You aren't following renanlima1118.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-06-26 10:38:54 -0300 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 17 - Trilha de  The Last of Us Part II (2020 - PlayStation 4)

    Eu esperei tanto por esse jogo! Eu esperei muito, e a espera valeu a pena. Por cada segundo que eu tive jogando The Last of Us Part II.

    Mas bem estamos aqui pela trilha sonora e ela não decepciona! Esse jogo provavelmente tem o dobro de músicas que aproveita parte e músicas licenciadas também.

    As músicas originais cumprem muito bem o papel de deixar o jogar mais imersivo na jogabilidade e historia. E como esse jogo consegue me deixar tenso a cada momento!

    A equipe da NaughtyDog conseguiu, se superou e muito e trouxe ao mundo dos jogos uma trilha maravilhosa e única!

    The Last of Us Part II

    The Last of Us Part II Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    The Last of Us Part II

    Platform: Playstation 4
    729 Players
    199 Check-ins

    1
  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-06-26 10:24:25 -0300 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 16 - Trilha de The Legend of Zelda: Majora's Mask 3D (2015 - Nintendo 3DS)

    Por ter sido um projeto de importância menor na sua época,  dentro da Nintendo, esse jogo acabou utilizando vários personagens, objetos e trilhas do seu antecessor o Ocarina of Time.

    Ainda assim Majora's Mask tem trilhas novas que são das mais únicas, não só dá franquia, mas dos jogos em geral. É único, um pouco assustador e triste.

    Majora's Mask como um todo é assim, é bem longe de algo épico que vários jogos da franquia tem.  Isso sempre colocou Majora's Mask como o mais diferente e especial dentre todos.

    A trilha sonora junto de toda a atmosfera do jogo são uma experiência incrível e muito tocante.

    The legend of Zelda: Majora's Mask 3D

    The Legend of Zelda: Majora's Mask 3D Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    The Legend Of Zelda Majora's Mask 3D

    Platform: Nintendo 3DS
    1112 Players
    334 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-06-24 11:31:20 -0300 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 15 - Trilha de The Legend of Zelda: Ocarina Of Time 3D (2011 - Nintendo 3DS)

    Eu tenho a impressão que vez ou outra qualquer jogador de videogames já teve sua fase ouvindo e relembrando a trilha sonora desse jogo!

    Ocarina of Time é um clássico, e continua até hoje.  Não joguei ele na sua época, seria impossível aliás pois foi o ano em que nasci!

    Minha primeira experiência com esse Zelda foi em 2014, no 3DS. E me apaixonei, ouvi incansáveis vezes essa trilha. E ela me trás lembranças até hoje.

    Ocarina é um jogo até hoje sem igual, uma obra prima.

    The legend of Zelda: Ocarina of Time 3D

    The Legend of Zelda: Ocarina of Time 3D Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    The Legend of Zelda: Ocarina of Time 3D

    Platform: Nintendo 3DS
    6168 Players
    660 Check-ins

    1
  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-05-25 01:14:20 -0300 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 14- Trilha de The Legend of Zelda: Breath of the Wild (2017 - Wii U/Nintendo Switch)

    Eu não dei valor nesse jogo no seu lançamento, nem mesmo a música dele. Levou um bom tempo até que eu começasse a entender o grande valor desse Zelda.

    Talvez o jogo mais impressionante a ser feito e rodar no Wii U, um dos maiores sucessos do Switch e o mais bem vendidos da série The Legend of Zelda. Esse jogo tem uma trilha sonora que é diferente de qualquer outra da franquia.

    O que trouxe um grande estranhamento pra mim, que de início rejeitei, mas hoje eu vejo que realmente se trata de uma obra incrível. Que casa perfeitamente com o seu jogo.

    Talvez eu não estivesse preparado para o Breath of the Wild quando ele lançou, mas esse jogo só ficou melhor com o tempo e me fez mudar de idéia. Colocando ele e sua trilha sonora como um dos jogos mais memoráveis da minha vida.

    The legend of Zelda: Breath of the Wild

    The Legend of Zelda: Breath of the Wild Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    The Legend of Zelda: Breath of The Wild

    Platform: Wii U
    800 Players
    535 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-04-21 00:10:36 -0300 Thumb picture

    Relembrando o Super Smash for Wii U

    Medium 3792345 featured image

    Porque voltar?


