2019-07-08 00:27:31 -0300 2019-07-08 00:27:31 -0300
vinicios_santana mastershadow checked-in to:
Post by vinicios_santana: <p>#img#[646587]</p><p>Capítulo 6.</p><p>De volta a
Valkyrie Profile

Platform: Playstation
2189 Players
70 Check-ins

Capítulo 6.

De volta a Arkdain Ruins, Célia, amiga de Kashell e pelo visto de todos os guerreiros dessas redondezas, entra no templo onde há a mulher presa num cristal, buscando derrotar Grey, um cavaleiro com armadura completa, ela teme pois ele é forte, mas mesmo assim segue com seu desafio, mas logo desiste, pois pelo visto ele também fazia parte do grupo.

Grey apenas se desculpa e a armadura se desmonta, revelando que estava vazia.

Lenneth o convoca e fica surpresa dele ter aberto mão de seu corpo para completar o ritual.

Dúvidas pairam no ar.

Grey é o melhor cavaleiro que joguei até o momento, tem um combo muito bom com um ataque em área.

Depois de fazer minhas orações, apareceu um ponto vermelho no mapa, Lost City of Dispan, imaginei que fosse mais uma dungeon genérica, mas há toda uma trama complexa por trás.

Ali vaga Barbossa, o fantasma do rei traído, ele assombra a guilhotina onde fora decapitado, acusa a valquíria de ter sido ela quem o traiu, ficamos sem entender, mas não há tempo pra formular ideias, pois Barbossa se transforma num cavaleiro sem cabeça, criativo já que ele foi decaptado. Há uma batalha difícil, assim que é vencido, ele ataca novamente, sendo derrotado pela segunda vez, ainda fica assombrando o local, não terá descanso até que sua alma encontre o que deseja.

Investigando o castelo, encontro uma sala cheia de cristais que me leva para o passado, aqui vemos vários soldados mortos e na parte de fora, uma valquíria muito semelhante a Lenneth, porém de armadura preta, ela e seus soldados são os responsáveis pelas mortes. A rainha do castelo está escondida e teria morrido se não interferíssemos, ela nos entrega a coroa do rei.

Ao voltar para o presente, entregamos e a alma de Barbossa encontra o descanso, isso causa a irá de três magos que haviam invocado a alma de barbossa para seu proveito. Vasculho o castelo e derroto os magos, usando os bufs negativos da minha maga e reflect magic, a batalha é relativamente fácil.

Acreditava que Barbossa entraria para o grupo, mas foi apenas uma dungeon mais elaborada, pena.

Em Hai-Lan Shiho, uma barda é repreendida pois parou de cantar no meio da batalha e 4 soldados foram mortos. Ela é chamada de bruxa pelos moradores da vila.

Mas tarde o mesmo ocorre, ela para de cantar e todo o exército é morto, e frente a frente ao inimigo, descobrimos que ela é cega, tendo apenas a voz como dom. Suo, o líder do exército inimigo, a leva como prisioneira, não sei se ficou tocado com a história dela ou pensou em usar seu dom para o proveito do seu exército.

Mas de nada adianta, a fama de bruxa a precede e o general inimigo, acreditando que suo estava enfeitiçado, mata a garota.

No grupo ela usa suas habilidades para aumentar nossos status de força, defesa, etc. É uma habilidade muito boa, quem sabe eu venha a upar um pouco ela, ou não, já que minha maga atual têm habilidades parecidas, mas que enfraquecem o inimigo.

Em Crell Monferaigne, um comandante repreende seu subalterno que o estava enganando, seu subalterno é uma mulher que se disfarçou de homem para poder entrar no exército, história comum a lá Joana d' Arc ou Mulan.

O comandante é piedoso pois Jayle é uma ótima cavaleira, ambos vão até Magnus, o monarca maligno, ele invoca um fantasma, Genevieve, que enfeitiça os homens, mas espere, Jayle não é um homem e o feitiço não funciona, mas mesmo assim ela não tem o poder necessário para derrotar a entidade, então a valquíria aparece e bane Genevieve por brincar com os mortos, mas enquanto estávamos distraídos com a batalha, um dos feitiços de Genevieve, faz com que o bom comandante mate Jayle, por quem ele começara a nutrir sentimentos. Furioso, ele parte pra cima de Magnus.

Jayle é uma guerreira habilidosa, com um gingado distinto e ótimos combos.

Enviei Jayle E Jelanda para Odin e após mais pedidos de Freya, uma cena aparece.

Lucian está inquieto em Asgard, ele ainda pensa em Lenneth, mas logo é desestimulado por Frei, que diz que ela é uma deusa e não lembra de sua vida humana, obviamente falando mais que necessário. 

Loki, que também estava presente, leva Lucian até um espelho, na promessa de que lá ele pudesse falar com a valquíria, de fato ele consegue, e lhe manda um brinco como presente.

Loki aproveita a distração e rouba um artefato, a gema do dragão, lhe concedendo uma forma mais poderosa e toda a culpa cairá sobre Lucian, que não deveria estar ali. 

Eles entram em combate e a cena acaba, assim como o capítulo.

Segundo o detonado, eu já consegui entrar no Final A, agora é só jogar sem preocupação. Tomara.

Bom, é isso, até o próximo check-in.

29
  • Micro picture
    the_muriel · about 1 month ago · 3 pontos

    Celia a personagem mais sofrida kkkkkkkkkkkk

    2 replies
  • Micro picture
    manoelnsn · about 1 month ago · 2 pontos

    Sim, com isso final A está garantido.

    E fez bem em mandar a Jelanda, huahua

    6 replies
  • Micro picture
    mastershadow · about 1 month ago · 2 pontos

    Cara eu queria ter a paciência que vc tem pra fazer estes check-ins tão elaborados haha

    3 replies
  • Micro picture
    thejosephkorso · about 1 month ago · 2 pontos

    I invoke the power of the Glacial Blade!
    Finishing Strike!
    ICICLE DISASTER!!!

    1 reply
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...