rks

http://blacksmileproject.tumblr.com/

You aren't following rks.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • rks
    2017-08-12 19:51:25 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalizado!</em></strong></p><p>#img
    Super Mario Bros. 3

    Platform: NES
    10711 Players
    93 Check-ins

    Finalizado!

    Basicamente eu já havia terminado o Super Mario Bros 3 no Super Mario All Stars do SNES, mas a versão original já estava na minha mira a muito tempo e finalmente terminei esse jogo.

    Não tem nenhum segredo já que basicamente é Mario, mas nossa, esse tem a sua dificuldade, mas o que mais dificultava as coisas eram os controles, muitas mortes são devidos deslizes e pulos muito errados, eu joguei o jogo todo com o Mario olhando pra um lado e pro outro, parecia que ele tava paranoico, mas foi assim que dibrei algumas coisas.

    O que me deixa mais feliz em terminar esse jogo é que eu passei todas as fases, nada de flauta doce que invoca o tornado do Simon's Quest, nada de nuvem da safadeza safadosa, nem nada e ainda zerei com uma folga de 40 vidas mesmo tendo morrido bastante.

    Super Mario World pra mim nem cheira e nem fede em questão de dificuldade, termino ele com o pé nas costas, mas o Bros 3... meu pulmão pediu um arrego de leve em alguns pulos miraculosos, mas o jogo é bem bonito e bem divertido, ele é tão bom que talvez seja ate do mal.

    Ainda falta terminar os outros Marios do NES, sendo que o 2 USA é facinho facinho, mas os outros dois tem que ser levemente persistente.

    13
    • Micro picture
      darlanfagundes · over 1 year ago · 1 ponto

      O SuperMario 3 pra mim é o jogo mais adequado de Mario pra jogar... tem dificuldades, tem diversão, tem frustração e tem vários méritos...rsrsrs... antes dele os outros 2 são desequilibrados... o primeiro é dificil pra kct... o segundo fácil demais... O World pra mim não fede e nem cheira...

      1 reply
    • Micro picture
      ermeson · over 1 year ago · 1 ponto

      Meu jogo de Mario favorito xD

      2 replies
    • Micro picture
      santz · over 1 year ago · 1 ponto

      O 2 só é fácil usando as warpzones, pois o jogo é bem difícil devido aos personagens escorregadios.

      2 replies
  • rks
    2017-08-06 23:54:29 -0300 Thumb picture

    Resumão ou algo do tipo ou sei lá

    Faz um bom tempo que não posto nada aqui na Alvanista, mas isso é por falta de vontade mesmo, estou preso num grande furacão de falta de vontade para fazer qualquer coisa, mas não dá pra parar totalmente. Nesse tempo eu trabalhei em algumas coisas e terminei alguns jogos.

    223. Ys I & II Chronicles (PSP)

    Eu ainda estava no hype de terminar varios Ys, esse é o remake muito bem feito do I e II do NES, muitas coisas ficaram extremamente fáceis e o jogo ficou bem agradável, diferente da pedreira que eram na sua primeira versão, mas mesmo assim algumas coisas são bem chatas de se encontrar em certos momentos, então paciência é altamente recomendada.

    224. Ys: The Oath in Felghana (PSP)

    Remake do terceiro jogo da franquia, onde ele mudou tudo, diferente do remake do I e II. The Oath in Felghana ganhou muito mais coisas e expandiu muito o tempo de gameplay se comparado a versão do NES, SNES e por ai vai. O jogo ficou bem interessante e mesmo sendo dificil é um otimo jogo pra poder se distrair.
    O original era um jogo de plataforma e ação, no remake ele passou a ser 3D e aumentou bastante a questão da ação.

    225. Neo Bomberman (Arcade)

    Da serie "Eu não lembro se eu já tinha terminar ele antes", eu ia só jogar um pouquinho, mas acabei indo ate o final, é um jogo bem facil do Bomberman, ao pegar o Remote Control o jogo simplesmente virá um passeio ensolarado no parque.

