2017-08-30 09:10:11 -0300 2017-08-30 09:10:11 -0300

Fairchild Channel F: O primeiro console com cartuchos intercambiáveis

Single 3533133 featured image

A empresa Fairchild Semiconductor foi uma das pioneiras na criação de tecnologias de chips de circuitos integrado. Eram transistores muito mais eficientes do que as gigantescas válvulas presente nos primeiros mainframes. Vendo o sucesso de Pong, ela começa a desenvolver um aparelho com um conceito muito diferente dos atuais consoles existentes no mercado. Ao invés dos jogos estarem programados no próprio videogame, eles estariam em uma memória ROM dentro de um cartucho separado e o console ficaria responsável pela leitura desses cartuchos. Com esse novo conceito, em 1976, tem-se início a Segunda Geração dos Videogames com o novo console de cartuchos intercambiáveis da história, o Fairchild Channel F.

 O console era repleto de funções novas quando se comparado a seus concorrentes. Ele havia 5 botões, sendo um para ligar o videogame e os outros 4 para funções que alteram os jogos, como determinar um tempo de jogo, iniciar um novo jogo ou outras ações específicas. Era possível também escolher um dos 2 jogos que já vinha na memória do aparelho. Na parte direita do console estava o seu grande trunfo, uma entrada para cartuchos e um botão de ejetar logo abaixo dele. O cartucho entra de lado, como nos aparelhos de VHS. O console era todo preto com partes de madeira em sua lateral. Dentro dele, havia uma CPU Fairchild Semiconductor F8, que rodava a 1.79 MHz e 64 Bytes de memória RAM.

 Os controles era outro ponto que chamava bastante atenção. Eles eram destacáveis, assim como no Odyssey, e possuíam um formato lembrava um microfone. Na ponta, havia um manche que podia ser girado em 8 eixos e também ser girado como um paddle, para quem está acostumado a jogar Pong e outros jogos que eram operados dessa forma. Além disso, essa ponta podia ser pressionado ou puxado, para executar comandos de ação nos jogos. O controle foi projetado para que o jogador tenha liberdade de movimentação, sem precisar fixá-lo numa base. Os cartuchos eram cobertos com uma carcaça de plástico amarelo. Eram numeradas e haviam pequenos desenhos que dava uma noção dos jogos.

 Ele vinha com 2 jogos na memória já bem tradicionais para os jogadores, Tennis e Hockey, mas com leves diferenças na forma de jogar, onde podemos mover a palheta livremente pelo cenário e também gira-la. No final desse mesmo ano, foram lançados 3 cartuchos com jogos completamente diferentes entre si. O nº 1 foi o Tic-Tac-Toe & Shooting Gallery, o nº 2 foi o Desert Fox e o nº 3, Blackjack. Todos eles com cores bem definidas e vivas, um avanço incrível se comparado com os outros jogos já visto. A resolução dos jogos eram de 128x64 pixel com até 8 cores simultâneas. Alguns deles possuíam uma inteligência artificial para controlar o segundo player, algo inédito para consoles caseiros. Tanta inovação tinha um preço, aproximadamente US$ 170,00.

@andre_andricopoulos, @filipessoa, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @augusto_sander [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

54
Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...