This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • bobz Bruno Janini
    2019-05-21 19:32:26 -0300 Thumb picture

    LOOTBOX, PAY-TO-WIN E JOGOS DE ESPORTES

    Medium 3722865 featured image

    Nos últimos meses é cada vez mais comum notícias de países ao redor do mundo tentando proibir os lootbox, segundo as agências regulatórias desses países consideram a prática como jogos de azar. Os primeiros murmúrios começaram quando algumas pessoas processaram a Valve por permitir sites de aposta envolvendo seus jogos. Explico, em Counter-Strike Global Offensive os jogadores podem conseguir itens cosméticos abrindo os lootbox com chaves que podem ser adquiridas na loja por no máximo US$ 2,50, os itens têm diferentes níveis de raridade e quanto mais raro é um item mais difícil é a chance de você consegui lo, esses itens podem trocados ou vendidos dentro do mercado da comunidade na Steam e alguns itens são tão raros que chegam a custar milhares de dólares. O mercado funciona da forma mais tradicional possível, quanto mais raro é o item, menor é a oferta e maior é o preço, quanto mais comum, maior a oferta e menor o preço. Porém, alguns sites se aproveitavam do sistema de trading da plataforma para poder utilizar os itens do jogo como moeda de aposta nas partidas de eSports. Em 2015, o time da iBuyPower foi banido permanentemente das competições oficiais da Valve depois que investigações concluíram que seus jogadores haviam apostado contra o próprio time e perdido de propósito. Em 2016, outro esquema foi levado a tona quando foi descoberto que dois streamers era proprietários de um site de aposta, os dois constantemente faziam apostas de altos valores no site durante suas transmissões e estimulavam os espectadores a fazerem o mesmo mas sem nunca revelar serem os donos do site. Em resposta, a Valve notificou os sites de apostas para encerrarem suas atividades por violação dos termos de uso da plataforma. Estudos e investigações da época revelaram que o mercado de aposta chegava a movimentar mais de US$ 5 bilhões de dólares por ano.

    A polêmica se intensificou mesmo foi com o lançamento de Star Wars Battlefront II em 2017, o jogo da Electronic Arts abusou do sistema de microtransações e lootbox. O jogo que saiu pelo preço de US$ 60 dólares foi extremamente criticado pela comunidade gamer por apresentar um sistema de progressão extremamente Pay to Win, os jogadores que quisessem ter sua progressão facilitada poderia comprar com dinheiro real lootbox e cards para aumentar habilidades e dano ou para desbloquear heróis. A Electronic Arts até chegou a voltar atrás e meses depois removeu as microtransações que afetavam a jogabilidade mas já era tarde, a repercussão foi tão grande que saiu dos meios de comunicação e refletiu diretamente no mercado, as ações da EA tiveram uma desvalorização de 3 bilhões de dólares, e na politica dos governos com os países que começaram a colocar em pauta a legalidade das lootbox. A Holanda foi um dos primeiros países a considerar a prática ilegal seguida da Bélgica. Empresas como Blizzard, Electronic Arts, Valve, Take-Two e Konami foram obrigadas adaptar seus jogos nesses países para continuar dentro da lei, muitas disseram não concordar com a decisão e algumas como a 2K recomendaram seus jogadores a pressionar o poder publico do país para derrubar a decisão.

    A decisão do governo começou debates sobre a interferência do estado nesses casos e sobre a ética nas microtransações. Acontece que essa não é uma discussão tão nova assim. As microtransações parecidas como conhecemos hoje surgiu em 2006 quando foi anunciado um novo sistema de transação no Xbox Live, a Microsoft queria que seus jogadores pudessem desfrutar de novos conteúdos por até 5 dólares sem ter que gastar muito em pacotes de expansão e ao mesmo tempo as desenvolvedoras ficariam com todo o lucro da venda. Um dos primeiros e mais famosos casos de microtransação foi a “armadura dourada para cavalo” em Elder Scrolls IV: Oblivion, o item totalmente cosmético era vendido por US$ 2,50. Quase na mesma época, os fãs dos jogos de luta como DoA e Street Fighter sofreram com as inúmeras DLCs pagas para habilitar personagens que já estavam presentes nos jogos. A Capcom foi alvo de tanta revolta dos fãs que ficou na sombra por muito tempo e só voltou a emplacar mesmo anos depois com Resident Evil 7. Em 2010 as vendas de mídia física ainda era o padrão, com isso a revenda e repasse de jogos era muito comum e a EA Games para se aproveitar dessa prática implementou o chamado online pass que forçava os jogadores desses jogos de segunda mão a pagar para ter acesso ao modo online dos jogos, apesar das críticas esse sistema continuou por mais 3 anos e Ubisoft, Warner e THQ foram outras empresas a implementá-lo, até finalmente ser descontinuado pela EA. 

