• singleplayers Singleplayers
    2018-10-02 18:07:09 -0300 Thumb picture

    Entrevista com o compositor da trilha de Donkey Kong Country

    Medium 3676013 featured image

    Confira mais matérias originais, vídeos e podcasts em: www.singleplayers.com.br

    David Wise é um dos compositores mais geniais do mundo dos jogos e concede pouquíssimas entrevistas. Por sorte, temos este raro registro com o compositor premiado e adorado até por pessoas que não fazem ideia de quem ele seja. Atualmente ele contribuiu para obras como Snake Pass, Yooka-Laylee e Donkey Kong Tropical Freeze. Só que nos tempos antigos ele trabalhou com a Rare em Battletoads e seus jogos favoritos sobre macacos.

    Você era parte da Rare desde 1985, quase no começo da companhia. Como você se tornou um compositor de video games?

    Me tornei compositor de video games quase por acidente. Eu estava trabalhando em uma loja de música, demonstrando um computador musical Yamaha CSX usando alguns dos meus próprios arranjos. Tim e Chris Stamper pediram uma demonstração de vendas, perguntaram quem havia escrito aqueles arranjos, e me ofereceram um trabalho na Rare.

    É o estilo de vida que você imaginou quando era criança?

    Eu queria ser compositor, então eu considero um privilégio compor músicas para video games.

    Em Battletoads a música é puro rock, DKC tem uma sensação ambiente de jazz, a música de DKR é pop e cativante…seu trabalho é bastante variado. Que tipo de música você gosta de ouvir?

    Eu absolutamente escuto montes de diferentes estilos de música, constantemente. Orquestra, ópera, balé, rock, funk,pop, músicas infantis, trilhas de filmes, qualquer coisa que se conecta comigo emocionalmente.

    Você normalmente toca qualquer instrumento?

    Eu toco uma variedade de instrumentos: meu favorito é o saxofone e sou afortunado em ter um grande piano Bluthner no lounge. Toco violão, baixo, bateria e percussão, e no momento estou reapredendo a tocar trompete, que eu costumava tocar quando era criança.

    A música de Donkey Kong Country ainda é aclamada por fãs e críticos, 15 anos depois. Essa série de jogos será inevitavelmente ligada a temas como Jungle Groove, Fear Factory ou Aquatic Ambiance. De onde veio essas melodias?

    Muito da inspiração veio da tentativa de superar as limitações de ter disponível apenas 64K de memória no SNES, e para fazer isso eu tinha que ser um pouco mais criativo na maneira que usava os dados de ondas sonoras disponíveis.

    Em muitos jogos da Rare, era comum ver vários compositores creditados. Você era incluído ao lado de Graeme Norgate em Donkey Kong Land, em DKC com Robin Beanland e Eveline Fischer. Como era distribuído o trabalho entre os compositores?

    Felizmente Graham, Robin e Eveline são compositores talentosos e tecnicamente competentes. Executar as melodias no SNES ou no GameBoy era um processo que consumia um certo tempo, então era mais o caso de quem estava disponível para escrever a próxima melodia requerida.

    Hoje em dia, as músicas dos jogos best sellers são gravadas com orquestra, arranjos orquestrados…são ótimas, mas as vezes os jogadores se lembram mais de um tema em midi gravado vinte anos atrás com menos recursos do que o arranjo sinfônico mais atual. Você acha que isso se deve a nostalgia, ou existe alguma coisa coisa?

    Nós não tínhamos nem mesmo o luxo do midi, tudo era escrito em código Hex até o Nintendo 64.Os chips sonoros eram muito mais limitados do que os recursos disponíveis atualmente, então a música era muito mais proeminente nos jogos.

    Talvez porque a música agora tenha que competir com efeitos sonoros, falas e sons ambientais, não tenha a atenção que merece.

    Stickerbrush Symphony, Aquatic Ambiance, Spaceport Alpha, Forest interlude, Turbo Tunnel Race em Battletoads… todo mundo tem seu tema favorito. Mas qual é a música de que você se orgulha mais? Por quê?

    Eu considero Aquatic Ambience foi o ponto da virada. Era tecnicamente trabalhoso de emular a técnica da “sequência de ondas” do Korg Wavestation para contornar o limite de 64k do SNES. Aquatic Ambience levou 5 semanas de programação, re-programação e para funcionar, mas os resultados defintivamente valeram a experimentação.

