raccoon

Rocky burst in and grinning a grin He said: Danny boy, this is a showdown!

You aren't following raccoon.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • jcelove José Carlos
    2020-11-22 13:29:18 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Tofu matando tudo no RE 2

    O Smallvillecs humilha demais. Eu sequer consigo terminar o modo Tofu e o cara termina matando tudo do cenário.hehe

    Resident Evil 2

    Platform: Playstation
    11508 Players
    128 Check-ins

    26
    • Micro picture
      seufi · 6 days ago · 2 pontos

      To vendo aqui... E como que o cara mata 3 lickers sem tomar dano? Que aula...

      3 replies
    • Micro picture
      denis_lisboadosreis · 6 days ago · 2 pontos

      Eita! E que paciência pra aprender a cronometrar o momento certo de atacar a quantidade certa de facadas pra cada inimigo, e sair pra ganhar espaço e fazer tudo outra vez.

      1 reply
  • 2020-11-21 12:27:19 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Versões e acessórios do Super Nintendo

    Medium 3838713 featured image

     O Super Famicom foi lançado em 1990 no Japão e trouxe um formato compacto, cinza, pequenas alavancas para reset e power e controles com botões coloridos. A versão americana foi lançada no ano seguinte com um design mais bruto, quadrado, grande e com alavancas de power e reset em roxo de destaque. O modelo europeu lançado em 1992 seguiu o design japonês. Em 1997, no fim da vida útil do console, a Nintendo lança o modelo SNS-101 com uma super redução de custos, removendo vários recursos e trazendo um design muito mais compacto, com botões de power e reset bem discretos. O novo modelo chegou ao mercado custando 100 dólares e sua versão japonesa, o Super Famicom Jr., chegou ao mercado em 1998.

     Devido a popularidade do Super Nintendo, várias fabricantes lançaram diversos tipos de controles para o console. Controles com opção de turbo e carcaça transparentes eram os mais clássicos e feitos por várias fabricantes diferentes. O Dual Turbo da Acclaim trazia a função de conexão por infravermelho sem fio. O NTT Data Pad trazia um teclado numérico para usar com o modem do SNES. O SN Programpad permitia programar as funções de cada botão e vinha com uma telinha de LCD. O AsciiGrip era um controle que podia ser jogado com apenas uma mão e ainda sim, ter acesso a todos os botões. O Super Advantage era o clássico joystick estilo Arcade, já o Conqueror 2 trazia um formato bizarro e tinha saída de som.

     De acessórios, vamos começar com o clássico Multitap da Hudson que permitia 4 controles. O Super NES Mouse foi lançado junto do Mario Paint e funcionava em vários outros jogos, como puzzle e estratégia. A Super Scope é uma pistola de luz em formato de bazuca e exigia um receptor de infravermelho para funcionar. O TeeV Golf é um bastão com sensor de infravermelho usado para simular jogos de golf. O Nordic Quest é um controle que pode ser acoplado em uma máquina de esteira e fazer o jogador praticar exercícios e jogar ao mesmo tempo. Nessa mesma pegada, o Exertainment é uma bicicleta ergométrica que pode ser conectada ao Super Nintendo e jogar games compatíveis enquanto pedala.

     Em 1994, a Nintendo lança o Super Game Boy, um cartucho especial que permitia inserir cartuchos de GameBoy e jogar os games com cores. Alguns jogos do portátil vieram adaptados para conseguir trabalhar melhor o uso de cores no acessório. O Satellaview foi lançado em 1995 e permitia aos jogadores baixar conteúdos através da internet por um sistema de rádio satélite. Era possível baixar revistas, piadas, conteúdos extras e até mesmo jogos novos completos através do Satellaview. Em 1996, foi lançado o cartucho Nintendo Power, que tinha uma memória flash e permitia gravar até 7 jogos através de quiosques espalhados pelo Japão. Foram lançados poucos jogos compatíveis com o periférico e todos eles com mecânicas bem simples.