    Rockstar foi a primeira a lançar os famosos season pass L.A Noire em 2011, isso é, enquanto outras empresas vendiam DLCs separadamente a Rockstar deu a “oportunidade” aos seus jogadores de comprar o Rockstar Pass e receber todo o conteúdo extra por um valor muito mais barato que se comprado individualmente. O season pass virou uma tática muito usada na indústria com praticamente todos os triple A lançados posteriormente ganhando seu próprio pass. Acontece que enquanto os jogadores já pagavam US$ 60 por um jogo, pagar mais 30 ou 40 dólares por um season pass não era exatamente grande negócio, principalmente por muitas vezes a qualidade do conteúdo não condizer com o preço do pass. Neste contexto não demorou muito para começar surgir os famosos Deluxe Edition, edições que incluíam jogo mais season pass, nessa mesma época a EA Games trouxe para o Mass Effect 3 o primeiro lootbox pago para um jogo Triple A - Importante lembrar que o sistema de microtransação e lootbox já se mostrava muito rentável em jogos free-to-play e nos mobiles.

     e também introduziu os FIFA Points, moeda real que agora poderia ser usada para comprar os “pacotes de figurinha” do Ultimate Team. Modelo que logo se espalhou para os outros jogos da EA Sports e depois para os da 2K. Importante lembrar que o sistema de microtransação e lootbox já se mostrava muito rentável em jogos free-to-play e nos mobiles. 

    O modo Ultimate Team apareceu pela primeira vez em 2006 com o UEFA Champions League 2006-2007. Sim, a EA tinha dois jogos de futebol. Sim, eles eram idênticos. Sim, a EA vendia os dois separadamente para poder lucrar com as duas licenças. Enfim, de qualquer forma foi a primeira aparição do UT e ele já contava com o conceito de “pacote de figurinhas” de valores ouro, prata e bronze que continua até hoje. Com a perca da licença da Liga dos Campeões, o Ultimate Team só voltaria novamente em 2008 com o FIFA 09 sendo um enorme sucesso, e depois sendo migrado para os outros jogos da EA Sports como NBA Live e Madden. O conceito de pacote de figurinhas funciona e faz total sentido no contexto do universo esportivo, os pacotes eram comprados com dinheiro do jogo que você ganhava jogando e a grande graça do jogo era conseguir montar um time fazendo boas trocas e vendas de cartas no mercado do jogo. Acontece que quando a EA implementou os FIFA Points ela desbalanceou totalmente o equilíbrio do jogo, agora quem ditava o ritmo do jogo era quem podia gastar mais dinheiro e não quem se dedicava mais. E além de ter criado outro problema, o da frustração. Quem se arriscava a comprar os pacotes com dinheiro real logo percebia que as chances de se conseguir aquele jogador dos sonhos era muito baixa, e que receber aquela um card ouro de um jogador aleatório de alguma liga do leste europeu não era algo recompensador. E assim, de repente, a ideia das figurinhas que era tão legal e divertida se tornou um pesadelo. Porém, a ideia dos FIFA Points era muito rentável e não demorou muito para umas das maiores rivais da EA no jogos de esportes abraçar a ideia, a 2K Sports. NBA2K é uma das maiores franquias de esportes ao lado de FIFA, foi no NBA2K13 que foi lançado o VC (Virtual Currency) a moeda do universo 2K que também poderia ser comprado com dinheiro real. A princípio o VC era apenas uma moeda para compra de itens cosméticos para o seu jogador do MyCareer/MyPark na loja virtual do próprio jogo. A 2K também logo lançou sua versão de Ultimate Team com o nome de MyTeam e agora existiam duas moedas no jogo, a moeda do MyTeam que você só consegue jogando e o VC que você poderia comprar. Assim como no FIFA parece você conseguir evoluir no modo e não ser ficado para trás é imprescindível, e para piorar o seu jogador nas ultimas versões do jogo só consegue evoluir comprando atributos com VC, verdade seja dita, é possível ganhar VC jogando porém os itens e preço para upar são tão caros que seria necessário um grinding tão grande que é praticamente impossível, e se você quiser se aventurar no MyPark ou Neighbourhood prepare se para sofrer. E claro, a Konami não ficaria de fora dessa, o modo MyClub tem algumas diferenças se comparado com o Ultimate Team mas a essência é a mesma, você tem o dinheiro do jogo e a moeda do MyClub que pode ser comprada com dinheiro real. Em definição podemos dizer que nesses jogos quem pode gastar mais consegue evoluir muito mais rápido do que aqueles que preferem se dedicar a evoluir apenas pelo próprio esforço. 