    Em pleno 2020, eu decidi voltar para o Super Smash Bros for Wii U. Depois de jogar horas do Smash Bros Ultimate no Switch, me bateu uma curiosidade de voltar para o seu antecessor e comparar um pouco os dois jogos e observar minha evolução como jogador e apreciador de Smash.

    Durante os tempos de Wii U eu era apaixonado por esse console, ele foi o primeiro console no qual eu acompanhei seus lançamentos e de fato joguei seus jogos na época. Mas teve um jogo que eu deixei passar completamente despercebido o Smash 4.

    O pouco que eu joguei foi quando amigos meus marcavam uma jogatina. Eu não entendi nada das mecânicas do Smash eu só selecionava meu personagem favorito e apertava botões aleatoriamente!

    Tinha outros jogos e assuntos do meu interesse naquela época e o Smash era algo que não me chamava atenção...

    Foram anos depois que eu joguei com mais afinco a série no Switch. Por curiosidade comecei a jogar o modo aventura, o Word of Light, e ele me pegou. E foi minha porta de entrada para a franquia.

    Depois de jogar muito o Smash do Switch, resolvi voltar para o Smash 4 e experimentar um pouco do que eu perdi no Wii U.

    Vamos lá!

    A primeira coisa que chama a atenção no Smash 4 Wii U é seus gráficos que são impressionantes para o console. O jogo possui a mesma resolução do atual jogo da franquia para Switch, 1080p, e embora perca em alguns aspectos gráficos, para a sequência ele consegue agradar aos olhos até hoje.

    Para aqueles que estiverem jogando com a mídia física, não se assuste com os barulhos do Wii U! O console constantemente lê o disco produzindo um barulho pouco comum, parece um DJ remixando um disco.

    Os loadings entre partidas são rápidos, mais rápidos em comparação com o Ultimate do Switch que chegam a incomodar um pouco. No Wii U as telas de carregamento são mais rápidas, uma das poucas vantagens do antecessor atualmente.

    Mas os menus não têm comparação, o Smash 4 é conhecido pelos seus péssimos menus. E isso continua algo incômodo até hoje! E, provavelmente, não vai deixar esse estigma com o tempo. Para aqueles que querem uma partida rápida no modo Smash é tudo mais simples e rápido, mas para aqueles que quiserem explorar os outros conteúdos, como jogar os modos para um jogador e os bônus, irão encontrar com vários desafios.

    São muitos sub menus, nem sempre você sabe o que cada um tem até abrir. Existe todo um sentimento de descobrimento dos modos de jogo e configurações do jogo, algo muito mais complexo do que deveria ser. Esse problema foi consideravelmente melhorado e suavizado no Smash Ultimate do Nintendo Switch.

    Outra coisa que intrigava na época, e ainda é notável atualmente, é a ausência de suporte para a Touch Screen do GamePad. O jogador não pode tocar nas opções do menu com deus dedos ou a Stylus. Algo bem incomum para a plataforma do Wii U, onde vários jogos incentivam o uso da segunda tela.

    Na realidade pode-se resumir que o Smash for Wii U não faz quase nenhum uso do GamePad e não se propõe a explorar nenhum recurso exclusivo da plataforma.

    Quanto ao gameplay ele é nitidamente mais lento que o Ultimate do Switch. Existem várias diferenças entre os dois jogos. Algo que só o gosto pessoal de cada um vai definir qual o melhor.

    Para sua época o Smash 4 era tido pelos seu público como o melhor Smash até então. Atualmente o Smash Ultimate é mais popular e mais bem vendido de toda a história da série.

    O que mais diferencia o jogo dos seus demais são seus modos single player e bônus. Existe uma quantidade astronômica de conteúdo. Embora nem tudo tenha a mesma qualidade e capricho, o jogo garante sempre uma recompensa aos jogadores pelo seu esforço e é divertido.

