2017-03-22 15:54:20 -0300 2017-03-22 15:54:20 -0300
matheusalves Matheus Oliveira

Desafio: Meu ranking de Resident Evil

Lista proposta pelo @desafio

Resident Evil faz aniversário e quem ganha presente é você.

Aí vai a minha lista, em ordem decrescente, dos melhores Resident Evil's da série principal na minha opinião. Essa lista não inclui RE0, RE Code: Veronica e RE7, pois ainda não joguei os três.

8º lugar - Resident Evil 6

Sinceramente, não consigo defender esse jogo. Diferente do que muitos dizem, penso que nem como jogo de ação RE6 funciona. O exagero de QTE's (Quick Time Events), muitos deles desnecessários, conseguem te deixar extremamente frustrado. A campanha do Jake é a pior da história de Resident Evil, um combo de personagem e vilão sem carisma (Nemesis >>>>>>>>> Ustanak). Apesar de toda a ação, dá pra salvar as campanhas de Chris e Leon, respectivamente. 

7º lugar - Resident Evil 5 

Acho ele "muita ação e pouco Resident Evil" quando me deparo com a jogabilidade e os elementos. A história faz uma curva brusca entre um plot e outro que eu não curti muito, mas nem por isso deixa de ser até bem detalhada, principalmente se compararmos diretamente com o seu sucessor, finalizando bem o arco entre Chris e Wesker. Os pontos fortes dele, para mim, são certamente a jogabilidade (que para esse estilo com mais ação funciona muito bem) e o co-op, que apesar de bastante criticado, faz o jogo ficar menos maçante. Também não posso deixar de dizer que RE5 tem os melhores gráficos da série, retratando inclusive muito bem a região em que se passa, uma África pobre e devastada pelo Uroboros. O modo Lost in Nightmares explica mais detalhes do passado da franquia.

6º lugar - Resident Evil Revelations 2

REV2 é o típico jogo para agradar os fãs mais antigos. Trouxe Barry Burton e Claire Redfield de volta à série depois de muito tempo (Barry aparecera no final de RE3 e Claire em Code: Veronica) e aquele gostinho de estar em um genuíno Resident Evil outra vez. Gosto do equilíbrio acão-suspense que o jogo cria, muito devido a história e a vilã enigmática. Joguei esse no lançamento e curti muito a experiência episódica oferecida, sempre com um cliffhanger interessante de um episódio a outro. O final deixa uma brecha imensa para o futuro da série Revelations. Poderia estar numa posição melhor nessa lista? Sim. Porém não o acho melhor que os que vem a seguir, apesar de ser um bom jogo.

5º lugar - Resident Evil 3 

Entendo perfeitamente quem afirma que RE3 é o melhor da franquia para si. Mas, apesar de Nemesis ser o centro das atenções e o melhor vilão da história de Resident Evil (e quiçá da história dos videogames), não acho RE3 um jogo espetacular. Sim, revolucionou mecânicas, trouxe um sistema de escolhas interessantes, mas pecou na história e na exploração, algo que foi marca da série lá nos primórdios. Não vou negar que passei muito medo com ele, desligando o videogame inúmeras vezes a cada aparição do Nemesis, o que me fez zerar o jogo de fato à pouco tempo.

4º lugar - Resident Evil Revelations

O retorno de Jill à série depois de RE3 (considerando que REV1 se passa entre RE4 e RE5) talvez não pudesse ser melhor. REV1 não tem um clima pesado com seu sucessor, mas ainda sim há suspense e a exploração do desconhecido, já que enfrentamos pela primeira (e possivelmente única) vez os Oozes. A história é intrigante, apesar de faltar um pouco de profundidade na construção de alguns personagens. Acho a jogabilidade excelente, ainda mais porque fora a primeira vez na série (corrijam-me se eu estiver enganado) que pudemos andar e atirar ao mesmo tempo. Meu destaque final vai para o modo raid, que te prende no jogo por mais algumas horas se você realmente curte modos extras.

3º lugar - Resident Evil 2

Talvez eu não tenha jogado-o o suficiente pra gostar mais dele, mas admiro todas as mudanças pra melhor que apresentou em relação ao primeiro. Gosto principalmente da história, que pra mim é a melhor de todos os RE's, introduzindo dois dos meus personagens preferidos da série: Leon e Claire. Leon que por sinal não cansa de fazer papel de trouxa com a mulherada desde RE2. Mas nota-se, do início ao fim, o amadurecimento do policial Kennedy naquele fatídico primeiro dia de trabalho na polícia de Raccoon City.

