Você não está seguindo natnitro.

Siga-a para acompanhar suas atualizações.

Seguir

  • natnitro Renata
    2018-09-27 23:14:22 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>(SEM SPOILERS)</p><p><strong>Mas que %&*@#$%¨¨&* - Alvanista
    Assassin's Creed Odyssey

    Plataforma: Playstation 4
    112 Jogadores
    83 Check-ins

    (SEM SPOILERS)

    Mas que %&*@#$%¨¨&**@$%¨¨&&*@#$%¨& de RPG é esse, hein dona Ubi???!!! 

    No primeiro checkin do Odyssey, o @msvalle e eu comentávamos aqui justamente sobre esse sistema de rpg que colocaram no jogo, que na prática poderia dar em um dos seguintes resultados:

    "O esquema das escolhas ai acaba matando todo o sentido de se ter a época do presente na história porque teoricamente deveria ser o Desmond ou a Layla revendo as vidas de outra pessoa do passado, sem poder mudar nada... E ai se colocam a opção de escolher, a coisa fica incoerente pra caramba, porque é como se o protagonista do presente virasse um deus que pode mudar o passado ou estão colocando isso lá só pra tapear o jogador, já que qualquer coisa que ele escolher não faz diferença mesmo..."

    E hoje, depois de avançar bem no jogo com a Kassandra, resolvi criar um novo save só pra ver como seria a campanha com o Alexios e, foi só começar tudo de novo que na mesma hora veio aquele lindo momento Dercy, onde devo ter lembrado de tudo que era palavrão que aprendi na vida, porque a campanha simplesmente NÃO mudou porcaria nenhuma... 

    São os mesmíssimos diálogos e decisões na prática, e, tudo indica que não faz nenhuma diferença absurda se escolher a Kassandra ou o Alexios no começo do jogo, já que só mudam poucas coisas, como no momento em que interagi com uma npc em uma missão, que se for com a Kassandra, o diálogo será basicamente uma conversa de mulheres sobre namorados, mas se for com o Alexios, ai a dona se empolga mais com ele, mas o conteúdo das duas missões é exatamente a mesma coisa pra ambos... 

    Fora isso, obviamente mudaram só alguns momentos personalíssimos, onde contam a história de cada um dos personagens, já que as memórias da Kassandra são diferentes das que o Alexios tem, apesar da ligação entre eles, o que é um dos spoilers da história, mas, no final, as missões são praticamente a mesma coisa para os dois protagonistas...

    (mesmíssima opção de escolha para o Alexios na imagem anterior)

    E pra piorar, há decisões lá que na prática só servem mais pra reforçar a personalidade dos protagonistas, como na opção de dar uma resposta educada pra parecer que você é bonzinho, ou uma má resposta, só pra parecer badass, já que a continuação da missão é basicamente a mesma coisa, até porque no odyssey não parece ter nada equivalente a afinidades e nem o mesmo peso decisório de um Witcher 2, por exemplo, quando já no comecinho tomamos decisões cruciais como a de matar o La Valette ou poupar a vida dele, o que vai afetar uma série de quests na história e talz... 

    E como não há nada tão ruim o suficiente que não possa piorar, logo no início apareceu uma opção pra escolher um cavalo pra ser nosso parsa de aventuras e nesse momento pensei que poderia ser tipo escolher entre o Carpeado, Epona ou  Agro, MAS, qualquer que seja a opção em que você for, sempre vão te empurrar o Phobos, já que nem a porcaria do nome do cavalo muda, ou seja, a opção tá lá só pra tapear mesmo porque qualquer coisa que escolher não vai fazer taaannnta diferença... >-<

    E considerando que esse é só o começo da aventura, ainda não é o caso de julgar se virou um jogo bom ou ruim, já que esses conceitos são bem subjetivos até porque aquilo que é lixo pra um, pode ser uma pérola pra outro, mas no caso aqui, considerar o Odyssey como um rpg competente, ai é complicado mesmo e já está ficando difícil de manter o ânimo até o final dessa vez... @_@

    27
    • Micro picture
      polarxenon · 6 meses atrás · 2 pontos

      Mas eu não consigo entender... Por um lado ter escolhas e mudar a história no passado é uma má ideia q faz deixar de ser um Assassin's Creed, porém quando as escolhas q vc faz são apenas coisas bobas e no fundo a história não muda em nada tmb é ruim?

