You aren't following natnitro.

Follow her to keep track of her gaming activities.

Follow

  • natnitro Renata
    2021-03-12 23:39:16 -0300 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>#Checkin atrasado e a&nbsp;Castlevania Anniversa
    Konami 50th Anniversary Collection: Castlevania Anniversary Collection

    Platform: PC
    3 Players
    6 Check-ins

    #Checkin atrasado e a Castlevania Anniversary Collection fechada nos 100% -- Missão cumprida! \o/

    Faltavam só dois jogos pra completar todas as conquistas da Anniversary Colletion e ai resolvi ir no rush mesmo pra completar tudo numa jogatina só e os 100% finalmente sairam, mas o checkin acabou ficando pra depois e depois e depois... xD

    #13° finalizado no ano: Kid Drácula

    Esse é um dos que lembro de jogar bastante no gameboy enquanto pegávamos a estrada nesses feriados prolongados de carnaval e semana santa, e ai eu estava com aquela imagem e as músicas do joguinho de GB na cabeça quando fui jogar o da Steam pela primeira vez e ai a reação foi bem aquela cara de "Wtf?! Que jogo lindo esse..." 

    E pra quem jogou só o de GB, foi uma surpresa mesmo ver como a versão portada do Nes é muito mais bonita e super kawaii também, e pelo conjunto ai, o Kid Dracula já virou logo o meu jogo favorito da Anniversary Collection... ♥♥♥

    E uma das lendas urbanas mais famosas de Castlevania é a de que o Kid Dracula poderia ser ninguém menos do que o Alucard quando era pequeno... Talvez seja só lenda mesmo, mas já é divertido só de imaginar ele sendo o kid Dracula e aprontando todas no castelo, quando ele ainda não tinha se rebelado e mudado o nome para Alucard que é exatamente Dracula ao contrário... :-)

    #14° finalizado no ano: Super Castlevania IV

    E se console antigo marcasse as horas acumuladas como os atuais, não me assustaria se esse fosse um dos Castlevanias que mais joguei até hoje, já que dos jogos da geração Snes, ele só deve ter perdido em contagem de tempo mesmo pro Street Fighter II, que é em dupla e até hoje sempre tem uns campeonatos amistosos ou nem tanto, rolando aqui de vez em quando... Dessa vez não bati meu melhor tempo de speedrun nele, mas pelo menos não apanhei muito, o que foi um baita recorde também... xD

    E com o 14° jogo finalizado e tirado da conta do backlog aqui, agora é chutar a bunda da preguiça e ir logo para os Devil May Cry 2 e 3 pra tirar mais esses da lista também... \o/

    27
    • Micro picture
      leandro · about 1 month ago · 3 pontos

      Ouso dizer que Super Castlevania IV é melhor que Symphony of The Night. Sai correndo

      3 replies
    • Micro picture
      msvalle · about 1 month ago · 3 pontos

      Parabéns pelo 100% na coleção!

      1 reply
    • Micro picture
      _gustavo · about 1 month ago · 2 pontos

      Tá on fire com os Castlevania, parabéns pela zerada ^^

      1 reply
  • natnitro Renata
    2021-03-05 00:54:15 -0300 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>#12° jogo finalizado no ano:&nbsp;<a href="https
    Konami 50th Anniversary Collection: Castlevania Anniversary Collection

    Platform: PC
    3 Players
    6 Check-ins

    #12° jogo finalizado no ano: Castlevania Bloodlines \o/

    O Bloodlines é um dos oldschool que eu não jogava há muito tempo mesmo e nem lembrava direito de como esse jogo consegue ser difícil assim, cacilds... o_O

    Fui de Aquaman, ops, Eric Lecarde só pra pegar a conquista de fechar uma campanha com ele e ai que virou um Dark Castlevania Souls, já que eu só apanhava e morria, principalmente no mapa aquático da Grécia, no estágio 2, onde empaquei por causa da água subindo rápido e aquele monte de inimigos pra matar e ai foi preciso ir na tentativa e erro até conseguir pegar os timings certos pra finalmente fazer a água abaixar pra sair de lá e ir pra outra região... 

