jack234

Retro gamer especializado em JRPGs por turnos! Membro da equipe oldschool.

Você não está seguindo jack234.

Siga-o para acompanhar suas atualizações.

Seguir

  • 2018-12-16 05:49:55 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Planilha de traduções de RPGs atualizada (16/12)

    Medium 604033 3309110367

    Aventureiros,

    É com muita alegria que na atualização de hoje eu trago, entre outros, a confirmação de que o Ni no Kuni do DS finalmente foi traduzido para o inglês! O jogo nasceu de uma colaboração entre o Studio Ghibli, responsável por animações incríveis como A Viagem de Chihiro, e a desenvolvedora Level-5, conhecida por jogos como Professor Layton e Yo-Kai Watch.  À época do lançamento uma das coisas que dificultaram a vinda de Ni no Kuni: Shikkoku no Madoshi é que ele precisava de um livro para ser jogado, o que cada cópia japonesa trazia -- algo que não só encarecia o custo de produção mas também ajudava a combater a pirataria em um período que R4 e Acekards estavam bem estabelecidos; dá pra notar que o tamanho da caixa dele é diferente justamente por trazer esse conteúdo, vide este unboxing

    Apesar de já podermos conhecer a jornada de Oliver desde 2013 graças a versão do PS3, as diferenças do portátil ainda me empolgam em jogar o título como originalmente conceitualizado. O pdf do livro, claro, está disponível para download junto com o patch de tradução!

    Além de "Ni no Kuni: The Jet Black Mage" a planilha foi atualizada com mais 19 jogos, incluindo:

    * Final Fantasy XII: The Zodiac Age (PC), Português

    * Torchlight (PC), Português

    * Majin Tensei II: Spiral Nemesis (SNES), Inglês

    * Metal Max (NES), Inglês

    * Xenosaga Episode I - Der Wille zur Macht (PS2), Português

    * Farland Symphony (PC), Inglês

    * Dust: An Elysian Tail (PC), Português

    * Final Fantasy Tactics: The War of the Lions (PSP), Inglês

    * Ganbare Goemon Gaiden: The Missing Golden Pipe (NES), Inglês

    Link:

    https://docs.google.com/spreadsheets/d/1WXlPiCOFLO...

    Obs.: lembrando que as últimas adições ficam destacadas em verde na planilha, sempre.

    [@jvhazuki]

    Ni no Kuni

    Plataforma: Nintendo DS
    139 Jogadores
    2 Check-ins

    33
  • carlospenajr Carlos Pena
    2018-12-10 08:12:47 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Tradução completa após 4 anos

    Bem, eu não sei se essa versão do DS é a mesma do PS3 (pelo que eu li, são jogos diferentes, mas não dá pra dar certeza).
    De qualquer maneira, lançaram uma tradução por fã, então segue o link com a noticia original e os links de download:

    https://gbatemp.net/threads/ni-no-kuni-ds-fan-translation-completed-after-4-years-of-work.525748/?fbclid=IwAR1ouymscgx-Hs2hAh-ZyyNXSTeZNKa87AjLX4GQv9OO51D8CkqrsnvB5Fo

    Ni no Kuni

    Plataforma: Nintendo DS
    139 Jogadores
    2 Check-ins

    18
    • Micro picture
      manoelnsn · 9 dias atrás · 1 ponto

      Vi pessoas reclamando de bugs, depois vejo isso melhor porque quero jogar o primeiro game pra pegar o segundo pra pc

      1 resposta
    • Micro picture
      santz · 9 dias atrás · 1 ponto

      Interessante. Vou dar uma olhada depois.

    • Micro picture
      xch_choram · 9 dias atrás · 1 ponto

      Tradução para o inglês? Ja tinha em espanhol antes.

  • _gustavo Luis Gustavo Da Luz
    2018-12-10 12:46:30 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Remake de Panzer Dragoon I e II em produção

    A Sega formou uma parceria com a Forever Entertaiment para produzir e distribuir os remakes de Panzer Dragoon I e II Zwei.

    Nenhum plataforma foi anunciada até então, mas segundo a Sega, o primeiro jogo deve chegar no final de 2019 e o segundo apenas em 2020.

    Mais novidades virão durante o próximo ano

    Panzer Dragoon

    Plataforma: Sega Saturn
    237 Jogadores
    4 Check-ins

    43
    • Micro picture
      mastershadow · 9 dias atrás · 2 pontos

      Olokooooooooooo

      3 respostas
    • Micro picture
      jack234 · 6 dias atrás · 2 pontos

      Que coisa linda! Bom demais! Show! Aqui na torcida para capricharem!

