2018-02-03 19:18:09 -0200 2018-02-03 19:18:09 -0200
hard_frolics David Waters

Inafune não é pai de Mega Man!

Single 3597735 featured image

Muita gente idolatra ou odeia Keiji Inafune, e não da pra culpar a galera, pois muita gente o considerava pai da franquia e viu o que ele fez em Mighty No. 9 em questão de grana recebida, proposta e entrega do trabalho como uma afronta. Bem, o que ele fez em MN9 em questão de arrecadação de grana pro que ele entregou é uma sacanagem, aí cabe a você julgar o jogo...

Mas o por que disso? Inafune é um no geral péssimo produtor / diretor! Inafune é desenhista, criador de conceitos e personagens, e não o cara cabeça, e aí que entra a 'minha parada' com ele, o problema não é considerarem ele o pai pela falta de disposição de informações, o problema é ele se considerar o tal!

A galera aqui do Alvanista é inteligente, por mais que eu não converse com muitos dos membros ativos, ou mesmo não queira terc ontato com alguns, tenho de fazer essa ressalva que é um publico de games que no geral entende o suficiente / muito bem do assunto, diferente do publico médio que vemos em paginas / grupos do Facebook, e não é elitismo, tanto que muitos nem gostam de interagir na internet sobre isso fora daqui, e por que estou falando isso? Por que vocês vão sacar o que vou falar agora.

Todo mundo sabe que a partir da difusão dos jogos eletrônicos, sua produção não dependia de uma pessoa só desde que as empresas foram formadas, ou seja, havia um grupo por trás de cada jogo, e cada membro era importante, certo? Assim como também existam as personalidades que mereçam destaque por suas mentes criativas, por serem o cerne de franquias, como Shigeru Miyamoto, e por mais que não caia no meu gosto pessoal, Hideo Kojima, são caras relevantes quando se trata de falar que são as mentes por trás de franquias, mesmo que incomode um pouco essa coisa de colocar tudo em cara só, mas Inafune não é tudo isso pra ser tido como o cara de Mega Man!

Lendo mais sobre ele, percebi que ele se tornou muito mais um garoto propaganda do que efetivamente pensava em tudo ou mesmo parecia se aplicar no trabalho. bem então vamos lá para o por que ele não é o pai da franquia usando como base o MM25:

Quando Inafune foi inserido no primeiro Mega Man, o jogo já estava sendo produzido, ou seja, ele não criou a série e ele mesmo deixa isso claro, o que ele fez foi criar Elec Man e Bomb Man, além de claro desenhar os personagens. Então todo esse papo de que "Inafune tinha tais influencias, como astro boy quando ele criou Mega Man" esqueçam, ele não criou o Mega Man, Akira Kitamura sim criou e sabia muito bem o que queria no jogo.

Falando sobre Mega Man 2, Inafune começa a se mostrar um tanto o quando preguiçoso e a reclamar do trabalho. Kitamura teve a ideia de fazer o 2, não foi nem decisão da Capcom mandar fazerem uma sequencia, ele mesmo juntou a equipe foram lá, fizeram e deu no sucesso que deu. Inafune diz que no segundo ano de trabalho ja estava se tornando um mentor, mas caras, será que ele teria essa capacidade ainda mais vindo de um projeto que nem era dele?

Mega Man 3 já não tem o mesmo líder, e Inafune diz que o novo líder não compreendia Mega Man como o antigo (óbvio), logo ele teve que passar tudo pro cara novo, e que foi muito trabalhoso, deu muita dor de cabeça e etc, que ele teve que repassar tudo, que teve problemas com o cara do som pois não tava do jeito que ele queria, que não ficou muito satisfeito com o que Mega Man 3 veio a ser e gostaria de refazer muita coisa do jogo, mesmo, não sendo líder de nada... ta né...

Em Mega Man 4 ele disse ter tido muito trabalho, engraçado pois aí entra o Kaji tbm pra falar e finalmente temos outro ponto de vista. Mega Man 4 teve participação dos fãs, os mandaram ideias de chefes para a Capcom, e Kaji fala de uma forma bem menos exaltada sobre ter que fazer seu trabalho ajustando e melhorando tais desenhos, ou seja, sem reclamações, falando apenas de sua função. Bem, eu percebi que Inafune era muito exaltado aí, querendo falar que fez isso e aquilo, reclamando do trabalho, mas ao mesmo tempo isso foi depois de muitos anos em um livro onde o mesmo não poderia citar as pessoas que trabalharam com ele e não estavam mais na empresa, mostrando respeito apenas ao seu primeiro líder e geralmente reclamando dos demais, por mais que nem fosse a função dele cuidar do que ele diz que cuidou.

Em Mega Man 5 mudou de líder de noooovo, e ele teve que repassar tudo pro cara... Pera, se ele sabia tanto por que ele não liderava o projeto de uma vez? Estranho isso né? Ele mesmo diz que mandava no líder dele dizendo "você não pode fazer isso", e deve ter podado o Ichiro Mihara mesmo, pois o cara tava cheio de boas ideias, ele mesmo veio a mostrar o que não entrou no jogo:

https://www.gamnesia.com/news/mega-man-5-almost-ha...