    Depois de passar pela água, achei que não tinha coisa pior que isso no jogo até que cheguei lá na bossfight da Death e aquele tarô do inferno dela e ai foi aquele rage que nenhum souls-like consegue fazer igual até que finalmente derrotei a Death, só pra depois chegar na condessa e ver que até o Dracula trevoso e suas trocentas mutações no final foi refresco perto dela...  o_O

    E não só pelas bossfights ai, mas no conjunto, esse deve ser o Castlevania mais hard que já saiu até hoje, e não é daqueles níveis de dificuldade artificias de jogos de fliperama que são sacanas só pra forçar quem quisesse zerar a ter que comprar mais fichas, mas é do tipo que desafia mesmo o jogador até ele masterizar as habilidades e o timing certo até na hora de explorar o mapa, senão acabamos empacando feio mesmo... 

    Já o melhor da jornada com certeza foi ir pegando todas as inspirações desse jogo para os próximos da franquia, como o mapa e até o castelo invertido do SotN, os inimigos e bosses do Rondo of Blood, Curse of Darkness, etc, que o Koji Igarashi usou como base para criar a era de ouro dos metroidvanias logo depois...

    E com o Bloodlines como o 12° jogo na conta do desafio anual, agora só faltam o Kid Dracula e o Super Castlevania IV pra pegar todas as conquistas da Anniversary Collection nos 100%  \o/

    27
    • Micro picture
      msvalle · about 1 month ago · 2 pontos

      Parabéns, @natnitro! Está uma autêntica Van Helsing na caça aos vampiros hehe

      1 reply
    • Micro picture
      lendariorandom · about 1 month ago · 2 pontos

      Tô jogando esse aí. Bem difícil de se acostumar mas é bom. Os gráficos e o trabalho artístico até agora só tem me impressionado! Boaaaaa

      2 replies
  • natnitro Renata
    2021-03-03 21:51:01 -0300 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>#11° jogo finalizado no ano: <a href="https://st
    Konami 50th Anniversary Collection: Castlevania Anniversary Collection

    Platform: PC
    3 Players
    6 Check-ins

    #11° jogo finalizado no ano: Castlevania III - Dracula's Curse \o/

    Acabamos ganhando mais umas semanas de férias não planejadas com a prorrogação do lockdown em "onda roxa" aqui em MG e agora é aproveitar o tempo livre pra limpar o máximo de backlog... \o/

    E ontem foi a vez de tirar da lista de pendências o Dracula's Curse, que é justamente o jogo que inspirou a série Castlevania da Netflix, que traz o Trevor Belmont, a Sypha, o Grant DaNasty e a primeira versão do Alucard, que é tão bisonha que não lembra em nada o Adrian Fahrenheit Tepes, que se tornou o protagonista mais amado da franquia até hoje... ♥♥♥

    E uma das coisas mais legais do Drácula's Curse é poder justamente trocar de personagens na campanha, jogando com o protagonista principal que é o Trevor e ainda poder mudar para a Sypha, o Alucard e o Grant, cada qual com sua jogabilidade própria, o que era uma novidade e tanto para a época que o jogo saiu...

    Já a trilha sonora dele dispensa qualquer comentário, já que é uma das melhores da franquia inteira, tanto que as músicas do Dracula's Curse são presença obrigatória em qualquer evento como o Video Games Live, o Castlevania - The Concert, etc...

    E com a run completa do Trevor Belmont concluída, lá vamos nós de novo que ainda tem muito chão pela frente no castelo  para pegar as conquistas da Sypha, Alucard e Grant... :-)

    29
    • Micro picture
      raiden · about 1 month ago · 3 pontos

      Essa franquia é uma pérola. Pena estar esquecida e abandonada...

      1 reply
    • Micro picture
      lordsearj · about 1 month ago · 2 pontos

      Um dos meus jogos preferidos. Zerei no Nintendinho ainda e com revista 😀.
      Ano passado zerei a versão japonesa (Akumajou Densetsu) e pelo caminho no Alucard ainda, o que nunca tinha conseguido. A diferença no som com relação a versão americana é impressionante.
      Por falar e.m Alucard, tem uma hack com que troca os sprites dele nesse jogo pelo visual do SoTN. Muito legal.
      Parabéns.

      1 reply
    • Micro picture
      santz · about 1 month ago · 2 pontos

      Onda roxa de lockdown? Essa eu nunca ouvi falar. Daqui a pouco os caras vão ter inventar cor para liberar tais pontos e fechar outros.

