This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • cris_ds Cris DS
    2019-10-19 18:55:01 -0300 Thumb picture
    cris_ds checked-in:
    Post by cris_ds: <p>Zerado e...caramba, que jogo maravilhoso.</p><p>

    Zerado e...caramba, que jogo maravilhoso.

    A relação do moleque com o Trico é desenvolvida de uma forma tão singela que nem se sente forçado. 

    E a história foi algo que me surpreendeu muito (ok que se fica com mais perguntas de o que é aquele local e pra que serve, mas a do garoto com o Trico é bem contada) já que não esperava nada disso.

    Quanto aos defeitos, esses seriam da câmera e do controle do moleque. O garoto é muito molenga (molenga pra controlar, e não de coragem já que o guri é destemido demais) e nas partes de agachar e pular se pode ter algumas pequenas dificuldades, mas no que é chato é quando vai escalar o Trico e principalmente, descer dele. Apertava pra soltar e ele soltava e agarrava novamente no bicho, acabava preferindo pular e fazer o guri estourar a cara no chão.

    Mas nem esses defeitos tiraram pra mim o brilho desse jogo, a ambientação incrível(me pegava muito admirando a paisagem e tentando entender o para que certos dispositivos originalmente serviam) e a história de amizade dos dois me conquistou.

    14
    • Micro picture
      speedhunter · 25 days ago · 2 pontos

      Jogaço! Uma das minhas melhores experiências nessa geração!

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 25 days ago · 2 pontos

      O muleque se equilibra em alturas incríveis...sem um pingo de medo.
      Jogo lindo demais 😍

      1 reply
  • felipe_turesso Felipe Turesso
    2019-10-18 23:31:37 -0300 Thumb picture

    Uma joia na indústria dos jogos eletrônicos

    Medium 3751949 featured image

    Lembro-me do primeiro trailer anunciando The Last Guardian para PlayStation 3 em 2009, ressaltando que o game começou a ser elaborado em 2007. Um jogo que teve tantos contratempos durante seu desenvolvimento que as pessoas se perguntavam se de fato algum dia The Last Guardian seria lançado. Honestamente, eu fiquei intrigado em jogar este game quando o vi, pois o trailer chamou minha atenção, haja vista a proposta, portanto, se aventurar em um local inóspito ao lado de uma grande criatura. Os dois devem se ajudar para obter sucesso em sua empreitada. Na época pensei que com certeza seria um jogo de meu agrado. Após quase uma década de espera, The Last Guardian finalmente foi lançado para PlayStation 4 e valeu a pena.

    Apesar de alguns problemas na jogabilidade e câmera, o game é belíssimo. Trata-se de uma joia na indústria dos jogos eletrônicos, um jogo com um diferencial enorme e claramente um game que talvez não seja para todos infelizmente. Possivelmente as pessoas não compreenderão totalmente este incrível jogo e sua abordagem. Espero que eu esteja errado. O enredo, parte que mais busco em games, é espetacular e o ponto principal. Uma estória que envolve amizade, confiança, persistência, um vínculo profundo e fortes emoções. Impossível não se preocupar com Trico, a criatura amável e atrapalhada em certos momentos. O vínculo entre Trico e o garoto cresce conforme o jogo avança. Inúmeras vezes me preocupei com ele, cuidei dele e quis acariciá-lo para demonstrar que tudo ficaria bem.

    O comportamento de Trico me lembrou um gato o que me fez pensar em meus gatos, Lúcifer e Sophie. Devido a isto, possivelmente criei um carinho muito especial por este jogo. Confesso que pensei que The Last Guardian jamais seria lançado. Recordo-me de mencionar este game em um podcast há alguns anos no qual o tema era sobre jogos que emocionam os jogadores. Tanto eu quanto os participantes daquele podcast concordamos que The Last Guardian, apesar da existência de alguns trailers, demonstrava uma carga emocional enorme e a vontade em jogá-lo só aumentava. Além disto, a trilha sonora deste jogo é tão incrível que palavras não descrevem os momentos de tensão, felicidade e preocupação que senti ao longo do game.

    Outro fator que me impressionou foi o gráfico deste jogo. As penas do Trico reagindo ao vento, assim como as roupas do garoto. Sem mencionar a iluminação, dentre outros detalhes.

    The Last Guardian é mais um exemplo de que os jogos eletrônicos são verdadeiras obras de arte. Penso que um jogo é muito mais que uma jogabilidade impecável, um bom enredo, uma trilha sonora impressionante ou gráficos belíssimos. Para mim, cada jogo possui uma abordagem, um foco, e isto muda tudo, pois o sentimento e a experiência que cada jogador obtém é única. É como assistir um filme, ler um livro ou escutar uma música que transforma a vida ou pensamentos da pessoa. O objetivo do jogo é o entretenimento, levar o jogador a outro mundo e diverti-lo/emocioná-lo, cada um à sua maneira. Isto sim é o verdadeiro propósito dos games.

