jhonatasantos

Sou apenas um gamer que deseja jogar, apreciar os jogos e fazer ótimas amizades atravez deles!

You aren't following jhonatasantos.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2019-04-17 10:24:26 -0300 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá Pessoal. Venho comentar sobre mais uma experiência, e a da vez é sobre o jogo Apex Legend.

    Já tenho que começar falando que meu contato com os Battle Royales é limitado, então não tenho muitas experiências em gameplay com outros jogos do gênero.

    Acredito que não preciso me preocupar em dizer características gerais do gênero, já que a base é comum entre a maioria dos jogos, então vou focar aqui literalmente na minha experiência e durante isso explicar algumas características específicas.

    No geral gostei de jogar Apex. Comecei bem ruim, como uma proposta bem sorrateira, tentando sobreviver sem combater até o final, mas isso no Apex não é uma boa estratégia. É possível jogar assim, porém não recomendo, pois normalmente você irá se encurralar tendo mais pontos negativos do que positivos.

    A jogatina mais adequada é tentar explorar bem o mapa, ocupando lugares com proteção (construções), mas que permitam uma melhor movimentação e adaptação de combate, principalmente dependendo do seu operador escolhido.

    O combate sempre é incentivado, porém sempre preste atenção na situação para analisar se é adequado ou não, se precisa ser ofensivo ou defensivo, ou até mesmo esperar uma briga acontecer para ser oportunista.

    Falando dos operadores, não existe o melhor ou pior. Tudo depende de você saber usar as habilidades no momento certo do jeito correto. É claro que pode existir partidas que certos operadores podem parecer inúteis pra você, mas isso faz parte da imprevisibilidade que está como base do Apex e de praticamente todos os outros battle royales.

    O fato do jogo exigir trabalhar em equipe, eu gostei, mas é claro que dificulta um pouco quando você não está jogando com amigos. Porém, com o devido respeito e conhecimento entre os jogadores, o sistema de chat por voz e os apontadores, são mais do que suficientes para um bom trabalho em equipe.

    Sobre o dinamismo do jogo. Para quem está acostumado com PUBG, não pense que chegará aqui dominando o game. O pai do sucesso dos battle royales é mais lento em sua movimentação e combate. Já no Apex, pense em combates frenéticos e ágeis estilo Overwatch. Na verdade poderia fazer a comparação com o COD BO4, mas como lá não temos exploração da verticalidade, a comparação fica limitada quando os jogadores estão com o pé no chão.

    O sistema de loot é interessante. Temos uma boa quantidade de armas, cada um com suas peculiaridades que ainda podem ser trabalhadas através dos acessórios. A questão de organização e uso de itens é um ponto bem positivo em relação aos seus concorrentes.

    O sucesso Apex é devido ele ter conseguido trazer um battle royale nível AAA, o que já tinha sido feito por COD, porém lá o fator do investimento inicial, aquisição do game, ofuscou a qualidade do jogo. O Apex trazendo um jogo com qualidade, com características novas e bem implementadas para o gênero, e ainda sendo free to play, fez ele ter o seu local de destaque, e realmente é merecedor de tal.

    Você que gosta do gênero, recomendo que, pelo menos, experiente, mas é claro que é normal caso você não goste do estilo dele, e prefira um estilo de PUBG. A variedade de games está ai para isso, cada um com o estilo de jogo que te agrada.

    4
  • wilford_fernandes Wilford Fernandes
    2019-03-22 02:34:27 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    Post by wilford_fernandes: <p>o.O</p><p>fiquem descrentes como eu</p><p>https:

    o.O

    fiquem descrentes como eu

    https://www.youtube.com/user/verbalase/videos

    26
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2019-04-08 06:03:07 -0300 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Faz tempo que não faço um texto comentário, então vamos tentar retomar a prática.

    O Holodrive é um jogo multiplayer de tiro em plataforma 2D. O conheci na época da ascensão dos jogos no Facebook. Naquele tempo, se não estou enganado, o game só podia ser jogado por lá. Logicamente, ele tinha um público bem ativo para um novo projeto e foi o momento que mais aproveitei o jogo. Tive outras idas e voltas, até estar jogando ele nesse último domingo, dia 09/04/2019.

