2018-10-17 09:43:44 -0300 2018-10-17 09:43:44 -0300

A importância e o desenvolvimento de The Legend of Zelda

Single 3679377 featured image

Quando criança, Shigeru Miyamoto gostava muito de explorar bosques e cavernas, chegou a encontrou um lago uma vez, que foi uma grande surpresa. Na Nintendo, ele foi convocado para criar um jogo ao novo periférico de disquetes do Famicom, o Disk System. O desenvolvimento do jogo The Legend of Zelda começou em 1984, junto com Super Mario Bros., porém, ambos tinham propostas opostas. Enquanto Mario seguia com uma aventura lateral, Zelda seria uma aventura com visão de cima com foco em exploração. O jogo foi lançado junto com o Disk System em fevereiro de 1986. A versão americana veio só em julho de 1987, mas foi o primeiro cartucho a vir com uma bateria interna para salvar a jornada.

 The Legend of Zelda foi o responsável por popularizar o gênero de RPG com ação, trazendo uma fórmula simples, um mundo gigantesco e cheio de segredos. Foi o primeiro jogo de mundo aberto para consoles, dando uma total liberdade ao jogador desde o início. Para forçar a interação com o mundo, Link começa sem nenhuma arma, mas a tela inicial apresenta uma caverna. Lá dentro, podemos interagir com um velho e receber uma espada. Porém, é possível finalizar o jogo sem pegar a espada. Para aumentar ainda mais o fator replay do jogo, é habilitado o modo Master Quest após finalizar o jogo pela primeira vez. Além de mais difícil, algumas dungeons do jogo ganham o formato de cada letra do título, ZELDA.

 O nome do protagonista, Link, foi pensado no elo do jogador com aquele mundo. Zelda foi inspirado na esposa do romancista Francis Scott, Zelda Fritzgerald. Uma mulher bonita e de atitude, além de um nome impactante. O enredo foi escrito por Takashi Tezuka, que trabalhou em Super Mario Bros. e trouxe uma trama épica, onde o herói devia desbravar Hyrule para recuperar todas as partes da Triforce da Sabedoria espalhada em masmorras por Zelda antes de ser capturada pelo demônio Ganon. Ao final do jogo, Link deve pegar a flecha de prata, derrotar o vilão e salvar a princesa. A trilha sonora do jogo foi composta por Koji Kondo, que também trabalhou em Super Mario Bros. e trouxe um dos temas mais marcantes da história.

 O jogo foi um tremendo sucesso no Japão, mas principalmente nos EUA, pois trouxe o primeiro RPG para o console mais popular da época, o NES. Foi o responsável por despertar a paixão dos americanos por RPGs, em especial, com ação e sistema simplificado. Apesar de todos os quesitos revolucionários do jogo, seu maior legado está nos enigmas. Não há apenas segredos que concede alguma vantagem ao jogador, como em Super Mario Bros., mas aqui, são obrigatórios para prosseguir na aventura, pois a maioria das dungeons estão bloqueadas inicialmente e devemos anotar as dicas oferecidas pelos NPCs de Hyrule, além do próprio design do mapa e uso de itens específicos em locais únicos.

@andre_andricopoulos, @filipessoa, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @velhoretrogamer, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @luizkorynga, @marlonildo, @joanan_van_dort, @zak_yagami, @volstag, @manoelnsn, @shuichi, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @fredson, @kb [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

75
  • Micro picture
    manoelnsn · 28 dias atrás · 4 pontos

    Zelda é um puta jogo mesmo! E vão aparecer pessoas tendo ADP porque tu disse que Zelda é RPG, hein? Huahuaua

    11 respostas
  • Micro picture
    joanan_van_dort · 28 dias atrás · 4 pontos

    E a Nintendo revoluciona de novo o mundo dos games trazendo aventura em mundo aberto num jogo de fantasia, aventura e exploração. A fonte foi aberta e muita gente bebeu dela ao longo das últimas décadas.

    2 respostas
  • Micro picture
    artigos · 28 dias atrás · 3 pontos

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • Micro picture
    darlanfagundes · 28 dias atrás · 3 pontos

    Esse sim é um jogo sem precedentes!

    1 resposta
  • Micro picture
    kb · 26 dias atrás · 3 pontos

    Esta matéria é importante por evidenciar que uma das principais influências de Miyamoto na criação de seus jogos são experiências que o mesmo vivenciou em determinados momentos de sua vida. Uma outra série também criada por Miyamoto e que nasceu de maneira similar a Zelda foi Pikmin, quando Miyamoto observava formigas em seu jardim. O primeiro Zelda, assim como o primeiro Metroid foram importantes pelas inovações e por lançarem as bases destas séries, mas ambas as séries somente alcançaram níveis elevados de excelência a partir de suas sequências no SNES com respectivamente The Legend of Zelda: A Link to the Past e Super Metroid (ou Metroid 3) que foram absurdamente melhores que os jogos iniciais do NES. Esta é uma das facetas pela qual eu e várias pessoas consideramos o SNES o melhor console da Nintendo, pois ele melhorou absurdamente diversas boas coisas lançadas pelo seu antecessor. Já com o Nintendo 64, infelizmente, o que houve foi um declínio no padrão de melhorar aquilo que veio do antecessor. Exemplos: sequer houve algum Metroid no N64 e quanto a Zelda Ocarina of Time, embora um jogo celebrado e o primeiro da série em 3D, existem controvérsias sobre ele ter sido melhor que A Link to the Past, enquanto, diferentemente, existe consenso sobre A Link to the Past ser um jogo bastante superior àquilo que foi apresentado pelo primeiro Zelda e Super Metroid, igualmente, ser bastante superior ao que foi apresentado no primeiro Metroid. O Mario 64, outro medalhão do N64, embora também celebrado pela inovação no 3D (cuja importância e influência em posteriores jogos 3D é inegável), como jogo em si, existem pessoas que preferem Super Mario World do SNES e alguns o Super Mario 3 do NES e mesmo na seara dos jogos 3D, há aqueles que prefiram sequências posteriores como Super Mario Galaxy 1 e/ou 2.

    1 resposta
  • Micro picture
    andre_andricopoulos · 28 dias atrás · 2 pontos

    Nunca joguei...mas virou paixao internacional.
    Gosto muito do Wind Waker...

    2 respostas
  • Micro picture
    lordsearj · 26 dias atrás · 2 pontos

    A Link to the Past foi o ubico Zelda que zerei ate hoje. Joguei um monte dos outros, maa nao ate o final. Sempre pq estava jogando outra coisa e um Zelda vale uma dedicação. Voltarei neles ainda, jogando cronologicamente.

    1 resposta
Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...