    @andre_andricopoulos, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @noyluiz, @marlonildo, @joanan_van_dort, @volstag, @manoelnsn, @shuichi, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @kb, @sergiotecnico, @srdeath, @melkorbelegurth, @avmnetto, @spider, @denis_lisboadosreis, @rogerlopezx, @fredson, @mjdias, @hyuga, @wcleyton, @bobramber, @carlosneto, @thiagobrugnolo, @rensan [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    50
    • Micro picture
      darlanfagundes · 7 days ago · 3 pontos

      lol, quero essa bicicleta!kkkk

      1 reply
    • Micro picture
      thiagobrugnolo · 7 days ago · 3 pontos

      O Super Nes americano clássico ainda é meu favorito, com seu formato da caixote. Meu console, comprado em 1994 veio com o bizarro controle tsij-300i, sem fio com infravermelho semelhante ao dual turbo, possuia um botão slow e a função de dexar os botões A e B automáticos, meses depois fui obrigado a comprar dois controles originais pois a ergonomia do tsij era horrível.

      2 replies
    • Micro picture
      artigos · 7 days ago · 3 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-11-14 21:35:07 -0200 Thumb picture
    raccoon checked-in to:
    Post by raccoon: <p>Comecei este jogo indie, pra ser minha válvula d
    The Pathless

    Platform: PC
    2 Players
    1 Check-in

    Comecei este jogo indie, pra ser minha válvula de escape do Red Dead 2. Esse jogo é uma obra de arte, a mitologia que eles criaram é linda, a jogabilidade é muito foda. Você tem mapas abertos pra serem explorados como quiser (por isso o nome) e as mecânicas de navegação são incríveis. O jogo não tem mortes, o que é bom (novamente, pra balancear o RDR2) mas tem batalhas de bosses que prometem muito. Finalizei a primeira e foi épica. Curtindo bastante.

    25
    • Micro picture
      msvalle · 14 days ago · 2 pontos

      Estou de olho nesse a um tempo, já está na lista aguardando promoção.

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-11-12 17:06:24 -0200 Thumb picture
    raccoon checked-in to:
    Post by raccoon: <p>Chegando com a história em Saint Denis agora. As
    Red Dead Redemption 2

    Platform: PC
    16 Players
    5 Check-ins

    Chegando com a história em Saint Denis agora. As missões anteriores foram espetaculares. O Dutch que me perdoe, mas vou me render aos vícios da cidade, jogar um poker e passar no teatro Vaudeville pra ver uns truques de mágica e até mesmo atirar no mágico Benjamin Lazarus 😀

    21
  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-11-09 18:59:14 -0200 Thumb picture
    raccoon checked-in to:
    Post by raccoon: <p><strong><em>Finalizado PT2 - Aftermath.</em></st
    Mortal Kombat 11: Aftermath

    Platform: PC
    4 Players
    1 Check-in

    Finalizado PT2 - Aftermath. Em termos de história, confesso que achei a primeira parte mais interessante, com os pais e filhos, velhos e novos. Mas essa segunda parte também é muito boa, principalmente pelo final, que apesar de meio previsível foi bem legal. Junto a isso temos ótimas cutscenes, trilha sonora retumbante e gameplay impecável, como de costume. 

    22
  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-11-05 17:45:55 -0200 Thumb picture
    raccoon checked-in to:
    Post by raccoon: <p><strong><em>Finalizado.</em></strong> Na minha o
    The Dark Pictures Anthology: Little Hope

    Platform: PC
    5 Players
    1 Check-in

    Finalizado. Na minha opinião, Little Hope, segundo capítulo da saga The Dark Pictures do estúdio Supermassive, é uma evolução em relação ao primeiro, Man of Medan. Tudo foi otimizado, do rendimento ao gameplay, tudo está mais fluído e orgânico. Eu curto bastante os jogos da Supermassive, a produção e o visual sempre chamam atenção, a trilha e efeitos sonoros são ótimos,  os atores são competentes... elementos importantes que adicionam muito no resultado final. Mas ser realmente criativo em termos de histórias de horror parece complicado hoje em dia na minha opinião... o que estou querendo dizer é que o estúdio tem tudo pra fazer o melhor jogo deles no próximo lançamento.  