    Houve significativas mudanças desde da época do Face até sua atual versão na Steam. Ele trata-se de um game bem casual, atualmente existe uma progressão de nível com cosméticos e equipamentos, porém que não conseguem ser o suficiente para motivar a exploração do jogo. O seu aspecto casual é muito forte, então é interessante para ser jogado com amigos em jogatinas não tão longas, mas que podem ser repetidas com alguma frequência.


    O game é bem-feito, apesar de simples. Tem o seu próprio discord para incentivar a interação da comunidade e trata-se de um desenvolvimento brasileiro. Como disse, ele tem qualidade, então mesmo que ele não seja para longo investimento de horas, vale a pena de você ir lá, testar o game e se divertir um pouco com seus amigos. Vamos dá essa força, o game merece.

    Holodrive

    Platform: PC
    35 Players
    3 Check-ins

    6
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-12-28 11:56:00 -0200 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Venho escrever mais um comentário, e o game da vez será Smite.

    Para quem não o conhece, trata-se de um MOBA com uma câmera posicionada nas costas do personagem, e esses personagens são deuses de diversas religiões e mitologias.

    Acredito que a explicação foi bem resumida, mas suficiente para caracterizar o jogo, pois realmente essas duas características apesar de simples, fazem uma total diferença no game, o diferenciando de muitos outros jogos do mesmo gênero.

    Outra característica importante é a variedade de estilo de mapas, pois ela fornece uma diversidade de gameplay, porém, nos servidores brasileiros, o qual foi através deles que experimentei o game, então bem desertos, você encontra players pra jogar, mas provavelmente estarão todos no mapa arena ou no modo coop conta IA.

    Apesar de não ser realmente um jogador de moba, já joguei uma quantidade boa de jogos do gênero e com variações entre eles. O Smite, junto com o já fechado Paragon, foram os mobas que eu mais gostei, não me desfazendo dos demais. Recomendo a qualquer um que, pelo menos, teste o game, e se poder faça isso com amigos, pois foi assim que eu fiz, e foi uma ótima jogatina. Um abraço a todos e até o próximo texto comentário.

    SMITE

    Platform: PC
    498 Players
    140 Check-ins

    6
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-11-30 10:51:30 -0200 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Comentando sobre mais um game, e o da vez será Overwatch.


    Acredito que Overwatch já deva ser um jogo bem conhecido por vocês, mesmo entre aqueles que ainda não tenha o jogado. Mas supondo que tenha alguém que não saiba nada sobre ele, de forma resumida ele é um FPS multiplayer competitivo entre equipes. No seu modo de jogo padrão os jogadores podem escolher seus heróis, onde todos estarão disponíveis, porém apenas um por equipe pode ser selecionado, ou seja, caso alguém da equipe já tenha selecionado o Soldado 76, por exemplo, ninguém poderá fazer o mesmo até que ele troque de herói. Como já deve ter dado para entender, durante a partida você pode trocar de herói a qualquer momento. E o grande diferencial de Overwatch e outros games do gênero para os demais FPS’s multiplayers é o foco no objetivo e trabalho em equipe. Pois o que importa em Overwatch não é matar o inimigo, e sim realizar o objetivo. Estratégias deverão se tomadas de quando atacar e como atacar com o intuito de realizar o objetivo. Pra isso outra estratégia será importante, de qual herói é mais adequado para o combate, como posiciona-ló e usa-ló, além de saber usar o velho ultimate, poder qual cada herói possui o seu, e são habilidades que poderão virar literalmente partidas quando bem usadas e combadas com outras habilidades dos heróis amigos.


    Além do modo padrão o Overwatch tem o competitivo, qual você precisa realizar um conjunto de 10 partidas para decidir a sua patente e ir crescendo nela ao decorrer da temporada. Além desse, temos o modo Arcade, o qual na verdade é um conjunto de outros modos casuais, os quais sempre estarão em rotatividade.


    Por fim, existe o nível do jogador, o qual determina quanto você é experiente no jogo e é usado para o balanceamento de partidas.

