• anduzerandu Anderson Alves
    2020-07-15 23:32:21 -0300 Thumb picture

    Registro de finalizações: Starcraft

    Zerado dia 15/07/20

    Mega clássico esse tal de Starcraft. Dava vergonha de dizer que não só eu não tinha o terminado como eu sequer tinha o jogado. O jogo super famoso jogado até hoje em dia em campeonatos e conhecido por seu balanceamento e enredo. 

    Como diria meu primo: "Starcraft é um Age of Empires difícil".

    Tenho que começar admitindo que RTS não é lá um dos meus gêneros favoritos de jogo. Na infância/pré-adolescência eu não conseguia jogar nada do tipo e achava bem difícil e diferente dos sidescrollers que costumava amar. A graça um dia chegou tanto ao Age of Empires quanto ao Age of Mythology, tempos depois, graças ao códigos de trapaça. Meu primo e eu zoávamos completamente as partidas construindo infinitas paredes e armadilhas pros inimigos, fora as coisas aleatórias que os próprios desenvolvedores colocavam já pra serem acessadas com os tais códigos, como usar um carro em tempos medievais!

    No caso do Starcraft, era um jogo que eu eventualmente jogaria, mas comecei agora pois um amigo estava afim de jogar algo do gênero e perguntou se não tinha algo pra jogarmos juntos (ele jogava muito Warcraft III na época). Depois de pensar um pouco, recomendei o Starcraft por ser muito famoso e Star Wars: Empire at War pela temática e por ser um pouco mais moderno. Felizmente ele escolheu Starcraft.

    Baixamos o launcher e lá estavam ambos os Starcraft. Eu não lembrava qual era o conhecido por ser melhor (aparentemente os dois são ótimos, de qualquer forma), mas fiz o download do primeiro, também conhecido pelo nome de sua expansão: Brood War. A Blizzard disponibiliza esse jogo completamente de graça!

    Já ele é do tipo que só quer saber do último lançado, síndrome comum em muitos conhecidos meus, haha. Imagine ignorar todos os Final Fantasy e jogar apenas o XV, achar que aquilo resume todos eles e ainda dizer que gosta da série!

    Acabei baixando o 2 também, e demorou bastante por ser super pesado, mas depois vi que só o primeiro episódio era de graça e resolvi desinstalar. Falei pro meu amigo que só jogaria com ele depois de terminar o 1.

    Pra não deixar o cara esperando (e acabei deixando, pois demorei mais de um mês pra zerar o jogo), ignorei as minhas prioridades de jogos e comecei Starcraft.

    O jogo tem um visual meio datado. Os personagens, texturas, resolução, cores, CGs são bem coisa do final dos anos 90, mas apesar da simplicidade, são estilosos e envelheceram até bem (só as CGs que são bem sintéticas).

    A tela inicial me deu os menus, incluindo Single Player e Multiplayer online. Eu só queria a campanha pra conhecer o jogo a fundo e sabia que ninguém ia animar umas jogatinas versus (eu também sou bem ruim em PVP de RTS). Depois me apresentou 3 personagens indicando diferentes episódios. Eu gosto de jogar na ordem e o próprio jogo recomendou fazer isso.

    Cada um desses episódios é focado em uma raça diferente: Terran, Zerg e Protoss. Os Terran são os mais perto de humanos americanos atirando como loucos. Os Zerg são os alienígenas com instintos primitivos. Já os Protoss são os aliens inteligentes e futuristas. Há um climão Star Wars.

    Começando o jogo, não tem nada de muito diferente de outros RTS que a gente já não conheça. Você tem personagens com especialidades diferentes: construir, combate corpo-a-corpo, destruição de construções, voadores, ataque à distância etc.

    Quanto mais coisas você constrói na sua cidades, mais possibilidades se abrem, tanto para construir novos prédios mais avançados quanto para adquirir novas tecnologias que melhoras suas tropas de diversas formas, incluindo ataque, defesa e novas habilidades de campo.

    Entretanto, construir exige materiais, que se resume a cristais e gás. Quanto mais você os coleta, mas poderá construir. Claro que você ainda deve ter um senso estratégico e saber administrar todo o recurso acumulado durante a partida pois as vezes é melhor investir em coisas menos óbvias, como casas, que permitem o aumento de seu exército, ao invés de uma fábrica de veículos que poderá ser feita mais pra frente. Ou quem sabe adquirir uma melhoria que permite melhores aquisições de outras construções?