    • Micro picture
      fredson · 9 dias atrás · 1 ponto

      Que inesperado...

  • 2018-12-08 21:29:37 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Aviso importante

    Galera a rede ta uma porcaria esses dias.

    Pra não perdemos contato além do facebook tem essa nova rede social de games pra ajudar de "backup" tbm.Não é lá grande coisa,mas ao menos da pra fazer postagem e postar do que ta jogando ou algo relacionado a jogo (ou não) lá.

    Recomendo todo mundo entrar no grupo do Alvanista refugiados lá.

    Honestamente não quero perder ninguém aqui,mesmo que eu não interaja com todo mundo :/

    https://gamerbook.com.br/gb/stream/item/712.html

    O Site é a Gamer Book.Pesquisem o grupo lá do Alva.Sò diga teu nick lá.Aqui ta conturbado ultimamente...

    107
  • 2018-12-01 22:06:31 -0200 Thumb picture

    CHECK OUT FFIV

    Finalizado!

    Como eu sempre demoro mais do que devia, levei 64h para completar esse game. Fiz alguns achievements, mas não tudo, pois não achei necessário, como matar zilhares de inimigos para conseguir alguns equips drops mais fortes do jogo, mas que não fizeram falta nenhuma.

    Vamos às conquistas:

     - LVL 99 com todo mundo;
     - Lunar Ruins completo (todos os trials e itens + Brachioraidos pra vala);
     - Bons equips;

    Gostei do jogo e percebe-se uma clara evolução na história em relação aos FFs anteriores, mais séria e com boas reviravoltas.

    O sistema de batalha não muda muita coisa, aliás, a minha principal crítica com a série, já que na maioria dos games da franquia, é tudo bem simples, com espadadas e magias, mas sem aqueles skills bonitos, exceto pelo FFVI e FFVII.

    Os gráficos nessa versão estão sensacionais, sendo para mim a melhor opção do FFIV.  As músicas são bem legais também.
    Joguei o FFI (GBA) e FFIII (NDS), entre esses o FFIV é bem superior.

    Enfim, um JRPG bastante recomendado.
    De FF já joguei então FFI, FFIII, FFIV, FFVI, FFVII, FFVIII, FFIX e FFX.
    Com essa versão vem mais o capítulo Interlude (que já estou jogando) e o After Years, que devo começar em seguida.

    Show!


    Olha os nomes das feras!

    Final Fantasy IV: The Complete Collection

    Plataforma: PSP
    686 Jogadores
    150 Check-ins

    12
    • Micro picture
      raxgmr2 · 17 dias atrás · 2 pontos

      Ótimo xD.Eu zerei a versão de DS com LV99 com todo mundo a 2 anos atrás (que eu me lembre pelo menos.) Excelente jogo.Pra min achei genial terem chutado o balde logo de apenas os cristais ser 200% o foco do game e terem levado mais consistência e reviravoltas no enrendo.Foi uma evolução e tanto ao meu ver (pena que no 5 decariam pq é o mesmo plot do FF3 e do FF1 :/.)

      Tu curtiu mesmo heim? vai pegar as sequências direto mesmo? Não joguei elas mas boa sorte ai haah xD õ/

      4 respostas
    • Micro picture
      fonsaca · 17 dias atrás · 2 pontos

      Mandou bem! Logo terminará todos FFs!
      kkkkkk

      10 respostas
    • Micro picture
      ryou · 16 dias atrás · 2 pontos

      Tem um port do III pra PSP que ta muito mais bonito que o original de DS, aproveite.

      1 resposta
  • neilson1984 Neilson Lopes De Carvalho
    2018-11-11 23:05:31 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Conheça Micro Mages – O novo jogo de NES

    Medium 3684641 featured image

    O estúdio alemão Morphcat Games, composto pelos desenvolvedores Julius Riecke e Nicolas Bétoux, conseguiu atingir em mais de 1000%, eu disse MIL POR CENTO o seu objetivo no financiamento coletivo do kickstarter para o seu futuro jogo retrô, Micro Mages. Eles conseguiram alcançar uma contribuição de €151.167 em uma campanha que tinha o objetivo de arrecadar €15.000.

    Mas o que isso tem de tão especial?