    3
  • bymyself ByMySeLF
    2019-05-09 09:40:36 -0300 Thumb picture
    bymyself checked-in:
    Post by bymyself: <p>Furando a rede do gol adversário:</p><p>https://

    Furando a rede do gol adversário:

    6
  • supermarcosbros マルコス・アントニオ
    2019-05-07 15:06:06 -0300 Thumb picture

    EA Access chegará em julho ao PS4

    A Electronic Arts anunciou oficialmente que seu serviço de assinatura EA Access será lançado em julho para o PlayStation 4.

    A EA Access, que oferece acesso antecipado (e limitado) a novos jogos, além de diversos games completos da companhia no “Vault”, custará 4,99 dólares por mês ou 29,99 dólares por ano no PS4. É o mesmo preço cobrado no Xbox One.

    https://psxbrasil.com.br/noticias/

    13
    • Micro picture
      darlanfagundes · 18 days ago · 1 ponto

      Dobraram o preço no xbox, a galera se desfez em massa... agora querem dar o golpe nos sonystas tmbm...rsrsrsrs

      1 reply
  • 2019-05-03 22:17:22 -0300 Thumb picture

    Toxina Forte: Jogadores, Comunidades, Grupos

    Medium 3719692 featured image

    Press Start to Continue…Salve galera,

    Essa semana me veio na mente um artigo interessante para escrever, e lógico como comentei no artigo anterior, um conteúdo agradável para a leitura de todos aqui (ou não).

    A vida gamer é bastante interessante, pois são jogatinas únicas que proporcionam experiências diferentes, porém ao percorrer esse longo caminho nos deparamos com situações inusitadas e que até mesmo acaba ficando rotineira, o que quero colocar neste artigo é: Jogadores Tóxicos.

    Para deixar um pouco mais claro, vou dividir em alguns tópicos chave no qual dará uma compreensão melhor para identificar os Jogadores Tóxicos e também abordar comunidades, grupos e algo que se assemelha e abriga esses tipos de jogadores.

    Os tópicos são:

    1 - Anonimato;

    2 - Experiência no jogo;

    3 - Comunidade, grupos;

    4 - Respeito

    Eu penso que é definido em 3 tópicos no qual você identifica esses jogadores, o quarto tópico eu coloquei e vou explicar em meu ponto de vista a visão que este jogador possui durante uma partida de um game offline ou online.

    1 - Anonimato

    No mundo voltados a um monitor, com um teclado e mouse, seu sistema funcionando em perfeitas condições, nós vivemos através da internet hoje em dia que traz suas facilidades por trazer uma comunicação rápida através de programas ou aplicativos de mensagens instantâneas.

    É verdade que utilizar este recurso em um jogo online é bastante promissor e aproxima muito os gamers em uma jogatina, combinar partidas, comentar sobre aquele feito, mas também traz um tipo inusitado de jogador, aquele que adora falar bastante, utilizar mensagens em massa para chamar a atenção: o jogador tóxico.

