sentinelas_azuis

Persona para discutir Lores da Série Dark Souls

You aren't following sentinelas_azuis.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • hizaki Hizaki
    2020-03-01 01:28:19 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    Post by hizaki: <p>Será que tá certo?</p>

    Medium 690521 3309110367

    Será que tá certo?

    18
  • 2020-02-13 20:39:07 -0200 Thumb picture

    Escuridão de Oolacile

    Medium 3775653 featured image

    Salveeeee galera, nossa quanto tempo não escrevo no Alvanista, bateu uma saudade dessa comunidade e os diversos textos e teorias interessantes, que só pode encontrar nesse portal. Queridos Sentinelas, o texto que vos trago dessa vez, seria uma visão alternativa da história contada em Oolacile, claro que sempre levando em consideração diálogos ou encontros no jogo que são dificilmente interpretado no primeiro momento.

    Espero que gostem dessa lore...mas irei parar com a enrolação e vão para lore.

    Oolacile foi uma magnífica cidade arquitetônica, erguida em um território que hoje é conhecido como Darkroot Garden. E não é para menos, em seus dias de glória, Oolacile era rodeada por um grandioso bosque, que servia tanto para embelezar o local, quanto para sua defesa. Sua população era versada em magia, um tipo de arte indireta que focava a furtividade em vez de dano, algo que a própria princesa da cidade alega ao protagonista dizendo:

    Feitiços de Oolacile são, o que se diz? Eles são um pouco ... de uma aproximação.

    Tuas feitiçarias são mais diretas, negando tudo, menos a nós mesmos.


    Em Dark Souls tudo á um fim e Oolacile não foi diferente, o surgimento do Abismo distorceu sua aparência e valores, corrompidos pelas palavras venenosas de Darkstalker Kaathe, que continha um único objetivo, a criação do primeiro Dark Lord.

    Entretanto, eu me pergunto será que o povo de Oolacile foi mesmo tão ingênuo a ponto de se deixar enganar por uma serpente como aquela, logo uma terra com tantos sábios e magistas? Minhas suspeitas começaram a ganhar forma, após a segunda ida em Mundo Pintado de Ariamis, onde após algumas pesquisas do cenário e em fóruns da Internet, foi comprovado que Ariamis é um pedaço de Oolacile que foi selado e guardado por Velka a Deusa do Pecado e seus seguidores. Porém o que mais me chamou atenção, a descoberta da Dark Ember uma brasa capaz de transformar armas divinas em propriedade Oculta, propriedade essa capaz de matar os deuses e seus seguidores.

    Brasa necessária para a ascensão da arma.

    A igreja há muito esconde a brasa proibida

    e nenhum ferreiro vivo sabe disso.

    Armas ocultas foram usadas para caçar os deuses

    e são eficazes contra seus seguidores e parentes.


    Com base na descrição acima e os acontecimentos que levaram a queda de Oolacile, dá para presumir que os antigos da cidade queriam tomar o poder dos deuses e viram nas palavras de Kaathe uma oportunidade para colocar seu planos em prática. E parte desse plano, envolve a graciosa Princesa Dusk.

    A história do jogo nos conta que Dusk capturada pelo Manus, teve sua vida salva por Artorias, porém os registros foram alterados com intuito de esconder a vergonha do antigo guerreiro. Acredito que o mesmo artifício, foi usado para esconder a verdadeira natureza da princesa. Aonde quero chegar com isso? Acredito que Dusk na verdade era o próprio Manus e não Pigmeu Furtivo:

    1º Evidência: Dusk ter sido aprisionada em um Golem dourado, criação exclusiva de Seath o sem escama. E não ficava só por isso, o próprio Golem era protegido por uma das duas Hydras do jogo, um obstáculo obrigatório para desbloquear a criatura.


    2º Evidência: A chave para acesso a DLC (Broken Pendant), pode ser obtida destruindo um golem azul, nos domínios do Sem Escamas.

    3° Evidência: Seu estranho Respawn após a destruição de Manus; sua linha de diálogo confusa, onde ela mesma alega ter sentido emoções vindas da criatura; seu estado mental totalmente prejudicado naquele tempo, há ponto de eras depois nos confundir com Artórias.