      3 respostas
    • Micro picture
      raiden · 6 meses atrás · 2 pontos

      Assassin's TRAP Creed ou será melhor Assassin's Creed Trap Edition...??? Enfim. Que papelão heim dona Bugsoft.... PQP.... Obrigado @natnitro por seus check-ins. Vou deixar esse AC de lado por enquanto até arrumarem isso. Espero! Afffff.....

      1 resposta
    • Micro picture
      _gustavo · 6 meses atrás · 2 pontos

      Eu particularmente achei legal ele mudar mais pra um rpg de vez, mesmo que o bagulho seja quase um placebo shaushausahusah, também me empolgou demais vc ter comentado que o mundo é grandão, pq eu adoro mundo grandão (apesar que normalmente jogos com mundos grandes demais eu não termino nunca ......abraços Geralt kkk), se tiver como ignorar totalmente o lance do presente tb é uma boa, eu adoro as histórias do AC, mas não terminei não do 2 até o 3 porque eu não suportava a porra do Desmond kkkkkkkkk

      3 respostas
  • natnitro Renata
    2018-09-27 00:28:39 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>(SEM SPOILERS)</p><p>Depois de fechar o DS2 nos - Alvanista
    Assassin's Creed Odyssey

    Plataforma: Playstation 4
    112 Jogadores
    83 Check-ins

    (SEM SPOILERS)

    Depois de fechar o DS2 nos 100%, lá estava eu planejando mais uma maratona com o Scholar of the First Sin, mas ontem à tarde chegou esse presentão ai:

    E depois de umas boas horas de download e atualizações, enfim pude conferir o Odyssey e eis ai algumas impressões iniciais bem resumidas após umas quase 4h de jogo (sem spoilers obviamente):

    1º: O Odyssey é basicamente um Origins versão grega:

    Não chega a ser uma novidade que a Ubi basicamente repetiria a mesma formula do Origins, ainda mais agora que a franquia voltou a ser anual e não deu tempo de sair algo totalmente novo ainda, mas pelo menos eles melhoraram um pouquinho o combate, que ficou mais brutal e ágil, com um parry muito melhor do que o anterior, e isso deixou o jogo um "quase hack n slash", o que foi uma mudança muito bem vinda... :-)

    2º: O jogo tem algo em comum com Shadow of Tomb Raider, que não é exatamente uma boa coisa...

    (Leonidas - Rei de Sparta)

    Nos primeiros teasers, o Odyssey passou uma impressão de ter uma ambientação fantástica, gráficos fucking lindos, etc, mas no jogo propriamente dito, logo que terminou a cutscence da intro e apareceu o primeiro combate em que jogamos com o Leonidas e temos a missão de dar uma surra nos persas do exército do Xerxes, a impressão foi a mesmíssima do Shadow of Tomb Raider, em que os desenvolvedores devem ter se preocupado mais só com a ambientação ( e as capivaras bombadas lá do Peru <3), enquanto os personagens parecem ter saído da geração ps3...

    (Marius - Ryse: Son of Rome)

    E se compararmos o design desses personagens com outros jogos de temáticas semelhantes como o Ryse, que é de 2014, a diferença ai fica muito mais acentuada ainda, com o Odyssey perdendo feio em qualidade gráfica...

    3: Queria ser um Witcher 3...

    Logo que disseram que o Odyssey seria um rpg com possibilidade de escolhas que interferiam na história, isso soou estranho demais, considerando que os AC sempre se basearam naquela ideia de um protagonista no presente vivendo as memórias de alguém no passado, o que teoricamente deveria ser uma história pronta e acabada, sem qualquer possibilidade de mudança...

    Só que alguém teve a "brilhante" ideia de incluir essa mecânica do Witcher 3 no Odyssey e o resultado ficou no mínimo bizarro, não só pelo contexto, já que no presente é a Layla quem vive as memórias genéticas dos protagonistas do passado, mas na prática, é como se ela se teleportasse pro passado e pudesse, em tese, até mudar a história...