      2 replies
  • natnitro Renata
    2021-02-28 04:20:55 -0300 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>(Sem Spoilers)</p><p>#10° jogo finalizado e 2° c
    Middle-earth: Shadow of War

    Platform: PC
    106 Players
    32 Check-ins

    (Sem Spoilers)

    #10° jogo finalizado e 2° com 100% de conquistas no ano! \o/

    As férias extras do lockdown aqui no triângulo mineiro já renderam pelo menos umas 67h de rage, tensão, canseira, tédio e adrenalina, quase nessa ordem mesmo, pra fechar o Shadow of War, que era uma das prioridades da lista do @desafioanual e finalmente missão cumprida!!! \o/

    E logo de cara o que mais empolgou no War foram o parkour e as escaladas, que são de dar inveja a qualquer AC e PoP já lançados até hoje e ainda melhoraram muito o combate, que ficou bem mais responsivo com os combos do Talion/Celebrimbor muito mais eficientes pra limpar uma área inteira em segundos, ao contrário do Mordor, que se juntar muitos inimigos em volta, ai já pode chamar a turma do coffin dance porque é morte certa mesmo... E no War também tem o bom e velho nemesis system ai, punindo melhor do que nunca pra deixar os inimigos ainda mais fortes todas as vezes que voltamos do túmulo, e ele agora afeta não só os inimigos, como os aliados também...

    E outra novidade que parecia uma boa ideia na teoria, mas que na prática não ficou tão boa assim, foi o gerenciamento de fortalezas no mapa, já que agora podemos formar nosso próprio exército pra conquistar territórios e pacificar regiões que deixarão de ser hostis, o que facilita e muito a vida... E o modo online é basicamente isso também, mas parece que ainda faltou um pouquinho mais de estratégia ai, no estilo Age of Empires, pra ficar excelente de vez...

    E nem precisa falar também das figuras exóticas que aparecem no nosso exército, tanto que até perdi a conta de quantas vezes que engasguei ou quase estraguei os teclados e monitores aqui com água, mingau e cia, de tanto rir de cada coisa mais estilosa do que a outra que me aparecia... xD

    (O Babão, o Estragado, o Fedorento... Faltou só o seu Creysson, a múmia e o boi pra fechar o Tabajara Mordor Clube aqui... xD) 

    E como nem tudo são só maravilhas no War, as pisadas na bola foram bem feias mesmo e começam pela trama, que já é meio difícil de inovar e expandir muito um universo que todo mundo já sabe como tudo termina, mas dessa vez a motivação dos personagens ficou tão nonsense que nem compensa prestar muita atenção nos detalhes e o melhor mesmo é passar por cima disso e focar nas missões que são puro AC-like e estão bem mais legais do que no Mordor...

    Só que no War também copiaram o pior dos ACs, que é quando chega naquele ponto que o tédio e a repetitividade começam a bater forte, mas muito forte mesmo, como no capítulo das Shadow Wars, o que é outra bola fora do jogo, porque é uma canseira só do início ao fim e, o pior ai é que essa parte é obrigatória pra chegarmos ao true ending, mais ou menos como no Knightfall Protocol do Batman Arkham Knight... 

    E sem spoilers obviamente, mas pra quem aguentou o tédio até o final, o jogo reservou uma boa surpresa, já que esse true ending deu uma excelente reviravolta na trama, o que foi uma baita injeção de adrenalina pra dar aquela empolgação pra saber logo como tudo terminava, e só é uma pena que o climax ficou um pouquinho pior do que o esperado, mas ainda assim conseguiu encerrar o arco do Talion e deixar no ar algumas pistas de uma nova sequência... 

    E pra completar o final ai, a dlc The Blade of Galadriel até que trouxe umas partes bem legais, já que a Eltariel é uma elfa assassina que lembra muito a Evie Frye do AC Syndicate e ela também tem ligação com o true ending do Talion, e o arco dela deixa uma grande expectativa do que vai acontecer no final, só foi uma pena que os roteiristas perderam ai uma oportunidade perfeita de darem um desfecho ainda mais épico para a trama e ficou foi aquele gostinho ruim de desapontamento por uma coisa que poderia ter sido muito melhor... 

    E falando em frustração, se não fosse pra pegar 100% das conquistas, nem teria passado perto da dlc "Desolation of Mordor" já que essa sim forçou e muito a amizade e a paciência, não trazendo lá muita novidade e ainda conseguiram zoar geral com a jogabilidade do Baranor, que é um dos aliados da história principal e que foi muito mal trabalhado na dlc dele, que ainda vem com o brinde de ele ser humano e ter uma vida só, e, se ele morrer, a campanha acaba ai e só resta começar tudo de novo... 

