• andre_andricopoulos André Zanetti Andricopoulos
    2018-12-25 20:16:19 -0200 Thumb picture

    ÚLTIMO DE NÓS (SHARE)

    Após sufoco do último CHECK IN, vamos seguindo tentando passar pelo hotel.

    Peixe "ROBERT"...

    Nesta jogada no PS4, após ter feito barulho e alertado os inimigos, fiquei de tocaia neste ponto e fuzilei bastante "fdp".

    "Amo" o estrago que uma shotgun é capaz de fazer...

    "Bora trocar whatts app?". Muito linda, não? Fiquei apaixonado.

    Ratos desesperadamente nadam como se estivessem fugindo de algo! O ambiente está quieto e silencioso: a tensão já se estabeleceu!

    Não preciso dizer nada né? Um "BLOATER" (acho que o traduziram como VERME...) e companhia.

    Se alguém encontrar o IVY (raça HUSKY SIBERIANO), favor ligar para 555-8342 e falar com José.

    THE LAST OF US é um excelente game de sobrevivência (survival horror) com bons elementos de aventura e ação mesclados. Produzido pela excelente NAUGHTY DOG (mesma desenvolvedora de UNCHARTED). Foi aclamado pela crítica especializada com elogios sendo direcionados particularmente para sua caracterização, enredo, exploração da condição humana sob crises e a representação de personagens femininas

    O título tornou-se um dos jogos mais bem vendidos do PlayStation 3, vendendo mais de 1,3 milhões de cópias apenas em sua primeira semana e mais de oito milhões depois de catorze meses. Também é considerado como um dos melhores jogos eletrônicos da história. Segue a reação de jovens jogando a INTRO INTERATIVA...

    ...e também os “coroas” jogando:

    Há um surto de uma mutação do fungo Cordyceps que arrasa os Estados Unidos em setembro de 2013, transformando seus hospedeiros humanos em monstros canibalísticos chamados de Infectados:

    Não sabe o que é um fungo CORDYCEPS? Tá ae, presente em nossa natureza (quando vejo esse curto vídeo me dá vontade de vomitar...é muito nojento e também triste):

    Peço desculpas mas não consegui acessar antes mas ainda é dia 25/12/18 então, meus mais sinceros FELIZ...

    The Last of Us Remastered

    Plataforma: Playstation 4
    3297 Jogadores
    669 Check-ins

    29
  • 2018-11-14 14:59:56 -0200 Thumb picture

    [Primeira Compra] Jogo God of War III Remasterizado - PS4

    Jogo: God of War III Remasterizado

    Plataforma: PlayStation 4

    Loja: SouBarato

    Valores: R$ 9,99 em 1x no Cartão ou Boleto. Use o cupom: QUERO10

    Frete: 9,99 (Consultar para sua região)

    Link: Clique aqui!

    *Cupom válido para a primeira compra, com valor mínimo de R$15, para os primeiros 1000 clientes ou enquanto durarem os estoques. Válido para um pedido por CPF

    God of War III Remastered

    Plataforma: Playstation 4
    854 Jogadores
    203 Check-ins

    5
  • 2018-01-18 18:11:31 -0200 Thumb picture
  • 2018-01-12 00:15:34 -0200 Thumb picture
  • 2018-01-12 00:12:48 -0200 Thumb picture
  • 2018-01-12 00:10:17 -0200 Thumb picture
  • wild_dark_shadow Nuno Gomes
    2018-01-11 15:17:35 -0200 Thumb picture
    18
  • jessicagdsantos Jessica Gonçalves Dos Santos
    2017-11-27 15:25:59 -0200 Thumb picture

    Aquele tempo maldito pro troféu kkk

    Faz tempo já que fiz esse vídeo pra poder platinar o CoD4 MW remastered e só agora deu pra postar na minha conta do YouTube :v então segue aí o vídeo da conquista do troféu "O melhor dos melhoresBata o melhor tempo de IW no percurso de treinamento de navio em ''Novato'' (15.1 segundos)."

    Meu tempo final: 14.45 segundos

    Call of Duty 4: Modern Warfare Remastered

    Plataforma: Playstation 4
    74 Jogadores
    34 Check-ins

    52
  • anduzerandu Anderson Alves
    2017-09-10 20:25:00 -0300 Thumb picture

    Registro de finalizações: Day of the Tentacle Remastered

    Zerado dia 10/09/17

    Após jogar Grim Fandango, o meu amor por point & clicks/adventures cresceu ainda mais. Eu achei o jogo genial, apesar de alguns puzzles meio sem lógica, a ponto de fazer um papercraft e uma tatuagem do Manny Calavera!