    Outra coisa que não ficou legal foi não podermos mais trocar o personagem principal depois de feita a escolha, já que logo no início temos que escolher entre o dna do Alexios ou da Kassandra pra vivermos as memórias genéticas de apenas um deles até o final da história... 

    E, nesse ponto ai, já que se a intenção era de ser um rpg, então cairia muito melhor que tivessem deixado no mesmo estilo do Syndicate, onde a qualquer momento podemos mudar do Jacob pra Evie... 

    E outra coisa que incomodou um pouco foi terem levado tão a sério essa parte da escolha dos diálogos que chegou a ficar irritante, já que colocaram isso pra tudo, até na hora de escolher um bendito de um cavalo pra você ir pra próxima missão... >-<

    4: Virou o Skyrim...

    Além de o mapa ser massivo de tão extenso, ainda colocaram trocentas sidemissions pra todos os lados e você não anda uns 50m sem encontrar uma dúzia de pessoas pra conversar e assim as quests vão se acumulando tanto que o jogo vira praticamente o Skyrim, onde a campanha acaba até sumindo no meio de tanta coisa pra fazer ao mesmo tempo... 

    E pra quem pensar em platinar esse jogo, pode ir reservando ai, sem nenhum exagero, umas 500h no mínimo, só pra dar conta de tudo que tem pra fazer... o_O

    5: Não rolou aquele loving feeling... 

    Nunca pensei que isso aconteceria, maaas, nesses 10 anos+ de franquia, essa é primeira vez em que o desânimo de jogar um AC bateu mais forte do que o hype de chegar até o final... 

    E não é por causa daquele papo chato de que o Odyssey traiu o movimento e não é AC raiz, blá blá blá, mas pelo fato de que o jogo não passou aquele algo mais que antes nos deixava na maior vontade de continuar, só pra ver o que aconteceria  com o protagonista ou como a história terminaria, etc... 

    E agora até por ter esse lance das escolhas, parece que a história não tem mais um fio condutor coerente como o de um AC2, onde um alvo te leva a outro e assim você vai montando as peças do quebra cabeças pra chegar no final, e no Odyssey, até parece que qualquer coisa que você fizer ali já serve e ficará por isso mesmo... :-(

    Mas, como até agora foram apenas umas quase 4h de jogo só com a Kassandra, então lá vamos nós, porque ainda tem muito chão pela frente antes de tirar maiores conclusões (precipitadas ou não)... :-)

    32
    • Micro picture
      raiden · 6 meses atrás · 2 pontos

      PQP.... Ubisoft sempre sempre tendo o dom de ter a faca e o queijo na mão pra fazer sucesso e milagrosamente fazer cagadas....

      4 respostas
    • Micro picture
    • Micro picture
      msvalle · 6 meses atrás · 2 pontos

      Sua narrativa está me dando a impressão de um Black Flag na Grécia com as melhorias do Origins... infelizmente.
      Muito obrigado por nos passar suas impressões, @natnitro. Esse aí acabou de ir para a lista "Esperando uma promoção (e das boas)" - onde vários jogos da Ubisoft residem hehe
      Ainda tinha um fiapo de esperança de que apesar da pressa e da falta de compromisso com seu consumidor saísse algo razoável, mas já vi que era esperar demais da Ubisoft.

      3 respostas
  • natnitro Renata
    2018-09-23 05:03:15 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Estava pulando de jogo em jogo, no maior saco ch - Alvanista
    Dark Souls II

    Plataforma: PC
    785 Jogadores
    453 Check-ins

    Estava pulando de jogo em jogo, no maior saco cheio, então dei uma olhada naqueles jogos que ficaram pelas metades e ai encontrei o DSII original e ví que faltava só um tiquinho de conquistas pra 100% e assim acabei retomando a jornada pra Majula depois de uma eternidade... \o/

    (Llewellyn set - eita traje estiloso... :-)

    O melhor é que a Steam fez a gentileza de puxar os últimos saves e então lá fui eu recomeçar tudo de novo, sem lembrar quase nada mais, já que esse foi o Souls que menos joguei, e ai o jogo já entrou naquele clima DS puro com um festival de mortes, e o detalhe é que nenhuma delas foi pra inimigo ou boss, já que morri umas trocentas vezes pra tudo que era buraco que aparecia na frente mesmo... Hauhauhaua