    Última Evidência: A alma de Manus foi fragmentada na lore oficial da série, quatro delas deram origem às Irmãs do Abismo de Dark Souls II (Nashandra, Elana, Nadalia e Alsanna). Logo se Manus foi mesmo Dusk de Oolacile, explicaria o porque quatro dos fragmentos conhecidos se tornaram mulheres. 

    Bem galera o que vcs acham? Oolacile usou mesmo de seus conhecimentos para criar um ser que pode-se trazer uma nova era no mundo….Dusk foi mesmo Manus e a história foi reescrita para esconder a verdade? Deem suas opiniões no comentários, aqui foi o Hizaki dos Sentinelas Azuis.

    Texto: @hizaki

    Revisão: @armkng

    Dark Souls: Prepare to Die Edition

    Platform: PC
    1992 Players
    814 Check-ins

    20
  • gamesbr Games BR
    2020-01-14 10:31:52 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    A relação entre videogame e times de futebol

    Medium 3769125 featured image

    Com a popularização do setor de videogames como um todo a partir da década de 1990, empresas de videogame começaram a mirar o futebol como um excelente meio de publicidade para alavancar as suas respectivas marcas.

    Até por isso, na história recente do futebol são muitos exemplos de times que já tiveram patrocinadores máster de empresas de videogames. Mas é fato que algumas foram marcantes e permanecem no imaginário do torcedor por diferentes razões.

    Watford (Football Manager)

    Na temporada 2012-13, o jogo Football Manager estampou a camisa do Watford na segunda divisão inglesa. Apesar de nos anos seguintes não ter estampado mais a camisa do clube inglês como patrocinador master, o Football Manager continuou com um dos apoiadores da equipe até 2017.

    Nesse mesmo ano, o clube inglês e a Sega, produtora do Football Manager, deram uma bela tacada de marketing pelo Twitter. Naquela oportunidade, o Watford anunciou a contratação do atacante Andre Gray através de um pequeno vídeo do game do futebol "Football Manager 2017", que simulava o processo feito no game para contratar um jogador.

    Vale destacar que o clube não vive um momento favorável. Na Premier League (primeira divisão) desde 2015, o Watford agora se encontra em uma situação delicada na elite do futebol inglês. Segundo a Betway Esportes, site de futebol bets, o Watford tem 69% de chances de ser rebaixado à segunda divisão na atual temporada.

    Para se ter uma ideia, o time inglês tem a pior campanha como mandante da Premier League e uma das piores defesas do campeonato.

    Fiorentina (Nintendo)

    Na década de 1990, o futebol italiano abrigava muitos craques. A Fiorentina da temporada 1997-98, por exemplo, tinha em seu elenco craques como Toldo, Rui Costa, Edmundo e Batistuta — um dos maiores jogadores da história da Fiorentina.

    A década de 1990 também foi intensa na indústria de jogos, já que empresas como Sega, Nintendo e Sony disputavam a liderança do mercado de consoles. Sendo assim, a Nintendo enxergou uma excelente oportunidade de patrocinar a Fiorentina, um importante clube do futebol italiano — que era considerado por muitos como a melhor liga do mundo.

    A parceria entre a Nintendo e a Fiorentina para promover o console Nintendo 64, que na época apresentava ao mundo a primeira versão 3D de um jogo da franquia Mario, durou duas temporadas (1997-98 e 1998-99) e até hoje o uniforme é lembrado com muito carrinho pelos fãs da franquia e do time italiano.

    Com a Nintendo estampada na camisa, a Fiorentina não conseguiu nenhum título de expressão, mas fez boas campanhas — como o terceiro lugar no Campeonato Italiano da temporada de 1998-99.

    Atualmente, a Fiorentina não está em grande fase no Campeonato Italiano e está na parte inferior da tabela de classificação.

    Arsenal (Dreamcast)

    Em 1999, a SEGA Enterprises anunciou que havia firmado um acordo de patrocínio de camisas com o Arsenal, um dos principais clubes ingleses. A SEGA estava prestes a lançar seu novo console nos mercados europeus, o Dreamcast, e visava criar um programa de marketing que fizesse frente aos principais concorrentes da época.

