• 2015-11-02 21:42:51 -0200 Thumb picture

    Divinal

    Foi ontem que vi a carruagem cromada do Anjo surgir no horizonte. Seguido por duas carruagens do Lorde Scrotus, o Anjo contava com um corcunda, aquele que chamam de Chumbucket. Não demorou até que os dois destruíssem os homens de Scrotus. O Anjo então nos viu e temi pela minha vida e de meus companheiros.

    Estávamos em duas mulheres, uma delas grávida, garotos com pouquíssimas noites, e outros com noites demais para lutar. Escapamos dois dias atrás de um acampamento próximo à base daquela que chamam de Olho Rosa, durante um ataque. Pelo que vimos à distância, depois de matarem todos e tomarem nosso acampamento, os homens de Scrotus partiram em direção da base da velha Olho Rosa. Na frente deles ia aquele louco que usa uma máscara feita com o rosto de suas vítimas, acho que o nome é Gengiva Fedorenta.

    Mas já estou me perdendo, deixa continuar. O Anjo continuava pela estrada, ainda arrastando o corpo de um dos homens de Scrotus quando virou na nossa direção e parou a carruagem, tão linda e cromada. Chumbucket quase voou por cima do carro, o garoto de guerra de Scrotus rolava pelo asfalto como uma boneca de pano foi arremessado contra a parte de trás da carruagem quase explodindo numa nuvem vermelha.

    Tivesse alguma água na bexiga, tinha me mijado, de tanto medo.

    O Anjo então virou a carruagem na nossa direção e acelerou, levantando uma enorme cortina de poeira. Estávamos fracos demais para fugir, ou mesmo tentar desviar, então ficamos parados. Um dos velhos que levávamos tinha um sorriso no rosto cansado, se ajoelhou e levantou as mãos ao céu. Finalmente teria seu descanso, em um golpe, sem dor. O choque que veio não foi o que esperávamos, mas sim quando ele desviou de nós e freou.

    Desceu da carruagem e veio na nossa direção. Juro pra vocês, ele era gigante, devia ser do tamanho do Scrotus, que é um imortal, filho do Imortan Joe. Então ele fez o que nenhum de nós esperava, tirou o cantil cheio da cintura e deixou que esvaziássemos.

    O tempo todo, o Anjo ficou quieto e com a cara fechada enquanto agradecíamos, como se não fizesse aquilo por bondade, mas sim por que era uma obrigação. Então, levantou a mão esquerda, apontou para o horizonte, por entre as dunas e disse. - Vão naquela direção, tem um lugar seguro à mais ou menos meia hora de caminhada. Tem uma fonte e alguma comida. - Então deu as costas, entrou no carro e partiu na direção da base da velha Olho Rosa.

    Quando chegamos no acampamento que o Anjo havia falado, vimos que os homens da Olho Rosa tiravam os corpos dos homens de Scrotus, às dúzias. Aquele acampamento havia sido purificado há pouco, pelo nosso Anjo e sua justiça impiedosa.

    Enquanto ajudávamos a reforçar os portões, todos nós vimos a tempestade se armando no horizonte, as nuvens escuras cobrindo o céu, o vento aumentando, e então os raios. Era difícil ouvir o que acontecia, com toda a barulheira da tempestade, mas aqui e ali, se nos concentrássemos, podíamos ouvir as explosões, diferentes daquelas da tempestade, no horizonte.

    Todos estavam escondidos nas construções, as crianças e velhos estavam no porão, mas eu não pude me esconder, não conseguiria tirar os olhos do horizonte enquanto a tempestade não passasse, enquanto a carruagem cromada e o Anjo não viessem, enquanto não soubesse que estava tudo bem com o Anjo.

    A tempestade acabou, meio dia se passou, e então vi aquele brilho à distância, vindo da mesma estrada que havia visto ele sumir, ontem. Era o Anjo. Ele então saiu da estrada e veio na direção do nosso acampamento. Deixou a carruagem na frente do portão, e entrou. Chumbucket não veio com ele, desceu da traseira da carruagem e foi até o capô, onde ficou fazendo barulho e falando coisas sem sentido, como se a carruagem fosse algo vivo. Ignorei ele, precisava ver o Anjo de novo.

    Corri por entre as paredes de ferro, desviando entre as pessoas até que o vi, de cócoras, enchendo o mesmo cantil que salvou nossas vidas, ontem. Queria ter me aproximado, agradecido, dito o quão importante ele era, mas não consegui. Fiquei observando de longe, enquanto ele levantava em silêncio e voltava para a carruagem.

    Chumbucket falou algo sobre uma missão sagrada, logo que viu o Anjo, e ambos desapareceram no mar de areia. Acho que esse é o papel do Anjo da fúria, que vem e vai onde é necessário, destruindo os perversos e salvando tantas vidas quanto pode salvar... Não cabe a mim saber quem é o Anjo, ou o porque dele fazer o que faz, e sim recarregar sua munição, encher seu cantil e o tanque de combustível da sua carruagem sagrada, sempre que ele precisar, pois ele salvou minha vida, como provavelmente vai salvar a sua, se for dos justos...

    @gakuma

    Mad Max

    Platform: PC
    398 Players
    141 Check-ins

    12
  • 2015-08-29 13:45:06 -0300 Thumb picture

    Fresquinho!!! Por R$209

    Medium 169971 3309110367

    Acabou de Chegar na loja e teremos 5 peças de PS4 e 3 de XBOX  ONE que estão fora das pré-vendas ainda podendo ser vendidas por R$209, rapaziada. Quem tiver à fim é só falar.

    Abraço,

    Mad Max

    Platform: Playstation 4
    870 Players
    227 Check-ins

    13
  • 2015-05-26 13:12:03 -0300 Thumb picture
  • 2015-03-04 21:32:35 -0300 Thumb picture

Load more updates

Keep reading → Collapse ←
Loading...