    Interessado pela história por trás da criação do jogo, acabei entrando de vez na sua "cultura", baixando imagens e ouvindo bandas e músicas de gêneros que eu pouco conhecia ou me interessava, como Jazz e Swing (sou meio que aficionado por música, mais do que por jogos).

    Nessas aventuras acabei lendo bastante sobre jogos da Lucasarts e Double Fine e o grande Tim Schafer, a mente por trás das aventuras do Manny, que já prometia trazer outros clássicos de forma remasterizada, como Full Throttle e Day of the Tentacle, que eu terminei hoje depois de cerca de uma semana de jogatina casual fora de casa.

    Esse curto período de tempo, conciliado com a jogatina no XONE rendeu umas boas horas de jogo, ainda mais nesse domingo e isso se deve pelo fato de que DotT é um adventure que foi muito além das minhas expectativas!

    Lembro que as primeiras imagens que vi desse remaster não me animaram tanto assim porque o jogo parecia meio chato como outras experiências que tive com jogos do gênero na época e nada parecido com Grim Fandango, até por ser um título 2D.

    10 minutos de jogo e eu já estava completamente apaixonado.

    O jogo tem um humor incrível, digna das minhas experiências com jogos do Schafer mesmo. [E tudo muito fluído e rápido e os comandos funcionam muito bem, sendo que você aperta X para mover o personagem, quadrado para abrir o menu de opções para as coisas (como abrir, fechar, falar, interagir) em uma roleta e triângulo para abrir seu inventários. O analógico esquerdo move o cursor e o select troca o visual do jogo da versão remaster para a antiga e pixelada. O legal dessa função é que ela ativa instantaneamente a troca visual, mesmo durante cinemáticas.

    A versão original tem textos na parte de baixo que devem ser selecionados com o cursor e depois apontados onde serão usados, enquanto a versão nova deixou esses comandos nos botões e a cena de jogo é fullscreen.

    Falando sobre visuais, DotT parece um desenho animado, é incrível! Um desenho animado praticamente adulto, diga-se de passagem.

    O jogo é mais simples e fácil do que Grim Fandango. 

    Primeiro que ele limita bastante as suas ações e movimentos, até porque os cenários são pequenos. Segundo que uma função interessante foi adicionada: ao apertar pra cima no d-pad, todos os objetos que podem ser interagidos ganham uma "caixa" de destaque visual alaranjada por cima, evitando que você fique tentando usar objetos inúteis do cenário ou passe por algum lugar e não veja alguma coisa importante.

    Vale lembrar que algumas coisas as vezes não são destacadas e podem ser usadas ou interagidas, mas realmente não lembro se elas tinham algum efeito importante sobre o jogo.

    O enredo é fantástico!

    Um cientista maluco resolve enviar 3 adolescentes para o passado para consertar uma cagada que fez, mas uma parte importante de sua máquina do tempo acaba de destruindo durante o processo: o diamante, já que ele usou uma versão falsa.

    Cada um dos personagens jogáveis ficam no mesmo lugar, mas em três tempos diferentes: Hoagie, o gordinho roadie, vai para o passado, no século XVIII; Bernard, o nerd, fica no presente, ou seja, não vai a lugar algum; e Laverne, a doida, vai para algum lugar do futuro, onde a humanidade está sendo escravizada pelos tentáculos.

    O objetivo dessa turma é trazer todos de volta ao seu tempo. Hoagie está no passado, onde não há energia e vai ajudar pessoas famosas da época a descobri-la. Bernard está tentando conseguir um diamante para fazer a máquina voltar a funcionar, mas um diamante custa 2 milhões de dólares. Laverne está tentando ligar a sua cápsula temporal na energia enquanto foge da prisão e lida com uma população gigantesca de tentáculos.

    É um jogo bem maluco, colorido e engraçado.

    Cada um deles acha seus próprios desafios e itens que podem ser combinados ou usados de várias formas e vários lugares e pessoas, o que faz com que as possibilidades sejam bem diversas e o que dificulta o jogo.