    Xingar durante a partida, colocar seu headset e denegrir a pessoa durante o jogo, poluir um chat e continuar denegrindo a pessoa, se auto proclamar pró-player, afetar o estado psicológico de um grupo em um MMORPG online, ameaçar, gritar para intimidar as pessoas, comportamentos esses num ambiente online que ocorre com frequência. E o porque ele faz isso, só para ganhar a partida e manter seu alter ego alto.

    Em seu pensamento é comum você imaginar que tipo de lixo na sociedade é essa pessoa, mas na realidade é diferente, seu comportamento é igual ao seu, ele se relaciona muito bem com outras pessoas, possui amigos, familiares, grupos no qual ele possui um certo grau de intimidade e social.

    Por que ele age desta maneira ao jogar online? A resposta que vem a minha mente é, ser competitivo, não admitir que perdeu para uma pessoa que tem seu rank abaixo que o seu, não sabe se comportar de maneira correta e precisa ser o centro das atenções, impor sua imagem que ele é SUPERIOR a você.

    Qual a idade desta pessoa? Muitos vão achar que são crianças de seus 10 à 13 anos, que ganhou seu videogame ou pc dos pais e lá ele pode fazer tudo o que quer online, mas nem sempre este comportamento é de uma criança, já vi adolescentes, adultos agirem desta maneira.

    Eu mesmo tenho em meu grupo de amigos, alguns que são tóxicos, tenho um amigo que é extremamente competitivo, não admite perder para mim em certos games, e quando perde começa a agressão verbal, comenta suas horas e horas treinando para aperfeiçoar seu personagem e nunca errar, ao presenciar isso fiquei totalmente pasmo, sem acreditar que acabei absorvendo de uma forma em não confrontá-lo, mas deixar de lado que tenho uma mentalidade que jogo apenas para me divertir, se eu irei ganhar ou perder, pouco importa para mim.

    Outras ocasiões em que jogo online FIFA, não sou um excelente jogador (tanto virtualmente quanto na vida real hahaha xD), quando ganho uma partida, em seguida recebo uma notificação de mensagem da pessoa, sendo ela brasileira ou um estrangeiro, a cada 10 mensagens, 9 são me xingando e dizendo que não sei jogar e somente 1 mensagem que o cara me elogia e pede para ser meu amigo.

    Eu jogo com um grupo que conheci através de meu amigo do trabalho, nos dias de folga entro no discord e jogamos muito Dark Souls (seja ele 1, 2 ou 3), fazemos campanhas ajudando cada um a subir de nível e finalizando o game e iniciando outra jornada. Um momento legal durante o jogo é quando o mundo que presenciamos é invadido por outro jogador, os chamados de Dark Spirit, acaba rolando PvP no game, porém utilizo uma única regra: “Meu mundo, minhas regras.”

    Eu não vou perseguir o invasor, se ele quiser ele vai me enfrentar onde estou com meus amigos juntos, pois não pedi para ele me visitar naquele momento hehehe, e quando acabamos de expulsar o invasor, logo em seguida vem uma mensagem linda (não pessoal, não é uma mensagem do tipo me dando os parabéns) me xingando e que eu não sei jogar, que sou um noob, lixo e etc.

    Eu apenas dou risada e apago a mensagem, ignorando a presença e momento tóxico que a pessoa faz.

    A pessoa muda da água para o vinho em questão de segundos, a internet traz um anonimato no qual muitos pensam que possam estar protegidos, outros pensam que a internet é a terra de ninguém, mas poucos pensam antes de digitar algumas palavras que possam deixar uma pessoa triste, magoar outra ou até mesmo afetar o estado psicológico.

    E muito menos pensam que não tem como pegar essas pessoas, mas o crime virtual é alto, e pode um dia uma pessoa da promotoria entregar uma intimação para comparecer em juízo e se explicar o que aconteceu por algumas palavras ditas por você.

    Pense.

    2 - Experiência no jogo

    No mundo dos games, muitos que leem este artigo apenas jogam para diversão, outros possuem grupos no qual jogam periodicamente, outros se dedicam para ganhar alguns campeonatos.

    Eu mesmo apenas jogo para diversão, porém nos deparamos com algumas pessoas que jogam horas e horas um determinado gênero de game, e como ele se sente confortável, acaba adquirindo todos os macetes e truques que uma fase pode ter.