    Assim como a Nintendo no caso da Fiorentina, os executivos da SEGA acreditavam que o futebol poderia desempenhar um papel de marketing relevante para o Dreamcast, que recentemente completou 20 anos. A ideia era fazer parcerias com os principais clubes de importantes mercados europeus.

    A parceria da Sega com o Arsenal também foi muito interessante para o clube inglês, já que a equipe necessitava encontrar um novo patrocinador máster após o rompimento com a empresa JVC.

    Um dos momentos mágicos do Arsenal com o Dreamcast estampando o seu uniforme foi o gol antológico do atacante holandês Dennis Bergkamp contra o Newcastle em 2002 — último ano dos Gunners com o patrocinador.

    Apesar de não ter feito tanto sucesso como o concorrente Playstation 2, alguns jogos de Dreamcast tiveram destaque no início dos anos 2000 e até hoje eles são procurados pelos fãs do console.

    Porém, se naquela época o Arsenal figurava entre os primeiros colocados na Premier League, o cenário atual não é dos melhores para os Gunners. Insatisfeita com a instabilidade do time, a diretoria do Arsenal demitiu o treinador Unai Emery em novembro e rapidamente anunciou o espanhol Mikel Arteta para o assumir o comando do tine.

    Árbitros da Premier League utilizam logotipo da EA Sports na manga desde 2014

    Desde 2014, os árbitros da Premier League carregam na manga dos uniformes o logotipo da EA Sports, uma das maiores empresas de jogos eletrônicos de todos os tempos.

    Em 2018, a Premier League e EA Sports assinaram um novo acordo de publicidade que terminará na temporada 2024-25 – a ideia da parceria é tornar o FIFA um jogo ainda mais realista já que a realidade também tem o logo da empresa estampada nos jogos.

    18
    • Micro picture
      kess · 10 months ago · 2 pontos

      Uma pena que isso tem chances mínimas de ser possível no Brasil, já que é mais fácil as empresas de games fugirem daqui do que virem dar patrocínio...

    • Micro picture
      artigos · 10 months ago · 1 ponto

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    • Micro picture
      dan8d · 9 months ago · 1 ponto

      Ola amigo.
      Gostaria de usar sua matéria para uma revista que estou criando aqui para o alvanista mesmo
      Irei deixar o link da ultima revista para você ver se permite a publicação de sua matéria
      http://alvanista.com/dan8d/posts/3767105-revista-alvanista-002

      1 reply
  • raiden Raiden
    2018-08-31 17:19:43 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • 2018-08-18 08:41:28 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • 2018-08-14 23:25:25 -0300 Thumb picture

    Crias da Morte

    Medium 3661658 featured image

    Eaaaeee pessoal, como vocês estão? Estamos voltando após de muito tempo de ociosidade, com muita saudade em trazer lores sobre Dark Souls a vocês. Bem dessa vez iremos explorar a história de uma certa raça que fora criada com intuito de zelar por aqueles que já partiram….curiosos? Então vamos para lore.

    Nas profundezas das terras de  Drangleic, um lugar envolto em águas cristalinas e flores resplandecentes, ecoa um canto que seduz e acalma aqueles que trilham a última etapa predestinada a todos os seres vivos….”A Morte”. Algumas donzelas foram criadas pelo grande morto, com intuito de confortar os moribundos através do canto mencionado anteriormente, elas receberam o nome de Milfanitos e para sempre permanecerem cantando em Amana.

    Aparentemente as garotas não contém uma identidade própria, sempre dialogando com os players em um coletivo o que acaba sendo um tanto estranho, mas não se importam com isso:

    Quem é você?

    O que quer de nós?

    Milfanito, é assim que nos chamam.

    Meu nome?

    Nosso nome você quer dizer?

    Não se sabe o número exato de milfanitos, no Santuário de Amana encontramos três. Em um canto um tanto escondido desse mesmo lugar, um ogro protege um cadáver contendo o Vestido do Cantor manchado de sangue, o que pode levar a crer na existência de uma quinta milfanito e a ultima está enclausurada em uma torre em Drangleic.

    Essa última donzela está em volta de uma história um tanto triste, tirada de suas irmã por um dos clérigos da família real e confinada em uma gaiola. Permaneceu cantando até o final de seus dias, onde um cavaleiro corajoso a libertasse de seu cativeiro. Seu captor arrependido por ceder aos desejos da carne, se acorrentou a porta da gaiola como um sinal de penitência e a única chave precisaria transpassar seu corpo, o livrando da culpa que assolava seu ser.

