2019-11-02 21:19:36 -0200 2019-11-02 21:19:36 -0200

Analise de um não analista: Nintendo Switch Lite!

Single 3754992 featured image

Nintendo Switch Lite lançado em 20 de Setembro de 2019, o mais novo console da família Nintendo, veio justamente para compensar aqueles que só compravam o Switch para jogar como portátil já que ele por sua vez tem somente 275 gramas comparado com os 400 gramas do Switch original. Confesso que, isso dele ser mais leve que o original e ser somente um portátil foi o que me chamou mais a atenção, sou fã de consoles portáteis e esse, não é o mais leve de todos, comparando com o PS Vita, que tem 260 gramas, ele tem 15 gramas a mais, porém, acho que por questões de tamanho e de distribuição de botões o Switch acaba dando a impressão de ser mais leve, obviamente não é tão portátil assim, porém, cabe em um bolso tranquilamente sem fazer peso e deixando a sua calça cair. Não é indicado por causa dos analógicos, mas se não tiver opção, suas calças não vão cair enquanto você estiver na rua.

FORA DA CAIXA:

Além do manual, é basicamente isso que vem na caixa, Lite e carregador, desnecessariamente grande, tipo C, que por sua vez é o mesmo do Switch Original. Okay, talvez reclamar do carregador seja errado, levando em conta que Switch lite é um console mais barato ($100 dólares mais barato que o original) então obviamente não iriam criar um carregador só pra ele, não teria sentido, porém, pra um portátil, ele é grande, comparado com a fonte do Nintendo DS/3DS.

DISTRIBUIÇÃO DOS BOTÕES E DESIGN:

Segue o mesmo padrão de sempre da Nintendo, porém no lite, tem a diferença do D-pad que no original é em formato de botões separados de setinhas no estilo do controle do Nintendo 64 e a inclusão dos botões ZL e ZR que eram vistos só em consoles de mesa presentes agora pela primeira vez em um portátil, além do + e - substituindo os Start e select que era padrão em portáteis da Nintendo. No Lite também não tem a remoção dos joy-cons, obviamente, sendo assim removido uma das melhores funções do joy-con, o Rumble HD, que faz o controle vibrar de forma unica. Nessa versão, por ser mais compacta, foi removido também o "pézinho" que segurava o console para se jogar de duas pessoas. Sinceramente isso faz falta no lite, até porque, se você comprar um joy-con ou um pro controller vai funcionar nesse também, sim, o lite tem suporte aos controles da outra versão.


DESEMPENHO:

Sem ser muito técnico aqui pois não sou formado em eletrônica, posso dizer o básico que é um hardware levemente melhorado do original, simplesmente para aguentar a bateria mais forte, que no lite eles deixaram um pouco mais "parruda" para aguentar mais, o que, na pratica, não muda tanto, Zelda BoTW por exemplo, no switch original em modo portátil demora cerca de 3h para zerar a bateria do console, já no lite isso passou para umas 4h/4h30min. O que não faz uma enorme diferença, mas ajuda. Lembrando que esse tempo pode variar de acordo com o volume e com o brilho da tela do console. Uma outra diferença é que, o Lite só chega a 720p, o original em contra partida, consegue chegar a 1080p quando "dockado" já em modo portátil os dois fazem exatamente a mesma qualidade de imagem, porém, devido ao tamanho da tela de 5,5" o que é ótimo para um portátil comparado com 6,2" do original, o Lite passa a impressão de uma imagem mais polida, já que o Switch original tem 237ppi e o lite tem 267ppi. Seu armazenamento continua o mesmo do original, 32gb, o que, pros jogos atuais, não cabe nenhum basicamente, sendo necessário a compra de um cartão microSD. Questão de jogos, rodam todos na mesma qualidade e fluidez que o original em sua versão portátil, e, diferente de muita analise dizendo que jogos como "Just Dance", "1, 2 Switch" ou "Mario Party" são incompatíveis, não é bem assim, os jogos rodam normalmente nesse console também, pois, como já foi citado aqui você pode sim comprar os joy-cons a parte para joga-los, só não vai ficar muito fácil de ver nessa tela, mas são jogáveis e compatíveis sim! Único, que aparentemente não é compatível ainda é o Nintendo Labo.

RESUMO DA OPERA:

Switch Lite é para aqueles que, assim como eu, amam jogar em portátil, mesmo o original tendo essa possibilidade, o peso de fato atrapalha, você começa a ter dor no pulso de segurar por tanto tempo, afinal você está segurando quase meio quilo na mão, por 3h seguidas. No final, vai da escolha do consumidor qual irá comprar, se prefere jogar na TV ou na hora do almoço no trabalho sem cansar o braço.

PRÓS E CONTRAS:

Pros:
Inteiramente portátil; Cores vibrantes no console inteiro; leve e pratico; bateria mais forte.

Contras:

Não liga na tv; não tem joy-cons removíveis; tela muito reflexiva, não vem com uma dock simplesmente para carregar o portátil.

Enfim, essa é uma analise por um jogador e usuário do produto, sem nenhuma ligação com retorno monetário ou com a empresa.

Espero que gostem, e em breve irei trazer mais uma analise sobre acessórios para o Switch lite. É isso até a próxima!

The Legend of Zelda: Breath of the Wild

Platform: Nintendo Switch
791 Players
339 Check-ins

39
  • Micro picture
    rafael_mingato · about 1 month ago · 3 pontos

    Mas que belezinha, muito bonito 🎮😬

  • Micro picture
    artigos · about 1 month ago · 3 pontos

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • Micro picture
    roberto_monteiro · 30 days ago · 3 pontos

    O Titulo deveria ser Nintendo Switch Lite: O Switch que não switcha!

  • Micro picture
    dan8d · 16 days ago · 2 pontos

    Oi, tudo bem? gostaria de trocar mensagens sobre um projeto que estou querendo começar, porem não estou conseguindo mandar mensagem direta para você, é sobre esta publicação, poderia entrar em contato comigo aqui pelo alvanista mesmo?

    1 reply
Keep reading → Collapse ←
Loading...