    226. Toy Story 2: Buzz Lightyear to the Rescue (PS1)

    Mais um da serie "Eu não lembro se eu já tinha terminar ele antes". esse eu acabei jogando por dois motivos, o canal Cartuchito está jogando ele e eu estava curtindo bastante, então o segundo motivo foi basicamente não lembrar se tinha ou não terminado ele. Meu amigo tinha esse jogo na epoca e lembro de ter jogado bastante, mas de ter terminado... não.

    227. Disney's Lilo & Stitch (PS1)

    Mais um da serie "Eu não lembro se eu já tinha terminar ele antes". Como havia lembrado do jogo do Toy Story, acabei lembrando que tinha ganhado esse jogo, onde a Lilo ataca com um puta boneco de voodoo, como não lembrava se tinha ou não terminado, joguei ele rapidinho e foi bem de boas.

    228. Teenage Mutant Ninja Turtles (GBA)

    Esse foi basicamente achado na roleta, é um jogo bem legal e com muito potencial, me diverti bastante e curti bastante os movimentos das tartarugas no jogo (menos do Donatello). Agora falta terminar o TMNT que é um jogo lindo e de Beat'em up que também é do GBA.

    229. Drill Dozer (GBA)

    Esse jogo é fantástico! Ele ja tava na minha lista a muito tempo e finalmente consegui jogar ele. O jogo parece bem simples, onde uma garota que pilota o Gurren Lan... um robô que tem brocas sai por ai escavando e enfrentando inimigos, mas ao decorrer do jogo, muitas batalhas e mecanicas interessantes aparecem e tudo em volta dessa questão das brocas e suas rotações, muito recomendado para quem curte um  jogo de plataforma com uns bons puzzles.

    230. Pokemon Mystery Dungeon - Red Rescue Team (GBA)

    Eu acabei animando a rejogar o Pokemon Mystery Dungeon devido a live stream do Cogumelando, eu já joguei ele faz um tempo e ele acaba entrando pra serie do "Eu não lembro se eu já tinha terminar ele antes". É um jogo muito bom e bem de boas, alem que ele foge da rotina dos jogos da serie principal que ultimamente pra mim não tão valendo a pena perder tempo porque é praticamente tudo igual. Joguei com o Machop e o Charmander como parceiro e foi um passeio! Machop e seu Karate Chop fizeram muitos estragos, alem de poder juntar movimentos e executa-los em sequencia deixava a destruição ainda maior.

    231. Pokemon Mystery Dungeon - Explorers of Darkness (NDS)

    Acabei empolgando com o Pokemon Mystery Dungeon e parti para o de Nintendo DS. Joguei com o Chimchar e o Squirtle como parceiro. É um jogo um pouco mais longo que o anterior, sendo que todos os Pokemons Mystery Dungeon tem seu lado ruim de ter a maior parte do seu conteudo disponivel após terminar a historia principal do jogo, como por exemplo, você só pode evoluir depois que o jogo termina entre varias outras coisas e isso pra mim é horrivelmente chato, porque pra completar um jogo dessa serie com 100% vai levar umas 100 horinhas.

    232. The King of Dragons (Arcade)

    Esse eu joguei, ja tinha terminado, mas rejoguei pra ter certeza. Beat'em up bem de boas e com uma dificuldade razoável. 

    233. Metamorphic Force (Arcade)

    Esse aqui foi um incrivel achado. Olhando uma lista com varios Beat'em ups acabei me deparando com ele e curti muito. Nesse jogo você se transforma em guerreiros que são animais em formas humanoides, o jogo tem sua dificuldade, mas as lutas são bem legais e as transformações dão um ótimo ar, muitos vão querer falar que é uma copia de Altered Beast, mas se é uma copia, é uma copia melhor que o original.

    234. Denjin Makai (Arcade)

    Jogo de Beat'em up um pouco mais velho, onde sua dificuldade está toda em um jogador quando trocentos inimigos ao mesmo tempo na tela e você tem que apelar com habilidades especiais. As vezes tinha tanto inimigo na tela enchendo o saco que dava vontade de ir e ficar olhando pro sol, mas isso é porque tava bem chato mesmo.