    Pra quem curte, dicas de horror: série Lovecraft Country e o filme Possessor Uncut, tenso.

    20
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 22 days ago · 2 pontos

      Lovecraft Country é bom, mas bem fraquinho no horror.

      Tô precisando urgentemente conferir MEN e LITTLE HOPE e sim, percebe-se uma evolução nesse LITTLE HOPE 😘

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-11-03 20:27:47 -0200 Thumb picture
    34
    • Micro picture
      msvalle · 25 days ago · 2 pontos

      XD

    • Micro picture
      santz · 25 days ago · 2 pontos

      Scroll de 2006 é o melhor.

    • Micro picture
      jcelove · 25 days ago · 2 pontos

      Sdds do win xp.hehe

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-10-31 20:14:21 -0200 Thumb picture

    Jogo de Halloween do Google

    O joguinho de Halloween do Google tá bem legal, vale a pena conferir.

    https://g.co/doodle/968s9x4

    21
    • Micro picture
      miss_dani · 28 days ago · 2 pontos

      Eu também gostei muito!! 😍

    • Micro picture
      mateusfv · 28 days ago · 2 pontos

      Eu joguei um pouco esses dias, é igual o dos outros anos, só que pelo oque vi continua a história e tals, algo que eu nem imaginava que ia acontecer kk

      2 replies
    • Micro picture
      reasel · 28 days ago · 2 pontos

      adorei esse

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-10-30 16:55:44 -0200 Thumb picture
    raccoon checked-in to:
    Post by raccoon: <p><strong><em>Finalizado.</em></strong> Me identif
    I Am Dead

    Platform: PC
    1 Players
    1 Check-in

    Finalizado. Me identifiquei com o nome desse jogo e resolvi conferir rs. Procurar memórias e grenkins por todos os cantos possíveis de todos os cenários é o foco principal de I Am Dead, jogo em que você, obviamente, está morto e consegue, por nenhum motivo explicado (isso é citado rs), analisar "molecularmente" todos os objetos que consegue selecionar... e são muitos deles (molecularmente não é uma palavra e não descreve corretamente o troço que você consegue fazer com o objetos, que é algo descrito como "slice", sacou? Você fatia os objetos e consegue ver o interior deles). 

    Temos então um level design muito rico, focado nessa interação do jogador com os ambientes, que são cenas distintas basicamente, cada uma com sua personalidade única. Junto a isso temos a ótima construção de personagens, que são os centros dessas cenas. A sensação de lugar, no caso do jogo a Ilha de Shelmerston, é muito importante para a narrativa pois é o lar do personagem principal, tanto em vida como em morte. A história é simples e muito carismática e justifica as visitas aos locais e o descobrimento dos personagens. Trilha sonora embala tudo e a arte conceitual é linda e cheia de personalidade. Eu achei tudo bem relaxante, basicamente terapêutico. Procurar por todos os grenkins foi minha fixação. Gostei muito do jogo, que tem o selo de qualidade da Annapurna.

    Grenkins Reunidos!

    21
    • Micro picture
      igor_park · 29 days ago · 2 pontos

      Memórias Póstumas.
      Tu explicou bem o jogo, porém ainda fiquei sem compreender totalmente esse é daqueles que temos que experimentar para entender o funcionamento.

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2020-10-28 16:34:26 -0200 Thumb picture
    Post by raccoon: <p>nada pessoal galera, só achei o gif engraçado me

    Gpreview 743512 3309110367

    nada pessoal galera, só achei o gif engraçado mesmo :)

    Finger Flashing

    Platform: Playstation
    0 Players

    13
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...