    Achei um rato de brinquedo depois de passar uns apuros. Legal, mas o que eu faço com ele? 

    De início você vai procurar lógica nas coisa e onde usar aquele item, mas depois de ir e vir um pouco, vai se ver o usando em todos os lugares e muitas vezes não achando nada, assim como todo o seu inventário.

    Pra ferrar a sua vida, é possível enviar quase qualquer item pelas cápsulas do tempo para um dos outros pegarem e usarem em algum lugar em seus tempos. Agora sim, as possibilidades se multiplicaram e muito!

    Pra dizer a verdade, quase 100% dos casos os itens fazem sentido onde devem ser usados e é mais uma questão de um pouco de raciocínio e/ou memória. Vacilei bastante e deixei várias coisas óbvias passarem até finalmente as fazer e a aventura durou quase 8 horas. Acho que se eu jogar novamente dura umas 2.

    Resumindo: Day of the Tentacle Remastered é um baita jogão com um enredo e puzzles muito divertidos. O jogo vai muito além do que outros jogos do gênero que já experimentei vão, coisa que não me parecia antes de o jogar de verdade. Acho que posso dizer que é uma estória das mais interessantes e cômicas que já vi, e que só poderia ser feita mesmo num video game.

    De bom: controles muito bons e simples. Visual de desenho animado cheio de animações tanto dos personagens como de outros elementos de fundo. Puzzles não muito difíceis e uma hora ou outra você vai fazê-los, diferentemente do Grim Fandango, que usei detonado em uma parte ou outra e há algumas dicas sutis ou mais que isso durante a jogatina, como cinemáticas aleatórias quando você vai de uma cena a outra do jogo. Enredo nota mil, assim como os personagens. O replay é tão bom que já deu vontade de jogar novamente e platinar, agora que já sei de tudo. Há a possibilidade de jogar o jogo anterior, Maniac Mansion, dentro desse jogo! Esse é o motivo pelo qual eu ainda não o deletei. Algumas ações que você faz e não sabe o pra quê acabam sendo úteis uma hora ou outra, mesmo que seja no fim do jogo. Loading ao abrir o jogo e saves rápidos, além de não ter travado nenhuma vez. Possibilidade de jogar a versão nova ou antiga quando bem quiser.

    De ruim: houveram ainda sim partes que eu não fazia o que fazer ou onde fazer. Não é o tipo de jogo pra qualquer um, apesar que eu diria que é um bom começo pra conhecer o gênero.

    No geral, gostei muito mesmo e já entendo todo o alarde em torno dele. Super recomendo! Levei apenas 8 horas e demorei pra caramba pelos vacilos, mas é curtinho e tranquilo, por isso pareceu bem menos que isso.

    Day of The Tentacle Remastered

    Plataforma: Playstation Vita
    36 Jogadores
    6 Check-ins

    11
    • Micro picture
      waterstill · mais de 1 ano atrás · 2 pontos

      Tô pra jogar (e comprar) ele ainda! Amo adventures point & click haha

      1 resposta
  • 2017-07-18 12:51:10 -0300 Thumb picture
    <p>Segundo jogo do Chip & Dale! E último jogo da Co - Alvanista

    Segundo jogo do Chip & Dale! E último jogo da Coletânea!

    ---------------------------------------------------------------------------

    Inscreva-se no Youtube: http://goo.gl/kbGcAe

    ---------------------------------------------------------------------------

    Quer Ajudar o Canal, compre pelos nossos links afiliados ou com nossos cupons:

    Play-Asia: https://goo.gl/Vqs5ja

    WaterMelon Magical Game Factory: https://goo.gl/mfFBPr
    Cupom de 5%: 4414639 (adicionar no carrinho e clicar no botão de confirmar antes de finalizar a compra!)

    Ebay: https://goo.gl/KBb9aN

    Book Depository: https://goo.gl/cVjRWN

    ---------------------------------------------------------------------------

    Confira nossas Redes:

    Facebook: http://facebook.com/bardoinsano

    Alvanista: http://alvanista.com/bardoinsano

    Twitter: http://twitter.com/bardoinsano

    Instagram: http://instagram.com/bardoinsano

    Canal: http://youtube.com/bardoinsano

    The Disney Afternoon Collection

    Plataforma: PC
    8 Jogadores
    4 Check-ins

    3

Carregar mais postagens

Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...