    E foi só começar tudo de novo que o tédio de antes sumiu e a campanha pegou o maior embalo, tanto que já fechei o NG+4, e das +- 13 conquistas que faltavam, agora só faltam duas, que são a da quest da Lucatiel, pra pegar o set completo dela, e a última é a lendária The Dark Soul, dos 100% achievements... \o/

    E como tudo que eu precisava era de uma boa meta pra me prender em um jogo, bastou só começar tudo de novo pra me empolgar outra vez e agora o próximo da fila será o DSII - Scholar of the first sin, que também vai pra lista dos 100% achievements, pra completar a estante de troféus da saga Souls com louvor... \o/

    26
  • natnitro Renata
    2018-09-07 01:10:44 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Depois de uns 1.500 anos no sarcófago, acho que - Alvanista
    Psychonauts

    Plataforma: PC
    926 Jogadores
    36 Check-ins

    Depois de uns 1.500 anos no sarcófago, acho que agora o desafio dos 12 jogos zerados no ano vai emplacar outra vez... \o/

    O pior é que há um tempinho atrás entrei numa fase de cansaço tão grande que no tempo livre que sobrava pra jogar, parecia que a cabeça bugava e nem queria pensar mais, e com isso passei uma boa temporada correndo de jogos demorados ou complexos demais, porque o estoque de paciência estava no zero literalmente... >-<

    E assim fiquei só pulando de jogo em jogo, sem firmar em nenhum por muito tempo e essa fase de saco cheio parecia que ainda ia longe, até que ontem resolvi abrir o Psychonauts, que já estava instalado há um tempão no hd da steam, e comecei só pra ver mesmo como era o jogo e com isso acabei me empolgando de novo, como há tempos não empolgava... \o/\o/\o/\o/\o/

    E o que gostei bastante no jogo é justamente do estilo Crash Bandicoot que o psychonauts tem, que é bem desafiador, mas ao mesmo tempo não cansa tanto de ficar repetindo fases como foi no Hotline Miami, que foi outro da lista que joguei há um tempinho atrás e achei sensacional o estilo "puzzle"  dos mapas, que são bem hardcores pra você achar o melhor jeito de ir limpando as salas cheia de inimigos, mas ai a falta de paciência bateu forte em algumas partes onde empaquei e lá foi o hotline pra escanteio de novo... 

    Pelo menos no Pysichonauts já me animei muito mais, já que é divertido pra caramba, parecendo uma mistura de Rabbids com Crash Bandicoot e agora lá vamos nós rumo aos 100%... \o/\o/\o/ 

    23
    • Micro picture
      gus_sander · 7 meses atrás · 2 pontos

      Esse estilo Crash Bandicoot dele é bem legal mesmo, e que bom que ele te instigou a jogar novamente haha!!
      Sei bem como é essa sensação... Ao menos imagino como seja, estive passando por isso esses dias, bem complicado mesmo.
      Ah, Hotline Miami está pra jogar ainda hehe, curto o estilo de jogo, só falta jogar pra dar meu real parecer sobre.
      No mais, sucesso com os 100% desse ai o/

      6 respostas
    • Micro picture
      zefie · 7 meses atrás · 2 pontos

      Eu tava assim também, você até falou pra eu ir pulando de jogo em jogo e isso acabou dando certo xD parei de me prender ao backlog e passei a iniciar tudo quanto é jogo que eu queria iniciar, até que dei uma empolgada com o Persona 5 e o Wolfenstein II.
      Vamo que vamo, falta poucos meses pra acabar o ano mas a gente ainda consegue bater a meta :)

      5 respostas
  • natnitro Renata
    2018-09-05 00:12:26 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Do nada bateu uma vontade de voltar pra Kyrat e - Alvanista
    Far Cry 4

    Plataforma: PC
    415 Jogadores
    158 Check-ins

    Do nada bateu uma vontade de voltar pra Kyrat e enquanto fazia umas arruaças lá, fiquei pensando em alguns dos piores bosses que já encarei até agora... O_O

    5: Midir - The Darkeater (Dark Souls III)