    Ao contrário de jogos retrôs recentes famosos por sua qualidade, como Shovel Knight, Axiom Verge e …, Micro Mages é um jogo 8 bits e será lançado, acreditem, para o NES/Famicon! E, terá versão digital (ROM para download) e física, ou seja, cartucho, caixa e manual.

    Veja o trailer abaixo. E, depois de juntar o seu queixo no chão, continue lendo para mais ficar ainda mais impressionado.

    Como se não bastasse essa fluidez e arte sensacionais, a empresa ainda tem o objetivo de suportar multiplayer cooperativo local para até quatro jogadores. Para isso usará os periféricos NES FourScore e Hori 4-player adapter. O mais impressionante: fazê-lo caber em um cartucho de apenas 40 KBytes!

    Esse é o tamanho de jogos que o NES suporta sem o uso de mappers, os chips que permitiam o NES acessar mais memória no cartucho, entre outras melhorias. Era o caso de jogos como Super Mario Bros, Balloon Fight e Ice Climbers, todos de 1985, ainda no início da vida do console.

    Para empacotar essa lindeza em tão pouco espaço eles tiveram que usar técnicas bem espertas de otimização de sprites e criação de cenários com agrupamento de tiles, algo que eu não conseguiria explicar em um post, mas quem entende um pouco de inglês pode conferir no vídeo abaixo onde eles explicam muito bem:

    47
    • Micro picture
      jack234 · 1 mês atrás · 4 pontos

      Caramba! Confesso que me emocionei! Quanto capricho! Ou eu sou muito doente, ou então não sei o que dizer, pois digo que fico mais feliz com um lançamento de um jogo assim do que com novos jogos em ultra realismo cheios de DLCs...

    • Micro picture
      natansouza · 1 mês atrás · 3 pontos

      Que iniciativa top! Um jogo foda e ainda por cima lançado para um console retrô, parabéns para a equipe de desenvolvimento da Morphcat Games!

    • Micro picture
      artigos · 1 mês atrás · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • 2018-10-31 00:15:09 -0200 Thumb picture

    Venda TV 21" Tela Plana Gamer! VENDIDO!

    VENDIDO AMIGUINHOS! Consegui pelo ML. Espero que chegue sã e salva no destino, já que vai ser levada pelos Correios. Kkkkk

    Pessoal,

    Estou vendendo uma TV de 21" Tela Plana Ultra Slim da Toshiba. Ela é bem pouco usada, visto que eu e a patroa quase não assistimos TV. Bastante conservada. Vem com controle remoto. É um dos últimos modelos de tubo que saiu, então é uma boa opção para a galera retrogamer que gosta de usar os consoles das gerações anteriores.

     - Entrada video componente

     - Ultra Slim

     - Tela Plana

    - Frete Grátis pelo Mercado Envios (ver disponibilidade para a sua região)

    Segue o link do anúncio:

    https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1128959487...

    25
  • 2018-10-21 21:46:06 -0200 Thumb picture
    <p>Faz tempo que não posto nada, mas estou na ativa - Alvanista

    Faz tempo que não posto nada, mas estou na ativa dos games!

    Estou jogando o FFIV na versão do PSP.  O game tá legal e percebe-se uma evolução na narrativa em relação ao FFIII. Mais maduro e sombrio, o jogo mostra o conflito com mortes e traições. As batalhas continuam no mesmo esquema do III, mas agora as profissões estão fixas por personagem. As dungeons me dão dor de cabeça as vezes com os níveis mais a frente da mesma, ou seja, os mais próximos dos bosses com inimigos mais fortes, me fazendo voltar para recuperar HP em algum lugar ou gastar cotages/tents.

    Já estou no último dungeon e quero fazer o dungeon extra que colocaram assim que terminar o jogo. Tem tbm o episódio Interlude e o jogo After Years que eu devo jogar em seguida, já que esse estou com +- 40h e  esperava que fosse durar uns 80h.

    É isso! Mais um dessa franquia que deve ser finalizado em breve! Show!

    Final Fantasy IV: The Complete Collection

    Plataforma: PSP
    686 Jogadores
    150 Check-ins

    14
    • Micro picture
      manoelnsn · 2 meses atrás · 2 pontos

      A média dos RPGs da época era essa mesmo: 40 horas. O Interlude é pequeno e o after years devem ser mais umas 20 horas.