    235. Eco Fighters (Arcade)

    Shmup muito bonitinho onde você mata pessoas e destrói maquinas para poder salvar o meio ambiente de ser destruído por uma empresa que só visa o lucro. Esse jogo tem aquele lance da nave ter um braço e você ter que ficar girando ele pra todo lado. O que eu mais gostei foi que um dos pilotos é uma personagem muito carismatica e adorei o traço que usaram nela.

    236. Far East of Eden - Kabuki Klash (Arcade)

    Jogo de porradaria que achei olhando a lista do FightCade, eu sou pessimo em jogo de luta, mas como achei ele muito bonito, resolvi jogar. Joguei com a Tsunade, uma garota bem fofa que usa um puta machado gigante se comparar ao tamanho dela.

    237. Blade Master (Arcade)

    Jogo de Beat'em up (ou seria um Hack and Slash) mais antigo, porem muito bonito! Ele é bem simples, onde nada de combos, só você, sua arma e um monte de nego chato pra tu massacrar. O pior que a dificuldade do jogo escala de uma forma escrota em algumas horas e você acaba tendo que macetar e trocar de personagem pra poder ficar mais de boas.

    238. Air Gallet (Arcade)

    Outro shmup, Eco Fighters era na horizontal e esse é do classico na vertical. Não tem muita coisa diferente nele, bem basico como varios outros que tem por ai, mas tem o seu charme e o ultimo chefe é uma desgraça na sua forma final (Soronic the nego chato de rapido montado na bosta de uma nave).

    239. The Gladiator / Road of the Sword (Arcade)

    Esse estava na minha lista a muito tempo, é um Beat'em up muito bonito visualmente, mas o que deixa ele interessante é que ele possui um sistema de level e varias habilidades, alem de você poder fazer combos muito extensos em alguns chefes.

    Acho que é isso ai, logo logo chego nos 250 jogos terminados e espero ter animo pra jogar algo legal quando chegar nesse numero, acabei nao terminando alguns jogos porque meu PC ta parado (de novo) e os saves de varias horas tão tudo la no PC e nao quero começar tudo de novo, principalmente o Strange Journey.

    É isso ai!

    7
    • Micro picture
      santz · over 1 year ago · 1 ponto

      Caraca, não joguei nenhum desses jogos aí. A série YS é uma que quero conheço desde os primórdios também, pois o Seven é muito foda.

      2 replies
  • rks
    2017-06-01 04:08:16 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalizado!</em></strong></p><p>#img
    Ys III: Wanderers from Ys

    Platform: SNES
    126 Players
    1 Check-in

    Finalizado!

    Acabei ficando curioso pra saber se tinha muita diferença entre as versões do NES e do SNES além dos gráficos e tem algumas. A questão da evolução do gráfico 8bits pro 16bits é realmente surpreendente, o jogo ficou muito bonito.

    Algumas leves diferenças são (tirando os gráficos e trilha sonora):

    Algumas colisões parecem menos bugadas, mas não deixam de ser bugadas, é adorável ser acertado sem o inimigo ter realmente te encostado, tem um cavaleiro de armadura amarela que de longe de trucida com os golpes dele e se tentar pular, toma dano sem nem encostar no bicho e o pior que ele dá muito dano mesmo você estando fortemente equipado.

    Alguns inimigos foram buffados, outros nerfados e um ou outro novo (ou não).

    As lutas contra os chefes deixaram de ser extremamente fáceis, agora são bem mais leves e requer um pouco de timming e as vezes estrategia. A luta contra o ultimo boss é extremamente chata e demorada, alem que algumas colisões dele são terríveis e ao pular pra atacar você toma um dano muito alto sem ter realmente encostado nele, no NES foi bem fácil, mas aqui demorou bastante, uma dica é tacar o Amulet na cara dele quando ele tiver com pouco HP.