    Nos anos noventa, a Nintendo e a Rare pareciam competir para ver quem fazia os melhores jogos no SNES e Nintendo 64, como Mario Kart e Diddy Kong Racing, Banjo Kazooie e Mario 64 ou Donkey Kong Country e Super Mario World. Você sentiu essa rivalidade saudável nas músicas?

    A Nintendo escreveu grandes temas musicais, afinal todos conhecem o tema do Mario, é simplesmente icônica, assim como os temas para Zelda, Star Fox e incontáveis outros video games da Nintendo.

    Então sim, havia definitivamente uma rivalidade saudável. Por exemplo: com a trilha para Diddy Kong Racing eu queria fazer que fosse mais Mario Kart do que o próprio Mario Kart. Os jogos da Nintendo e seus estilos são grandes fontes de inspiração.

    A saída da Rare da Nintendo foi traumática para a companhia japonesa, para os fãs e para a Rare também. Desde então, você está apenas trabalhando em alguns poucos títulos relacionados a franquias ou consoles da Nintendo. Eu não sei o que aconteceu nessa indústria quando um grande compositor como você teve de deixar uma companhia para qual trabalhava tanto tempo. Mas você começou de novo com o David Wise Sound Studio. Você tem projetos para continuar a fazer jogos para video games?

    Me sinto muito sortudo por trabalhar com alguns projetos muito inspiradores de video games no momento, com alguns produtores muito telentosos. Tempos muito excitantes, e estou ancioso para que esses projetos dêem seus frutos.

    Dessa maneira (computador + intrumentos reais) serão suas músicas de seus novos projetos, ou você tem em mente, como Grant Kirkhope fez em Viva Piñata, que escreveu uma trilha orquestrada?

    Caso um projeto suporte uma trilha orquestrada completa, e onde o orçamento estiver disponível, então sou bastante favorável a seguir esse caminho.

    Também acredito que a trilha tenha que ser harmônica em relação ao ambiente do jogo também. Uma trilha que eu trabalhei no ano passado era bastante atmosférica, e eu preferi um uso mais esotérico da instrumentação.

    Eu sempre prefiro a performance e a entrega do uso de instrumentos reais quando for possível, pois nada pode se comparar. Entretanto, as vezes eu faço de outro jeito usando controladores midi para tocar samples ou instrumentos VST, tanto de um kit de bateria midi ou de um controlador de sopro Akai EWI.

    Eu também uso vários microfones ajustados para gravar a colecão de instrumentos que eu tenho em mãos no meu estúdio.

    Confira mais matérias originais, vídeos e podcasts em: www.singleplayers.com.br

    Donkey Kong Country

    Platform: SNES
    19898 Players
    201 Check-ins

    28
    • Micro picture
      reasel · 7 months ago · 2 pontos

      esse cara é foda!!

    • Micro picture
      deathcorps · 7 months ago · 2 pontos

      Tem uma mulher que também fez música de DKC.

      1 reply
    • Micro picture
      fagnerale · 7 months ago · 1 ponto

      David Wise está entre os melhores compositores, é gênio...só de lembrar da fase da água em Donkey Kong já vem a nostalgia

  • marcelokiss487 Marcelo Kiss
    2018-05-26 12:06:28 -0300 Thumb picture
    52
    • Micro picture
      mateusfv · 11 months ago · 4 pontos

      Caramba eu já pego OST nesse site msm antes de saber oq era KH uhasuhsahu

      4 replies
    • Micro picture
      douggycandido · 11 months ago · 3 pontos

      Esse site era o antigo site vgmusic.com ?

      3 replies
    • Micro picture
      tassio · 11 months ago · 3 pontos

      Tem o galbaldia hotel (algo assim) também. Véio pa caramba, peguei muita .midi lá hehe

      5 replies
  • 2018-05-01 11:34:20 -0300 Thumb picture

    Donkey Kong Country: Tropical Freeze

    ...REVIEW.

    IGN – 9 / 10

    GameSpot – 9 / 10

    Game Informer – 9.25 / 10

    Nintendo Life – 9 / 10

    GameXplain – “Nos encanta”

    GamesBeat – 89 / 100

    Nintendo Life – 9 / 10

    Nintendo World Report – 9.5 / 10

    Shacknews – 7 / 10

    Gamereactor – 9 / 10

    Hobby Consolas – 87 /100

    @u3marcos

    Donkey Kong Country: Tropical Freeze

    Platform: Nintendo Switch
    125 Players
    5 Check-ins

    11
  • 2018-04-28 14:40:41 -0300 Thumb picture
    Post by jvhazuki: <p>Agora que terminei todos os estágios especiais d

    Medium 545085 3309110367

    Agora que terminei todos os estágios especiais de 3D Land é hora de voltar pra fechar DKC. Não está fácil. 