    Alguns conteúdos envelheceram mal, como a integração com o Miiverse que já não existe mais e fica como um fantasma do que já foi. O online continua funcionando, ainda não se sabe por quanto tempo, mas também foi algo refinado e melhorado pelo seu sucessor e a maior parte da comunidade já migrou para o Switch Online.

    O que mais reflete a áurea do Smash 4 Wii U é que ele realmente é uma obra do seu tempo. Ele traz a sensação da época do Wii U, seus cenários e elenco de lutadores são uma homenagem aos jogos e séries principalmente do meio e fim de vida do Wii e início da geração do Wii U.

    Animal Crossing, Zelda Skyward Sword, Mario Galaxy, Wii Fit U e outros marcam presença e são uma celebração dessa era da Nintendo. Que trouxe muitos jogos e momentos memoráveis!

    Embora para olhares de fora tivessem sido uma época desgostosa da companhia, com a diminuição de interesse pelo Wii e o péssimo início do Wii U.

    Finalizando

    Voltar para o Smash for Wii U, é uma experiencia que agrada. Reviver um pouco dessa geração de jogos da Nintendo que é bem diferente da atual, com suas qualidades e seus defeitos. Mas ainda assim memorável. É um excelente jogo, pode não conter mais a relevância que já teve em seus montemos mais áureos para a comunidade de Smash. Mas se mantém bem agradável de se jogar até hoje e possui seus diferenciais em relação aos outros jogos da franquia.

    Super Smash Bros. for Wii U

    Platform: Wii U
    1483 Players
    461 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2020-04-20 03:00:45 -0300 Thumb picture

    A arquitetura do PS5

    Medium 3792087 featured image

    Com a nova geração de consoles vindo, ouve muita discussão a respeito das mudanças que viram nos futuros jogos que viram e eu estive pensando em como o PS5 com sua nova arquitetura poderá mudar os próximos jogos da Sony.

    Não sou uma pessoa da área de hardware ou desenvolvimento. Mas gosto de acompanhar os jogos que eu gosto e gostaria de entrar na discussão do próximo PlayStation.

    No início da década passada, a indústria de smartphone estava crescendo vertiginosamente. Muitas empresas estavam gerando grandes receitas com a venda de celulares e suas constantes atualizações anuais. Pequenas atualizações nas especificações, se comparado com a versão anterior, sem grandes mudanças em sua arquitetura, sendo familiar para o público ao mesmo tempo que atraente para os mais exigentes em performance para seus aplicativos.

    Todo o fervor dos smartphones impactou diversas indústrias, inclusive a de videogames. Com muitos acionistas desejando as constantes revisões de hardware dos smartphones de olho em um possível aumento se receitas.

    Mas a indústria de videogames, como já provado em vários períodos, não é um indústria fácil de se estabelecer. Com pouca concorrência devido sua alta complexidade. Uma das empresas que se negaram a mudança de estrutura de desenvolvimento de consoles nós videogames foi a Sony.

    Quando um desenvolvedor vai criar um jogo uma das bases que irá ditar o rumo do projeto é a plataforma que ele será desenvolvido. Ela irá definir completamente a estrutura do jogo, uma grande quantidade de jogos usa a plataforma mais popular entre seu público para desenvolver do início seus jogos. Para os consoles de mesa, o PS4 é muitas vezes a plataforma em que o jogo será criado do início ao fim. Seguindo esse raciocínio, os limites e a arquitetura desse sistema vai definir como o jogo rodará e como sua estrutura será moldada. O limite do PS4 é o limite de até onde esses desenvolvedores iram.

    E quando a gente fala de consoles a gente fala de um hardware que será projetado focando em um baixo custo para um consumidor final usar em sua TV. Todo o projeto é voltado nas exigências desse público, nas tendências atuais de tecnologia e do feedback de desenvolvedores.

    Com o PS4 a Sony seguiu muitas das características do PS3, com mudanças claramente influenciadas no feedback do público do PS3 e desenvolvedores. Para os desenvolvedores arquitetura do console mais próxima do PC e mais fácil de se desenvolver foram os grandes pontos da arquitetura do console. Para o público as resoluções maiores, o custo-benefício e o novo controle foram grandes destaques.