2º lugar - Resident Evil 4

Esse tá no coração, foi o primeiro Resident Evil que eu zerei. Muitos podem dizer o contrário e não concordar com a posição que dou à ele, mas RE4 tem muito mais pontos positivos do que negativos por si só. Aprovo praticamente todas as mudanças implementadas por ele, apesar de não gostar muito da duração de alguns eventos dentro da campanha. O fator replay foi algo que aproveitei bastante na época do PS2, já que eu fechei ele de todas as formas possíveis e imagináveis. Resident Evil 4 pode ser considerado um ponto fora da curva na franquia, não só pela forma como funciona (a exploração cultivada nos primeiros jogos da série foi pro espaço) e por todas as mudanças apresentadas, mas também por conta da história, que pouco remete aos acontecimentos dos ditos Resident's clássicos, exceto pela presença remota de Albert Wesker. Aprecio o equilíbrio entre ação e survival visto a partir do momento que você tem a Ashley como companhia (HEEEELP LEON). 

1º lugar - Resident Evil Director's Cut/Resident Evil HD Remaster

Em meio a reviravoltas, conspirações, um vírus e diversas criaturas bizarras, Resident Evil apresenta um cenário perfeito para o que eu considero o melhor jogo da franquia. O primeiro Resident Evil, apesar de estar datado, ter uma dublagem e uma história estilo “filme B”, uma cena inicial com atuações um tanto quanto duvidosas e ter envelhecido muito mal em questões gráficas, ainda é um excelente jogo, obrigatório para quem procura saber sobre as origens da série, mesmo que em questão de história, o seu remake, lançado em 2002 para o Game Cube e em 2015 para as novas gerações, seja de fato o que está no cânon verdadeiro da franquia. Remake esse que para mim é o modelo de Resident Evil perfeito, desde os gráficos até a jogabilidade. Todos os jogos da trilogia clássica merecem um remake à altura desse (acerta a mão nesse Resident Evil 2 Remake aí, CAPCOM!!). Resident Evil Director's Cut/HD Remaster é o meu jogo favorito não só da franquia, mas também de todos os tempos (não é por menos que ilustra a capa desse post), tanto por sua contribuição aos videogames quanto pela sua qualidade indiscutível. Outro que eu perdi as contas de quantas vezes finalizei.

Uma conclusão

De todos os listados, o único RE que realmente acho intragável, se posso dizer assim, é o RE6. Apesar de estar na penúltima posição, Resident Evil 5 é muito superior em relação ao seu sucessor em tudo, mas respeito quem goste da bagunça que é Resident Evil 6.

Pretendo jogar o Resident Evil Code: Veronica, o Resident Evil 0 e o Resident Evil 7 em breve para assim fechar o arco dessa série maravilhosa. 

E para quem ainda não jogou nenhum Resident Evil: JOGUEM, VAI SER LEGAL.

Como converso com pouquíssimas pessoas aqui da Alva (pretendo postar mais, eu juro), deixo o desafio em aberto para quem quiser fazer. 

Se quiserem me seguir para conversar não só sobre Resident Evil, mas também outros joguetes, é só seguir. :)

20
  • Micro picture
    montanaro · over 3 years ago · 4 pontos

    Estou lendo ainda o post, mas já adianto... que bacana esses banners personalizados para cada jogo, hein! Um capricho só!

    1 reply
  • Micro picture
    montanaro · over 3 years ago · 2 pontos

    Gosto da sua lista e, como já conversamos um pouco, entendo a sua posição sobre RE3, ainda que obviamente discorde... hehehe. Vc escreve bem pra caramba e me fez querer rejogar todos os jogos da franquia de novo (menos o RE6, que já foi um parto fechar uma vez só na época).

    Eu lembro que, por dois finais de semana seguidos, fiz maratonas dos 3 primeiros jogos num dia só (quando tinha tempo de sobra num domingão) e é bem divertido. Hoje, malemá consigo chegar na primeira sala de save quando estou jogando no Vita... hehehe.

    1 reply
  • Micro picture
    andre_andricopoulos · about 3 years ago · 2 pontos

    Seu primeiro. segundo e terceiro lugar definitivamente honram a série...

Keep reading → Collapse ←
Loading...