    As vezes é interessante também ter cópias de certos prédios para evolução de tecnologia simultânea, ao invés de esperar que apenas um termine uma melhoria e comece a fazer a próxima. Por outros lado, fazer mais de um de alguns prédios é puramente um desperdício de matéria-prima e tempo.

    Apesar de muita coisa ser "genérica" pro gênero, temos que lembrar que esse título foi o responsável por popularizar o gênero e que muita coisa copiou dele!

    Fora as tropas comuns, há ainda heróis que fazem toda a diferença, com poder maior e grande parte no enredo. Geralmente a morte desses campeões resulta em falha instantânea da missão. Esses personagens são os que nos fazem nos apegar pelo jogo e achar um lado mais pessoal. Curti demais!

    Fora toda a parte de selecionar o pessoal e comandar que andem e ataquem nas primeiras e simples missões, explorando o cenário e metendo bala em aliens, o que mais me cativou depois de pouco tempo, quando parecei para perceber, foi a trilha sonora!

    Cara, a trilha sonora desse jogo é fantástica! Coisa de primeira. Jogando é mais legal, mas eu me pego de vez em quando ouvindo as músicas no Youtube! Já durante a jogatina eu simplesmente aumento o volume durante as partes que eu mais gosto (principalmente as músicas dos Terran), já que há um looping depois de alguns bons minutos. Como eu amo as músicas dos Terran!

    Estava curtindo o jogo, mas as missões duram por volta de 1 hora (são 10 missões por episódio), e isso pode cansar um bocado, ainda mais pelo fato de que a dificuldade vai aumentando com o tempo.

    Chega um ponto que número de tropas já não faz muita diferença, e até achar a estratégia certa para invadir e destruir aquela cidade é complicado. Eu criava muitas tropas e mandava pra um lugar, com todos os upgrades adquiridos e eles eram aniquilados rapidamente, me restando mandar mais, depois mais e mais e mais e destruindo as coisas aos poucos.

    Uma coisa bem chata do jogo é só poder selecionar 12 tropas por vez e se você quiser mandar muita gente para um lugar, você terá que fazer varias seleções. As coisas complicam pelo fato de que seus soldados são burros e nem sempre atacam mais coisas depois de matarem/destruírem o que você ordenou anteriormente. Resultado: é comum ver um bocado de aliados parados com construções inimigas nas proximidades.

    As coisas melhoraram quando eu menos esperava: na campanha dos Zerg. Os monstrengos são rápidos e atacam forte! Finalmente as minhas estratégias de força bruta estavam fazendo a diferença!

    Essa campanha ainda trouxe uns elementos bem interessantes pra estória e eu a acabei bem rápido. Apesar disso, o jogo estava mais complicado do que nunca. Eu estava me sentindo jogando o primeiro Half-Life novamente ao salvar o progresso antes de tomar qualquer atitude importante. E fica a dica: salve o jogo com alguma frequência! Você não vai querer perder 1 hora de jogo e reiniciar as fases, como eu fiz algumas vezes.

    Depois de algum tempo, apesar de curioso pelo enredo, eu estava satisfeito com a minha jogatina de Starcraft. Já estava ficando repetitivo e não ia pra lugar nenhum. Sabe o que é estar meio enjoado e ver que a próxima fase é a 6 ainda e que você vai gastar mais umas boas horas naquela campanha?

    No episódio dos Protoss, eu comecei a usar códigos para agilizar as coisas. Vi no gamefaqs.com que há um bocado deles, mas me limitei a usar o "show me the money", que me dá um bocado de cristais e gás. Recomendo, inclusive.

    Resumindo: Starcraft é um RTS de primeira e é isso. Apesar de seu visual não ter envelhecido muito bem (ele foi lançado entre Diablo 1 e Diablo 2), o jogo mantém sua jogabilidade perfeitamente em um dos jogos mais incrivelmente balanceados já criados. Eu me peguei vendo vídeos de finais de campeonatos recentes e é bem interessante. Pra quem tiver uma grana e quiser curtir mais a fundo, há ainda duas outras possibilidades: comprar a versão Remaster ou a versão Cartooned, que tem o visual bem "flash", geralmente voltada a trazer outro tipo de público pro jogo. Tudo isso só reforça o fato de que o jogo, incrivelmente, se mantém relevante até hoje em dia.