    Estes foram os detalhes que considerei principais para poder explicar o game. A minha opinião sobre ele é que se trata de um excelente jogo, caso você goste de multiplayer FPS recomendo com certeza, e não podemos deixar de elogiar o excelente trabalho da Blizzard em criar o universo de Overwatch e ainda regionaliza ló para nosso idioma, o jogo é todo dublado em PT-BR.

    Claro que tenho ciência que existem muitas conversas entre Overwatch e seus irmão de gênero, como por exemplo Paladins e Team Fortress 2, mas achei que esse texto não deveria ter a finalidade de ressaltá-las. Saiba que os três games citados são ótimos jogos, cada um com suas peculiaridades, e caso você tenha interesse de conversar sobre o assunto, pode mandar nos comentários as perguntas ou me chamar para conversar, que, com certeza, adorarei bater um papo. Obrigado pela atenção.

    OverWatch

    Platform: PC
    592 Players
    673 Check-ins

    7
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-11-29 17:37:39 -0200 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Faz tempo que não realizo um texto comentário, então vamos voltar a escrever um pouco mais. O game da vez é o Airmech Strike.


    Para quem não o conhece ele é um jogo de RTS free to play com muitas peculiaridades, muitas das vezes navegando em águas de MOBA sem ir tão profundo no novo gênero. Para vocês terem uma noção listarei a seguir alguns desses pontos que o diferencia de muitos RTS’s mais consagrados.

    1° Nos não construímos bases ou edificações, apenas tropas que podem ser móveis ou fixas.


    2° As bases já estão presentes no cenário sendo defendidas por tropas neutras, as quais não podem ser controladas nem por você e nem pelo inimigo, logo, são ofensivas a ambos.

    3° As tropas são controladas em conjunto por ordens dadas próximas a elas pelo jogador através de um AirMech principal (nosso campeão) e variam entre defender o ponto anterior, permanecer no local, seguir seu campeão, atacar próxima base inimiga, e atacar diretamente a base principal inimiga.

    4° Ordens de quais unidades principalmente atacar não tem como serem dadas, a IA de suas unidades é quem decide. Para recompensar isso, o seu campeão pode ir ao ataque como fosse um campeão de qualquer outro moba, tendo duas formas, a aérea e a terrestre. A aérea serve principalmente para locomoção de tropas e locomoção no cenário, mas também serve para atacar certas unidades em algumas ocasiões. Já a forma terrestre serve principalmente para o combate, tanto contra qualquer unidade inimiga como também contra as bases e o campeão inimigo.

    5° A partida só termina quando a vida da base principal inimiga chega a zero. Para esse feito ser alcançado não necessariamente você precisa conquistar todas ou qualquer uma das bases auxiliares existentes, a questão é que as bases auxiliares além de terem inicialmente tropas neutras que impedirão seu avanço, as próprias bases quando conquistadas por você aumentarão seu limite de exército, como também fornecerão o recurso para construção de suas tropas, e este recurso, o qual é o único da partida, só pode ser adquirido pelas bases principais e auxiliares.

    6° As partidas podem ser 1x1 até 3x3, porém a base principal e recursos são únicos para toda a equipe, então quando jogado em 2x2 ou 3x3 a equipe deve saber combar os Airmech’s como também administrar corretamente o recurso de criação.

    7° Todas as bases constroem independente de suas ordens unidades básicas que servem como mínios e tem o objetivo de conquistarem a próxima base inimiga. Vale salientar que são apenas eles que realmente capturam as bases.

    Com base nesses tópicos já dá para perceber suas diferenças comparado a outros games consagrados do gênero, e isso pra mim foi positivo, pois conseguiu me oferecer uma experiência nova, apesar de ainda não superar a maioria dos games consagrados, mas é muito importante que você experimente. Por ele ser free to play, e de partida rápidas na maioria das vezes, facilita a experiência do gamer e, com certeza, irá te divertir por um tempo.