      FFIV foi o primeiro grande game da franquia, foi nele que finalmente ultrapassaram o rival, Dragonquest

      1 resposta
    • Micro picture
      lendaryo · 2 meses atrás · 2 pontos

      Aproveita q outro desse é difícil achar..

      1 resposta
  • joanan_van_dort Joanan Oliveira Batista
    2018-09-20 08:58:17 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Retrocompatibilidade na geração atual? Isso não faz sentido!

    Medium 3672513 featured image

    Essa questão é batida tanto pelos saudosistas, os chamados retro gamers (como eu), que adoram os consoles antigos, quanto pelos jogadores que começaram na geração anterior ou ainda na atual. Tenho visto há um bom tempo essa "treta" rolando por aí e ganhando status de tempestade em copo d'água quando algum executivo toca no assunto ou quando alguém ressuscita essas declarações.
    Vou usar essa imagem do Jim Ryan, do início de 2017, por ela ser a mais comum que roda por aí atualmente, mas só pra exemplificar. E só para exemplificar! E concordar com ele no tocante à questão principal! Vejam! Do ponto de vista do mercado de games, essa comoção por retrocompatibilidade não faz o menor sentido, e vou mostrar os principais motivos disso, tanto atuais quanto retrôs.

    https://jogos.uol.com.br/ultimas-noticias/2017/06/...

    Vamos lá!
    O Xbox tem retrocompatibilidade. Quem usa? Menos de 6% dos usuários! (Dados da própria MS!). Esse numero é MUITO pequeno se pararmos pra pensar no custo de produzir e manter essa capacidade perfeitamente funcional. Semelhante à isso, o WiiU tinha retrocompatibilidade, mas quem tinha o console quase não usava também! Eu mesmo usei pouquíssimas vezes e vou continuar usando pouco, mesmo com o Wii desinstalado. E mais um: Quem tem o PS3 não usa a retrocompatibilidade dele com o PS2 e nem com o PS1 (presente no primeiro modelo). Minha situação em relação à ele é igual à do WiiU/Wii. E a minha pergunta olhando pra esse cenário é: Realmente tinha que ter retrocompatibilidade na geração atual? A maioria das pessoas quer só pra dizer que tem, usar que é bom...

    Além do mais, retrogamers como eu acabam usando os consoles antigos mesmo, ou então emulação no PC, no celular ou num Rasp, Ouya ou similar da vida. Então fuck-se retrocompatibilidade na geração atual! Nós, retrogamers, também não usamos!

    Outro adendo: Retrocompatibilidade serve também pra encarecer o produto. É preciso trabalhar a adaptação de arquitetura, resolução, cores, brilho, som, saída de imagem e áudio e etc., uma série de coisas realmente custosas e demoradas. Aí sai o console com retrocompatibilidade nativa a U$400 e o povo chia! "TÁ CARO! NÃO VOU COMPRAR! BLA BLA BLA!", mas custa dinheiros botar essa geringonça lá dentro, ter um sotware que realize o trabalho, fazer atualização e etc. Ou seja, tirando lá os menos de 6% que realmente fazem uso dessa capacidade, financeiramente não tem sentido fabricar um aparelho que rode fisicamente ou digitalmente  jogos antigos. Até porque todo mundo compra jogos da geração anterior, né? É mais barato remasterizar um game e colocar nele funcionalidades modernas e ajeitar gráficos e gameplay, deixando pronto pra todo mundo, do que trabalhar toda uma biblioteca ou uma nova plataforma pra aceitar os jogos das anteriores.

    Mais um ponto: A MS trouxe jogos desde o Xbox clássico para o One e adivinhem, quase não vendeu, ela teve que DAR os jogos digitalmente. E mesmo assim quase ninguém jogou. É.

    Outra coisa incoerente que retrogamers sempre fazem: Antigamente, nos consoles que adoramos, praticamente não tinha retrocompatibilidade nativa nos consoles, era um ou outro lá antes do NES, os outros eram sempre com algum adaptador que nem sempre funcionava direito e algumas vezes até dava problema no videogame. Depois disso só foi começar pra valer no PS2 que rodava PS1, no Wii que rodava Gamecube e no 360 que rodava Xbox, ou ainda no Gameboy Advance que rodava Gameboy e Gameboy Color. Nos portáteis da Nintendo isso realmente fez diferença, pois os jogos mais antigos continuaram sendo vendidos substancialmente mesmo com o aparelho novo no mercado. Mas como o assunto é console de mesa, acaba não importando tanto também neste tópico. E, falando de novo dos consoles, a gente jogava jogos das gerações anteriores neles, claro. Todo mundo que tinha um PS2 jogava muito PS1 nele, ou ainda no campo dos periféricos, quem tinha Mega Drive usava o adaptador de Master System, óbvio... que não. Fora necessidade de início de geração ou falta de dinheiro pra jogos novos, a intenção é sempre comprar um aparelho novo pra jogos novos.

