santz

Fazendo do Alva meu registro histórico de jogos zerados. Personas: @historia_dos_games @goty @top10

You aren't following santz.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • santz Santz
    2020-09-24 13:08:14 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 391 - Continua super divertido

     Depois de ter sugado rapidinho o primeiro jogo, eu e minha esposa esperamos a promoção de fim de ano da Steam para comprar o segundo game. Estranhamente, jogamos muito pouco e ficou de lado por muito tempo. Agora na quarentena, ela animou e voltamos a jogar até o fim. A experiência foi tão divertida quanto a do primeiro jogo, pois meio que tudo se mantém. A novidade fica pela nova dinâmica de arremessar a comida e com esse simples controle, o jogo traz umas combinações que deixam a coisa ainda mais caótica.

     Os gráficos e a trilha sonora continuam simpáticos, mas o grande destaque são as novas fases. Além de ter aumentado a quantidade, elas estão ainda mais malucas e divertidas. Porém, tem algumas cozinhas que possuem desafios bem chatos, onde penamos para conseguir as 3 estrelas, mas por fim, deu tudo certo. Eu ainda não tive a oportunidade de jogar em coop com mais de 2 pessoas, mas fico ansioso para fazer isso quando puder juntar a galera aqui em casa.

    Minhas conquistas:

    *3 estrelas em todas as fases.

    Overcooked! 2

    Platform: PC
    34 Players
    1 Check-in

    25
    • Micro picture
      msvalle · about 9 hours ago · 1 ponto

      Joguei o primeiro eu, minha esposa, minha filha e meu filho e foi bem divertido (e estressante hehe).

    • Micro picture
      marlonfonseca · about 8 hours ago · 1 ponto

      joguei o primeiro com a minha esposa mas ainda não conseguimos terminar... :(

  • santz Santz
    2020-09-16 15:32:50 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 390 - levando o PC Engine ao limite

     Em minhas pesquisas sobre o PC Engine CD, me deparei com esse jogo de navinha e fiquei muito curioso em saber o porque que esse jogo foi lançado exclusivamente para CD sendo que o PC Engine era capaz de grandes proezas em jogos shoot 'em up. Pois bem, fui dar uma conferida e fiquei espantado com a qualidade do jogo. Os gráficos do jogo são lindos demais, dado as limitações do console. As fases são bem variadas e cheio de animações e cores no fundo. A abertura em animação também ficou bem bacana. Os inimigos e principalmente os chefes são fantásticos.

     A jogabilidade é muito boa e dificuldade é até bem equilibrada, ainda que seja um gênero que seja bem difícil por natureza, ainda mais quando o sentido é horizontal. Podemos escolher entre 3 tipos de tiros e vamos evoluindo eles individualmente conforme pegamos os power-ups. Ao perder uma vida, perdemos apenas a evolução do tipo de arma que estava selecionado na hora. O jogo também introduz as mini-naves que ajudam a completar nossos tiros e também apresenta um power-up de escudo que é excelente. Zerei usando save state, afinal, para ficar fera nesse tipo de jogo, é preciso muita prática.

    Gate of Thunder

    Platform: TurboGrafx-16
    13 Players
    1 Check-in

    30
    • Micro picture
      thiagobrugnolo · 8 days ago · 2 pontos

      Parabéns! Esse jogo parece ser difícil, tenho um pouco de trauma com shoot' em up 2d, não tenho coordenação para encarar esse tipo de game, mesmo com sava state.

      1 reply
    • Micro picture
      luis_f · 8 days ago · 2 pontos

      Game bacana mesmo, senão me engano é uma pseudo-sequência de Lords of Thunder.

      2 replies
  • santz Santz
    2020-09-10 14:46:59 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 389 - Final Fantasy Default

     Um dos jogos mais aclamados da biblioteca do 3DS, resolvi dar uma chance para ver o que ele tem de especial. Na verdade, ele é ais uma homenagem e retorno as origens dos clássicos RPGs da Squaresoft. O jogo é praticamente um Final Fantasy com outro nome, pois possui todas as características da série, batalhas por turno, magias clássicas e os 4 guerreiros da luz. O esquema de Jobs do jogo é muito massa. Vamos desbloqueando aos poucos, um esquema semelhante ao Final Fantasy V, inclusive na quantidade exagerada de Jobs. Dava para cortar fácil ali uns 6, 7 jobs tranquilos.