    Mais alguns detalhes importantes a serem ditos são que seu single player serve apenas como treinamento para conhecer os Airmech’s existentes, algumas estratégias e cenários, e isso pode suar negativamente, mas existe um outro jogo da franquia focado em campanha, e o treinamento é de muita importância, pois de início achei o game superficial em estratégias, mas ao conhecer melhor as unidades, os Airmechs e suas habilidades, além dos próprios cenários, percebi que para um público mais atento ao game, podemos ter muitas partidas surpreendentes. A variedade de Airmechs e suas habilidades é boa, também tem uma boa quantidade de cenários que permitem estratégias diferentes e apesar do game ser free to play, logo existindo uma moeda cash para mante-ló financeiramente, a desenvolvedora conseguiu não abusar desse sistema, tudo comprado com cash ou é acelerador de xp e gold do game, ou compra skins para Airmechs e tropas, assim não influenciando no desempenho das partidas.


    Novamente repito que gostei do game, caso for joga-ló tenha paciência e atenção para aprender seus detalhes, apesar do texto extenso não falei de tudo, então terá muita coisa para saber por conta própria e futuramente devo trazer um texto comentário do Airmech Wasteland. Obrigado pela atenção.

    AirMech

    Platform: PC
    250 Players
    14 Check-ins

    9
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-09-07 14:26:11 -0300 Thumb picture

    Um breve comentário sobre o jogo Einar

    Olá pessoal. Venho apenas fazer um breve comentário sobre esse jogo, pois pra mim ele é um exemplo de como a indústria de games evoluiu em tão pouco tempo. Aqui mesmo que muitos possam dizer que é um jogo curto e mal acabado em diversos aspectos, por exemplo: câmera, movimentação e combate, ainda assim é um ótimo projeto. Pois para quem não sabe, esse jogo é um trabalho acadêmico universitário, então estamos falando de uma equipe que ainda está em formação e que provavelmente não tinha nenhuma experiência profissional, mas, mesmo assim, com o devido conhecimento, vontade e apoio das ferramentas de desenvolvimento criou esse jogo que poderia ser realmente muito bom com o devido refinamento e conclusão. Eu acredito que do estado atual para o possível produto pronto, metade do caminho já foi andado.


    O motivo de querer falar desse game, é só para ressaltar como a nossa indústria cresceu, não só pela questão de Hardware, mas no amparo de ferramentas especializadas, pois no passado, mesmo que antigamente você tivesse vontade não conseguiria criar um jogo nos portes altos ou médios da indústria, mas hoje não, está ai a prova. Então se você realmente sonha com desenvolvimento de jogos, vai em frente, pois pode ser difícil o caminho, mas conseguirá.

    Link do jogo:

    https://store.steampowered.com/app/674400/Einar/

    4
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-06-16 12:25:50 -0300 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Faz tempo que não faço um texto comentário. É bom estar de volta. O game da vez é o Deep Space Waifu.


    Sei que para as pessoas que conhecem este jogo, já vão pensar antes mesmo de ler este texto nos colecionáveis, mas para aqueles que não conhecem ou tem dúvidas do que o game é, venho aqui explicar.

    Primeiramente, o game é do gênero Shoot‘em up, ou seja, aquele velho estilo de nave em 2D aonde você atira e esquiva dos tiros e no final das fases sempre tem um boss te esperando. O DSW mantém todas as características do gênero com o acréscimo do cenário, onde o mesmo é destrutível. Ai você me diria: “Jhonata, você está enganado! Já existia isso em outros jogos do gênero.”, mas a questão aqui é que o cenário destrutível é a roupa das personagens que são o foco do game. Como o próprio título do game diz, as personagens são Waifus, termo muito usado na cultura dos animes por paixonite dos consumidores por personagens femininas em 2D, e esta paixonite muitos das vezes podem ser testemunhadas saindo do controle, como é no caso do game, onde nos jogadores poderão deixá-las nuas, assim obtendo os colecionáveis. Vocês podem achar mentira minha, mas eu sinceramente não compraria este jogo, pois como sou conhecedor do termo Waifu, já não concordaria com a forma que poderiam trabalhar as personagens. Mas este game foi um presente como tiração de onda, e resolvi dar uma chance para conhece ló, e não me arrependo. As vezes me senti incomodado com o que eu estava fazendo, mas se você prestar atenção apenas no Shoot’em up, o game tem qualidade. São poucas criaturas e chefes disponíveis no jogo, mas se você jogar no maior nível de dificuldade assumindo o desafio de tentar fazer tudo sem morrer, com certeza o game irá te desafiar, mas também nada tão difícil assim. Outro motivo de ter gostado do game, é o fato dele ter me apresentado novamente o gênero Shoot’em up, pois faz muito tempo que não jogava nenhum game do gênero, fiquei feliz em revivê-lo.