    Já pra mim, a melhor parte do jogo com certeza foi ver o Annatar em ação, ainda mais lindo do que nunca, não só em memórias do passado, mas pessoalmente também, ao contrário do Shadow of Mordor, onde ele nem deu o ar da graça... ♥♥♥

    E quem é fã do Tolkien sabe bem que essa carinha linda ai do Annatar, o Lorde dos presentes, é de ninguém menos do que do Sauron em sua forma humana-élfica, e dessa vez enfim ele aparece bastante na trama, mostrando como conseguiu encantar a todos com sua beleza e carisma, conquistando a confiança facilmente desde o Celebrimbor até a Galadriel, que nem perceberam as reais intenções dele até já ser tarde demais e o estrago já estar feito... E tirando algumas viajadas na maionese no final, esse arco ai do Annatar ficou tão sensacional que realmente merecia um jogo só pra ele da próxima vez... 

    E agora é mandar o Shadow of War pra conta do desafio anual e descobrir qual vai ser o próximo da lista da vergonha, porque as férias do lockdown por aqui ainda vão durar um pouquinho... :-)

    26
    • Micro picture
      raiden · about 2 months ago · 2 pontos

      Annatar ensinando satanás como usar a beleza à seu favor. Kkkkkkkk.... Esse jogo é muito bom mesmo.

      1 reply
    • Micro picture
      _gustavo · about 2 months ago · 2 pontos

      Eita mas que a mulher é o flash shuahsausahuahsasa, parabéns pela zerada e principalmente pelo 100% ^^, Esse lockdown ta pegado por aqui tbm, pra mim não deu tanta diferença já que sempre trabalhei em casa mesmo, só não to fazendo atendimento externo...mas nesse ponto... eu até agradeço pelo lockdown pq as vezez eu ia em cada casa......shaushusahauhasa.

      1 reply
  • natnitro Renata
    2021-02-19 01:36:52 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>Checkin triplo hoje! \o/</p><p>Jogos&nbsp;<a hre
    Konami 50th Anniversary Collection: Castlevania Anniversary Collection

    Platform: PC
    3 Players
    6 Check-ins

    Checkin triplo hoje! \o/

    Jogos 8 e 9 da lista do desafio anual completados com sucesso!

    #8 - Castlevania II - Simon's Quest devidamente fechado em 13/02;

    #9 - Castlevania The Adventure concluído com sucesso em 15/02;

    E a coincidência ai é que fui terminar o The Adventure justo no carnaval, o que foi quase um deja-vu de infância, porque sempre lembro de estar jogando esse jogo na estrada, justamente nesses feriados prolongados de carnaval e semana santa, indo pra algum lugar aleatório de pescaria com os velhos e nessas horas um portátil era sempre a salvação pra passar o tempo nas viagens... 

    E além dos suprimentos essenciais, ainda tinha que fazer aquele estoque básico de pilhas em cada parada pelo caminho, seja nos postos de gasolina, vendinhas rurais ou até naqueles butecos de reputação duvidosa, só pra garantir que não ia faltar energia pro gameboy, ainda mais quando batia aquele tédio forte lá no meio dos acampamentos de pescaria, onde era difícil até saber o que era mais chato, se era o calorzão do inferno, os mosquitos borrachudos ou os tiozões pinguços com aquelas histórias de pescador pra deixar até os tiozinhos do pavê com inveja... E como nada era ruim o bastante que não pudesse piorar, depois era a hora de voltar pra casa com um bônus extra que era aquele cheiro de peixe que durava até uma semana depois... >-<

    #10 - Shadows of War

    Esse sim é uma das pendências que eu queria tirar da lista há tempos, mas sempre ficava enrolando, seja pela desculpa do preço alto, excesso de trabalho no ano passado, etc, mas agora finalmente chegou a hora de rever o Talion e quem sabe até fechar 100% das conquistas, torcendo pra que o jogo seja pelo menos parecido com o Shadows of Mordor, que passei quase umas 100h fácil nele e a maior parte desse tempo ai era justamente marcando geral os uruks só pra criar treta e ver eles se matarem sozinhos e além de ser divertido pra caramba assistir ao MMA deles, isso sempre economizava um trabalhão... xD

    Hora de mandar o 8° e 9° jogo pra lista do desafio anual e partiu Terra-Média... \o/

    27
  • natnitro Renata
    2021-02-13 23:07:33 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>-- 7° jogo finalizado no ano: Castlevania II - S
    Konami 50th Anniversary Collection: Castlevania Anniversary Collection

    Platform: PC
    3 Players
    6 Check-ins

    -- 7° jogo finalizado no ano: Castlevania II - Simon's Quest     \o/\o/\o/

    "What a horrible night to have a curse..."  ♥♥♥

    Depois de enrolar um tempão no Portia, agora é hora de retomar as pendências do backlog, começando pelo topo da lista da vergonha que  são os Castlevania da Aniversary Collection... 