    Agdayne é o único Fenito encontrado no jogo, responsável por tecer e zelar pela morte, é o guardião da morada dos mortos. Em seu diálogo, Agdayne alega ter recebido essa missão por aquele que concebeu a primeira morte...mas esperem um pouco, primeira morte? De acordo com a lore de Dark Souls, o Deus Nito criou a morte com o surgimento do fogo e com a posse de sua Lord Soul, então estariam se referindo a mesma entidade?

    Curiosamente, o fenito brande a Espada da Cripta para nos auxiliar e essa peça só pode ser obtida trocando pela Old Dead One Soul, cuja descrição informa que uma vez magnífica, ainda influencia o mundo após tanto tempo. Mas não paramos por aí, temos que ressaltar a chama contida próxima à última fogueira de Amana, que possui o estranho poder de restaurar nossa humanidade quando não temos mais Efige humana em nossas reservas. Tudo isso nos leva a crer que Nito tenha sido responsável ou pelo menos a essência que sobrou dele, até porque ele é a própria morte.

    Mais uma lore concluída e esperamos que tenham gostado, os Sentinelas Azuis ficam por aqui, até mais.

    Autor: @hizaki

    Dark Souls II

    Platform: Playstation 3
    954 Players
    405 Check-ins

    16
    • Micro picture
      mattfenrir · about 2 years ago · 2 pontos

      Eu li "Fenrito" e já tava achando que era minha raça :/

      1 reply
  • hizaki Hizaki
    2018-05-07 15:26:18 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Ultimas Chances

    Amanhã dia 08/05 será o ultimo dia em que estará liberado o download da Beta Test Dark Souls Remastered. Os testes nas plataformas Playstation e Xbox terão duas secessões: 

    22:00 da Sexta feira até as 04:00 do Sábado.

    22:00 da Sábado até as 04:00 do Domingo.

    Dark Souls Remastered

    Platform: Playstation 4
    147 Players
    85 Check-ins

    15
    • Micro picture
      hizaki · over 2 years ago · 1 ponto

      Aqueles que baixarem depois do dia 08 de maio, não conseguiram jogar....então vamos baixar povo

  • 2018-04-29 13:44:14 -0300 Thumb picture

    Syan, O Valente

    Medium 3624437 featured image

    Opa! Mais uma lore fresquinha que acaba de sair do forno e já está pronta para a entrega. Na lore de hoje iremos falar sobre um grande cavaleiro que serviu lealmente a corte de Drangleic durante sua era de ouro e que encontrou o seu fim de forma prematura na guerra contra os Gigantes. Iremos contar sobre sua vida nas terras do rei até o momento de sua morte. Mas, antes de começarmos a adentrar em nossa nova lore, vamos relembrar os acontecimentos que desencadearam tudo que conhecemos na história de Dark Souls 2.

    Na ascensão de Drangleic, o grande Rei Vendrick construiu o seu reinado sobre as almas dos quatro grandes. E com a ajuda de seu irmão Lorde Aldia, o Rei transformou Drangleic em um reino próspero e poderoso. Com o passar do tempo, Vendrick acabou sendo abordado por Nashandra, um fragmento do Abismo, que na época se passava por uma visitante que veio de uma terra distante que ficava do outro lado do mar que cercava Drangleic. Nashandra avisou ao rei sobre uma ameaça iminente que estava do outro lado do mar a caminho do Reino de Drangleic. Ela estava se referindo aos poderosos e misteriosos gigantes e aos perigos que eles poderiam trazer ao reino, e, assim convenceu o Rei a atravessar o mar e invadir suas terras antes que eles pudessem atacá-lo.