    Não tem praticamente nenhuma diferença na historia, se jogou uma versão, vai saber a outra sem problemas. A unica diferença são algumas coisinhas a mais no final.

    Bem, acho que é isso, ta muito bom e esse levou um pouco mais de tempo e a insonia ajudou 10/10 a finalizar esse aqui.

    7
    • Micro picture
      santz · almost 2 years ago · 1 ponto

      Esse jogo me interessou na época do SneStation, mas o fato do combate ser encostando no inimigo achei extremamente esquisito.

      1 reply
  • rks
    2017-05-31 16:39:14 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalizado!</em></strong></p><p>#img
    Ys III: Wanderers from Ys

    Platform: NES
    31 Players
    1 Check-in

    Finalizado!

    A pergunta antes de tudo é: O que aconteceu com o Ys?

    Bem, basicamente o terceiro jogo da serie deu uma de The Legend of Zelda, os dois primeiros jogos eram um Adventure Top-Down dificil pra caramba e todo enigmático, mas o terceiro mudou bastante o seu estilo e foi para um jogo de plataforma, alem de ter jogado todo aquele enigma fora.

    * O jogo se tornou bastante linear e quando digo bastante é totalmente linear, toda aquela andança louca sem sentido acabou, agora tudo se resolve bem fácil.

    * Agora você pode apertar um botão para atacar, chega de ficar ralando nos inimigos até um dos dois morrerem (ou ambos).

    * O jogo se tornou extremamente fácil, não demorei nada pra por final nele, ou talvez o jogo ficou fácil porque sofri bastante no Ys I e acabei ficando melhor, mais forte e mais rápido (ou não).

    * O jogo é rápido! Adol aqui é ainda mais rápido que no Ys II, no começo você acaba tomando dano porque simplesmente acaba encostando nos inimigos, mas isso acaba quando você descobre o lendário e poderoso estilo de luta, o Estilo Fatal da Morte Rasteira de Adol!!! Basicamente é que atacar abaixado é mais rapido e mais facil de acertar... é isso ai.

    * Os chefes... eu até tive que dar um EDIT, porque lembrei deles... mas eles parecem mobs... tirando o ultimo que você demora mais pra matar por causa de uma coisinha boba, o resto é praticamente ridiculo... quando matei o primeiro... eu pausei o jogo e fiquei ali olhando aquela zuera por um tempo.

    A grande novidade do jogo é que agora é em plataforma, nesse você não pode usar magias como no jogo anterior, parece que é o primeiro jogo, mas só que mais facil e muito mais curto, não demorei nada pra zerar esse jogo, foi muito facil (já perdi a conta de quantas vezes falei que o jogo é facil).

    Bem, agora fiquei curioso com o IV para o SNES, talvez seja um jogo realmente melhor que o terceiro... alem que estou interessado em como o jogo vai evoluir.

    7
    • Micro picture
      jclove · almost 2 years ago · 1 ponto

      Ys 3 tentou seguir a pegada do Zelda 2. tem muita gente que curtiu pacas ele na época. Da uma olhada no excelente remake disponivel pra PSP e PC, que recebeu o subtitulo de Oath in Felghana. https://www.youtube.com/watch?v=_vO3I8OGFWs É muito bom e foi o começo de uma série de ramekes bacanas da série.

      4 replies
    • Micro picture
      riki_samejima · almost 2 years ago · 1 ponto

      Caramba, vc tá usando save state nisso aí ou esses jogos são fáceis mesmo? Não faz nem um dia que vc postou check-in do Ys II.

      1 reply
  • rks
    2017-05-31 14:51:57 -0300 Thumb picture
    Post by rks: <p>Se você ainda não assistiram os videos do James

    Se você ainda não assistiram os videos do James Farr... vão e assistam assim que puderem!

    3
  • rks
    2017-05-31 00:52:31 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Ys II -&nbsp;</em></strong><strong><
    Ys II

    Platform: NES
    27 Players
    1 Check-in

    Ys II - Ancient Ys Vanished - The Final Chapter finalizado!