    De bom: enredo e trilha sonora muito bacanas. Jogabilidade simples. Muito conteúdo para um jogo atualmente grátis, incluindo a DLC, que praticamente dobra o tamanho da campanha. Opção de jogar sozinho ou contra os outros. O universo do jogo é muito interessante e rico e me deixou não só viciado como louco pelo 2 e consumir qualquer coisa relacionada.

    De ruim: a dificuldade (não é exagerada) e o visual do jogo original pode afastar novos jogadores. Necessidade de salvar com frequência em missões mais tensas. Missões as vezes se estendem demais e a monotonia toma de conta. Separe um bom tempo e afie seu gosto por RTS para ir até o final de 3 campanha de 10 horas cada.

    No geral, curti muito a experiência e já estou louco pra começar o 2, mas não sei se farei isso em breve. Se você curte jogos da época, o tema espacial com aliens e guerras e RTS, Starcraft é um prato cheio!

    StarCraft

    Platform: PC
    1918 Players
    21 Check-ins

    19
    • Micro picture
      onai_onai · 3 months ago · 3 pontos

      Boa! Não é meu jogo de estratégia favorito mas jogo ele também. A alguns anos atrás cheguei a terminar o jogo base, falta ainda a expansão.

    • Micro picture
      seufi · 3 months ago · 2 pontos

      Jogou com a expansão?.

      7 replies
    • Micro picture
      seufi · 2 months ago · 2 pontos

      @anduzerandu tu já tá na vibe, a história tá fresca...só vai... nem é tão longa assim!

  • 2020-06-23 08:19:55 -0300 Thumb picture
    jvhazuki checked-in to:
    Post by jvhazuki: <p>Após 5 anos quase ininterruptos eu finalmente de
    Heroes of the Storm

    Platform: PC
    639 Players
    606 Check-ins

    Após 5 anos quase ininterruptos eu finalmente decidi parar com Heroes of the Storm. Faço isso após atingir a meta de conquistar todos os heróis até então lançados, sendo o último o Asa da Morte (Deathwing); o nível máximo de jogador que alcancei foi 821, e embora pareça muito tem gente que atravessou a casa dos 2000.

    Pra falar a verdade é uma decisão bem difícil de tomar mesmo hoje, mas sinto que já é mais do que hora de investir o tempo que passava nele em outros títulos, preferencialmente não competitivos ou com foco no online. HotS foi o único MOBA que me prendeu em meio a tantos e isso tem ligação com sua simplicidade, mas o dinamismo das partidas, sem contar os diferentes objetivos de cada mapa, também foi algo que me conquistou.

    É uma pena que ele não tenha feito o sucesso de outros, mas como o canal "nerdSlayer" bem disse um dos motivos pode ter sido o seu lançamento tardio em meio a outros que já eram gigantes como o League of Legends e DotA2. Pra quem não é tão íntimo do gênero ou mesmo se sente intimidado por ele eu deixo aqui sua recomendação, mas todos esses anos ao seu lado também serviram para me mostrar como as estratégias em tempo real (RTS) podem ser divertidas -- e há muita coisa boa por aí que quero conhecer, graças a ele. 

    4
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-06-05 12:01:10 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in to:
    Post by volstag: <p><strong>Total Annihilation GRATIS, corre baixar!
    Total Annihilation

    Platform: PC
    137 Players
    4 Check-ins

    Total Annihilation GRATIS, corre baixar!

    https://www.gog.com/game/total_anihilation_commander_pack

    Fala galera, o jogo está gratuito enquanto durar, daqui dois dias quem pegar pegou, é um clássico de RTS (estratégia em tempo real) estilão Warcraft e Age of Empire da vida, mas a temática é futurista, só tem robôs, eu jogava demais nos anos 90, e recomendo muito!

    56
    • Micro picture
      mateusfv · 4 months ago · 2 pontos

      Eu tenho o CD desse jogo perdido em algum lugar aqui em casa, mas nunca cheguei a jogar kk

      1 reply
    • Micro picture
      rax · 4 months ago · 2 pontos

      Peguei aqui vlw pelo aviso XD

    • Micro picture
      darlanfagundes · 4 months ago · 2 pontos

      Compartilhando!