    Donkey Kong Country

    Platform: SNES
    19898 Players
    201 Check-ins

    4
    • Blank user
      leopar65 · 12 months ago · 1 ponto

      eu achei ele bom menos na parte da agua

  • denis_lisboadosreis Denis Lisboa Dos Reis
    2018-01-18 19:41:02 -0200 Thumb picture
    denis_lisboadosreis checked-in to:
    Post by denis_lisboadosreis: <p>Finalizado outra vez. O jogo se manteve bem apes
    Donkey Kong Country

    Platform: Gameboy Advance
    485 Players
    26 Check-ins

    Finalizado outra vez. O jogo se manteve bem apesar de ter uns ajustes nas cores.

    Acho bem interessante o modo DK Attack (Time Attack) desse jogo. Perfeito para jogadores veteranos da versão SNES.

    Mas odeio esse mini game de dancinha.  :( 

    4
  • anduzerandu Anderson Alves
    2017-10-31 16:39:20 -0200 Thumb picture

    Registro de finalizações: Snake Pass

    Zerado dia 31/10/17

    Olha aí um jogo que me despertou o interesse há tempos atrás. A temática de natureza com duplas de protagonistas animais e trilha sonora do David Wise me remeteu a minha amada série Donkey Kong Country e quando vi que o jogo sairia pro Switch, não deu outra: eu ia ter esse jogo de um jeito ou de outro.

    Acabou que ganhei Snake Pass de aniversário de um colega do serviço. Ele jogou uma conversa de querer testar o videogame, viu a minha lista de desejos do eshop, pequeníssima até então, e comprou o jogo pra mim. Foi pura felicidade.

    Cheguei a testar o jogo e curtir os gráficos e trilha sonora bacanas, mas por estar jogando outras coisas, demorei uns meses pra começar de vez a aventura. Joguei metade do jogo casualmente e o deixei de lado por causa do XONE, a ponto de esquecer do "jogo da cobrinha".

    Percebi ontem que estava sem espaço pra baixar o Mario Odyssey e que essa coisinha ocupava bizarramente 4,7GB do console. Não teve outro jeito senão correr e zerar logo essa pendência.

    Snake Pass é um jogo de plataforma bem diferentão. Isso porque a experiência se baseia fortemente em física e no fato de que você joga com uma cobra.

    Imagine fases de plataforma de Marios 3D e acrescente uma mobilidade mais lenta, cenários menores e vários comandos e confusões pro seu cérebro. Isso é Snake Pass.

    Eu digo que é confuso porque  você usa o botão ZR, o gatilho direito, para "acelerar",  A para levantar a cabeça, ZL para agarrar às coisas que você circula com o seu corpo e Y para o seu amigo passarinho levantar o seu rabo (ajuda a diminuir seu peso total e a chegar mais longe em queda livre). Vale lembrar que para se locomover você ainda deve serpentear, ou seja, ficar movendo o analógico de um lado pro outro. Não é fácil.

    Apesar de serpentear ser chato, você se preocupar mais em se enrolar e escalar por pedaços de bambu e barras em geral. Amigo, tenha muita paciência.

    Imagine uma construção de madeira com coletáveis que você queira subir. Primeiro você serpenteia até ela. O próximo passo é se enrolar, então "acelere" e mova o analógico de forma que seu corpo vá circular a estrutura. Aí que começa a ficar tenso: se você acelerar demais, você não vai conseguir se enrolar pois o seu círculo vai ficar muito aberto e como você tem que ficar virando o analógico conforme sobe, terá que ter cuidado e manter a habilidade a todo momento. Parar de acelerar também não vai te levar a lugar nenhum, então o jeito é dosar a forma como você aperta o gatilho.

    Noodle, a  cobra, também não sobe a menos que você segure A, o botão de levantar a cabeça. O problema é que isso é muito viciante e o resultado é você jogando a todo momento com a cabeça pra cima ou mesmo se matando várias vezes porque ao invés de ir se enroscando numa barra, você puxou a cobra pra cima.