    Com o sucesso do PS4, em grande parte de seus jogos exclusivos. É de se esperar que o PS5 siga a fórmula de desenvolvimento do PS4. Mas a Sony foi um pouco mais longe, trazendo mudanças que iram impactar a estrutura nas quais os jogos futuros iram seguir nessa próxima década. Justificando o solto que, só uma nova geração de consoles pode trazer. Deixando a tecnologia padrão anterior, em pró de uma nova arquitetura reformulada.

    Mas quais seriam os impactos dessa mudança?

    Bem, usando de exemplo o maior sucesso do PS3, o The Last of Us. O que vimos do jogo no console original para os próximos projetos do estúdio para o PS4 foi um realismo de igual pra igual com as artes Conceituais dos desenvolvedores. Isso porque a nova arquitetura providenciava ter mais texturas e de maior resolução, um desenvolvimento mais simplificado em um hardware que casava perfeitamente com jogos cinematográficos. Com seu blu-ray e HD interno com grande capacidade de armazenamento e sua placa gráfica potente.

    Cinemáticas impressionantes e cada vez mais complexas.

    O maior processamento garantia ainda que, com o tempo, os ambientes ou cenários, começassem a ficar, título após título, cada vez maiores. Podendo até mesmo possibilitar que os desenvolvedores criassem um jogo em mundo aberto se desejassem. Com as ferramentas atuais, sem grandes problemas.

    Mas a arquitetura do PS4 vem com um porém, ela é toda arquitetada para o uso de HDs e está limitada as limitações dele. Boa parte do processamento do console acaba sendo usado para descompactar os arquivos, ou seja grande parte do processamento acaba sendo afetado por esse processo. Os jogos necessitam de longos loadings, que durante o jogo acabam sendo disfarçados por seções em caminhos fechados e longos. Os famosos corredores.

    E mesmo que usuário coloque um SSD no console, a mudança não gera efeito pois toda arquitetura não foi pensada para o uso dessa tecnologia. Mas esse ano foi revelado que o novo console será completamente pensado no uso do SSD.

    Com o uso do SSD e toda a arquitetura voltada em transmitir dados o mais rápido possível. O processamento do console poderia ser mais usado para outras necessidades dos jogos. E os loading já não seria mais um preocupação no momento de se criar as estruturas e os cenários do projeto.

    Um personagem, por exemplo, poderia se movimentar de um ponto para outro no mapa, em uma velocidade ainda não vista em jogos. A escala dos mundos, seria muito maior. A câmera do jogo poderia se movimentar livremente, sem estar limitada aos pontos do mapa carregandos ao redor do personagem.

    Pois como os dados poderiam ser processados muito mais rapidamente dará maior dinamismo e movimento não só para a câmera e com isso o controle do jogador dentro do jogo. Mas também das mecânicas, já que mais inimigos poderiam aparecer na tela e agora muito mais inteligentes e sorrateiros, já que o jogador poderá agora com maior fluidez se movimentar pelo cenário.

    Os jogos iriam direto ao ponto, sem enormes corredores ou outras limitações. Os Fast travel seriam instantâneos e jogo poderia criar momentos inusitados ao jogador.

    Como uma mudança instantânea de cenário, ou o aparecimento instantâneo de um chefe.

    Com a nova geração, as novas arquiteturas iram além de aumentar os números de potência. Mas sim de abrir novas possibilidades nos consoles. Com tecnologias que nem nos PC estão presente de forma difundida. Uma mudança para os designers de jogos e programadores e uma experiência muito mais imersiva aos jogadores. Uma nova experiência nos jogos dessa nova década que se inicia.

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2019-12-08 00:46:33 -0200 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 13 - Trilha de Super Smash Bros Ultimate (2018 - Switch)

    Meu primeiro Smash que realmente me fez ter vontade de jogar Smash.

    Nunca tinha entendido antes qual era a graça de Smash, mas foi jogando o modo Adventure desse jogo e desbloqueando os vários personagens do Ultimate que eu fui aos poucos gostando e me introduzindo a jogabilidade de Smash.

    Sem dúvidas o jogo mais ambicioso da saga, incrível a quantidade de conteúdo que colocaram aqui. São mais de 900 músicas, algo realmente impressionante.