  • mandaloriano_95 Henrique
    2020-05-07 15:37:33 -0300 Thumb picture

    Ashes of the Singularity: Escalation de graça pelo Humble Bundle

    (Link na imagem)

    Ashes of the Singularity, um dos jogos de estratégia em tempo real da Stardock, está sendo distribuído gratuitamente pelo Humble Bundle, até o dia 9, para ser ativado na Steam. Se já faz tempo que os bundles de jogos do site não se salvam, ao menos ainda aparecem uns títulos interessantes de graça por lá esporadicamente.

    De RTS da Stardock eu só tinha o Sins of a Solar Empire, que é excelente, então a chance de conferir esse é muito agradável.

    Ashes of the Singularity: Escalation

    Platform: PC
    6 Players
    4 Check-ins

    19
  • tiagotrigger Tiago Prado Oliveira
    2020-04-17 14:06:40 -0300 Thumb picture
    tiagotrigger checked-in to:
    Post by tiagotrigger: <p>Se alguém me falasse, 10 anos atrás, que Age of
    Age of Empires II: Definitive Edition

    Platform: PC
    12 Players
    34 Check-ins

    Se alguém me falasse, 10 anos atrás, que Age of Empires seria tão popular assim (top 25 na Steam) em 2020 eu não acreditaria.

    Uma pena que o remake do Warcraft III que a Blizzard lançou ficou uma bela duma porcaria (o pessoal que comprou fala, eu não joguei).

    Age 2 DE teve muitos problemas no lançamento ano passado, mas agora está muito bom, todo mês sai atualizações com melhorias e coisas novas. Não me arrependi de ter comprado. Agora vamos ver se o Age 3 DE vai ser tão popular e torcer pro Age 4 ser muito bom (o que ainda estou com o pé atrás, hehe).

    13
  • 2020-01-09 16:09:57 -0200 Thumb picture
  • 2018-09-29 05:19:40 -0300 Thumb picture
    Post by jvhazuki: <p>@multiplayers me dá uma força, tô passando pelo

    @multiplayers me dá uma força, tô passando pelo evento da Blizzard em Heroes of the Storm e me faltam companheiros pra poder concluir as missões especiais. 

    Se houver alguém aí na mesma situação, vamos nos ajudar! Aproveito e, quem sabe, encontro os jogadores do MOBA aqui na rede. 

    Heroes of the Storm

    Platform: PC
    639 Players
    606 Check-ins

    18
  • 2018-09-05 12:10:47 -0300 Thumb picture

    Com uma horda de coelhos mágica, Fluffy Horde ganha data de lançamento

    Fluffy Horde é um híbrido de RTS e Tower Defense divertido e insano

    http://joystickterrivel.com.br/com-uma-horda-de-co...

    -----------------------------------------------------------------------------------------

    Acompanhe nossas rede sociais:

    Facebook - Youtube - Twitter - Instagram - SITE

    5
  • 2018-07-17 11:11:16 -0300 Thumb picture
  • pauloe Paulo Emilio
    2018-04-29 16:59:22 -0300 Thumb picture
    pauloe checked-in to:
    Post by pauloe: <p><a href="https://i.ytimg.com/vi/CbT6ioGso-Y/maxr
    AirMech

    Platform: PC
    257 Players
    14 Check-ins

    Achei esse jogo aqui por acaso vagando pela Steam, vi que era gratuito e baixei pra testar.

    O jogo tem uma boa proposta, é meio que uma mistura de MOBA com RTS, achei interessante essa mescla.

    Os gráficos são bonitos e achei bem fluida a movimentação das máquinas, veículos e principalmente de quando você se transforma de robô para uma aeronave e vice-versa.

    Provável que não vou continuar jogando, pois já curto outras coisas aí que vai nessa vibe, mas valeu o teste. E sim, o jogo é bem bom! 

    14
    • Micro picture
      jhonatasantos · over 1 year ago · 1 ponto

      Realmente é interessante o game. Não tem um grande incentivo para engajamento, mas com certeza uma ótima opção de se jogar de vez em quando e em partidas com amigos.

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...