principalmente o do Frog e o do Cyan em seus respectivos jogos. Kefka, que vilão! Sobre o Magus, todos merecem uma segunda chance (... Ou somente alguns). Enfim, só joguem esses dois clássicos, um dos, se não os dois melhores JRPGS de todos os tempos.

    Donkey Kong Country

    Platform: SNES
    20396 Players
    217 Check-ins

    29
    • Micro picture
      old_gamer · 3 months ago · 2 pontos

      Esse top 5 ficou sensacional : )

      2 replies
    • Micro picture
      lukenakama · 3 months ago · 2 pontos

      Donkey Kong Country é foda pra caralho mesmo.

      1 reply
    • Micro picture
      pauloe · 3 months ago · 2 pontos

      Menções honrosas:
      Dark Souls (desafiador, definiu uma geração criando um subgênero)
      Bioshock (atmosférico com uma história magnífica)
      Borderlands 2 (Ótimo coop, com um vilão daora e uma grande variedade de armamentos)
      Goof Troop (Melhor jogo coop da vida pra ficar atrapalhando a vida do outro)
      The Last of Us (Naughty Dog surpreendendo com um drama num mundo apocalíptico)

  • beadama Beatriz Damasceno
    2020-01-07 15:36:09 -0200 Thumb picture

    Desafio Top 3 Sidekicks

    (Acabei fazendo top 4, sorry)

    Fui desafiada pelo @gusgeek para o desafio do sidekicks!

    Regras:

    1 - Post a imagem dos seus 3 Sidekicks favoritos, e fale algo sobre eles, pode também aumentar o número para Top 5 ou Top 10 se quiser!

    2 - Marque uma galera

    3 - Marque a persona @desafio

    .

    1- Goofy e Donald (Kingdom Hearts)

    Eu sei que são dois personagens, mas é impossível escolher entre os dois no Kingdom Hearts, eles tem muita personalidade, são divertidos e a interação deles com o Sora é super legal, com certeza eles não estariam fora do meu top.

    2- Barry (Resident Evil)

    Depois do "Jill sandwich" esse homem conquistou meu coração HAHAHA, acho o Barry um personagem divertido e foda pra caramba, por mim deveria ter até um Resident Evil com o Barry de personagem principal, seria massa.

    3- Chloe (Life is Strange)

    Chloe é uma garota sensacional, cabeça de vento por acabar fazendo muita coisa errada, porém ainda tem um coração bom, acredito que ela tenha muitas maneiras de expressar o que sente, isso que me fez gostar tanto dela.

    4- Issun (Okami)

    Fiel escudeiro e voz do Okami, Issun é um personagem indispensável, ele é bem esquentadinho, mas por parecer um vaga-lume acaba sendo fofo e engraçadinho, eu amei o Issun do começo ao fim do jogo.

    .

    Por fim gostaria de desafiar: (Se quiserem participar, claro <3)

    - @lanzitto

    - @missingnobrand80

    - @llyana

    - @nicholasaraujo0

    - @mewki

    Kingdom Hearts

    Platform: Playstation 2
    6918 Players
    174 Check-ins

    30
    • Micro picture
      hyuga · 5 months ago · 2 pontos

      gostei muito da Chloe quando joguei LiS

      1 reply
    • Micro picture
      zandryx · 5 months ago · 2 pontos

      Issun ♥ É muito divertido as conversas dele kkk

      1 reply
    • Micro picture
      lanzitto · 5 months ago · 2 pontos

      Opa, valeu pela lembrança, irei fazer sim 😁

      1 reply
  • diogo_paixao Diogo Louzada Paixão
    2019-12-23 22:25:14 -0200 Thumb picture

    Top 10: Jogos Jogados por Mim em 2019!