    Levei um bom tempo para desbloquear todos os personagens, a atualmente estou adorando acompanhar os anúncios dos novos personagens do pacote de DLCs. Uma pena não ter acompanhado Smash antes na época do Wii U, mesmo assim fico feliz de estar acompanhando o Ultimate desde o seu primeiro anúncio e esporo jogar eles por mais um bom tempo...

    Super Smash Bros Ultimate

    Super Smash Bros Ultimate Soundtrack

    https://www.youtube.com/playlist?list=PL-KKLmT_Quh6f_69UPgiJx4icexWo3v1Q

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    Super Smash Bros

    Platform: Nintendo Switch
    363 Players
    139 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2019-11-04 02:30:46 -0200 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 12- Trilha de Detroid Become Human (2018 - PS4)

    Minha experiência com Detroid foi incrível, mesmo que eu tenha procrastinado para começar a jogar e só tomado iniciativa depois de todo mundo que jogou antes de mim ter praticamente me obrigaram a começar esse jogo.

    Foi um caminho sem volta, mergulhei nessa experiência. Sem dúvida o projeto mais bem polido da Quantic Dream e um excelente exclusivo do PlayStation.

    Ainda fico fascinado ao saber que eles escolheram três compositores para compor a trilha sonora. E realmente a trilha sonora desse jogo é muito boa, encaixa perfeitamente com a experiência que o jogo proporciona.

    Recomendo muito Detroid, até mesmo para aqueles que não gostaram tanto dos jogos anteriores da Quantic Dream. Vale cada minuto a experiência desse drama interativo.

    Detroid Become Human

    Detroid Become Human Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    Detroit: Become Human

    Platform: Playstation 4
    748 Players
    206 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2018-12-14 00:30:40 -0200 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 11 - Trilha de Mario Kart 8 / Deluxe (2014 - Wii U / 2017 Switch)

    Mario Kart 8 foi um dos jogos que mais joguei no Wii U, primeiro de tudo o jogo é lindo, e muito divertido. Tem um gameplay simples de se aprender e difícil de se dominar. Minha maior conguista com esse jogo foi vencer todas as corridas em 200cc.

    Não posso esquecer de mencionar as maravilhosas DLCs desse jogo, uma pena a Nintendo não ter mais feito DLCs tão baratas e tão cheias de conteúdo quando o que foi feito com esse jogo!

    A trilha sonora seque o estilo Big Band do Super Mario 3D World, as musicas são variadas e combinam bem com as pistas, com certeza uma das melhores trilhas sonoras da Nintendo.

    Não joguei tanto esse jogo no Switch, não sei se foi por já ter jogado tanto esse jogo no Wii U ou por não ter gostado de algumas mudanças na versão Deluxe ainda assim é um excelente jogo e eu recomendo muito!

    Mario Kart 8 Deluxe

    Mario Kart 8 Deluxe Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    Mario Kart 8

    Platform: Wii U
    1964 Players
    706 Check-ins

    0
  • renanlima1118 Renan Lima
    2018-07-29 14:53:02 -0300 Thumb picture
    Post by renanlima1118: <p>Desafio: Top 20 Músicas de Games</p><p><strong>D

    Desafio: Top 20 Músicas de Games

    DIA 10 - Trilha de Super Mario Galaxy (2007 - Wii).

    Super Mario Galaxy é um jogo incrível, um clássico instantâneo do Wii.

    Foi a primeira trilha sonora orquestrada da franquia Super Mario, e o tom épico dessa trilha junto com uma historia bem desenvolvida e fases muito divertidas de se jogar faz desse uma dos meus jogos favoritos do Mario.

    Super Mario Galaxy

    Super Mario Galaxy Soundtrack

    As regras são as seguintes:

    1 - Poste uma música de um jogo por dia por 20 dias (total de 20 jogos);

    2 - Não pode repetir o jogo;

    3 - A música precisa estar no jogo;

    4 - Vale versão remix ou música licenciada no jogo;

    Finalizo agradecendo quem me desafiou @andre_andricopoulos. Desafio qualquer outro lendo e interessado em participar.

    Super Mario Galaxy

    Platform: Nintendo Wii
    6826 Players
    443 Check-ins

    1
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...