    Obrigado para quem leu o meu texto até o fim, e espero que tenham gostado.

    DEEP SPACE WAIFU

    Platform: PC
    20 Players
    4 Check-ins

    4
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-03-15 15:09:14 -0300 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Venho escrever mais um texto comentário e o game da vez é Tom Clamcy’s Rainbow Six Siege. Para quem não o conhece, trata-se do 7° jogo da série nos PC’s, série a qual possui grande respeito e fãs quando o assunto é FPS tático. Este título, como já disse, é um jogo de tiro tático aonde temos operadores representando as forças especiais de diversos países agindo em missões contraterroristas, os quais usam de diversos equipamentos e estratégias para atingirem seus objetivos.

    Falando desta forma parece que o jogo possui um enredo interessante, e realmente possui uma base promissora, mas nada explorada. O jogo é exclusivamente multiplayer atualmente, tendo modos tanto coop como pvp, porém nada single. Na verdade o único conteúdo single é o modo cenários, o qual praticamente são missões tutoriais para situar o jogador dentro do game.


    No modo pvp, é time de operadores contra operadores, seguindo basicamente uma estrutura única, variando apenas o objetivo que pode ser com bomba, refém ou assegurar o local.

    Já no modo PVE, temos a variação entre 4 modos, e estes podem ser jogados em 3 níveis de dificuldade diferentes.


    Os operadores são vastos, cada um possuindo seus próprios conjuntos de armas, equipamentos e habilidades especiais. Vale salientar que as habilidades é o único item citado que não se repete entre os operadores.

    E por fim os mapas, os quais são em uma quantidade satisfatória, com designs bem diferentes uns dos outros e com uma ambientação rica em detalhes.


    Agora falando de gameplay. Somando modos de jogo, mapas e operadores temos combinações praticamente infinitas, acompanhada da influência do jogador. Pois se for analisar em quantidade, é pouco conteúdo que o jogo possui e poderia ser cansado fácil, mas não é essa a realidade. O jogo já está em seu terceiro ano com uma comunidade bem ativa. O motivo disso, é que R6 proporciona para o jogador, um nível de combate tático e adrenalina não visto igual em outros jogos do gênero. Pois cada elemento do cenário e presente nele, pode ser decisivo para a partida.


    Mas nem tudo é flores. Mesmo em seu terceiro ano, o jogo ainda possui uma boa quantidade de bugs e as vezes péssimos desempenhos nos servidores. São dois fatores, que caso seja você a vítima, podem estressar bastante dependendo de sua jogatina. E outro aspecto não muito positivo, é que dependendo do seu gosto pelo game e a quantidade de horas investidas, você precisará frequentemente (ano a ano) comprar pacotes de operadores, pois para muitos jogadores você não possuir todos os operadores possíveis é um ponto negativo para seu gameplay. Por exemplo, eu comprei a versão start, a qual é mais barata atualmente, e eu me contro com apenas 5 operadores até o momento. Tenho que ser sincero que as vezes o fato de não ter mais, me entristeceu, mas, com certeza, aproveitei muito bem o jogo, pois joguei com amigos e eu sempre levei ele de forma bem casual. Então caso você queria ser um jogador mais ativo, fuja da versão start, pois ela limita e muito o seu avanço em operadores.


    É evidente que existem muitos outros detalhes que eu poderia citar, mas deixarei para vocês descobrirem. O game é bom, com certeza recomendo, mas peço que analise principalmente que tipo de jogador você é, e quantas horas estais a fim de investir no jogo. Pois esses dois fatores são importantes para qual versão você comprará, como também se a presença de amigos será necessária ou não, porque tenha certeza, o jogo é em equipe e não faz sentido jogá-lo de outra forma.

    Espero que meu texto tenha ajudado. Um abraço e até a próxima.