    Quem jogou a dlc The Ringed City deve se lembrar bem que o pesadelo que é o Midir, que juntou tudo de pior que os outros chefes tinham e colocou tudo nessa peste ai, que tem uma barra de vida quilométrica e te mata com hit-kill... o_O

    4: Ornstein e Smough - Dark Souls I

    A primeira vez no DS1 já é um pesadelo e ai quando você chega na sua primeiríssima luta com o Timão e Pumba, vulgo Ornstein e Smough, é ai que acaba descobrindo que não viu nada ainda e que o buraco do inferno é bemmm mais embaixo... o_O

    3: Gwyn - Lord of the Cinder (Dark Souls I)

    Depois de sobreviver ao Timão e Pumba, ai você descobre que só entrou na tampa e que tem um longo caminho pela frente, pela fornalha do inferno, até chegar no Gwyn que é o lord capirotesco em pessoa... o_O

    2: Kalameet (Dark Souls I)

    Se tenho um carrasco em todos os DS, com certeza é esse desgranhento do Kalameet, que mesmo depois de umas 300h de jogo, parece que é sempre a primeira vez, porque basta pisar na área que é hit-kill só com o bafo dele... o_O

    1: Qualquer Honey Badger do FC4... >-<

    Se juntar todas as mortes aqui em tudo que é Dark Souls, Devil may Cry, Castlevanias e cia, não passa nem perto desses honey badgers de Kyrat, que nem C4, granada, bazuca ou míssil consegue matar esses gambás do capeta... O_O

    E o rage é tanto que já estou até achando eles fofinhos... <3 huahauhauahua

    28
    • Micro picture
      hard_frolics · 7 meses atrás · 2 pontos

      Eu achei o Ornstein & Smough mais difíceis que o Kalameeth, e beeeem mais difíceis que o Gwyn, alias colocaria o Artorias na frente dos dois últimos xD

      Massa ver como muda de uma pessoa pra outra!

      1 resposta
    • Micro picture
      raiden · 7 meses atrás · 2 pontos

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK.... Midir é o capeta mesmo!! Meu próximo desafio é matar ele só no soco!! XD

      2 respostas
    • Micro picture
      kleber7777 · 7 meses atrás · 2 pontos

      Sinceramente, eu não me lembro de tanta dificuldade com esse bicho.
      Pensando em bichos que deram trabalho, eu só me lembro de uma espécie de tigre em Red Dead Redemption. O safado dava até jump scare de tão sorrateiro. hahaha

      1 resposta
  • natnitro Renata
    2018-08-20 21:04:18 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Nem lembrava mais que tinha esse jogo instalado - Alvanista
    Ryse: Son of Rome

    Plataforma: PC
    255 Jogadores
    75 Check-ins

    Nem lembrava mais que tinha esse jogo instalado no HD da steam no pc há um tempão e comecei a jogar só pra ir entrando no clima pro AC Odyssey em outubro e no final acabei empolgando de novo e a campanha tá indo no maior embalo... \o/

    Acho que esse foi o primeiro jogo que joguei no Xone, que veio com ele no lançamento do console e naquela época já achei os gráficos bem impressionantes e agora no pc, com tudo no talo, o jogo tá realmente incrível até hoje, mesmo já tendo ai uns 4 anos... 

    Já o ponto mais fraco do jogo que já incomodou um pouquinho no lançamento e continua não tão legal até hoje é o combate meio travado, que poderia ter ficado perfeito se tirassem os qtes e deixassem os combos mais fluídos, numa pegada meio DmC 3, que ai sim o gore ficaria hardcore... xD

    E como o feeling é de que a Ubi vai se esbaldar nessa mesma fonte do Ryse pro Odyssey, misturando com as mecânicas do Origin, tomara que dessa vez façam um combate bem mais eficiente e tragam uma história coerente, para que o jogo não vire só mais um Son of Sparta requentado, com  AC só no nome... >-<

    30
    • Micro picture
      mattfenrir · 7 meses atrás · 2 pontos

      Esse jogo foi um dos primeiros do One, né? Pensei que tivesse mais do que 4 anos.