    Se você que acabou de comprar o jogo, tirou ele da embalagem ou terminou de baixar e inicia sua primeira jornada no jogo, acredite, essa pessoa está lá já um tempo.

    Por conta deste tempo, ele se autodenomina um “Pró-Player”, um jogador extremamente experiente, um expert, o que começa os problemas quando você se depara com esta pessoa, pior é, você está no mesmo time com ele.

    Esse tipo de jogador se apresenta mais em MMORPGs, FPS, qualquer outro jogo que tenha um PvP coletivo, senão, individual também.

    Essa pessoa quer mandar em você, quer obrigar, comandar, para que a vitória venha da forma que ele prevê e diz para todos no grupo, quando nada segue conforme seu script, ele põe seu headphone, liga seu microfone, e o show começa.

    Proferindo xingamentos, palavrões, denegrir a imagem da pessoa, entre uma série e outra de show que ele promove dentro da sessão do game, isso não vindo de um “RAGE Quit Game”, procurando o time adversário para poder mostrar que sabe jogar, que conhece tudo sobre o jogo, que ele é “O CARA”, e todos devem reverenciá-lo.

    É lamentável quando ocorre isso, pois estraga toda a diversão e experiência que todos tem no jogo.

    3 - Comunidades, Grupos

    Comunidades, ah comunidades, o que seríamos sem as comunidades ou grupos dedicados aos jogos.

    Seja ela no extinto Orkut, no Facebook atualmente, aqui mesmo no Alvanista, ou qualquer outra comunidade online existente em fóruns ou derivados.

    O peso é enorme, e o porque?

    “pois sua opinião é a mais pura e correta, e ninguém, ninguém pode discordar, colocar opiniões contrárias”.

    Seja uma simples dúvida que você possua, uma dica para iniciar, uma ajuda, qualquer coisa, ele estará lá para comentar algo:

    preciso de ajuda para passar de uma área pois não consigo, estou há horas e horas sem sucesso;

    resp: essa área é muito fácil, você que não sabe explorar, quebra um pouco a cabeça ai, você é muito noob, eu passei de primeira.

    galera não consigo achar um determinado item X para pegar finalizar a quest line do NPC Y, onde fica?

    resp.: nossa cara, você é muito burro, como não encontrou, ele tá muito fácil…

    pessoal, alguém pode me ajudar a matar o boss Z, pois não consigo.

    resp.: esse é mamão com açucar cara, passo fácil sem tomar um tapa sequer dele…

    Alter egos inflados, não existe dificuldade ou tempo ruim para eles, e quando você tenta argumentar algo sobre o jogo, vira uma verdadeira batalha de quem entende mais, quem detém a melhor informação, e quando os argumentos acabam ou são inválidos para continuar, o que acontece?, vamos para o bom e velho xingamento, denegrir integridade moral, escrever em caixa alta (letras maiúsculas).

    Em fóruns, outras comunidades, você pode postar sua dúvida ou conquista, comentar ou mencionar algo, nas respostas terá uma discussão no qual não agrada esta pessoa, ou para incitar o caos, ou para aparecer e causar mesmo e ter seus momentos de fama.

    Toda comunidade ou grupo abriga uma parte enorme destas pessoas, um exemplo foi quando eu comentei no grupo de Whatsapp sobre o valor do XBox One S, e de fato ele está muito barato e acessível para comprá-lo, comentei isso que estou estudando o caso de pegar um, pois tem jogos no qual tenho interesse, e um dos membros deste grupo só comentou isso: “- XCaixa não tem os melhores jogos exclusivos, chorem pois só o PlayStation tem GoW, TLOUs e Spider-Man”, olhei aquele comentário e ignorei, mantive a conversa com a galera, mas a gana de aparecer, xingar, denegrir é forte demais e ele soltou diversos comentários, vendo que não me abalei e o ignorei totalmente, ele percebeu que aquela pequena guerra que queria iniciar já perdeu no início, eu não caindo na provocação e continuando a conversa com quem estava interessado, o deixou sem reação para inflar seu alter ego.

    Sim, a galera que defende com unhas e dentes também o classificou como Jogador Tóxico, não acho errado você defender a empresa que distribui seu console, mas pare e pense um pouco, se hoje em dia não existisse outras empresas e a concorrência, não iria existir os consoles de videogames e jogos que temos hoje em dia.