    Acabei "animando" e finalizei o segundo jogo, pensei que ia ser tão sofrível quanto o primeiro, mas não, esse jogo melhorou muito!

    A primeira coisa que você nota ao começar a jogar é que o Adol agora se movimenta mais rápido e isso é tipo algo maravilhoso, mesmo que no começo te atrapalhe um pouco na hora de lutar, quando se acostumar você irá se sentir um piloto de corrida comparado ao Adol do jogo anterior (talvez eu esteja exagerando um pouco, mas é isso ai).

    O jogo apresenta varias coisas novas, como agora poder usar magias, você só terá uma magia de ataque e as outras são mais usadas para cumprir objetivos, mas mesmo assim já é um grande avanço e deixa o jogo levemente mais fácil na hora de farmar. Uma magia de destaque é a Return, com ela você pode ir para cidades ou alguns pontos específicos rapidamente, isso ajuda bastante e você não precisará ficar sofrendo com uma andança sem fim como no primeiro jogo.

    Duas coisas que melhoraram muito foram os NPCs que agora te dão mais informações sobre o ocorrido e que o jogo deixou de ser extremamente enigmático, em algumas partes ele ainda é um palhaço que quer ver você chorar por se perder e não saber o que fazer, mas são poucas as vezes isso acontece.

    Eu usei um guia nesse também, mas no começo do jogo só usei mesmo para saber se eu tinha deixado algum item para trás, somente no final, no Demon's Temple que é meio labiríntico, mas até que dá pra se virar bem e o guia te ajuda a não ficar igual um cão perdido.

    Os chefes aqui são bem mais fáceis, fáceis mesmo, o único que apresenta perigo é o ultimo que parece desesperador no começo, mas quando você aprende o macete dele, você fica bem suave e torcendo pro RNG não ser zuero ao extremo. 

    Agora é saber se termino o terceiro do NES logo de uma vez ou não, talvez eu nem jogo os remakes pro PSP agora, Ys é legal, mas também é estressante :v

    5
    • Micro picture
      santz · almost 2 years ago · 1 ponto

      Essa mina pelada no final do jogo me empolgou a conhecer a série.

      1 reply
  • rks
    2017-05-27 22:14:16 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalizado!</em></strong></p><p>#img
    Ys

    Platform: NES
    29 Players
    1 Check-in

    Finalizado!

    Ys... o que falar desse jogo? QUE JOGO ESTRESSANTE!

    Olhando algumas coisas por ai, descobri que tinha o Ys I e II para o PSP, então resolvi jogar ele, mas antes me deu uma ótima ideia de conhecer o jogo original primeiro, antes de jogar essa nova versão... que decisão horrivel a se tomar...

    Bem, Ys não é um jogo ruim, o que realmente desanima a jogar é uma dificuldade sinistra para se achar o caminho de onde você deve ir. No começo mesmo se você der algum vacilo, já era, você pode ficar perdido igual uma barata sem cabeça por um tempo. Em alguns momentos a coisa fica tensa, porque você tem que fazer tal coisa em um especifico lugar senão ela não funciona... alem que o Adol tem duas pedras no lugar das pernas, ele é muito lento e o que você mais vai fazer nesse jogo é andar por ai. Se não fosse com a ajuda de um guia, eu simplesmente não teria terminado esse jogo, porque eu já tenho o dom de me perder, ai o jogo é simplesmente um labirinto que contem uns 10 labirintos menores dentro dele e nesses labirintos... adivinha... é... mais labirintos!

    Eu não sei se vou ter coragem pra terminar o Ys II antes de jogar a versão do PSP, se ela for tão labirintica quanto o YS I... é pedir pra se jogar do morro e rolar rumo a outra dimensão.