      3 respostas
    • Micro picture
      wilford_fernandes · 7 meses atrás · 2 pontos

      eu curti esse jogo ;p

      1 resposta
    • Micro picture
      raiden · 7 meses atrás · 2 pontos

      Infelizmente é um jogo apenas bonito mas com batalhas extremamente travadas mesmo e repetitivas..... Claramente pressionaram os caras pra lançar logo o jogo devido a chegada do console e deu nisso. Mas realmente também achava que tinha potencial.

      1 resposta
  • natnitro Renata
    2018-07-31 21:01:33 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Acabei de fechar o DmC4 de novo, depois de um te - Alvanista
    Castlevania: Lords of Shadow 2

    Plataforma: PC
    512 Jogadores
    83 Check-ins

    Acabei de fechar o DmC4 de novo, depois de um tempão, e pra não perder a vibe da pancadaria, é hora de matar saudades do Gabriel no LoS2, depois de uma eternidade... ♥♥♥

    O LoS2 pode ter lá suas falhas graves como o stealth que ficou totalmente sem sentido no jogo, ou a linearidade excessiva, já que praticamente não existem sidemissions além da arena do Kleidos' Challenges, mas, na única coisa que ainda poderia salvar o jogo da perda total, ele foi competente com louvor que é na jogabilidade, com a mais pura ação, no mesmo nível de um DmC3... 

    E apesar da história meio fraquinha e com seus clichês, o plot é sensacional como poucos jogos até hoje, tanto que o LoS2 aqui tá no topo dos favoritos de todos os tempos, lado a lado com AC Brotherhood e PoP Sands of Time... :-)

    34
    • Micro picture
      gus_sander · 8 meses atrás · 3 pontos

      Agora tô ansioso pra jogar só porque comparou com o DmC3... Hehehe
      Parece realmente ser legal... Pretendo jogá-lo quando me aprofundar um pouco mais na franquia!

      2 respostas
    • Micro picture
      _gustavo · 8 meses atrás · 2 pontos

      Eu comprei ele e até hoje não joguei pq eu não terminei o primeiro LoS kkkk, apesar dos fãs mais fervorosos de Castlevania não terem curtido tanto os dois LoS, eu achei bacana de jogar kkkk

      1 resposta
    • Micro picture
      raiden · 8 meses atrás · 2 pontos

      TRAILER DESSE JOGO!!!!! XD

      O jogo..... =/

      1 resposta
  • natnitro Renata
    2018-07-22 02:27:51 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Que saudades de uma pancadaria das boas!!! \o/</ - Alvanista
    Devil May Cry 4

    Plataforma: PC
    3062 Jogadores
    82 Check-ins

    Que saudades de uma pancadaria das boas!!! \o/

    Estava pra começar o Dragon Age Inquisition, mas ai bateu aquele saco cheio de rpg, ainda mais que fiquei só no DS1 e outros souls -like nos meses passados e ai veio aquela crise de abstinência de ação e de esmagar uns botões, só pra ver que combo vai sair, e, nessa hora, só consegui pensar no diabinho lindo do Dante... <3

    Apesar de o DmC3 levar a melhor em muitas partes, incluindo a jogabilidade que é mais hardcore pra por a prova os reflexos de qualquer jogador pra agir e reagir no segundo exato, se tem uma coisa que o DmC4 ganha de lavada é no hue, como na luta do Dante com o Berial, que é impagável... xD

    Tomara que o DmC5 continue a partir desse estilo do 4 e traga de volta o Dante platinado, ainda mais canastrão do que nunca, e venha também cheio de possibilidades pra exploração, porque se tem uma coisa que os DmCs sempre pecaram foi nessa parte de terem um level design bem feito, mas com pouca coisa pra fazer ali, além da missão principal e das secretas... :-)

    31
    • Micro picture
      kevinryman · 8 meses atrás · 2 pontos

      Se a fan-base chata pra krl te visse falando do DMC3, como DmC3... :v -_-

      Ps: pensei que a primeira opção quando quisesse um smash button seria com o Gabriel. -q

      1 resposta
    • Micro picture
      raiden · 8 meses atrás · 2 pontos

      Jogaço!!! Mas não deixe de começar o Dragon Age Inquisition!!!

