2018-12-26 19:17:11 -0200 2018-12-26 19:17:11 -0200
mathfc Matheus Ferreira checked-in to:
Post by mathfc: <p>[Check-out e possíveis spoilers]</p><p>#img#[606
Red Dead Redemption 2

Platform: Playstation 4
619 Players
294 Check-ins

[Check-out e possíveis spoilers]

Continuo a história de Arthur e seus companheiros fora da lei em meio ao fim do "Velho Oeste". 

Agora no Capítulo 3, o jogo continua me conquistando. A cidadezinha de Rhodes é charmosa, e a poeira da terra vermelha somada aos rastros de cavalos e carroças passa uma sensação incrível de realidade. O jogo está lindíssimo; às vezes parece que estou jogando um filme (ou um episódio de Westworld rs).

Estava terminando alguns trabalhos nos arredores de Valentine quando vi no mapa o sinal de um evento aleatório por perto. Desci da montanha em que estava, caminhando sobre a linha férrea, quando me deparo com isso pendurado debaixo da ponte:

Okay, a minha primeira reação foi: QUE?!?! Mas andei em volta dessa metade de cadáver procurando algo a mais e uma música sinistra começou a tocar. Estava jogando de noite e deu pra sentir o clima ficando tenso na medida em que o tom da música aumentava. Até que, virando a câmera na procura por alguma outra coisa relacionada a isso, vejo algo escrito na pedra: 

Gente! Eu fiquei um pouco assustado, em partes porque eu estava, digamos, acostumado com os tipos de quests que comumente apareciam pra fazer e também porque o clima do jogo não chegou a me oferecer nada parecido com um suspense/terror até o momento. Fato é que fiquei com um pé atrás e MUITO CURIOSO pra saber o que foi isso, e de quem é esse "trabalho". Estou segurando minha vontade de procurar na internet mais sobre esse possível Serial Killer (a parte do Serial talvez seja ainda minha fantasia falando alto haha) e se alguém souber de alguma pista a mais, sinta-se à vontade para comentar.

Bom, já em Rhodes tive o (des)prazer de ouvir uma espécie de culto religioso nos arredores da cidade. Como era madrugada no jogo, fiquei por entender e segui os sons até encontrar a Ku Klux Klan. Minha primeira reação foi a de assassinar um por um, mas esperei o evento se desenrolar pra ver o que aconteceria. 

A cruz incendiada acabou pegando fogo em um recém chegado ao grupo, a cena do fogo se alastrando pelos membros foi deliciosa de assistir ahahaha. Sobrou um sacerdote, praguejando que eu havia ficado só observando sem ajudar um "bom homem" que pegava fogo. Aí eu não me aguentei, peguei minha espingarda de cano duplo e procurei estourar a cabeça de um por um dos sobreviventes: FOGO NOS RACISTAS AAAA. Devo dizer que foi maravilhoso ouvir o Arthur praguejando sobre os "Idiotas de capuz branco" e dizendo que mataria a todos enquanto eu atirava neles hahahaha. Inclusive, esse jogo tem me surpreendido muito ao mostrar o drama negro norte-americano, sobretudo em Rhodes que mais parece uma metáfora de Luisiana nos EUA, e o ambiente supremacista perverso contra os negros. Ponto positivo pras sidequests com o Lenny, que sempre traz à tona a questão do racismo/recente escravidão nos EUA.

E pra encerrar, só quero dizer que AMEI a missão The Course of the True Love, na qual Penelope, apaixonada por Beau, apesar de ser uma dama de família rica da região, também acontece ser uma ativista do feminismo sufragista do final do século XIX. Que surpresa boa foi conduzir a carruagem com as feministas fazendo seu protesto pelas ruas de Rhodes:

Pontos positivos para a Rockstar (apensar da falta de LGBTs até o presente momento). Ao fim do protesto, alguns minions homens imbecis chegaram com argumentos perversos pra tentar deslegitimar o protestos das meninas. Tenho gostado dessa contextualização do jogo. Soma muito à experiência de estar vivendo algo real, algo que poderia ter acontecido de fato em nosso mundo. (E alguns insistem, ainda, que vídeo-games, sobretudo enquanto arte, não tem peso político-discursivo).

E que jogão, queridos (as). Valendo muito a pena a experiência!

7
  • Micro picture
    eycescherer · about 1 year ago · 2 pontos

    O legal é que eu achei essa mesma "parada" do Serial Killer, só que em outra ponte em outro lugar do mapa. Em baixo dessa ponte havia uma cabeça sendo segurada por uma faca dentro de sua boca, e foi bizarro. Próximo também havia um mapa rasgado com uma pista de uma localização desconhecida...para onde será que leva?

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...