    Com uma ajudinha extra de um guia, enfim consegui fazer a run completa do Simon's Quest pra ver o final "bom" do jogo e até me surpreendi com a quantidade enorme de upgrades que ficam escondidos no mapa e eu nem sabia que existiam até hoje...  

    E esse jogo consegue ser uma pedreira das mais desgranhentas, mas só essa Bloody Tears da ost dele já vale por todo o sofrimento, porque é uma das melhores da franquia inteira junto com a versão metal do SotN... ♥♥♥

    E se tem uma coisa sensacional nesses jogos oldschool é que não ficam puxando o jogador pela mão e nem existe a palavra "tutorial" no dicionário deles e tudo funciona na base do "se vira ai mané", o que faz uma falta danada nos jogos atuais, onde mesmo se já tivermos ai 1K de horas jogadas e começarmos um save novo pela trocentésima vez, lá vem aquela porqueira de tutorial que nos empurram goela abaixo, sem nem ter um maldito botão de skip pra pular aquela merda... o_O

    34
    • Micro picture
      vinicios_santana · 2 months ago · 2 pontos

      Esse está na minha lista da vergonha tbm, além do castlevania de megadrive

      2 replies
    • Micro picture
      lordsearj · 2 months ago · 2 pontos

      Minhas duas pendências também @vinicius_santana. Dos clássicos, são os que faltam zerar. O Rondo oc Bolos zerei 2x. A primeira vez em uma com de PC ( não o Engine, do Windows mesmo) e a de PSP. Essa de NES e a do MD são pauleira. Putz.
      Parabéns @natnitro

      1 reply
    • Micro picture
      salvianosilva · 2 months ago · 2 pontos

      Tenho uma meta de vida que é zerar todos esses Castlevania antigos, um dia chego la kk

      1 reply
  • natnitro Renata
    2021-02-11 23:15:25 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>126h depois no My <del>boring</del> Time at Port
    My time at Portia

    Platform: PC
    40 Players
    39 Check-ins

    126h depois no My boring Time at Portia...

    Depois que passei das 85h, foi batendo aquela canseira braba mas continuei na teima mesmo pra não dropar de novo, já tão perto do final, e ai vieram 90h, 100h, 110h e nada do jogo acabar... E quando já estava bem no restinho da reserva do meu tanque de paciência, ai nas 125h, eis que o jogo deu uma reviravolta sensacional e virou pura ação e que felicidade foi ver pipocar aquela conquista de boss final derrotado e finalmente missão cumprida... \o/\o/\o/

    E o que me impressionou foi ver que só uns 11% dos jogadores do Portia na Steam conseguiram essa conquista, e o pior é que motivo pra isso não falta, porque o ritmo lento demais da campanha não ajuda mesmo e o início até que é legal, já que tudo e todos ainda são novidade, mas depois de já termos melhorado um pouco mais a casa, upado as ferramentas da oficina, ter casado e de já ter feito amizade com a cidade inteira, ai o jogo entra num endless mode bem cansativo mesmo...  

    E isso só vai ficando cada vez pior, já que as missões principais nunca aparecem uma na sequência da outra e podem levar ai vários dias ou até uma semana inteira (no tempo do jogo) pra ter uma continuação, fora o detalhe de que 90% das missões é ter que falar com um monte de gente pra conseguir uma informação, depois ir no centro de pesquisa da cidade pra pegar um blueprint antes de construir alguma coisa, dai a cientista pede alguma tranqueira em troca e lá vamos nós para os cafundós de alguma dungeon pegar o que ela pediu, só pra voltar lá pra entregar e ela então dizer que vai mandar o projeto pelo correio, só no dia seguinte... Isso quando não é na semana seguinte...