      2 respostas
    • Micro picture
      jclove · 8 meses atrás · 2 pontos

      O segundo Melhor DMC pra mim, só perde pro 3 mesmo. O Dante maduro é meu favorito na série, muito zoeiro sem perder a seriedade qdo o bicho pega. Todas as cutscenes dos bosses dele são awesome demais.hehe

      2 respostas
  • natnitro Renata
    2018-07-13 23:30:56 -0300 Thumb picture

    GTA V por R$19,90!!! \o/

    Quem ainda não tiver o GTA V versão pc e não se importar com jogos de drm não-steam, corre lá na Nuuvem, que o jogo basicão está por R$19,90!!! \o/

    O detalhe é que o jogo não é ativado na steam e sim no Rockstar Socialclub, da mesma forma que os os outros GTAs de midia física de antigamente... :-)

    Grand Theft Auto V

    Plataforma: PC
    1738 Jogadores
    321 Check-ins

    31
    • Micro picture
      le · 9 meses atrás · 2 pontos

      Acho que até a versão da Steam tem que ter cadastro no Social Club, não?

      3 respostas
    • Micro picture
      willguigo · 9 meses atrás · 2 pontos

      Baratíssimo.

      1 resposta
    • Micro picture
      willguigo · 9 meses atrás · 2 pontos

      Será que se eu pegar comsigo aproveitar os arquivos da Versão Jack'Sparrow que tenho aqui?
      Esse preço aliado a minha internet de 1 master para baixar denovo ums 45 GB é uma tentação para me regularizar com a Rockstar.

      2 respostas
  • natnitro Renata
    2018-07-08 23:17:15 -0300 Thumb picture
    natnitro fez um check-in em:
    <p>Depois de fechar definitivamente o DS Remastered - Alvanista
    Prince of Persia 3D

    Plataforma: PC
    65 Jogadores
    2 Check-ins

    Depois de fechar definitivamente o DS Remastered bateu um tédio daqueles e até tentei me empolgar um pouco assinando o Origin Access pra variar o cardápio, mas acabou que fiquei só pulando de jogo em jogo, sem levar nada adiante e ontem, do nada, lembrei do PoP 3D, que tinha ai uns 5 anos no mínimo que não jogava e lá fui eu revirar o baú do Tutancâmon pra encontrar os cds e instalar tudo de novo, fazendo umas mutretas básicas pra rodar em modo de compatibilidade e ai foi só alegria em ver essa intro de novo depois de um tempão...

    E depois da alegria, veio aquele rage dos infernos de lembrar da merda que é jogar isso no dualshock, porque o Prince que já é zoado no teclado/mouse, no controle então nem se fala, já que ele fica mais travado do que um siri fazendo a dança do quadrado... xD

    E superada essa primeira etapa só pra conseguir andar pra frente, veio a segunda parte, que era acostumar em lutar com quatro botões ao mesmo tempo, já que um é pra atacar pela direita, ou outro pela esquerda e o terceiro pelo centro e ainda tem o block, que tá lá de enfeite mesmo, já que não pega nunca... xD

    Depois da fase de readaptação, ai virou festa porque o jogo continua sensacional até hoje, principalmente pelo conjunto da obra -prima que os jogos de antigamente eram, começando pelo protagonista canastrão, história clichê, jogabilidade de siri manco, juntando isso com gráficos de Doom I e ai até fiquei me perguntando como é que conseguíamos zerar tantas e tantas vezes essas relíquias faraônicas como esse PoP, que é de 1998, assim como o FFVIII, o Tomb Raider III, que todo mundo zoava na época dizendo que era III porque você só jogava com 3 botões que eram correr, saltar e atirar... Mas, apesar de tudo isso, como é divertido recordar essas antiguidades, que nunca seriam a mesma coisa sem todos esses perrengues ai...  Huahuahuahua

    22
    • Micro picture
      fredson · 9 meses atrás · 4 pontos

      Ah, só pra constar, o TR III não era só correr, saltar e atirar, hehehe. Tinha botão pra desembainhar/guardar as armas, pra rolar, pra agachar, pra pendurar (tinha que segurar quadrado pra ela agarrar nas beiradas), além do que você falou no post (sprint, pulos, e tiros). TR III na minha opinião é o melhor da geração PS1.

      4 respostas
Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...