    Essa lista/ @desafio que é praticamente meu único post nos últimos anos haeuihaiehaie este ano também será difícil, porque como é de conhecimento de alguns, devido aos problemas que tive no meio do ano, fiquei uns 3/4 meses sem jogar, e nestes últimos meses fui obrigado a jogar menos... MAS TA AI 

    10 - Jogos de Lutas! (Dragon Ball Fighterz, MKX e MK 11) (PS4)

    Este ano ainda não foi o ano que voltei a jogar como antes os jogos de luta, apesar de estar tentando, adquiri praticamente todos os jogos, Tekken 7, DBZ Fighterz, MKX e MK 11, estou tentando focar em algum, mas devo admitir que fiquei admirado por MK 11, seja pela sua beleza e (aparentemente) pela sua jogabilidade muito boa.

    9 - Castlevania Requiem (PS4)

    INALMENTE joguei Rondo of Blood, MUITO, MUITO melhor do que imaginaria, muito bom mesmo, e óbvio, rejoguei Symphony of the Night, fiz 100% em ambos, foi o último jogo que platinei antes de ser roubado =(

    8 - Dragonʼs Crow (PS VITA)

    Na realidade eu comecei esse jogo a muito... MUITO tempo, mas só esse ano peguei para jogar de verdade, finalizei no Hard recentemente e pretendo finalizar no Infernal e platina-lo, um ótimo Beat n Up com RPG, infelizmente não pude ter a experiência de jogar com alguém ainda.

    7 - Call Of Duty 4: Modern Warfare Remastered (PS4)

    Sempre bom rejogar um COD, gosto bastante, inclusive ando com saudade do Black OPS 1, queria jogar o Remake do Modern, mas como não deu, me contentei com o Remaster... que jogo apenas.

    6 - Need For Speed (PS4)

    Uma DOCE surpresa, Need For Speed 2015 é um jogo extremamente gostoso, me fez retomar o gosto e a vontade de jogar jogos de corrida (tentei jogar o Rivals... achei uma bosta).

    5 - Tales of Hearts R (PS VITA)

    Tales of Hearts foi uma agradável surpresa, meu terceiro Tales of, apesar do começo ser meio morno, o jogo vai engrenando e você se envolvendo na historia, tipica estrutura do que vi nos outros Tales, recomendo fortemente.

    4 - Final Fantasy XV (PS4)

    INFELIZMENTE, devido a mudança, eu parei de jogar, na sequência, devido ao roubo, perdi meu save de 40/50 horas =( 

    Apesar de ao mesmo tempo esperar mais e estar agradado pelo jogo, adorei ele, o mundo, a temática e o Gameplay, provavelmente só não esta mais para cima devido eu não ter conseguido terminar, eu vivi o jogo, andava de carro curtindo a paisagem, as conversavas, realmente tentei viver a experiência.

    3 - Batman Arkham Knight (PS4)

    Série Arkham dispensa elogios, estava muito ansioso para jogar a conclusão, que dado o que eu esperava, conseguiu me surpreender em vááááarios aspectos, não sei dizer se é o melhor ou não, mas com certeza é MUITO bom, não achei como alguns falavam o bat-móvel tão forçado, é totalmente contextualizado, eu mesmo joguei tranquilamente SEM ele, só quando as missões pediam ele, mas nada demais, inclusive gostei, BE THE BATMAN, só não fiz 100% porquê o jogo seguinte chegou na pré-venda e fui obrigado a parar.

    2 - Death Strandging (PS4)

    Moço Kojima em seu explendor, ele ficou doido? SEMPRE foi, só não teve travas nesse jogo, ainda estou jogando e estou A M A N D O, PQP, apesar de ser um Walking Simulator (entre muitas aspas), o jogo claramente é a tentativa do Kojima de deixar sua marca e inovar, o jogo realmente tem ideias que podem gerar um gênero novo, é para todos? Provavelmente não, mas o jogo tem muito à agregar, o Kojima quis trazer uma mensagem positiva com o jogo, desde a sua jogabilidade até a sua missão no jogo. Recomendo fortemente, apesar de não ter terminado, é o meu segundo jogo favorito do ano... só perde para...