    Vendrick fez isso, durante sua investida a terra daqueles que o ameaçavam, o rei furtou um “prêmio” muito valioso para os gigantes que mais tarde viria a ser procurado. O Rei também usou o conhecimento que ele ganhou dos gigantes capturados que foram trazidos de volta ao seu reino para manipular almas em um nível sem precedentes, permitindo-lhe criar os Golens, que ele futuramente usaria para desenvolver ainda mais o seu reino. Vendrick tomou Nashandra como sua rainha e, lado lado, inaugurou uma era de paz. A paz foi logo quebrada pela chegada dos furiosos Gigantes sedentos por vingança, que vieram recuperar seu valioso “prêmio” e vingar seus irmãos capturados e agora mortos. Os Gigantes sitiaram Drangleic em uma duradoura guerra que se instaurou por gerações nas terras do rei, mas ao decorrer da guerra os Gigantes finalmente foram vencidos quando um herói desconhecido surgiu e derrotou o seu senhor o Lorde Gigante. Com a queda de seu rei, os Gigantes recuaram, cruzando o mar para voltar para casa, porém o dano já estava feito, e o Reino de Drangleic foi reduzido a ruínas.

    Em meio a vastidão da grande guerra que envolveu Drangleic, muitos nomes foram lembrados e muitos foram esquecidos. E um dos nomes que ficaram gravados na história do reino foi o de um destemido cavaleiro que era considerado por muitos como o homem mais valente do exército real, que teve seu nome gravado na forma de um título dado para a tropa que guardava o Castelo de Drangleic e a Cripta dos Mortos-Vivos, e que fazia a escolta pessoal do Rei, os Cavaleiros Syan, a Guarda Real.

    Sir Syan era o mais poderoso e destemido líder militar do Rei Vendrick, pouco foi registrado sobre seus feitos, porém, pode-se dizer que foi sua lealdade e bravura que ficaram registradas na história do reino fazendo com que fosse para sempre lembrado. Durante seus dias pela terra real, o valente cavaleiro estava sempre trajado com sua honorável armadura e também sempre com sua poderosa alabarda em punho. Syan também era amplamente conhecido como o homem mais leal ao Reino de Drangleic.

    Enquanto vivo, era possivelmente o braço direito de Vendrick, e isso não era uma novidade, o rei tinha uma grande afeição pelo cavaleiro, pois o próprio mandou que fizessem um escudo para o seu destemido servo. Esse escudo foi nomeado como o Escudo Grande da Glória.

    “Escudo grande do leal cavaleiro do rei, Syan. O rei encomendou esse escudo grande para o seu leal cavaleiro, mas Syan encontrou sua morte antes que o escudo fosse concluído”

                                                    (Escudo grande da Glória)

    Como foi dito antes, Sir Syan possivelmente foi o braço direito do rei na era dourada de Drangleic, “talvez” tenha sido a primeira Égide Real do reinado de Vendrick, ja que futuramente esse posto viria a ser ocupado por outro leal cavaleiro do rei, o poderoso Clérigo Velstadt. Quando os gigantes por fim invadiram Drangleic, todo o reino foi pego de surpresa, Vendrick ainda não havia montado um plano para conter o ataque dos seres colossais que haviam invadido sua terra causando morte e destruição em massa por onde passavam, foi nesse crítico momento que o mais valente e poderoso líder da força militar de Drangleic se ofereceu para liderar uma tropa de coalizão com o objetivo de barrar o avanço dos gigantes pelas terras de Drangleic e impedir que a destruição se alastrasse por todo reino. Syan o mais leal e corajoso cavaleiro de Vendrick junto de seus soldados marchou em direção aos invasores que estavam semeando o caos pelas terras do rei. Quando por fim encontrou os gigantes, ele partiu com muita bravura para a batalha acompanhado de seus homens enquanto brandia em fúria a sua ilustre alabarda. Espadas e punhos se chocaram um contra o outro, soldados eram esmagados por gigantes, labaredas de fogo queimavam o corpo dos homens enquanto os dardos lançados pelas balestras gigantes passavam zunindo pelo campo de batalha. O destemido cavaleiro não esperava que seus inimigos fossem seres colossais tão poderosos dotados de pura força e piromancias. Sir Syan demonstrou toda a sua força e determinação em batalha, derrotando um grande número de gigantes até o momento em que foi massacrado de forma covarde e desonrosa por seus inimigos. Seres colossais que não tinham nenhuma honra pelo combate, movidos apenas pela raiva e pela sede de vingança, surpreenderam o cavaleiro de uma forma tão inesperada que, antes que pudesse tentar se defender, seu corpo já havia caído no chão sem vida.