    8
    • Micro picture
      edknight · almost 2 years ago · 2 pontos

      Eu terminei o Ys I do PSP esses dias, e estou jogando o II. Achei um jogo ok, tinha bastante reclamação dele (tipo esse sistema de batalha de sair trombando nos inimigos, e alguns inimigos que dão 1-hit kill se você não tiver o lv e equipamentos necessários, o que me fez me suicidar algumas vezes sem saber).
      Não acho que mude alguma coisa no layout dos mapas, e ele continua bem confuso e enigmático, mas agora que você já finalizou, já sabe mais ou menos o que tem que fazer pra chegar ao fim.
      E não lembro da versão de NES, eu acho que joguei uma versão de SNES uma vez (posso estar enganado), mas pelo menos na versão de PSP o Adol é bem rápido.

      3 replies
  • rks
    2017-05-27 02:22:21 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalizado!</em></strong></p><p>#img
    Mega Man Network Transmission

    Platform: Gamecube
    116 Players
    5 Check-ins

    Finalizado!

    Primeiro jogo do GameCube que finalizei!

    Eu fiquei sabendo desse jogo aleatoriamente num video no YT, acabei vendo alguns videos e fiquei com vontade de jogar, mas só depois de anos que lembrei dele.

    Diferente dos Battle Network do GBA, Network Transmission é um jogo de plataforma a la MegaMan Clássico, além que ele faz varias referencias e trás mecânicas de de jogos da serie clássica, como por exemplo as plataformas zueras da fase do GutsMan (MM1) e os lasers da morte do QuickMan (MM2).

    O jogo é bem de boas, nada dificil, o que pode atrapalhar no começo é se acostumar que esse MegaMan é mais lento que os outros, mas não é nada grave, outra coisa que atrapalha é o fator do Buster ser bem fraco no inicio, mas você pode ir pegando PowerUps e ir melhorando seu dano, sua velocidade de disparar e poder carregar mais rapidamente o Buster, com o Buster sendo fraco inicialmente você dependerá do sistema de Battle Chips. No começo esse sistema é bem perturbador por você sempre precisar dele porque seu Buster não faz nada contra ninguem e quando faz é com um bom custo, mas com o adquirir de alguns Battle Chips e sabendo que você pode travar um especifico, ele acaba sendo um recurso bem tranquilo e que você mal usará.

    Demorei cerca de 10 horas pra terminar ele pelo simples fato de querer fecha-lo com 100%, mas acabei desistindo faltando pouco para isso, já tava afim de jogar outra coisa e ultimamente fazer 100% não ta valendo muito a pena, porque me prende por muito tempo em um jogo e tem muito jogo bom e ruim ai pra eu conhecer ainda.

    8
    • Micro picture
      matheusps92 · almost 2 years ago · 1 ponto

      Caramba, gostei \o/ Mês que vem eu vou comprar um controle de Game Cube pro meu Wii e to caçando alguns jogos, acabei de achar mais um xD

  • rks
    2017-05-16 15:36:33 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Finalmente finalizado!!!!!!!!!!!</em
    Final Fantasy Tactics

    Platform: Playstation
    5047 Players
    50 Check-ins

    Finalmente finalizado!!!!!!!!!!!

    Com muita felicidade e tristeza, eu consegui terminar o Final Fantasy Tactics apos anos e anos jogando. Felicidade porque é um dos meus jogos favoritos, é realmente pra algo ser meu favorito, tem que ser realmente especial. Tristeza porque provavelmente eu não irei jogar mais o FFT do PS1, pelo simplesmente motivo que ainda existem muitos jogos para eu conhecer e jogar, posso até jogar a versão do PSP ou outra, mas vai demorar pra isso acontecer.

    Eu só comecei a jogar o FFT dessa vez por ter me empolgado com o ultimo evento do FFT que aconteceu no FFRK, só que depois de um tempo jogando eu decidi que era hora de terminar esse jogo de uma vez, são quase 10 anos indo até quase o final do jogo e parando de jogar, mas dessa vez fui forte e consegui.