    Já a interação social com os moradores de Portia é a melhor parte do jogo, porque completa exatamente os pontos fracos que mais reclamei do Stardew Valley, onde tudo funciona na base do "whatever", e o melhor ai é que as pessoas da cidade são muito mais interativas, tem personalidades únicas e comentam desde o progresso que a cidade fez com tal obra que construímos, até sobre o nosso novo corte de cabelo logo depois de sairmos do barbeiro... 

    E isso vale até para os spouses, que são bem mais interativos também, já que eles tem uma rotina própria, cuidam dos seus pets, convivem com os familiares deles e ainda podem até ajudar nas tarefas da oficina, ao contrário daquelas almas penadas que depois de casar só ficam assombrando nossa casa o dia todo no Stardew Valley... xD

    E pra quem for embarcar pro Portia em breve, a dica ai é pra arrumarem um estoque extra de paciência porque esse jogo consegue ser lento, mas, ainda assim, essa aventura vale a pena porque, tirando a lerdeza da campanha, o conjunto da obra compensa muitíssimo mesmo... xD

    Com o 6° jogo finalizado do ano, hora de mandar o Portia pra conta do desafio anual... :-)

      

    26
    • Micro picture
      jcelove · 2 months ago · 2 pontos

      126h em Harvest moon like...vc é guerrera mermo Nat! Parabains.hehe

      3 replies
    • Micro picture
      rax · 2 months ago · 2 pontos

      125 horas em jogos tipo Harvest Moon,nossa.

      Parabéns pela zerada! o/

      Queria ter paciência assim para ficar muito tempo em um só jogo (ultimamente ta complicado deu ficar muito tempo num jogo só :/.)

      3 replies
    • Micro picture
      _gustavo · 2 months ago · 2 pontos

      A coragem da mulher, parabéns ^^, eu já fui de encarar 100+ hrs nos Harvest Moon like, se bem que o Portia em 2 jogadas ta quase nas 60hrs kkkk. Stardew come bem mais vida pela quantidade de coisas pra fazer

      1 reply
  • natnitro Renata
    2021-02-06 01:29:17 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>Enquanto isso no Portia...</p><p>Eu: -- 80h de j
    My time at Portia

    Platform: PC
    40 Players
    39 Check-ins

    Enquanto isso no Portia...

    Eu: -- 80h de jogo... Acho que hoje termino essa budega...

    O jogo: -- Sabe de nada, inocente... 

    Uma coisa que não curti muito no Portia e que me fez dropar ele antes foi justamente esse ritmo bem lento, naquele esquema de termos que ir falar com monte de gente primeiro pra conseguir os blueprints do projeto, depois descer lá nos cafundós das dungeons pra coletar alguma relíquia que alguém pediu, além das matérias primas que só dropam aos pingos, e lá vamos nós fazer as ferramentas e o maquinário, só pra depois conseguir finalmente craftar a encomenda pra entregar, o que faz cada tarefa ai comer uma semana inteira no jogo... E esse lenga-lenga ai vale tanto pra uma ponte encomendada pelo prefeito, quanto para o balde que a vizinha pediu... o_O

    E pra piorar a lentidão ai, eu ainda deixei a campanha de lado e peguei pesado na parte do crafting de produtos pra vender no comércio local e fiquei só atendendo as encomendas aleatórias pra juntar dinheiro pra upar tudo ao máximo e essa estratégia ai funcionou muitíssimo bem, já que consegui melhorar não só a casa/oficina, como também fui acumulando pontos de amizade com a galera local, tanto que no dia do casamento com o Gust, quase a cidade inteira apareceu lá na igreja...

    Ai virou aquela diversão na hora de tirar fotos com o padrinho Presley...

    Com a cunhada Ginger, que é a pessoa mais difícil da cidade pra upar a amizade ou romance e que já virou até minha BFF...

    Também não poderia faltar a foto coletiva com a galera...

    E a parte mais fofa é que agora a casa tem dois pets, já que adotei a Pinky e o Gust ainda levou o porquinho de estimação dele pra morar lá também... ♥♥♥

    E só não temos um doguinho ainda porque a missão pra adotar o Scraps bugou e ele não esta aparecendo mais no mapa... @_@

    E falando em bugs, esse é um dos problemas sérios da versão Steam do Portia, já que sempre aparece algum contratempo ai, seja com as conquistas que não caem na hora certa, seja com plugin que dá conflito com driver da Nvidia e o jogo nem chega a abrir e ai, depois de resolver esse perrengue, ainda vieram as travadas aos montes, principalmente pra carregar cutscenes, além de npcs que ficam presos em algum lugar fazendo moonwalker, isso quando o jogo não corrompe o save do nada, como aconteceu aqui depois que levei um instant kill que fez o jogo travar, fechar e não reconhecer mais o save depois disso... 