    Muito obrigado Fumito Ueda e todos os envolvidos na elaboração deste jogo por esta experiência maravilhosa. Certa vez, em uma entrevista para a Edge, Fumito disse que estava realmente triste pela demora da conclusão do jogo. De fato, demorou. Demorou muito, mas valeu a pena.

    Por favor, joguem The Last Guardian!

    39
    • Micro picture
      speedhunter · 25 days ago · 2 pontos

      Compartilho de suas palavras! Jogo que me deixou com uma crise existência depois que finalizei!

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 25 days ago · 2 pontos

      Definitivamente uma jóia na indústria.
      A construção dos personagens antagônicos (o belo...e a fera...o bom...e o mau), sua dependência e a crescente relação de amor e amizade é uma experiência que nunca irei esquecer.
      ...
      Sensacional mesmo.😍🤩

      2 replies
    • Micro picture
      artigos · 25 days ago · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • cris_ds Cris DS
    2019-10-09 16:48:48 -0300 Thumb picture
    cris_ds checked-in:
    Post by cris_ds: <p>Tô achando incrível a atmosfera do game, lembra

    Tô achando incrível a atmosfera do game, lembra muito o sentimento de explorar em ICO enquanto não se faz a mínima ideia do que é e pra que serve aquele local.

    Além disso tenho que dar meus parabéns pro Fumito Ueda por atingir o ápice dele em câmera ruim.

    19
    • Micro picture
      gossouza · about 1 month ago · 4 pontos

      A evolução da relação entre os personagens é a chave do jogo... No final tudo é muito intenso...

      5 replies
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · about 1 month ago · 3 pontos

      Esse game é sensacional.
      A trama prende muito.
      Perfeito!😍

      4 replies
    • Micro picture
      reasel · about 1 month ago · 2 pontos

      kkkkkkkkkkkk eu odiei mais a câmera de ico

      4 replies
  • lanzitto Allan Lemos
    2019-08-26 15:49:55 -0300 Thumb picture

    Não devia, mas comprei 🤗

    Depois de ganhar alguns bons jogos da minha esposa na última semana não resisti e acabei comprando esse na hora do almoço de hoje. Vou ter de deixar escondido se não levo bronca 😝

    23
    • Micro picture
      speedhunter · 3 months ago · 1 ponto

      Jogão! Prepara o lenço no final!

    • Micro picture
      filipessoa · 3 months ago · 1 ponto

      Haha parabéns pela aquisição!

  • nettolage Netto Lage
    2019-08-12 21:02:02 -0300 Thumb picture
    nettolage checked-in:
    Post by nettolage: <p>Iniciando o emocionante The Last Guardian, o últ

    Iniciando o emocionante The Last Guardian, o último jogo de Fumito Ueda (até agora).

    7
  • 47franz William Franz
    2019-08-08 15:08:25 -0300 Thumb picture
    47franz checked-in:
    Post by 47franz: <p>Devidamente finalizado, o jogo é de fato muito b

    Devidamente finalizado, o jogo é de fato muito bonito e emocionante, a interação com Trico é genial, desenvolver a relação entre os personagens é incrível, em contrapartida temos o maior vilão do jogo: a câmera, realmente me atrapalhei muito com ela. Num geral o jogo é fantástico e com um final muito compensador.

    8
  • thecriticgames Matheus Pontes
    2019-08-05 19:34:41 -0300 Thumb picture

    Desafio 1 semana de música dia 3!

    Mais um dia deste @desafio

    1 - Postar uma musica por dia, durante uma semana, seguindo a seguinte lista:

    Dia 1: Música tema de uma franquia;
    Dia 2: Música tema de jogos específicos;
    Dia 3: Música tema de alguma área/momento aleatório de um jogo;
    Dia 4: Música tema para chefões;
    Dia 5: Música tema de final boss;
    Dia 6: Músicas de encerramentos
    Dia 7: RODADA BONUS: Música completamente a sua escolha, tema de personagem, tela inicial, save room, tela de pause: VOCÊ ESCOLHE!

    I

    I

    Dia 3: Música tema de alguma área/momento aleatório de um jogo;

    Achei esse tema soberbo, é um desses temas que sei lah, invoca forças da onde você não tinha, e é o tema dos momentos em que nosso pequeno grande Trico nos salva de perigos contra os quais não podemos enfrentar, é aquele tema de virada a seu favor, e é um tema surpreendentemente edificante (essa a palavra pra definir esse tema). Alguns temas a gente se imagina fazendo inúmeras coisas, temas tristes a gente imagina sei lah, a gente preso no quarto ou debaixo da chuva, temas de batalha ou de ação sempre traz aquele feeling pra mim (e pra muito jogador de video game acho) de que você esta tirando uma espada do chão ou das costas e indo a luta, este tema? Com este tema eu imagino eu me levantando.