    Depois que a guerra chegou ao fim, o Rei Vendrick criou uma tropa em homenagem ao seu fiel servo morto em batalha, ele a nomeou como os Cavaleiros de Syan, a Guarda Real de Drangleic. Para a tropa criada, o rei encomendou réplicas da armadura de Syan e as entregou junto com o protótipo de seu Escudo da Glória, o Escudo de torre para aqueles dignos de servir a Guarda Real, mas não muito tempo depois que vestiram as armaduras, os cavaleiros ficaram completamente loucos.

    ------------------------------------------------------------------------------------------

    (ESPECULAÇÃO) Talvez o rei tenha dividido a alma de Syan em fragmentos e incrementado nas réplicas de sua armadura. A alma envolvida pelo remorso e pela derrota humilhante, pode ter enlouquecido aqueles que vestiram as réplicas da armadura. E por hoje é só pessoal, chegamos ao fim de mais uma lore criada por nós Sentinelas Azuis.

    Lore criada com o intuito de explorar personagens poucos conhecidos pela comunidade Souls.

    Autor: @namelesspinto.

    Revisão: @maninhodmj e @hizaki.

    Dark Souls II: Scholar of the First Sin

    Platform: Playstation 3
    68 Players
    32 Check-ins

    23
    • Micro picture
      hizaki · over 2 years ago · 1 ponto

      Boa nameless, mais um trabalho concluído.

  • hizaki Hizaki
    2018-04-24 12:45:06 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    14
    • Micro picture
      diegolvf · over 2 years ago · 2 pontos

      180,00 na psn que é digital, quero nem ver a bica que vai ser em mídia física...

      3 replies
    • Blank user
      cheguei_nessa_porra · over 2 years ago · 2 pontos

      Eu soube que pela Steam vai ser metado do preço pra quer já tiver a versão original do jogo.

      1 reply
    • Micro picture
      s7ephano · over 2 years ago · 1 ponto

      PSN tá mais barato que a live? :O

      1 reply
  • 2018-04-10 15:00:09 -0300 Thumb picture

    As Musas das Chamas - Parte 2

    Medium 3618361 featured image

    Eaeee pessoal, beleza? Voltamos com a tão aguardada segunda parte da lore sobre as firekeepers, para quem perdeu a primeira, sugiro que vá até o final e click no link para poder acompanhar. Caso contrário, deleitem-se com mais um trabalho dos Sentinelas. Bem, sem mais delongas, bora iniciar essa lore.

                                  Essas já não são tão musas assim sksksksksksksks

    Em Drangleic, temos as gêmeas Strowem, Morrel e Griant senhoras que moram em uma cabana esculpida no tronco de uma grande árvore na região do Altar Encantado e cuidando de suas necessidades, temos a caseira Millibeth. Pouco foi mostrado sobre elas, apenas um diálogo de Millibeth que nos informa sobre a missão herdada pela linhagem familiar que obriga a cuidar das três antigas guardiãs do fogo, assim como fizeram sua mãe e avó.

    Havia também uma quarta que desapareceu muito antes da caseira nascer, provavelmente a senhora que nos apresenta o terrível destino que aguarda a todos undeads, seja essa tal quarta irmã.

    Aparentemente as três firekeeper restantes, se aposentaram do ofício como guardiãs, porém ainda guardam parte de seu poder, distribuindo os pontos do jogador, caso o mesmo leve um Soul Vessel. Uma teoria levantada por nós, foi que por medo da maldição que alastrava pela terra, as irmãs deixaram sua função e se abrigaram na região do Altar Encantado, já que aquela área é considerada uma fenda dimensional que liga Drangleic a outros mundos.

                                         Quem é mais gata, ela ou Shanalotte?

    Sua identidade ainda é um profundo mistério, apenas proclamada como firekeeper de Firelink Shrine. Sua missão é orientar o Ashen One na missão reunir todos os cinco Lord das Cinzas aos seus devidos tronos de poder e com suas almas reacender a quase extinta Chama Primordial.