    Ou seja, retrocompatibilidade NUNCA foi importante. A gente que é tonto.

    Finalizando o assunto: Quem quer jogos antigos procura emulação ou aparelhos antigos! E quem tem a geração atual não está interessado em jogar nele jogos da geração anterior, talvez queira 2 ou 3 jogos que gosta muito, às vezes nem isso! Que dirá das mais antigas! É mais nostalgia do que necessidade ou um desejo real, que vai mover uma ação longa. Em suma, não tem lógica pedir por retrocompatibilidade em videogame novo, só faz o aparelho ficar mais caro do que deveria e encher o saco dos outros com coisas que provavelmente vai usar meia dúzia de vezes e largar lá, mofando para todo o sempre.

    32
    • Micro picture
      fabianoreng · 3 meses atrás · 6 pontos

      Eu concordo que a retrocompatibilidade nunca foi um fator decisivo na escolha de console, mas discordo em se basear uma opção somente por uma plataforma como o Xbox da Microsoft em que se diz apenas 6% usa. Primeiro pq a Microsoft representa uma pequena parcela do mercado de consoles atual, segunda por ela ter surgido apenas final de 2001, o que logicamente a faz possuir uma menor biblioteca de jogos com interesse de um publico com retrocompatibiliade. Em minha opinião deveria pelo menos existir uma opção assim como hoje tem "Xbox X" e " PS4 Pro" uma versão de um console com retrocompatibilidade, ai sim teríamos uma boa base de dados para falar se é totalmente irrelevante ou não a retrocompatibilidade na cena atual. Eu gostaria muito de uma opção de PS4 que rodasse jogos PS1+PS2+PS3, bom pelo menos eu acho que muitos gostariam também.

      4 respostas
    • Micro picture
      jesspras · 3 meses atrás · 6 pontos

      O pessoal qse não usa a retro...mas acho legal ter essa opção..um "plus" a mais no console..sem contar q se o cara tiver os jogos guardados pode simplesmente botar no console e jogar..sem gastar a mais por isso

      4 respostas
    • Micro picture
      filipessoa · 3 meses atrás · 5 pontos

      "Por que alguém jogaria isso?" Disse a mesma empresa que lança remaster de jogo antigo. Ou isso só vale quando convém?

      3 respostas
  • 2018-09-16 21:22:23 -0300 Thumb picture

    AJUDA! Mario &Luigi RPGs

    Fala galera!

    Alguém já jogou todos os jogos do Mario & Luigi para me dar um help em qual o melhor para iniciar, considerando história?

    Só pra ajudar a lembrar, sei que são os seguintes games:

     - Mario & Luigi: Superstar Saga GBA (2003)

     - Mario & Luigi: Partners in Time NDS (2005)

     - Mario & Luigi: Bowser's Inside Story NDS (2008)

     - Mario & Luigi: Dream Team 3DS (2013)

     - Mario & Luigi: Paper Jam 3DS (2015)

    Valeu!

    Mario & Luigi: Superstar Saga

    Plataforma: Gameboy Advance
    1673 Jogadores
    90 Check-ins

    22
    • Micro picture
      wilford_fernandes · 3 meses atrás · 3 pontos

      fehcei todos jah... como o jclove falou vc pode jogar em qualquer ordem pois sai historias fechadas... ams eu jgouei e geralmente o faço em ordem cronologica q assim vou acompanahndo a evolução das mecanicas do jogo ;p acho masi legal ;p

      2 respostas
    • Micro picture
      jclove · 3 meses atrás · 2 pontos

      A ordem de lancamento é essa mesmo . Pelo q sei da pra jogar em qwq ordem pq assim como os jogos normais do Mario as historias se fecham em si mesmo, sem uma cronologia especifica. Diga-se de passagem as hidtorias sao bem rasas, o foco é nas mecajicas e nas piadinhas.

      1 resposta
    • Micro picture
      fonsaca · 3 meses atrás · 2 pontos

      Taí uma série que está na fila pra eu jogar faz tempo, hehehe!

      2 respostas
Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...