    -------------------------------------------------------------------------------------------

    1 - Sekiro: Shadows Die Twice (PS4)

    Nosso glorioso jogo do Ano, SEKIRO! Presente da minha namorada no meu aniversário, junto com o controle de PS4 para me animar pós roubo, obviamente, assim que re-adquiri o PS4 fui obrigado a joga-lo primeiro... e que escolha maravilhosa, o refinamento no combate deste jogo, a satisfação e cada golpe, parry, mikiri, os chefes dinâmicos, a jogabilidade fluída, diversificada, diferente da série Souls, este jogo realmente você é EXTREMAMENTE móvel, é um jogo incrível, fiz 100%, cheguei ao New Game +4, com item de deixar mais difícil, mas assim, vou citar um exemplo do quanto gostei, estava em busca do troféu do level máximo, ao invés de ficar farmando pensei: porque não ganho XP matando chefe?

    Em uma madrugada RUSHEI o jogo e os Bosses (todos) no +3 para simplesmente pela satisfação de jogar este jogo, e mesmo depois dos 100%, joguei mais (e ainda quero jogar), porque o jogo é a definição de gameplay gostoso.

    Menções Honrosas:

    - The Witness (PS4) e Mother Russia (PS4)

    Ambos eram os jogos que eu estava jogando antes de ser roubado... ambos achei EXCELENTES em suas propostas... infelizmente são muito bons que me trazem memórias muito ruins.

    - Batman: Telltale Series(PS4)

    Comecei ano passado e terminei nesse, o jogo começa devagar mais vai ganhando ritmo, muito bom.

    E VO CÊ? qual sua lista? Manda ai <3 saudades do Alva.

    Sekiro: Shadows Die Twice

    Platform: Playstation 4
    194 Players
    108 Check-ins

    28
    • Micro picture
      kleber7777 · 5 months ago · 2 pontos

      Legal ver que o Sekirão está liderando varias listas aqui do Alva. Esse jogo merece. Vai ser meu top 1 tb. Mas minha lista final ainda não está definida. :)
      Boa lista!

      1 reply
    • Micro picture
      igor_park · 5 months ago · 2 pontos

      Triste esse lance do roubo.
      O único da sua lista que joguei foi o o FFXV ele tava na mjnha ano passado bom jogo.

      1 reply
    • Micro picture
      chimianopao · 5 months ago · 2 pontos

      Boa lista, inclusive com joguinhos de vita =D
      FFXV é muito bom, tô jogando a dlc do ardyn agora

      2 replies
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2019-12-11 18:08:20 -0200 Thumb picture

    Top 10 jogos de luta mais importantes da história!

    Só para avisar o vídeo fala detalhadamente de cada jogo e sua importância para a história dos jogos de luta, ou seja, o vídeo tem quase cinquenta minutos de informação. Mas vale a pena ver, reserve um tempo se curte o assunto o vídeo é muito bom. É do canal do Jon Stella, um dos criadores do Trajes Fatais e com anos de experiencia no gênero.

    Street Fighter II

    Platform: PC
    213 Players

    18
    • Micro picture
      santz · 6 months ago · 1 ponto

      Sem ver o vídeo, vou chutar a lista dos 10:
      1 - Karate Champ
      2 - Yie Ar Kung Fu
      3 - Street Fighter II
      4 - Mortal Kombat
      5 - Virtua Fighter
      6 - Killer Instinct
      7 - Virtua Fighter 3
      8- SoulCalibur
      9 - Guilty Gear X
      10 - Super Smash Bros. Melee

      2 replies
  • raiden Raiden
    2019-08-20 00:44:14 -0300 Thumb picture

    MEUS TOP 10 JOGOS MAIS AGUARDADOS!!!

    Nesse vídeo eu comento um pouquinho de cada jogo que estou muito ansioso pra jogar em 2019 e 2020!!! Confiram!!!

    Cyberpunk 2077

    Platform: Xbox One
    34 Players

    14
    • Micro picture
      juniorcomix · 9 months ago · 3 pontos

      Mas cadê o final Fantasy 7 remake na lista?😀

      2 replies
    • Micro picture
      seufi · 9 months ago · 2 pontos

      Taí... comecei Ni No kuni e não andei mt... gostei do que vi, mas não me animou nem desanimou... vou tentar de novo...
      Doom Eternal - pra mim seria perfeito em um modo coop, não sei se vai ter, mas... E tá bonito pacas...
      Cyberpunk... E apesar de não estar na lista, ainda tem vampire: bloodlines pra chegar ano que vem...