    Reflitam sobre isso. ^^

    4 - Respeito

    Um Jogador Tóxico não sabe respeitar ninguém, pois ele não sabe o que é isso, ele pensa que é normal fazer isso, que todos fazem isso, muitos fazem a bel prazer fazer este tipo de comportamento.

    Em comunidades e grupos podem observar que suas críticas são destrutivas, não se apegam a qualquer tipo de informação oficial, tudo que querem é apenas incitar o caos e desrespeitar todos que estão naquela comunidade ou grupo.

    O mesmo fator ocorre com “FanBoy” de um determinado console ou sistema, não aceitam qualquer opinião ou crítica, apelam para os famosos xingamentos, tudo no outro console é ruim, se apegam a informações que muitos não ligam, e força sua opinião replicando seus comentários em diversas comunidades, fóruns e grupos.

    Adora não ser contrariado, e dentro de uma comunidade que tem o mesmo comum senso de informação é devastador, podendo até mesmo procurar todos os seus perfis de redes, e-mails, enviando ameaças e o incomodando psicologicamente.

    Concluindo tudo isso, o quarto e último tópico que menciono: Respeito.

    Ninguém nasce sabendo de tudo, não detém todas as informações, é um expert em tudo que sai ultimamente.

    Mas uma coisa que muitos esquecem quando inicia uma partida, Respeito.

    Respeitar seu adversário é um sinal nobre;

    Respeitar uma opinião ou crítica construtiva;

    Respeitar a pessoa como ela é, seja que tenha dificuldade em começar um jogo, passar uma fase, matar um chefe, conseguir um item.

    É muito difícil hoje em dia, a internet deixa a todos extremamente competitivos, todos querem ser o dono da razão, não há críticas construtivas e positivas, o console da sony é superior que todos, não o do XBox é o melhor, a Nintendo que tem história e blá blá blá.

    Durante uma partida, que é difícil fechar um time, seja uma partida que suba seu Ranking, ninguém consegue não perder, então permaneça online, perdeu amigo, tudo bem, haverá dezenas, centenas, milhares de partidas.

    É frustrante você conseguir localizar uma pessoa para jogar, e receber mensagens de texto ou voz no qual a pessoa do outro lado tem um cérebro de ervilha e o quer intimidar na partida.

    Se a pessoa fez uma crítica em uma comunidade, rebata com fatos, mostre números, pesquise e procure trazer informações que talvez ela nem saiba.

    Demonstrar Respeito com os outros fará um bem estar para você mesmo, pode parecer bobeira, mas se tudo isso não der certo, ignore o jogador tóxico, existem sistemas no qual você poderá bloquear a pessoa seja na PSN, XBox Live, em fóruns comunidades.

    Se caso o problema for realmente sério, você poderá procurar a delegacia online e denunciar a pessoa, tire prints e não comente nada, encerre o assunto e fique na sua, o que muitos pensam que a internet é terra sem lei, amigo você está só mal informado.

    E divirta-se sempre, comente algum caso se já ocorreu contigo…

    @armkng

    22
    • Micro picture
      kess · 13 days ago · 3 pontos

      Pequena história: Num aniversário de criança (acho que era do meu sobrinho) nessas casas especializadas, haviam videogames, e logo a piazada estava em volta do PS3, jogando Mortal Kombat. Média de 12 anos de idade. TODOS falavam merda. Do quão bom eram, do quanto jogam bem, quantas vitórias tem, lalalala. Quando perdiam: Tem que jogar lá em casa, aqui não é a mesma coisa, não tou acostumado com esse controle, você é apelão e tal. Meu primo chegou, perto dos 20 anos de idade. Venceu todos eles. Quieto. Eles continuaram a provocação, mas entre eles. Ao vivo é outra coisa.

      1 reply
    • Micro picture
      artigos · 16 days ago · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    • Micro picture
      spider · 16 days ago · 2 pontos

      Um belo text, parabéns!