    Assim como outras firekeepers relatadas anteriormente, a musa de DSIII possui a mesma deficiência ocular como suas antepassadas, levando a usar uma máscara em sua bela face. Seus poderes se assemelham às de Shanalotte no quesito de transmitir as almas ao seu campeão, sem contar a habilidade de produzir Estus como qualquer outra guardiã. Mas ela possui algumas particularidades bem interessantes:

    Ao morrer, a garota renasce diretamente em firelink, sem necessidade de realocar a sua alma.Quando apresentada uma alma de suas companheiras, a Firekeeper toma para si, alojando em seu peito.Ela responde aos gestos do Ashen One.A primeira Guardiã relatada que pode presenciar um mundo sem as chamas, um verdadeiro taboo.

                  

                                                          Olhos da Firekeeper

    Dizem ser os olhos da Guardiã do Fogo original e a luz que foi perdida por todas Guardiãs do Fogo vindouras.

    Revela às Guardiãs do Fogo cegas, coisas que jamais deveriam ver.

    Evitaremos dar spoiler, porém essa personagem possui uma ligação muito impactante com decorrer do jogo e seu final.

    Emerald Herald nossa última musa dessa lore de duas partes, sua história é bem confusa e muito aberto para teorias e interpretações, e com os Sentinelas não será diferente. Iremos abordar esse tema um tanto delicado, leiam com atenção. Essa bela mulher é encontrada olhando o horizonte sem fim em Majula, centro de acolhimento de NPC em Dark Souls II.

    A moça serve como um guia para o recém-chegado Bearer of the Curse, explicando os trágicos acontecimentos que devastaram Drangleic; nos aconselhando a tomar as quatro grandes almas dos antigos Lords e finalmente buscar o caminho que irá garantir a salvação da maldição. Para esse fim, Emerald subirá o nível de poder de seu campeão e lhe entregará Estus Flask, tudo para aliviar sua luta. Apesar de tudo, a musa como o próprio feiticeiro Navlaan faz referência não é uma Firekeeper...não uma natural.

                                                          Dialogo de Navlaan

    Você poderia matar uma dezena desses que não não faria diferença.

    Quero que você mate alguém importante.

    Quero que você mate aquela garota de Majula conhecida como a Musa.

    Dizem que ela é a última Guardiã do Fogo.

    Mas dizem muita coisa...

    Dizem que ela é um gentil pastora, iluminando o caminho para vocês

    tolos amaldiçoados. Besteira.

    Mas se o Arauto não é uma guardiã, o que seria ela? E porque possui poderes de uma? Base dessa respostas se encontra no último diálogo em Santuário da Carência:

    Minha jornada já foi concluída.

    Meu nome é Shanalotte

    O dragão me deu esse nome, pois nasci sem nenhum.

    Eu nasci dos dragões, sou um produto dos homens.

    Daqueles que enganariam o próprio destino…foram eles que me criaram.

    Mas eles falharam.

    O destino não se curvou, e os homens foram amaldiçoados mais uma vez.

    Eu não sai como planejado.

    A nossa teoria é que Shanalotte fora um experimento dos irmãos Vendrick e Aldia, um ser criado com a união dos DNAs de dragão e firekeeper, com intuito de ser a guardiã perfeita e manter a chama acesa, já que Drangleic não dispõe de mais nenhuma firekeeper. Sua existência poderia até mesmo ser imune a própria maldição, já que os dragões são a única raça em toda a história de Dark Souls com tal imunidade. Mas como ela mesma disse, ela não saiu como planejado, sendo no final uma falha. Não sendo mais útil, a garota foi despachada ao Dragão Ancestral que a criou como um verdadeiro pai, lhe dando um nome e um propósito.

    Um experimento entre raças diferentes só foi visto em DSI, pelas habilidades do antigo Duke de Anor London, Crossbreed Priscilla foi criada, uma híbrida de dragão e divindade. Talvez os irmãos reais tenham obtido dados desse experimento, o que acham?

    E chegamos ao fim de mais um trabalho, queremos agradecer o apoio de todos, pois chegamos na marca de mais de 100 inscritos no Sentinelas. 

    Autor: @hizaki

    Revisão: @maninhodmj / @namelesspinto / @armkng

    Parte 1: http://alvanista.com/sentinelas_azuis/posts/3610924-as-musas-das-chamas

    Dark Souls III: The Fire Fades Edition

    Platform: Playstation 4
    96 Players
    27 Check-ins

    34
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...