    O que faz você deslizar menos é o botão ZL, que faz com que você "estrangule" aquilo que está segurando e ao invés de andar, poderá mover apenas a cabeça.

    Mas em situações em que você deve subir verticalmente, depois mudar para enroscadas horizontais, ficar dosando velocidade, segurar ou soltar o botão de se agarrar, ficar rodando o analógico em volta das coisas e tentar não ficar segurando A porque seu cérebro está condicionado a achar que ele acelera é muito difícil. A sensação é que os comandos são tipo Mario Kart 8 Deluxe, mas não são mesmo! Ainda assim, ficava segurando todos por muitas vezes e quando precisava soltar algum, tinha que parar um pouco e pensar exatamente qual fazia o quê.

    Quando os puzzles tem movimentação, buracos, espinhos, brasas e nada dá certo e você escorrega ou morre pela confusão dos controles que nunca parecem ficar fáceis, você começa a tentar fazer tudo de qualquer jeito e o mais rápido possível, e as vezes até dá certo, como sair deslizando em cima de um corrimão ao invés de sair se agarrando por ele. Felizmente há checkpoints quando passamos por cima de certas marcações no chão, apesar de serem menos do que o necessário.

    O objetivo do jogo em si é que coletemos três gemas coloridas que estão dispostas nas fases. Elas são grandes, brilhosas e tem até uma marcação quando olhamos pro céu. Pegou as três? Basta seguir para a saída, que se abre quando a aproximamos com as três pedras preciosas. Faça questão de sempre salvar nos checkpoints quando coletar essas coisas difíceis, pois as vezes você morre por vacilo.

    Além disso, há um grande número de Wisps (um coletável azul que parece uma amoeba) pelos cenários. Eles são mais ou menos o que seriam as moedas de ouro dos jogos do Mario, mas só servem para contar na sua galeria a porcentagem coletada em cada fase. Há ainda 5 moedas de ouro grandes nas fases. Essas moedas estão escondidas ou em lugares difíceis de se alcançar.

    Como o jogo tem apenas 15 estágios, eu comecei a aventura no espírito de pegar absolutamente tudo e fiz isso nos dois primeiros mundos (8 fases), mas depois ficou realmente frustrante: lugares chatos de escalar e com desafios chatos, bem longes de checkpoints.

    Resumindo: Snake Pass é um jogo bonito, colorido e divertido e cheio de detalhes, mas o jogo de plataformas com puzzle, mais lento, que muito me interessou e me divertiu no início subiu bastante na dificuldade e ficou mega frustrante rapidamente. Depois de zerar, eu percebi que valeu a pena não correr mesmo atrás de tudo, pois a recompensa é ridícula e nem sequer achievements tem no Switch.

    De bom: visual legal (e melhor ainda no PC e PS4 Pro, pelo que vi. 60 fps e mais). Trilha sonora muito boa, mas durante o jogo é difícil prestar atenção haha. Bastante fator replay, até porque uma atualização permite agora que você volte em cenários e pegue só o que falte (antigamente você teria que pegar tudo de uma vez e terminar a fase). Depois de zerar, é liberada uma habilidade que permite ver com uma espécie de visão raio-x todos os coletáveis da fase, o que só reforça a minha dica: não vá trás de tudo de início a menos que queira um bom desafio. Jogo visualmente carismático. Level design massa e 4 mundos com temas e até mecânicas distintas.

    De ruim: comandos frustrantes e que nunca ficam naturais. Dificuldade para pegar tudo meio chata e mesmo pra pegar o essencial pode ser meio elevada para jogadores novos e crianças (definitivamente não recomendo). As veze você faz parte chata seguida de mais parte difícil e nenhum checkpoint. As vezes tem checkpoint quase do lado um do outro. Pra fechar tudo em uma fase, já cheguei a jogar mais de 1 hora só naquele estágio, pois embora seja divertido explorar (mesmo com os comandos tão cansativos), ainda assim tem coisas demais pra coletar. Estória fraca, embora seja só uma desculpa pra dar um pouco de sentido a mais na aventura. Odeio que depois de pegar algo, mesmo sendo super difícil e demorado, se morrer terá que o fazer novamente.

    No geral, Snake Pass deixou um pouco a desejar e pelo preço de uns R$60 do eshop do Switch, não compensa. Pra falar a verdade, acho que não recomendo o jogo não, mas se for jogar, peguei só o essencial mesmo!