As ideias novas do Inafune eram coisa recicladas, "Eu pensei em algo novo aqui, aumentar o tamanho do tiro carregado" enquanto o Kaji vem com um comentário mais sensato "fizemos o tiro maior e com mais cores", simples! O jogo é cheio de bons conceitos que na hora de aplicados ficaram um pouco destoantes, o jogo segue a risca a base do 4, logo fica previsível, e o cara que tinha novas ideia foi podado, cês tão sacando né? A critica mesmo desceu o cacete no jogo falando que era mais do mesmo, e olhe que aí sim eu penso que tinha mais potencial, o qual foi desperdiçado...

No Mega Man 6, Inafune diz que não teve nada a ver com o Mr. X o qual era previsível, mas daí nas outras coisas mais bacanas como armaduras ele diz que tava lá firme e forte! Eu tô falando jogo a jogo não sei mais por qual razão, são sempre as mesmas coisas partindo dele, ele se exalta, reclama do trabalho, o que é bom ele tava junto, o que é ruim ele não tava, e se metia onde não era da alçada dele, todo jogo foi assim, continuou sendo assim, e esse cara que mostra não gostar de trabalho e que fala de mais é tido como o pai da parada toda e não como mais um dos que fizeram a coisa toda acontecer... no 7 se repete a mesma coisa e a partir do 8 ele não tem mais envolvimento e não fala mais sobre...

Na série X a maior contribuição dele foi ter criado o Zero, o qual era pra ser o personagem principal, mas ficou tão destoante que X ficou a cargo de outra pessoa. Ele continua dando os pitacos dele no trabalho dos outros, mas o verdadeiro cara por trás de X1, X2 e X3, quem liderava os projetos era o Professor F, Tokuro Fujiwara, criador de Ghouls'n'Ghosts, líder da maioria dos projetos da Capcom para consoles nos 16-bits alias, mentor de Shinji Mikami, esse sim foi o responsável pelo auge da série X. Inafune finalmente se tornou produtor, mas só no X4, onde diz não ter envolvimento nas artes e estar com seu foco realmente na produção e enredo, e convenhamos, o enredo é bom, mas o foco saiu totalmente do X e foi para o Zero, esse foi o sonho de Inafune se concretizando, e a série mudou totalmente, já falei que eu particularmente penso que não foi pra melhor e convenhamos, quem não vê com nostalgia acaba tendo a mesma linha de pensamento... Mas aí que era pra Inafune falar, ele não fala nada, pois é um livro sobre ilustrações, e nunca vi nenhum ilustrador reclamar tanto e querer se meter tanto no trabalho dos outros sem mandar em nada como Inafune! No X5 ele teve influência mas não trabalhou ativamente, nesse ponto eu concordo com ele, era pra ser o fim da franquia, mas aí a equipe ja era outra o jogo mudou tudo de novo, no X6 de novo, X7 de novo e X8... bons ou ruins, foi sem Inafune!

A serie Zero, o sonho de Inafune se concretizando certo? Não, Mega Man Zero foi desenvolvido pela Inti Creates, a única coisa que Inafune fez foi incentivar que a série se tratasse do Zero, de resto, ele não tem ligação com o projeto.

Inafune produtor de Mega Man Legends! Mas não sozinho, nem mesmo o roteiro era dele...

Sabem no que Inafune mandou de cabo a rabo realmente? Mighty No. 9!

Conclusão, Inafune era um ilustrador, mais um cara na equipe entre tantos outros os quais passaram pela franquia, reclamava do trabalho, e se metia nas outras áreas da produção que não eram de sua alçada. Contribuiu muito para a série? Sim, assim como outros também o fizeram, agora, da pra chamar ele de pai de Mega Man? De mente criativa por trás da franquia? Não, Inafune só é pai do Mighty No. 9...

Mighty No. 9

Plataforma: PC
430 Jogadores
90 Check-ins

33
  • Micro picture
    italo_bandeira · 11 meses atrás · 5 pontos

    Resumão da ópera: Inafune é o tiozão que apadrinhou a franquia e ficou com a fama kkk

    Ao menos em BN o cara foi mais ativo (diga-se de passagem) ¯\_(ツ)_/¯

  • Micro picture
    mateusfv · 11 meses atrás · 4 pontos

    O pior é que quando tava rolando o Kickstarter do MN. 9 o Hideki Kamia tentou avisar a galera: https://twitter.com/pg_kamiya/status/249735186936369153, foi a partir desse momento que comecei a desconfiar do Inafune husauhashu

    2 respostas
  • Micro picture
    manoelnsn · 11 meses atrás · 1 ponto

    Se não for mesmo, faz sentido... Afinal dificilmente uma mente capaz de criar uma franquia tão incrível faria um resultado pra lá de questionável como Might Nº 9...

    Só espero que Bloodstained não seja assim também...

    3 respostas
  • Micro picture
    edknight · 11 meses atrás · 1 ponto

    During a special event at TGS 2007, Inafune clarified his role in the creation of Mega Man:
    "I'm often called the father of Mega Man, but actually, his design was already created when I joined Capcom," he explained. "My mentor [Capcom senior member Akira Kitamura], who was the designer of the original Mega Man, had a basic concept of what Mega Man was supposed to look like. So I only did half of the job in creating him."
    Isso aí tá na Wikipédia, em inglês (a versão em português dá a entender que ele foi o artista e designer dos personagens, incluindo do Megaman), mas o próprio Inafune diz que ele não é o pai e criador do personagem.

Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...