     A grande novidade do jogo e que funciona muito bem é o esquema que dá nome ao jogo. Podemos executar várias ações em um mesmo turno, mas depois ter que esperar recuperar os BP, ou então, ir usando a defesa até acumular bastante BP e descer a porrada. Graças a isso, muitas batalhas são resolvidas em um único turno. O jogo oferece várias outras coisas que melhoram a experiência maçante dos JRPGs clássicos, como animações aceleradas e desligar totalmente os encontros aleatórios. A história do jogo é muito gostosinha de acompanhar, até a metade do jogo. Depois disso, o bagulho fica repetitivo, chatíssimo e o combate contra o último boss, super estressante e cansativo. No final das contas, é um ótimo JRPG, mas que podia ter sido encurtada numa boa.

    Bravely Default

    Platform: Nintendo 3DS
    1098 Players
    603 Check-ins

    36
    • Micro picture
      jcelove · 14 days ago · 3 pontos

      Verdade. ele é uma homenagem perfeita aos ffs classicos ATÉ o cap 4, a segunda metade é um loop de repetiçao bizarro e o final boss bem exagerado na dificuldade SE vc tentar vencer ele normalmente. Se usar um combo quebrador de jogo como 4 ninjas com high jump e hasten world ele nem consege se mover.hehe

      7 replies
    • Micro picture
      jcelove · 14 days ago · 3 pontos

      Nao curtiu a ost? Acho espetacular

      10 replies
    • Micro picture
      manoelnsn · 14 days ago · 2 pontos

      Esse jogo é praticamente um FF5 em 3D, tem até esse sistema de jobs roubado e trabalhoso que eu não suporto.

      Mas até que tenho uma certa estima por ele, mas que ele é cheio de problemas, isso é mais do que verdade, ainda mais com aquela parte final da porra cheia de resets, felizmente o Second faz isso muito melhor.

      4 replies
  • santz Santz
    2020-09-03 21:13:49 -0300 Thumb picture

    Projeto CEGA - Ano 1980 concluído

    De tempos em tempos, vou fazer um post aqui no Alva para divulgar meu canal no YouTube. O projeto CEGA traz gameplay dos jogos antológicos que muitos de vocês acompanharam na minha persona @historia_dos_games. E essa semana, finalizamos os jogos do ano de 1980. Segue a lista:

    Clique na lista para ser direcionada para a planilha com informações mais detalhadas

     O ano de 1980 foi extremamente importante para história. Nos Arcades, tivemos 2 grandes ícones, Pac-Man e Defender, além da disseminação do gênero nave com tela fixa e outros jogos super inovadores. Nos consoles, tivemos o antológico Adventure e a estreia do Intellivision para fazer concorrência com o Atari VCS. É também a partir desse ano que estreio a primeira plataforma de computador, o Apple II, trazendo grandes precursores dos gêneros adventure e RPG.

    Clique na imagem para ser direcionado para o canal

    Bom, é isso. Meu canal serve mais para um arquivo histórico de pesquisa, pois são poucos (ou nenhum) canal brasileiro que fala de jogos tão antigos em ordem cronológico. Além do quê, é divertido demais descobrir esses jogos :3

    Pac-Man

    Platform: Arcade
    209 Players
    3 Check-ins

    32
  • santz Santz
    2020-08-20 08:54:32 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 388 - Um rail shooter de respeito!

     Explorando mais um pouco da biblioteca inicial do Saturn, eu testei esse jogo para a minha persona e fiquei simplesmente encantado. Se trata de um rail shooter estilo Star Fox, só que a gente está montado em cima de um dragão e a aventura se passa sempre próximo ao chão. O visual do game é fantástico, especialmente por se tratar de um dos primeiros jogos 3D. A animação é fluída os inimigos são bem variados, mas tem muitas fases que traz poucos elementos interessantes na tela. A trilha sonora começa maravilhosa, com o tema da primeira fase grudando na sua mente, porém, as demais não são tão legais assim.

     O jogo é super curto, 6 fases e a batalha contra o chefão, mas como ele usa sistema de créditos igual um jogo de Arcade, até que está de bom tamanho. A jogabilidade é muito boa, com destaque para a habilidade de girar a câmera em 4 eixos e detonar os inimigos vem por trás ou pelas laterais. Podemos atirar ou travar miras para fazer um disparo múltiplo de uma vez só, tipo Omega Boosta. Mais para o final da fase, usei o turbo para disparar feito louco, pois a dificuldade estava bem alta. Se defender é um problema, pois podemos desviar ou então atirar nos projéteis que estão vindo em nossa direção. Fica difícil gerenciar o momento de atacar ou se defender, mas nada que a prática não dê um jeito.