    Snake Pass

    Platform: Nintendo Switch
    26 Players
    2 Check-ins

    22
    • Micro picture
      xch_choram · over 1 year ago · 2 pontos

      Não gosto muito de plataforma 3d, mas Snake Pass e Mario Odyssey parecem ser muito bons, espero que na promoção da Steam no fim do ano fique barato kk.

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · over 1 year ago · 2 pontos

      Parece massa!

  • taironecass Tairone Santos
    2017-08-07 22:37:15 -0300 Thumb picture
    taironecass checked-in to:
    Post by taironecass: <p><em>Eu acho que estou vendo um Super Nintendo li
    Donkey Kong Country 3: Dixie Kong's Double Trouble

    Platform: SNES
    11814 Players
    140 Check-ins

    Eu acho que estou vendo um Super Nintendo ligado...

    Alguém deve estar jogando DKC 3...

    Pois é, galera! Um amigo me presenteou com uma versão piratinha desse excelente jogo e eu estou tão feliz em jogar! Nessa versão pirata, acho que a fita tem bateria pra salvar o progresso, mas ela deve tá fraca, pois não segura o save por muito tempo. Fiz um teste aqui e amanhã vou ver se continua o save. Isso, se eu não cismar e zerar esse game ainda hoje, né. hehehe

    15
  • topogigio999 Fernando
    2017-07-07 08:53:03 -0300 Thumb picture
    Post by topogigio999: <p><strong>RARE</strong> sua loka como você faz um

    RARE sua loka como você faz um treco lindo desse... =)

    Lembro que na minha infância eu ficava embasbacado com esse jogo, tamanha perfeição frente aos outros jogos conhecidos por mim até então... mas esse deslumbre logo se esvaia quando eu morria inevitavelmente na fase dos carrinhos na mina =(.

    Hoje relembrando essa delícia posso dizer que essas fases não me dão mais trabalho algum, e consegui fechar em apenas uma sentada no sofá. E agora sem me preocupar muito com as fases, que percebo ainda mais o notório salto de qualidade que veio junto com esse jogo... Trilha sonora linda, gameplay fluído e lindo, design lindo, tudo LINDO...

    Obrigado RARE por dar vida a essa IP'S Linda, e obrigado Nintendo por ainda cuidar desses macaquinhos, pois após a Microsoft comprar a RARE faz tempo que não vejo essa estrela brilhar... =(

    Donkey Kong Country

    Platform: SNES
    19898 Players
    201 Check-ins

    6
    • Micro picture
      old_gamer · almost 2 years ago · 2 pontos

      Um novo DK pela Rare pode esquecer, a Nintendo é a dententora da franquia DK.

      3 replies
    • Micro picture
      santz · almost 2 years ago · 2 pontos

      Também morria pra cacete nessa fase da mina quando criança.

      1 reply
  • thiones Sebá Oliveira
    2017-04-06 17:58:56 -0300 Thumb picture

    Cantinho da diversão

    Medium 416192 3309110367

    Depois de muito tempo arrumando tudo, meu cantinho da jogatina/sala de estar/quarto esporádico está quase pronto.

    Quase todos os meus personagens favoritos estão em exposição e bem arrumadas(ao meu ver, claro), porém ainda falta a cereja do bolo da coleção: Quiet the sniper.  Ainda estou trabalhando em um suporte para coloca-la em cima do painel da TV e um gatinho chinês da sorte para colocar ao lado, assim estará tudo pronto.

    Se isso não der ânimo para jogar e me divertir, acho que não tem mais salvação haha

    Mega Man 7

    Platform: SNES
    3547 Players
    69 Check-ins

    39
    • Micro picture
      herics · about 2 years ago · 2 pontos

      Ficou super legal cara parabéns!

    • Micro picture
      caramatur · about 2 years ago · 2 pontos

      Que legal cara! Parabéns! ^^

      1 reply
    • Micro picture
      maomaru · about 2 years ago · 2 pontos

      Ficou bacana, parabéns!

      1 reply
  • gusgeek Gustavo Francescheto
    2017-01-17 18:15:16 -0200 Thumb picture
    Post by gusgeek: <p>#img#[388879]</p><p>#img#[388880]</p>

    27
    • Micro picture
      netogermano · over 2 years ago · 2 pontos

      Não tinha pensado nisso. Muito bom. XD hehe

    • Micro picture
      santz · over 2 years ago · 2 pontos

      Olha ai a referência.

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...