    Eu só ia jogar a historia principal até o final, nada de buscar por 100%, mas acabei querendo fazer algumas coisas e olhei uma lista de onde conseguir todos os itens e personagens extras, então fiz o máximo que eu pude, foram quase 46 horas de jogo, mas acabou que ficou faltando poucos itens que deviam ser pegos por meio do Poaching, mas eu já estava quase deixando o jogo de lado novamente, FFT é um jogo muito bom, mas ele acaba se tornando bem cansativo se você quer buscar pelos 100%.

    Pela primeira vez eu fiz a Deep Dungeon e posso falar que é um lugar muito chato... a quantidade de vezes que tive que dar reset por causa daqueles Phoenix Down malditos... Eu sabia que era chato, mas nossa, é extremamente chato e sendo que você nem precisa dos itens que estão la pra finalizar o jogo, afinal o Ramza tava tirando uns 1200 de dano do ultimo boss nos socos (fácil demais).

    Eu costumo comentar sobre meus feitos dentro do jogo, então por isso irá conter spoilers, caso você prefira ser um palhaço de rodeio que se mexe na velocidade de uma lesma durante um rodeio de touros robôs turbinados do que ler ou escutar um spoiler, já deixei avisado.

    Quando eu cheguei na Deep Dungeon, eu já estava querendo largar o jogo de lado, mas pra não fazer isso eu peguei o mapa dos andares onde mostravam onde a saída poderia estar e onde os itens estariam, mesmo com o mapa foi um inferno. Basicamente você precisa de alguém com um Brave bem baixo, para assim aumentar as chances de achar o item invés de um Phoenix Down, Rafa tem a pior Brave, então é ela que vai sair por ai pegando os itens, sendo que no começo eu não reduzi mais o Brave dela, com isso foi altamente estressante, só no primeiro mapa foram mais de 10 resets porque sempre vinha Phoenix Down no lugar do item. A coisa boa da Deep Dungeon é porque você upa muito rápido lá, Ramza e Orlandeau simplesmente chegaram facilmente no level 80 la, se o animo já não tivesse ido embora com certeza eu teria pego 99 com o Ramza.

    A unica outra coisa dificil foi roubar os equipamentos do Elmdor, mas agora já sei os macetes pra a Deep Dungeon e o Elmdor, nunca mais passo sufoco nesses lugares.

    Eu comecei a fazer o Poaching depois de terminar a Deep Dungeon, mas o animo já estava morto e o final estava ali me esperando, fiz alguns dos mais difíceis e depois de respirar bem fundo, deixei isso pra la e fui rumo ao final salvar a irmã do Ramza, Alma. 

    Magos e derivados são totalmente descartáveis no final do jogo, na verdade são descartáveis um pouco antes da metade do jogo, é muito mais valioso e compensador ter personagens que executem suas habilidades em pouco tempo, Cloud é inútil também porque o cast dos melhores Limits é muito alto e com isso os inimigos sempre fogem ou morrem antes dele executar o Limit, ou seja, magos são inúteis, principalmente quando Orlandeau entra no time... magos são realmente inúteis e o Claudio também.

    As ultimas batalhas foram extremamente fáceis, sopa no mel ou mel na sopa... eu não tenho ideia de como é esse troço, mas no geral sempre acabava com um ou dois socos do Ramza ou um leve Sword Skill do Orlandeau, o ultimo chefe é Altima, mas ele também não durou muito, foi expurgado do Universo na base do soco, principalmente porque ele é idiota é resolve atacar a Alma que estava com Reraise, ai que pediu pra morrer mesmo. Eu terminei o jogo com level 80, mas chegar ali com um level por volta de 40~50  já deixa o jogo bem fácil, principalmente se você ignorar as classes magicas e partir pra ignorância tendo um time full Monk... Monk rima com violência, Monk rima com suporte, Monk rima com suporte a violência!

    O final é bem triste e mostra que Delita é um grande merda, ou seja, uma dica é espanque o Delita no começo do jogo, deixe ele sem equipamento e fique revivendo e matando ele até ficar satisfeito... é... tenha ódio que faça evaporar o sangue que escorrem dos seus olhos.