      1 reply
  • chimianopao Chimia No Pão
    2019-05-04 11:53:10 -0300 Thumb picture

    Meus jogos zerados em 2018 e o TOP 10

    Sim, eu sei que estou CINCO MESES ATRASADO

    Mas achei melhor postar agora do que deixar passar.

    Bom, ano passado foi magro comparando aos outros. Era TCC e emprego novo comendo todo o meu tempo, então foram só 16 jogos:

    Bom, bora pro top 10. Só 6 vão ficar de fora

    10 - Cosmic Star Heroine - Vita

    Muito bom esse jogo totalmente inspirado em chrono trigger, tem até um puzzle que me fez pegar papel e caneta pra resolver.

    Pena que é curtinho.

    9- Persona 4 Golden - Vita

    Tem gente que acha o melhor do vita, mas eu discordo hahahuaauhh

    Enfim, história legal, combate divertido, bela trilha sonora, dava pra ter cortado várias horas de enrolação ali, mas ainda vale muito a pena jogar.

    8- Gran Turismo 6 - PS3

    Esse jogo veio junto com meu ps3, laaa em 2014. Eu até terminei a campanha antes, mas só considerei zerado quando peguei a platina.

    Ótimo simulador, com muitos carros e desafios enlouquecedores para tirar ouro em todas licenças.

    7- God of War III - PS3

    Depois daquele cliff hanging do gow 2, esse aqui sim fecha a estória muito bem. É muito sangue, altos combos, bosses gigantes e melhor: arrancar a perna do filho da puta pra bater com ela no filho da puta.

    6- Nier Automata - PS4

    Primeira run legal, segunda run meh, terceira run OH MEU DEUS QUE JOGO FODA.

    Ver a estória por vários angulos é muito legal, e as músicas que vão mudando o ritmo conforme a ação vai ocorrendo.. pqp

    5- Iconoclasts - Vita

    Aquele metroidvania redondinho, feito com amor, cheio de detalhes e com um gameplay gostoso de mais. JOGUEM ISSO, PLS

    4 - Danganronpa 2 - Vita

    Tava querendo esse físico, mas o preço facada só me permitiu digital.

    Novamente temos assassinatos super elaborados que ficam dando twist a cada nova prova apresentada. Acho que nesse não acertei nenhum de cara uhauhauhauh 

    E o loko  é que tem reviravolta envolvendo até o primeiro jogo.

    3- Tokyo Xanadu - Vita

    O persona killer. haha

    São bem parecidos, mas aqui o combate é action, as dungeons fixas, e os eventos estão lá marcados. Ah, e o seu personagem fala (sempre me incomodo com personagens mudos).

    O combate não é nenhum devil may cry, mas não chega a ficar enjoativo já que você pode trocar de personagem e eles têm gameplay bem distintos entre eles. História também muito boa e cheia de reviravoltas.

    2- Odin Shere - Vita

    Vanillaware com aqueles gráficos lindos de morrer; Gameplay gostoso com muitas skills desbloqueáveis para cada um dos 5 personagens; Muitas horas de jogo; E tudo isso no seu bolso para jogar em qualquer lugar

    1- God of War - PS4

    GAROTO

    Cara, que ideia boa de dar uma pegada mais the last of us na série, humanizando mais o Kratos e criando essa bela jornada que espero que continue por mais alguns jogos. 

    E gsuis como aquela rainha das valkírias foi difícil huauhauhahu

    Obrigado a quem leu tudo!