    (O porquinho em sua cama invisível...)

    A imensa sorte ai é que o jogo salva cada dia de progresso como um arquivo diferente, então bastou apagar o último que corrompeu que o save anterior foi carregado automaticamente e foi bem melhor voltar só um dia, do que acabar perdendo tudo o que já tinha feito antes... :-)

    Agora lá vamos nós correr atrás do prejuízo ai e rushar um pouquinho essa campanha pra ver se fecho o Portia ainda em fevereiro... xD

    22
    • Micro picture
      zefie · 2 months ago · 2 pontos

      Complicado mesmo esses jogos que demandam um esforço enorme pra cumprir uma única tarefa e ainda perder o save. Sinto falta de jogar um RPG, mas anda complicado ter ânimo pra jogo longo assim xD
      Força aí Nat, bora tentar manter a meta anual dos 12 jogos finalizados no mínimo (e eu acho que não devo passar disso mesmo auhauhahu).

      1 reply
    • Micro picture
      kleber7777 · 2 months ago · 2 pontos

      Poxa, que pena que vc está tendo esses bugs na Steam. Eu estou jogando na versão que a Epic Store deu e não vi tantos problemas como vc relatou. Nada de perder save ou missões (não carregar a missão do cachorro é sacanagem). As conquistas eu não sei. Não tem na Epic.

      Por questão da lentidão, eu estou jogando sempre intercalando com outros jogos. Senão desanima mesmo.

      Ah, outra coisa que me ajuda tb é colocar o jogo no mudo e jogar enquanto assisto jornal ou ouço um podcast.

      Eu estou trabalhando bastante quanto a ter um bom estoque de itens. Para evitar ficar parado e entregar o quanto antes. Aquela máquina pra fazer carvão, por exemplo, construi umas 7. rs

      2 replies
  • natnitro Renata
    2021-01-29 23:02:17 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>Parece que agora a coisa vai até o final... \o/\
    My time at Portia

    Platform: PC
    40 Players
    39 Check-ins

    Parece que agora a coisa vai até o final... \o/\o/

    Ano passado me empolguei tanto com o Stardew Valley que fiquei ai umas 200h nele até fechar tudo nos 100% e quando descobri o My Time at Portia, lá fui eu na maior empolgação também, achando que seria um clone do SV, mas logo no comecinho já senti a maior diferença que é o ritmo do jogo, que no Portia acaba sendo bem mais lento, começando na primeira missão que é craftar uma ponte para uma área nova do mapa, o que demorou pra caramba, e isso me desanimou tanto que acabei dropando o jogo lá pra dezembro passado...

    E nessa semana fui vendo os checkins do pessoal daqui e  bateu aquela vibe de querer jogar tudo de novo e lá fui eu de volta pra Portia, começando do zero mais uma vez...  

    E nessa segunda chance ai, como eu já tinha experiência do crafting e sabia como conseguir as coisas mais rápido, o jogo rendeu bem melhor mesmo e foi só passar da primeira fase, que é basicamente um tutorial sobre o sistema de encomendas e crafting, que finalmente o jogo embalou e agora sim a oficina/fazenda está funcionando a pleno vapor... 

    E o melhor ai é que não é só o dinheiro que está rendendo muitíssimo bem, mas a parte do romance também, tanto que já saiu até casamento com o Gust, o arquiteto filho do prefeito, que é o novo morador lá da fazenda e agora só falta esperar o dia certo do vendedor misterioso aparecer, pra poder comprar a casinha do QQ e poder levar o fofíssimo mascote do Gust lá pra fazenda também... ♥

    (estava até filosofando com a miss_Dani esses dias que é quase um karma eu só arrumar husbandos ruivos... xD)

    E mesmo com o desânimo não ajudando muito para repetir os 100% do Stardew Valley aqui no Portia pela quantidade absurda de conquistas, só de fechar o jogo já vai estar valendo quase o mesmo também, porque até hoje foram poucos jogos que dropei e ainda consegui voltar nele de novo e mudar a primeira impressão ruim a ponto de acabar gostando tanto assim e agora vamo que vamo que falta só mais um pouquinho pra fechar o jogo e finalmente tirar o Portia da lista da vergonha... \o/\o/\o/