      1 reply
  • sladerangel Estevao Dias
    2019-04-18 08:32:17 -0300 Thumb picture
    sladerangel checked-in:
    Post by sladerangel: <p>Já que ganhei essa bosta de esporte vamos ver qu

    Já que ganhei essa bosta de esporte vamos ver qual é! Mas como certeza este esporte de menina não dá né! Em todo o caso para as baixas que me pedem Fifa tem no catalogo.  Agora só falta o esporte de macho mesmo Rugby será que aparece o 19 usado???????

    6
  • 2019-04-05 17:42:59 -0300 Thumb picture

    30 Dias de Games 2019 - Dia 5

    DIA 5: Jogo pra jogar junto

    FIFA

    Não sou muito de jogar futebol online, mas nada melhor do que aquelas partidas com os amigos do lado pra zuar e ser zuado kkkk.

    5
  • 2019-03-12 12:33:33 -0300 Thumb picture

    [Promoção] 12/03/2019

    ===================================

    ATENÇÃO! Post Longo!

    A lista não está por ordem alfabética!

    ===================================

    'A Way Out' (PS4)

    >-40% R$109,90 -> R$65,94

    'Battlefield 1 e Titanfall 2 Conjunto Ultimate' (PS4)

    >-60% R$239,90 -> R$95,96

    'Battlefield 1 Revolution' (PS4)

    >-75% R$158,99 -> R$39,74

    'Battlefield 4' (PS4)

    >-75% R$71,50 -> R$17,87

    'Battlefield 4' (PS3)

    >-75% R$71,50 -> R$17,87

    'Battlefield 4 Premium Edition' (PS4)

    >-75% R$158,99 -> R$39,74

    'Battlefield 4 Premium Edition' (PS3)

    >-75% R$158,99 -> R$39,74

    'Battlefield V Edição Padrão' (PS4)

    >-50% R$239,90 -> R$119,95

    'Battlefield V Edição Deluxe' (PS4)

    >-50% R$319,90 -> R$159,95

    'Bloody Shooters Bundle' (PS4)

    >-20% R$52,50 -> R$42,00

    >-30% R$52,50 -> R$36,75 (PS+)

    'Burnout Paradise Remastered' (PS4)

    >-75% R$118,99 -> R$29,74

    'Coleção STAR WARS Battlefront: Hoth' (PS4)

    >-75% R$118,99 -> R$29,74

    'Conjunto EA SPORTS 19' (PS4)

    >-50% R$498,99 -> R$249,49

    'Dead Space 2 Ultimate Edition' (PS3)

    >-80% R$60,99 -> R$12,19

    'Dead Space 3 Ultimate Edition' (PS3)

    >-80% R$77,99 -> R$15,59

    'Dead Space Ultimate Edition' (PS3)

    >-80% R$50,99 -> R$10,19

    'Deployment' (PS4)

    >-43% R$30,90 -> R$17,61

    >-60% R$30,90 -> R$12,35 (PS+)

    'Dragon Age II' (PS3)

    >-80% R$40,99 -> R$8,19

    'Dragon Age : Inquisition' (PS3)

    >-75% R$133,99 -> R$33,49

    'Dragon Age : Inquisition - Edição Jogo do Ano' (PS4)

    >-75% R$135,90 -> R$33,97

    'Dragon Age: Origins' (PS3)

    >-80% R$79,99 -> R$15,99

    'EA SPORTS NHL 19' (PS4)

    >-67% R$239,90 -> R$79,16

    'EA SPORTS UFC 3' (PS4)

    >-67% R$198,99 -> R$65,66

    'EA SPORTS UFC 3 Deluxe Edition' (PS4)

    >-67% R$278,99 -> R$92,06

    'Fe' (PS4)

    >-75% R$61,50 -> R$15,37

    'FIFA 19' (PS4)

    >-67% R$239,90 -> R$79,16

    'FIFA 19 Edição dos Campeões' (PS4)

    >-67% R$319,90 -> R$105,56

    'FIFA 19 Edição Ultimate' (PS4)

    >-67% R$389,90 -> R$128,66

    'Frost' (PS4)

    >-70% R$39,90 -> R$11,97 (PS+)

    'Indie Darling Bundle Vol.2' (PS4)

    >-75% R$153,50 -> R$38,37 (PS+)

    'Madden NFL 19' (PS4)