    Tentarei fazer o próximo resumo um pouco mais cedo kkk

    God of War

    Platform: Playstation 4
    1308 Players
    469 Check-ins

    40
    • Micro picture
      igor_park · about 1 year ago · 2 pontos

      Persona 4 golden é o rei do vita

      6 replies
    • Micro picture
      msvalle · about 1 year ago · 2 pontos

      Parabéns pelos zeramentos pelo top 10.
      Estou com vários do Vita que você terminou na fila: Comic Star Heroine, Persona 4, Odin Sphere Leifthrasir, Danranronpa 2. E acabei de colocar Iconoclasts e Tokyo Xanadu hehe

      2 replies
    • Micro picture
      reasel · about 1 year ago · 2 pontos

      bom gosto <3

      1 reply
  • andre_andricopoulos André Zanetti Andricopoulos
    2019-04-23 21:02:44 -0300 Thumb picture

    40 anos de videogames.

    ATARI 2600 ficou no topo por mais de uma década ... até ser destronado pelo NES.

    ✓ Dentre os 10 videogames mais vendidos, NINTENDO destaca se com 04.

    ✓Dentre os 10 videogames mais vendidos, o impressionante marco da empresa SONY com seus "PLAYSTATIONs" e seu portátil, destacando 05 videogames.

    Tribal Wars

    Platform: PC
    50 Players
    4 Check-ins

    32
    • Micro picture
      fabiorsodre · about 1 year ago · 2 pontos

      O Saturninho fez uma graça nesse gráfico! Kkkk amo esse console! 🥰😍❤️❤️❤️ Só game massa dos arcades da época!

      1 reply
  • rafa9000 Rafael Gazola Ghedini
    2019-01-28 19:11:39 -0200 Thumb picture
    Post by rafa9000: <p>E ai galera?? Qual são os seus jogos favoritos o

    E ai galera?? Qual são os seus jogos favoritos ou os melhores dessa geração pra vocês até agora? Baseado obviamente apenas no que vocês ja jogaram. Os meus seriam esses:

    1- The Legend of Zelda: Breath of the Wild( Nintendo Switch )

    2- The Witcher 3: Wild Hunt( PS4 )

    3- Super Mario Odyssey( Nintendo Switch )

    4-  Horizon: Zero Dawn( PS4 )

    5- Uncharted 4( PS4 )

    6- Hollow Knight( Nintendo Switch )

    7- Metal Gear Solid V( Xbox One )

    8- Overwatch( Xbox One )

    9- Super Smash Bros Ultimate( Nintendo Switch )

    10- Splatoon 2( Nintendo Switch )

    Menções Honrosas: Forza Horizon 4, Assassin's Creed IV: Black Flag, Battlefield 1, Titanfall 2, Alien Isolation, Monter Hunter World, Sunset Overdrive, Steep e Bravely Default.

    The Legend of Zelda: Breath of the Wild

    Platform: Nintendo Switch
    878 Players
    385 Check-ins

    22
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · over 1 year ago · 1 ponto

      Muito jogo bom ae na tua lista.
      Meus seriam:
      - RESIDENT EVIL 2 REMAKE
      - FALLOUT 4
      - MAD MAX
      - OUTLAST TRINITY
      - RESIDENT EVIL 7
      - RIME
      - THE EVIL WITHIN 2
      - UNCHARTED 4
      - JUST CAUSE 3
      - THE LAST GUARDIAN
      - UNTIL DAWN
      - INFAMOUS
      - WHITE NIGHT
      - HORIZON

      Talvez esqueci alguns mas...fazer o que?

    • Micro picture
      ederreloaded · over 1 year ago · 1 ponto

      -Breath of the Wild (Switch)
      -Red Dead Redemption 2 (Xbox One X)
      -Super Mario Odyssey (Switch)
      -Dark Souls 3 (PS4, Xbox One)
      -Bloodborne (PS4)
      -Metal Gear Solid 5 (PS4)
      -Doom (PS4)
      -Dragon Age: Inquisition (Xbox One)
      -The Messenger (Switch)
      -Batman Arkhan Knight

      obs1: Não necessariamente nessa ordem pq é muito difícil fazer isso, mas Zelda certamente é o primeiro.
      obs2: Tenho a impressão que Witcher 3 e Horizon estariam na lista se já tivesse jogado

    • Micro picture
      speedhunter · over 1 year ago · 1 ponto

      1- Bloodborne
      2- Persona 5
      3 - Nier Automata
      4 - Horizon Zero Dawn
      5 - God of War
      6 - Monster Hunter World
      7 - The Last Guardian
      8 - Final Fantasy XV
      9 - The Witcher 3: Wild Hunt
      10 - Dragon Ball FighterZ

      Esses foram os jogos que mais me impactaram nessa geração.