    24
    • Micro picture
      _gustavo · 3 months ago · 2 pontos

      Eu parei logo que o robo cozinheiro aparece, se me lembro tinha uma quest dele pra fazer q não fui atrás de ver oq era kkkkkkkkkk

      1 reply
    • Micro picture
      kleber7777 · 3 months ago · 2 pontos

      Eita. Já casou? Vc está indo bem rápido mesmo. No começo eu até estava investindo na Ginger mas ela é bem enjoada quanto a presentes. Tem itens que se vc der pra outra pessoa aumentam 8 pontos de relacionamento, com ela aumenta 1. Aí complica. rs
      Qual npc vc mais está gostando? De história. Estou curtindo as quest da Mei. Acho legal ver ela evoluindo o jornalzinho dela.

      2 replies
  • natnitro Renata
    2021-01-24 23:12:24 -0200 Thumb picture
    natnitro checked-in to:
    Post by natnitro: <p>--5° jogo finalizado no desafio anual:</p><p><st
    Castlevania: Lords of Shadow – Mirror of Fate HD

    Platform: PC
    291 Players
    85 Check-ins

    --5° jogo finalizado no desafio anual:

    Lords of Shadow - Mirror of Fate \o/

    Quando já estava na reta final do LoS2 e o Gabriel ia recuperando a memória, só de ir recordando do que aconteceu lá no Mirror of Fate, já deu aquela saudade enorme de jogar tudo novo e ai, quando fui instalar outra vez o jogo, eis que descubro que já tinha mais de seis anos desde a última vez que joguei e foi aquela cara linda de wtf? ao ver como o tempo passa sem nem notarmos...

    E o melhor do Mirror é ele ser o que mais se aproxima dos Castlevania oldschool, tanto que na época do lançamento, ele recebeu elogios até de quem torceu o nariz para o reboot da série no primeiro Lords of Shadow, já que o Mirror trouxe vários elementos marcantes da franquia de volta, como o estilo plataforma side scrolling, o combate clássico com a cruz que funciona exatamente como o chicote vampire killer e ainda pode receber upgrades pra ajudar na escalada, fazer rapel, etc, além de ter mais de um protagonista jogável e ai podemos ver três lados diferentes da mesma estória, que é a melhor parte do jogo...

    E até o bestiário do jogo ficou muito bem feito mesmo, e trouxe inimigos já conhecidos de outros tempos como Death, a Succubus, harpias, etc, e ainda apresentou outros novos como os vampiros de elite que dão um belo trabalho e os corcundas da cozinha do castelo, que são engraçados pra caramba, e essa releitura do conjunto da obra ai ficou excelente, ainda mais pra os padrões de um jogo de portátil, já que a versão original do Mirror saiu pro 3Ds e só depois que foi levado pra outras plataformas...

    Já o boss do castelo ai dispensa qualquer apresentação, já que ele consegue ser ao mesmo tempo o melhor protagonista e o melhor vilão da trilogia Lords of Shadow, e ai no Mirror mostra bem porque até o Satan foi se esconder lá nas profundezas do inferno de tanto medo dele, já que o Gabriel realmente não está nada bonzinho... E foi justamente isso que colocou o Gabriel no topo da lista dos meus malvados favoritos aqui, junto com o Haytham do AC3, porque os dois são do tipo que incomodam mesmo e fazem isso de propósito, justamente porque são muito coerentes em defender a visão deles e dão aquela surra de bom senso e verdades em cima de qualquer protagonista... ♥♥♥

    E com o Mirror como o quinto jogo fechado até agora, esse já foi um dos meus melhores meses de janeiro desde que cheguei por aqui no Alva em 2013, e a meta agora é chutar a bunda do tédio e arrumar outra coisa boa pra jogar e não perder o embalo tão cedo... :-)

    30
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Nat só nas sagas completas.hehe Esse foi o unico que joguei até o final e foi uma grata surpresa, era um metroidvania bem legalzinho e curti a novela mexicana da história.hehe

      1 reply
    • Micro picture
      vinicios_santana · 3 months ago · 2 pontos

      Gostei demais dele na época, inclusive foi o motivo da compra do meu 3DS.
      Um destaque que gosto muito, são os combos dos jogos 3D que foram transportados para o jogo de plataforma 2D.

      1 reply
    • Micro picture
      _gustavo · 3 months ago · 1 ponto

      Boooa Nat =D
      Firme e forte no Castlevania aí ^^

      1 reply
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...