    Panzer Dragoon

    Platform: Sega Saturn
    250 Players
    7 Check-ins

    47
    • Micro picture
      ersatzgott · about 1 month ago · 2 pontos

      Saber que tem sistema de créditos me desanimou...

      2 replies
    • Micro picture
      gamerroots · about 1 month ago · 2 pontos

      Eu nunca tinha jogado esse game na época, fui jogar o 2 maio que recente até. Adorei! Lembro que ficava babando na época

      1 reply
    • Micro picture
      thiagobrugnolo · about 1 month ago · 2 pontos

      Esse eu sempre tive vontade de jogar, tinha um hype enorme na época do lançamento e quem jogou era só elogios ao game. É isso tudo mesmo que diziam?

      2 replies
  • santz Santz
    2020-08-12 15:20:08 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 387 - Pela ronra

    Mais um jogo que peguei de graça, tanto na Epic quanto na Steam, mas daí, a Ubisoft te obriga a baixar o launcher deles para jogar, o Uplay. Pois bem, baixei esse jogo para jogar com meu irmão a campanha coop. Podemos escolher entre 3 rotas diferentes: guerreiro, viking e samurai. Cada campanha tem 6 capítulos e eu achava que era um jogo de RPG, mas não, é só hack 'n' slash padrão. Quando estava para zerar o último capítulo, os servidores começaram a dar pau e tive que finalizar a campanha sozinho, foi onde eu me fudi, pois a jogabilidade é bem complexa.

     Podemos golpear e defender de 3 direções possíveis, além de golpes rápidos ou fortes, podemos correr, rolar, empurrar, essas coisas. Demorei para pegar os macetes, mas achei a mecânica de combate até bem interessante. Gostei demais do equilíbrio entre atacar ou defender. Os gráficos do jogo são massa, claro, é um jogo atual, mas senti que não bem otimizado. Se aumentasse a qualidade, começava a engasgar e olha que meu PC rodou World War Z de boa. A história do jogo é muito ruim, fala sério. Como que os caras gastam tanto dinheiro num jogo mais ou menos? Mesmo dublado para o português, não entendi quase nada da história e é tudo meio qualquer coisa. Zerei, mas não é o jogo que recomendaria alguém experimentar. Ao menos é mega curto.

    For Honor

    Platform: PC
    199 Players
    43 Check-ins

    28
    • Micro picture
      thiagobrugnolo · about 1 month ago · 2 pontos

      Acho que no caso desse jogo, a história é só um pretexto pra descer a lenha mesmo hehehe.

      4 replies
    • Micro picture
      bartd3 · about 1 month ago · 2 pontos

      mais um finalizado parabens xD

      1 reply
  • santz Santz
    2020-07-31 15:42:26 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 386 - Depois de anos, enfim, zerado

     Quando joguei este game pela primeira vez, eu nem sabia o que era Steam. Meu irmão baixou piratão e jogamos de 3 pessoas. Toda a hora, a gente perdia o  progresso. Jogava com as crianças quando tumutuavam aqui em casa, mas nada de chegar ao final. Depois de alguns anos, comprei o jogo, mas daí era difícil reunir os irmãos para jogar na mesma casa. Só agora, em pandemia, que finalmente conseguimos zerar, usando o Steam Play Togheter. A insistência compensou, não exatamente pelo final, mas pelo jogo em si, pois ele é muito gostoso de jogar.

     O genial deste jogo é que você pode misturar vários elementos de magia e criar um golpe novo. São muitas combinações possíveis e uso distintos, que sempre acaba saindo algo show. E ainda tem magias especiais, que precisam ser executadas em uma certa ordem de elementos. A que eu mais gostava era a chuva e meteoros ou a chuva de raios, mas acabava que acertava todo mundo e a galera ficava bolada. Outra coisa foda do jogo é seu humor. Ele faz referência a cultura pop e a outros videogames o tempo todo, é simplesmente genial. Enfim, Magicka é tudo de bom.

    Magicka

    Platform: PC
    3783 Players
    124 Check-ins

    45
    • Micro picture
      fredson · about 2 months ago · 2 pontos

      Aeee! Vlad é um dos melhores personagens dos games pra mim, hehehe. Eu lembro que você comentava nos meus check-ins desse jogo.