  • 2018-12-28 02:38:38 -0200 Thumb picture

    Top 10 2018

    Com o ano de 2018 acabando e revendo os jogos que fiz check-in no Alvanista, decidi fazer uma lista do meu top 10 desse ano. Claro que em 2018 zerei muito mais jogos, mas vou compilar nessa lista apenas os jogos os quais fiz check-in na rede, pra dar uma organizada e filtrar melhor a lista.

    10º lugar - Skullmonkeys (PS1)

    Aí está um jogo que me surpreendeu positivamente nesse ano. Fazendo uso daquele humor nojento, com referências a peidos, vômitos e etc., Skullmonkeys é um jogo de plataforma ousado, que se utilizou de um estilo de rolagem lateral 2D em uma época onde o 3D era a grande inovação e o futuro dos jogos.

    Competente no que se propõe (e MUITO difícil, principalmente nas últimas fases), Skullmonkeys apresenta uma obra maravilhosa, feita inteiramente de massinha e fazendo uso de stop motion. A jogabilidade pode parecer meio confusa a princípio, mas com pouco tempo acostuma. Uma pérola obscura do PS1 que vale a pena dar uma conferida. Destaque para a trilha sonora do jogo, que juntamente com a arte, são os pontos fortes desse grande título.

    9º lugar - Sunset Riders (Snes)

    Ah, esse jogo... a nostalgia bate forte toda vez que jogo Sunset Riders. Um clássico absoluto de faroeste, com direito a fases clássicas em cima de cavalos, trens e cidades típicas daquela época.

    Sunset Riders é o clássico jogo de Run and Gun, onde o jogador controla um dos quatro caubóis protagonistas do título e corre atrás das recompensas dos maiores bandidos do velho oeste. Relativamente curto, mas bem desafiador (se levar um hit aqui, morre. Sem essa de barra de energia e checkpoints), o jogo pode entreter por horas por ser muito gostoso de se jogar. Sem dúvida nenhuma, um clássico da era dos 16 bits. Quem nunca jogou esse aqui na locadora com um amigo ou em um fliperama?

    8º lugar - Ori and the Blind Forest (PC)

    Maravilhoso. É esse adjetivo que me vem à cabeça ao pensar em Ori. Esse jogo não é apenas um jogo, ele é uma experiência, um deleite visual e auditivo. Um dos poucos jogos em que eu joguei e realmente parava e soltava o controle para apreciar toda a beleza dos cenários e as melodias.

    Carregando um tom melancólico, o jogador assume o papel de Ori, uma pequena criatura de luz que deve salvar seu mundo da escuridão total. O jogo é um metroidvania clássico, onde se devem pegar power-ups específicos para ter progresso e deixar o personagem mais forte. Tudo no jogo salta aos olhos: os cenários são espetaculares e o jogo faz um uso excelente das luzes e sombras para criar uma experiência imersiva e única nos videogames. A experiência sonora também é rica: as melodias do jogo são lindas, algumas são cantadas, e os efeitos sonoros aprofundam ainda mais a imersão do jogador nesse jogo maravilhoso. Com certeza, Ori é um jogo obrigatório.

    7º lugar - Spyro the Dragon (PS1)

    Confesso que sempre carreguei um preconceito besta com os clássicos do PS1, não sei nem por que. E ao jogar Spyro, eu pensei "porque que eu nunca tinha jogado isso antes?".