    Tom Clancy's Rainbow Six Siege

    Platform: PC
    127 Players
    99 Check-ins

    6
    • Micro picture
      luannergino · about 1 year ago · 2 pontos

      Boa, amigo não sei como funciona no PC, creio que deve seguir a mesma ideia, você diz que o pacote 'start' lhe dá 5 operadores, mas são 'originais', ano 1 ou 2? Por que no PS4 liberou todos os operadores 'originais', e todos itens como mira/cabo... pra todos os operadores (incluindo ano 1, 2 e 3). Esse jogo realmente não enjoa, principalmente jogando com amigos....

      1 reply
  • jhonatasantos Jhonata Santos Oliveira
    2018-03-14 14:02:49 -0300 Thumb picture

    Comentando sobre...

    Olá pessoal. Venho escrever mais um texto comentário, e a experiência da vez é sobre o game The Hunter Primal.


    Para quem não o conhece, trata-se de um jogo de caça, pertencente a franquia The Hunter, a qual é desenvolvida pela Avalanche Studios e a Expansive Worlds. A diferença dele para seus irmãos de série, é que ele não usa apenas o fato de você ser um caçador, mas também de sobreviver dentro do ambiente hostil. Eu poderia falar mais detalhes sobre ele, porém o seu texto de apresentação na loja steam é autoexplicativo e descreve bem a sua proposta. Então caso você esteja vendo esse meu texto no alvanista, deixarei o link da loja steam ao final do texto para você conferir o jogo.

    Como não vou falar dos detalhes de apresentação, vamos para os detalhes em gameplay. O jogo possui uma bonita ambientação, é bem trabalhado na questão sonora, tem propostas interessantes de gameplay, porém para por ai. Pois no aspecto caçar, as desenvolvedoras mostram que não tiveram o mesmo empenho em seu desenvolvimento como teve nos outros títulos da série. Claro que estamos falando de dinossauros, e a sua IA não funcionará como qualquer outro animal comum de nossa realidade, porém não faz sentido que elementos de caça tenham sido dispensados do jogo, como também a IA de nossos inimigos se comportem de forma tosca, pois normalmente o dinossauro mais te encontra do que ao contrário, e quando eles estão prestes a morrer simplesmente correm do mapa ao ponto de sumir da sua vista e isso se tornar uma perseguição sem fim. Você poderia me dizer que o motivo disso ocorrer seria os equipamentos inadequados para realizar a caça, e isso é verdade. Mas o jogo atualmente não proporciona a sua evolução de equipamentos. O motivo disso é um bug de save que vem ocorrendo para maioria da comunidade. Esse bug não permite que seu progresso no jogo seja salvo, sempre resetando praticamente partida por partida o seu avanço. Então independente do que você explore, quantas horas de jogo você jogue, sempre ao retornar você começará tudo do zero novamente. Esse bug já foi reportado, até a última atualização feita no jogo foi para teoricamente resolver isso, porém nada funcionou e jogo permanece assim por mais de um ano.

    Não posso desconsiderar a proposta boa do jogo e os elementos bem desenvolvidos, porém a experiência como um todo deixa um pouco a desejar e para piorar temos esse bug que ataca diretamente o que poderíamos ter como experiência divertida e recompensadora no game.

    Eu espero muito que as desenvolvedoras abrem seus olhos para o seu título e salve o jogo. Eu tenho total certeza que elas possuem competência pra isso. Agora é só aguardar para quem já possui o jogo. E para aqueles que estão pensando em comprar, pesquisem as condições citadas no texto antes de compra ló, pois é possível que nada tenha mudado até o período de sua compra.

    Espero que tenham gostado de meu texto comentário. Tenho dois links importantes a seguir, o da loja steam, e de outro texto comentário que li e me ajudou a conhecer a situação atual do jogo, não deixem de acompanhar.

    Loja steam: http://store.steampowered.com/app/322920/theHunter_Primal/


    Alvanista: http://alvanista.com/marcusmatheus/posts/3437004-the-hunter-primal-porque-e-legal-mas-voce-nao-deve-comprar

    theHunter: Primal

    Platform: PC
    5 Players

    8
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...