      1 reply
    • Micro picture
      mateusfv · about 2 months ago · 2 pontos

      Esse é um dos que mofam na minha lista de jogos da steam kk

      1 reply
    • Micro picture
      tiagotrigger · about 2 months ago · 2 pontos

      A mecânica de combinar as magias é muito legal mesmo.

      2 replies
  • santz Santz
    2020-07-17 16:51:48 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 385 - Meu primeiro jogo de plataforma do Play 2

     Nunca tive muito contato com jogos de plataforma 3D quando tinha os videogames. Joguei um pouco de Crash e só, pelo que me lembro. No Play 2 então, nadica de nada. Uma das séries mais longas e aclamadas do Play 2 (e que vai ganhar até um remake para o Play 5) é Ratchet & Clank. O bichano mecânico está de boa e um robozinho pede ajuda dele para procurar um super herói famoso e acabar com o vilão que ameaça dominar a galáxia ou algo assim. Os personagens não são muito carismáticos, mas também não incomoda.

     Cada mundo é de fato um planeta temático, com uma vasta área para explorar e algumas missões bem simples para completar. O que mais gostei nesse jogo é a quantidade de gadgets novos que Ratchet ganha, como botas magnéticas, capacete de oxigênio e uma porrada de armas para usar contra os inimigos. O level design também é interessante, com bastante desafio e sessões onde o gameplay muda completamente. Os gráficos são belíssimos, com cenários abertos e cheios de movimentos, mas a trilha sonora é bem fraquinha.

    Ratchet & Clank

    Platform: Playstation 2
    282 Players
    8 Check-ins

    42
  • santz Santz
    2020-07-03 14:56:07 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 384 - Jogo de guerra top demais

     Eu peguei esse jogo de graça na Steam a muito tempo atrás, numa época que ignorava total o gênero de FPS. Pensei que seria uma boa curtir um jogo de tiro da "atualidade" (2011). Controlamos um soldado de um grupo revolucionário. Os Estados Unidos foram invadidos por forças coreanas e ele são tratados como lixo. A cena inicial dentro do ônibus é bastante impactante, bem como a parte do campo de beisebol, tenso demais. A temática do jogo é bacana, mas a história do jogo ainda é focado em missões e muita ação. O que quebra a ação são os coletáveis durante as fases e eu acabo indo atrás feito um retardado. Quem for jogar, deixem essas paradas pra lá.

     A jogabilidade é simples, só pegar a arma e sair atirando. Dificilmente vai ficar sem munição. As melhores partes são as sessões que envolvem jogo e cutscene tudo junto, fica um bagulho muito cinematográfico. Os gráficos são de tirar o fôlego, um dos melhores que já vi (mais uma vez, não sou muito de jogos atuais). Efeitos de explosão, reflexo, draw distance, tudo é perfeito. O ambiente sujo e em ruínas é um espetáculo e o jogo foca bastante em ambientes urbanos, que eu gosto demais. Eu morri algumas vezes, mas o jogo não é muito difícil e tem uma campanha bem curta, cerca de 3 horas. Quem está com esse jogo parado na biblioteca, recomendo fortemente.

    Homefront

    Platform: PC
    650 Players
    42 Check-ins

    56
  • santz Santz
    2020-06-30 14:09:48 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 383 - Metal Slug é sempre bom

     Teve um dia que um dos meus irmãos furou nossa jogatina online de Borderlands 2, então com meu outro irmão, baixamos o PPSSPP e configuramos o Hamachi para uma jogatina do clássico Metal Slug. Esse jogo é como se fosse o 7 (ele inclusive é o 7 no Nintendo DS). Podemos escolher entre 6 personagens, parecido com o game anterior, e cada um possui uma habilidade única, como já vir com metralhadora, um arsenal maior de bombas e por aí vai.

     Não tem muito o que falar do jogo, pois é basicamente Metal Slug de novo. Tiros para todos os lados, chefes gigantes e um bom level design. Apesar de cada jogador ver uma tela separada, o jogo não permite que os soldados se distanciem, nada foge da fórmula tradicional. Isso não necessariamente é ruim, pois o jogo continua sempre divertido como sempre foi. Valeu a pena a jogatina.

    Metal Slug XX

    Platform: PSP
    455 Players
    18 Check-ins

    38
Keep reading → Collapse ←
Loading...