    Zerei apenas o primeiro da trilogia até agora, mas já estou ansioso para jogar os outros. Pra quem gosta de coletar tranqueiras, Spyro é um prato cheio. As fases variam bastante em temáticas, com fases em florestas, castelos, no céu e fases com tempo também. A missão aqui é libertar os dragões que foram aprisionados em estátuas e derrotar o grande vilão do jogo, Gnasty Gnorc. Junto com as estátuas, o jogador deve coletar também joias e ovos, espalhados pelas fases. E se quiser completar o jogo de verdade, deve passar pelas fases chatas de voar...

    6º lugar - Iconoclasts (PC)

    Mais um "metroidvania" na lista, e um dos melhores, na minha opinião. Sempre ouvi falar bem de Iconoclasts, mas nunca tinha jogado de verdade. E depois de jogar, vi o quanto o jogo realmente é bom.

    Iconoclasts não é apenas um joguinho de plataforma e ação bobo, onde você deve apenas coletar power ups e avançar no jogo. Ele vai além disso. Assim como Ori, Iconoclasts imerge o jogador em uma história densa, cheia de nuances e com personagens profundos e bem trabalhados. Aqui, a história faz parte da experiência e frequentemente põe o jogador para experimentar diferentes sentimentos. Uma hora você adora um personagem, outra hora o odeia; aquele vilão que parecia 100% caótico e mal só por ser mal mesmo na verdade tem um propósito por trás de tudo, e por aí vai.

    A jogabilidade é ótima e muito bem trabalhada. O jogador conta com uma arma para atirar à distância e uma chave de fenda para abrir portas e atacar de perto. Sim, uma chave de fenda. Robin, a protagonista do jogo, é uma mecânica. Mas tem um detalhe: mecânicos são proibidos neste mundo, porém isso não a impede de lutar e ajudar seus amigos em situações de perigo. Sem dúvida, Iconoclasts me surpreendeu por sua profundidade e por ser um jogo muito divertido.

    5º lugar - Gunstar Heroes (Mega Drive)

    E aqui está ele: meu jogo preferido do Meguinha. Como eu queria ter jogado esse jogo naquela época áurea dos 16 bits... ainda bem que existem os emuladores pra dar uma força.

    Assim como Sunset Riders, Gunstar Heroes é um run and gun. A diferença aqui é que o personagem conta com uma barra de energia e pode levar mais hits antes de morrer. Mas a cereja do bolo que faz Gunstar ser uma pérola é a infinidade de combinações de armas que podem ser feitas no jogo. Isso faz com que GH seja um jogo muito bom de se jogar, pela alta customização de gameplay que pode ser feita. Mas não pense que o jogo é fácil. Apesar das diferenças, Gunstar Heroes ainda é um run and gun, então espere toneladas de inimigos na tela e chefes bem complicados.

    4º lugar - Cuphead (PC)

    O famoso "Dark Souls de tiro" que muita gente costuma falar. Apesar de difícil, Cuphead é um jogo o qual todos devem dar uma chance e jogar.

    Mais um run and gun nessa lista, Cuphead é um jogo de boss battles. Cada chefe exige uma estratégia diferente e alguns realmente são bem cascudos (aquele dragão quase fez eu jogar o controle na parede algumas vezes...). Porém, o jogador tem vidas infinitas e pode tentar quantas vezes quiser, e alguns chefes são tão previsíveis que fica fácil derrotá-los ao descobrir os padrões. A arte do jogo é magnífica, toda desenhada a mão e inspirada nos desenhos clássicos da década de 30. A trilha sonora também é espetacular, toda orquestrada e também inspirada naquela época. Cuphead é, atualmente, um dos meus jogos favoritos por ser uma obra fantástica nos videogames.

    3º lugar - Mega Man X3 (Snes)

    Ok, eu sei que na lista eu coloquei jogos bem mais robustos e bonitos do que Mega Man X3, mas esse aqui tem um lugar especial no meu coração por ser meu Mega Man X favorito.

    Na época, já havia jogado o primeiro título e me maravilhado com a experiência e a jogabilidade fluida e a ação frenética do robozinho azul. Mas ao pegar pra jogar o X3, que tinha mais coletáveis e além disso oferecia a possibilidade de jogar com o Zero, eu pirei. Controlar o Zero foi algo fantástico na época. Na minha percepção de criança, aquilo era algo sensacional, controlar o Zero! 