    >-75% R$239,90 -> R$59,97

    'Madden NFL 19: Hall of Fame Edition'

    (PS4)

    >-75% R$319,90 -> R$79,97

    'Mass Effect : Andromeda – Edição de Recruta Deluxe' (PS4)

    >-75% R$169,90 -> R$42,47

    'Mass Effect : Andromeda – Edição de Recruta Standard' (PS4)

    >-75% R$107,50 -> R$26,87

    'NBA LIVE 19 All-Star Edition' (PS4)

    >-90% R$158,99 -> R$15,89

    'Need for Speed' (PS4)

    >-75% R$129,90 -> R$32,47

    'Need for Speed Deluxe Edition' (PS4)

    >-75% R$169,90 -> R$42,47

    'Need for Speed Payback - Deluxe Edition' (PS4)

    >-50% R$158,99 -> R$79,49

    'Need for Speed Rivals' (PS4)

    >-75% R$66,99 -> R$16,74

    'Pacote Battlefield Guerra Mundial' (PS4)

    >-55% R$389,90 -> R$175,45

    'Pacote FIFA 19 e NHL 19' (PS4)

    >-60% R$319,90 -> R$127,96

    'Pacote Madden NFL 19 e FIFA 19' (PS4)

    >-60% R$319,90 -> R$127,96

    'Peggle 2 Magical Masters Edition' (PS4)

    >-80% R$45,90 -> R$9,18

    'Plants vs. Zombies Garden Warfare 2: Edição Deluxe' (PS4)

    >-80% R$89,50 -> R$17,90

    'Plants vs. Zombies Garden Warfare 2: Edição Padrão' (PS4)

    >-80% R$69,90 -> R$13,98

    'Regalia: Of Men and Monarchs - Royal Edition' (PS4)

    >-20% R$76,90 -> R$61,52

    >-30% R$76,90 -> R$53,83 (PS+)

    'Regalia: Of Men and Monarchs - Royal Edition OST Combo' (PS4)

    >-25% R$87,50 -> R$65,62

    >-35% R$87,50 -> R$56,87 (PS+)

    'Riddled Corpses EX' (PS4)

    >-50% R$30,90 -> R$15,45

    'Slayaway Camp: Butcher's Cut - Deluxe Edition' (PS4)

    >-80% R$76,90 -> R$15,38 (PS+)

    'STAR WARS Battlefront Ultimate Edition' (PS4)

    >-75% R$78,99 -> R$19,74

    'The Sims 4' (PS4)

    >-80% R$158,99 -> R$31,79

    'The Sims 4 Edição Festa Deluxe' (PS4)

    >-80% R$198,99 -> R$39,79

    'The Sun and Moon' (PS4)

    >-80% R$30,90 -> R$6,18

    'Titanfall 2: Edição Ultimate' (PS4)

    >-75% R$118,99 -> R$29,74

    'Trilogia A Jornada do FIFA' (PS4)

    >-50% R$278,99 -> R$139,49

    'UnExplored Unlocked Edition' (PS4)

    >-30% R$45,90 -> R$32,13 (PS+)

    'Unravel' (PS4)

    >-75% R$61,50 -> R$15,37

    'Unravel Two' (PS4)

    >-75% R$61,50 -> R$15,37

    'Vertical Drop Heroes HD' (PS4)

    >-66% R$30,90 -> R$10,50

    'We Are The Dwarves' (PS4)

    >-62% R$45,90 -> R$17,44

    >-72% R$45,90 -> R$12,85 (PS+)

    'Xenon Valkyrie+' (PS4)

    >-60% R$30,90 -> R$12,36

    9
  • juca87 João Manoel da Silva
    2019-02-13 14:37:40 -0200 Thumb picture
    15
    • Micro picture
      santz · 3 months ago · 1 ponto

      E ainda comprou duas vezes cada um!

  • legendoflisboa Gabriel Lisboa
    2019-02-10 23:47:06 -0200 Thumb picture
    legendoflisboa checked-in:
    Post by legendoflisboa: <p>Jornada completa 10/02</p>

    Jornada completa 10/02

    0
  • danilodlaker Danilo Rodrigues
    2019-01-08 00:33:34 -0200 Thumb picture
    12

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...