    Bem, eu já escrevi pra caramba, mas isso é devido a grande emoção de finalmente zerar esse jogo. Tenho alguns outros pra terminar, mas tenho que terminar o Strange Journey ainda... é... não quero deixar mais jogos pendentes... mas eu estou muito feliz com o meu feito e agora falta só mais um jogo da minha lista de Pendencia Extrema... Valkyrie Profile!

    15
    • Micro picture
      santz · almost 2 years ago · 1 ponto

      Valkyrie Profile também foi uma pendência extrema na minha vida. O jogo me seguiu por anos até consegui finalizar.

      1 reply
    • Micro picture
      onai_onai · almost 2 years ago · 1 ponto

      Daqui a alguns anos, por que aposto que tu não vai ter saco pra jogar tudo de novo logo agora, jogue a versão do PSP. Ele tem uma animações bem legais e novas classes.

      2 replies
  • rks
    2017-05-06 03:13:17 -0300 Thumb picture
    rks checked-in to:
    Post by rks: <p><strong><em>Genji Set não é aquilo tudo!</em></s
    Final Fantasy Tactics

    Platform: Playstation
    5047 Players
    50 Check-ins

    Genji Set não é aquilo tudo!

    Demorei 3 horas pra roubar só os Genji's do Elmdor, a paciência morreu e quebrei a Masamune pra poder roubar o resto, Blade Gasp atrapalha horrores e na verdade eu só ia passar o carro em cima do Elmdor pra continuar o jogo, mas tive a brilhante ideia de querer roubar o Elmdor e nem me preparei direito.

    Na verdade é a primeira vez que chego nessa parte, eu jogo o FFT há anos, mas nunca terminava por ter algum medo de nunca voltar a jogar ele de novo por gostar tanto dele, só que dessa vez eu quero tirar esse encosto das costas e prosseguir!

    E o que vale do Genji é só o Shield e o Acessory mesmo, +30 de HP a mais não vale muita coisa, já que você mata tudo que ve pela frente com o Orlandu :v

    GIANT EDIT!!!!

    Eu parei pra jantar (tipo umas 4 da madruga), mas a cada garfada eu lembrava da Masamune que faltou, a cada garfada o ódio pelo Elmdor aumentava, então acabei de comer e voltei pro jogo!

    O dano das Sword Skills é baseado no AT mais algumas coisas, então soquei tudo que dava AT no Orlandu, nisso ele ficou muito puto, antes eu fui e aprendi Speed Break com todo mundo, eu queria quebrar as pernas do Elmdor e levei um Haste de leve na Agrias, então começou o show! Eu tirei o Brave, eu tirei a Speed, se desse eu tirava as pernas do Elmdor! Alem que matei as duas Assassins dele com um Lightning Stab do Orlandão! Ai elas viraram os Demons, ai foi outro Lightning Stab pra fechar, Orlandão muito bolado x2! Depois do leve rodeamento e corredor polonês de Speed Break, Ramza chegou marotamente por trás e limpou até a alma do Elmdor, agora vou enfiar a mão na cara do Elmdor de novo só por prazer!

    11
    • Micro picture
      ralyson · almost 2 years ago · 2 pontos

      Nossa, sdd adolescência, só nessa época mesmo para ter tempo pra roubar o marquês. Voltei a jogar a versão do PSP e joguei só para ver o conteúdo extra e a correção da tradução :D

      2 replies
    • Micro picture
      pauloaquino · almost 2 years ago · 1 ponto

      CARAI!!!... KKKKKKKKKKKKKKKKKK Ir jantar quatro da manhã???
      Eu já fiz loucuras piores!!
      As coisas que nós players passamos...

      Me imaginem pensando em algum labirinto de Phantasy Star 2, enquanto eu tô lá assistindo o VT de alguma corrida da NASCAR de um mês atrás, isso bem nesse adiantadóvski da hora, tarde bagarai, KKKKKKKKKKKK
      É, player que é player tambem passa por essas coisas.

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...