2020-04-03 23:23:00 -0300 2020-04-03 23:23:00 -0300

Tô vivo. Só sumido.

Boa noite, pessoal. Eu sumi pra me dedicar por completo em programação de games. Na verdade, não era leigo em programação,  só tinha me afastado pra estudar outras coisas.

Nessa etapa do estudo,  venho lendo esse livro que tinha comprado no final de 2018, mas não tinha chegado a hora de ler ele ainda... até agora.

Lendo os algoritmos que esse livro apresenta, além da miríade de coisas que vc deve saber de uma biblioteca gráfica(SDL no meu caso), não me resta dúvida: programar games 2D já foi beeem mais fácil do que é hoje. Sim, mesmo em assembly. As bibliotecas gráficas, em algum momento, acabaram perdendo a simplicidade em razão de recursos cada vez mais avançados para atender jogos mais complexos, então, pra vc que quer criar um simples joguinho 2D, acaba se pendurando em um monte de lixo que nunca vai usar, além de um açúcar sintático brutal.

A dificuldade dos programadores de antigamente era mais por tentar superar os limites impostos pelo hardware do que por uma questão de dificuldade na programação. Eu cheguei a ler um comentário de um programador old school falando sobre isso. Miseravelmente, eu não guardei o link com a fala desse cara, mas provavelmente foi no Quora ou no Reddit. Entendo plenamente o porquê de alguns irem direto para as engines ao invés de lidar com as libs.

Apesar da minha fala em tom fatalista,  não vou desistir. Consigo enxergar alguns algoritimos que podem ser simplificados. Minha meta é deixar tudo tão simples como se estivesse usando os recursos mais básicos de um hardware de NES ou Game boy. O básico do básico. O duro é conseguir manter tanta abstração assim sem acabar complicando ainda mais as coisas...

35
  • Micro picture
    mastershadow · 11 months ago · 3 pontos

    Olokoooo olha o cara ai!

    12 replies
  • Micro picture
    tiagotrigger · 11 months ago · 3 pontos

    Programar a parte gráfica do zero é bem chato, tem muitos algoritmos complicados pra otimizar os recursos. Mas se ficar naquele 2D basico 8bit sem shaders nem nada é bem de boa.
    Nas libs já facilita muita coisa, gasta um tempinho aprendendo a importar os assets e depois é só código de regras do jogo. Também tem as libs com de engine de física que são de boa de usar, mas dá trabalho pra criar exceções.
    Ai se a lib for muito baixo nível tem que integrar com o SO que vai usar (caso não tenha pronto). E é ai que as engines mais completas ganham força. Fácil de usar, nem precisa saber programar e geram instalável pra tudo quanto é plataforma (windows, linux, mac, android, ios, consoles etc).

    3 replies
  • Micro picture
    lukenakama · 11 months ago · 2 pontos

    @bemvindos de volta e boa sorte nos seus planos pro futuro :)

    1 reply
  • Micro picture
    andre_hirosaki · 11 months ago · 2 pontos

    bem vindo de volta, vc manja d+ sobre o lado técnico dos jogos. Vou até t marcar no desafio das musiquinhas de batalhas dos jogos pq era exatamente em vc q eu tinha em mente mas percebi q vc tinha parado de logar na rede.
    Só pra descontrair

    1 reply
  • Micro picture
    onai_onai · 11 months ago · 2 pontos

    Pois é, isso é algo que eu já suspeitava. Antigamente haviam poucos recursos, e os caras sabiam lidar com isso razoavelmente bem, hoje em dia por mais paradoxal que seja o problema é o excesso de informações, o que nubla a criatividade e atrapalha o raciocínio. Mas isso serve para várias áreas...

    5 replies
  • Micro picture
    andre_andricopoulos · 11 months ago · 2 pontos

    Bem vindo de volta e...se você curte PROGRAMAÇÃO...por que não compra/joga/cria em DREAMS?

    Parece ser uma ferramenta bem fácil e infinita...

    2 replies
  • Micro picture
    darlanfagundes · 10 months ago · 2 pontos

    Issaê bruxão! Sempre bom quando a pessoa se afasta pra evoluir! Quando tiver um game só manda pra nós! Hehehe

    1 reply
  • Micro picture
    rax · 10 months ago · 2 pontos

    Nossa faz um tempo que não te vejo por aqui.Só lembrei hoje quando vc comentou em um post do ersa.

    Não sou expert no assunto mas eu já cheguei a mexer um pouco com desenvolvimento de games e...bem,dependendo do escopo do jogo e etc. é bem complicado.E programação to "engatinahndo" ainda.

    Boa sorte ai e se conseguir desenvolver um jogo manda ai pra gente.

    1 reply
Keep reading → Collapse ←
Loading...