    Até concordo hoje em dia que o primeiro é um clássico absoluto e o preferido de muita gente, mas o terceiro me marcou de uma maneira profunda. Gosto de tudo no jogo: os chefes, as músicas, os coletáveis... Na minha opinião pessoal, o melhor da série. Mas a série X por inteiro (ou quase por inteiro, né X7?) é fantástica, e qualquer jogo que se pegue pra jogar vai trazer uma experiência ótima de jogo de plataforma (exceto o X7... passe longe dele).

    2º lugar - Another Metroid 2 Remake (PC)

    Um jogo de fã tão bom quanto os títulos oficiais. Ainda não joguei o remake oficial do Metroid 2 pro 3DS, mas esse aqui pra mim conta totalmente como o oficial, com relativa facilidade.

    O jogo começou como um projeto de uma pessoa só, e logo ganhou apoio de uma equipe. AM2R é a recriação perfeita do segundo título da série, usando os mesmos gráficos dos Metroids de GBA. A sensibilidade dos criadores com o projeto é algo maravilhoso e tudo foi trabalhado de forma espetacular, entregando uma adaptação digna de ser tratada como oficial para os fãs da série. Uma pena que a série Metroid seja da Nintendo, que tem fama de ser altamente sacana com quem faz obras fan-made com suas criações, e ameaçou os criadores com o famoso processinho se não tirassem o projeto do ar. Se os caras fizeram essa obra prima de forma amadora, eu nem imagino o que conseguiriam fazer com recursos apropriados e uma equipe maior. Sem dúvida, um jogo que supera de longe o original e pra mim um dos melhores de toda a série.

    1º lugar - The Legend of Zelda: A Link to the Past (Snes)

    Na minha humilde opinião, o melhor título dessa série fantástica. Um título icônico, jogado com frequência até hoje.

    O que falar de ALttP que já não foi falado exaustivamente em reviews, vídeos e etc? O jogo é um clássico absoluto do Snes e dos videogames no geral, sendo o terceiro título da série Zelda a ser lançado. A história é boa, os gráficos são cativantes e as músicas, marcantes. O jogo melhorou e consolidou a jogabilidade dos Zeldas com visão isomérica, além de trazer um novo frescor à série depois do segundo título.

    O jogo é basicamente um jogo de exploração, onde o jogador deve percorrer diferentes áreas de um mapa atrás de itens chave que servem para derrotar monstros em dungeons e avançar no progresso do jogo. O fator exploração aqui, inclusive, é algo extremamente prazeroso de se fazer. Cada nova área descoberta instiga o jogador a fuçar cada cantinho do mapa e das dungeons atrás de corações e itens. Dá pra passar horas e horas andando pelo mapa sem ficar entediado ou perder a vontade de jogar.

    Pra mim, como já dito, o melhor da série. Jogo até hoje, com todo prazer, como se fosse a primeira vez. E continuarei jogando essa obra prima do Snes durante anos e anos a fio.

    -----------------------------------------------------

    Menções honrosas:

    Banjo-Kazooie (N64)

    Final Fight (Snes)

    Streets of Rage (Mega Drive)

    Mega Man (Nes)

    Blaster Master (Nes)

    Super Mario World (Snes)

    Ristar (Mega)

    DuckTales (Nes)

    Pokémon Red Version (GB)

    Ninja Gaiden (Nes)

    The Legend of Zelda: A Link to the Past

    Platform: SNES
    11089 Players
    335 Check-ins

    13
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · over 1 year ago · 2 pontos

      Obras primas: SUNSET RIDERS, SPYRO, GUNSTAR HEROES e MEGAMAN X...

      1 reply
    • Micro picture
      mastershadow · over 1 year ago · 2 pontos

      Zerei Skullmonkeys esse ano tbm, pela primeira vez...que jogão né, a trilha sonora me surpreendeu demais mesmo, é ótima e original demais.

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...