• anduzerandu Anderson Alves
    2016-10-24 10:26:36 -0200 Thumb picture

    Registro de finalizações: Chase: Cold Case Investigations

    Zerado dia 24/10/16

    Chase: Cold Case Investigations ~Distant Memories~ é um título tão grande que nem cabe ali em cima.

    Um dia no Facebook, surgiu a versão japonesa da imagem acima e a notícia que membros da falecida Cing estariam trabalhando em um novo jogo. Cara, pra muita gente essa notícia não quer dizer anda, mas pra mim, foi uma BOMBA!

    Quer dizer, eu amei Hotel Dusk de Nintendo DS como poucos jogos nessa vida, assim como também adorei Last Window, os Another Codes (Trace Memory) e Again. Infelizmente a empresa japonesa veio a falir há alguns anos atrás e os meus sonhos de ver um Hotel Dusk 3 foram para o ralo. Daí vem essa notícia e o coração dispara!

    Bom, antes de o jogo vir pro ocidente, rolou um pouco de decepção ao saber que os personagens divulgados não eram os mesmos já conhecidos de Hotel Dusk e Last Window, mas pessoas SUPER parecidas. Praticamente clones com a cor do cabelo e roupas levemente diferentes. Ainda assim, com personalidades bem similares. Não sei dizer se o desenhista não sabe criar personagens diferentes ou se foi proposital, pra chamar a atenção dos fãs daqueles jogos (o que eu acho mais provável).

    Outro detalhe curioso, foi que aqueles que jogaram já vinham relatando que a nova aventura durava apenas 1h30. Como assim???? Bom, aproveitei disso pra jogar logo, sabendo que eu não teria que ficar uma semana jogando e quebrando a cabeça.

    O jogo segue uma premissa diferente, em um departamento de detetives. O jogo começa com uma rápida apresentação dos personagens principais, uma ligação rápida sobre um caso do passado e MUITA conversa.

    Aliás, Chase segue um caminho bem linear, quase como um livro. Você lê e lê e lê. De vez em quando rola uma pergunta com opções pra você escolher usando a lógica ou para responder algo que já foi dito, como um nome, só pra ver se o jogador está prestando atenção. Durante essas perguntas, existe uma barra de vida, similar às da séries Ace Attorney, mas é quase impossível perder toda a vida.

    De vez em quando, pessoas que tiveram alguma relação com o crime que é tratado no jogo são chamadas e aí a mesma coisa: ler, ler, ler, escolher uma opção, ler...

    Durante umas três vezes no jogo, rola uma investigação, só que não no cenário do crime, mas olhando para fotografias. Alguém te mostra a foto, você toca nos porcos objetos que tem e pronto.

    Os personagens, que são até bem animados e vivos, embora eu prefira aquela renderização dos jogos da época da Cing, não são dublados ou fazem qualquer som e os textos aparecem exclusivamente na tela de baixo, o que é bem chato. Você tem que ficar olhando de uma pra outra a todo momento ou simplesmente ignorar a movimentação acima.

    Pra não ficar o silêncio, temos uma trilha sonora em Jazz bem legal, embora bem pouco variada. Dá pra perceber que não rolou muito recurso pro jogo.

    Resumindo: Chase: Cold Case Investigations ~Distant Memories~ não é o que eu imaginava quando foi anunciado e nem é um super jogo como o título parece sugerir, mas é um caso de detetive curto e até divertido. O jogo custa uns 26 reais na Eshop, o que é um bom preço pra quem é fã da companhia ou jogos do gênero. 

    De bom: personagens bem legais e animados, embora de forma simples. Trilha sonora e ambiente que remetem a outros jogos da Cing. Enredo curto mas bem feitinho. Possibilidade de parar e salvar a qualquer momento.

    De ruim: jogo muito curto, terminei em 1h19. Tudo começa meio do nada e terminada do nada (sugerindo uma possível sequência, talvez). Personagens não muito originais, em relação aos seus designs. Uma parte, a dupla de protagonistas sugere que você aponte ao que poderia ter confundido o caso, e que você só tem uma chance. Eu errei e deu Game Over. WTF? "Você errou a lógica, vamos desistir deste caso"? Haha. Felizmente há sempre a opção de retry (só perdi nessa parte mesmo). Jogo muito fácil e linear, que poderia ser bem mais desafiador e complexo. Não tem efeito 3D.

    No geral é um jogo maneiro pra quem curte essas coisas de detetive ou curtiu Hotel Dusk e afins. Dá pra produtora fazer vários Chases por episódio tranquilamente e se der certo, melhorar a qualidade com o tempo até virar algo mais sólido. Pra mim, valeu a experiência, mas não é um título para qualquer um.

    Chase: Cold Case Investigations ~Distant Memories~

    Platform: Nintendo 3DS
    8 Players

    3
  • shadowofheart Rodrigo
    2016-03-29 18:40:38 -0300 Thumb picture
    shadowofheart checked-in to:
    Post by shadowofheart: <p>Como eu não sabia da existência desse sucessor e
    Hotel Dusk: Room 215

    Platform: Nintendo DS
    332 Players
    43 Check-ins

    Como eu não sabia da existência desse sucessor espiritual de Hotel Dusk????

    Pra quem não sabe o jogo se chama -CHASE- Unsolved Cases Division, esse adventure será lançado para o eShop japonês e foi desenvolvido pela mesma equipe do Hotel Dusk e de Another Code, sendo que até o diretor do projeto, Taisuke Kanasaki, é o mesmo. Será distribuído pela Arc System Works, famosa por BlazBlue e Guilty Gear.

    Sempre tive Hotel Dusk e Midnight Promise como um dos meus jogos favoritos de DS e do gênero. Aquele clima noir e como a trama desenvolvia muito bem a história de cada personagem era muito bacana. E só de ver essa abertura dá pra sentir que pelo menos o clima foi mantido dos jogos anteriores.

    Agora mais do que nunca eu queria ter um 3DS, e que o jogo viesse pra cá (ou alguma boa alma traduzisse quando sair lá no Japão).

    P.S.: E pra quem acha que é Kyle Hyde de HD/MP que aparece no vídeo, infelizmente não é ele. O jogo se passa em um lugar completamente diferente, eles só se "parecem" mesmo.

    14
    • Micro picture
      foxwire96 · over 3 years ago · 2 pontos

      Esse personagem está muito semelhante ao protagonista do Hotel Dusk

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...