    20
  • legendoflisboa Gabriel Lisboa
    2019-07-25 14:55:41 -0300 Thumb picture
    legendoflisboa checked-in:
    Post by legendoflisboa: <p>Finalizado (25/07/19)&nbsp;</p><p>Achei a histór

    Finalizado (25/07/19) 

    Achei a história linda, gráficos bem diferentes mas muito lindos, a conexão entre o menino e o Trico é bem bonita de acompanhar. Porém a jogabilidade é de dar nos nervos, acredito que mais gente  tenha sofrido  com isso.

    2
    • Micro picture
      gus_sander · 4 months ago · 2 pontos

      Boa, parabéns!! ;D
      E viva a Fsociety \o/

  • rafonesgamer Rafael Crispim
    2019-07-18 14:24:59 -0300 Thumb picture

    The Last Guardian não é um jogo para todos

    Medium 3734373 featured image

    Pensei em inúmeras formas de começar esse texto. Por diversas vezes o apaguei achando que não estava bom. O curioso é que ele sempre começava com “The Last Guardian não é um jogo para todos”... E não poderia ser diferente desta vez...

    The Last Guardian não é um jogo para todos. Não é atoa que mesmo tendo seu lançamento adiado por tantas vezes, as esperanças de um dia jogá-lo aumentavam com cada teaser, trailer ou notícia que eram divulgados. Em partes acredito que esse sentimento se dava pelo fato do ENORME sucesso que foi seu antecessor [Shadow of The Colossus (tópico para outro post)] ou por que no fundo, todos já sabíamos que esse jogo nos encantaria de uma maneira jamais vista antes.

    Deste ponto em diante, afirmo com todas as forças que The Last Guardian não é apenas um jogo eletrônico, mas sim uma obra de arte.

    Quem desfrutou dessa experiência e não se emocionou em nenhum momento da história, tem o coração mais escuro que os olhos do Trico retratado nesta foto hahaa.

    Sem spoilar, quero enfatizar que o jogo nos ensina a confiar no próximo, acreditar em seus sonhos, não julgar pela aparência e principalmente, valorizar quem está ao nosso lado.

    A criança é o personagem jogável. Seu nome permanece no anonimato durante toda a jornada, e mesmo sendo tão novo, inexperiente e inocente, assumimos a grande tarefa de cuidar e zelar por Trico, além de buscar respostas do que aconteceu conosco e de quem somos. Em contrapartida, a fera também se sente nessa incumbência. Na verdade, acredito que seja essa a mensagem que nos é passada: Por mais que o mundo ao seu redor esteja corrompido, não se deixe levar por isso. Seja você o diferencial, seja a luz no meio das trevas.

    Em certas ocasiões, nos irritamos com o Trico devido seu jeito desajeitado (mas convenhamos que a estrutura e arranjo físico dos locais que visitamos contribuem para isso), ou pelo fato dele às vezes não obedecer às nossas ordens (contudo, há momentos em que ficamos perdidos no game, então os uivos e os sons que Trico emite mudam, com o intuito de nos avisar que encontrou uma saída).

    Em contrapartida, nos desesperamos quando o nosso companheiro é atacado por lanças, ou por espadas... confesso que eu gritava nessas ocasiões, porquanto me sentia parte daquele universo, e responsável por proteger o Trico.

    Em suma, aprendi muito com The Last Guardian. Foi um dos melhores jogos que joguei na minha vida. O final é simplesmente fantástico, emocionante, de arrepiar... confesso que chorei com o desfecho.

    Uma dica sobre The Last Guardian? Simples: Jogue sem pressa, curta cada momento com o Trico! Haverão oportunidades que veremos ele disperso, ou admirado com algo, sendo assim, aproveite e registre aquela captura de tela. Se permita entrar na magia que o game te proporcionará, pois tenho certeza que ao final dessa jornada, você será um ser humano transformado.

    Forte abraço à todos.

    “Independente da altura, não tenha medo de escalar, seja como o Trico. Verifique os locais mais seguros para firmar seus passos. Em caso de queda, se recupere, limpe a poeira de seu corpo, trace novas estratégias e torne a subir, pois ao finalizar sua escalada, verá que o horizonte enxergado pelo cume da montanha será único, e essa experiência poderá ser o ponta pé inicial para uma nova história de sua vida.”

    28
    • Micro picture
      spider · 4 months ago · 2 pontos

      Esse tá na lista pra jogar justamente por essa experiência diferente. Ótimo texto! pode transformar ele em análise inclusive.

    • Micro picture
      artigos · 4 months ago · 1 ponto

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    • Micro picture
      gucarneiro · 4 months ago · 1 ponto

      Cara, adorei esse teu texto e a tua visão sobre a jornada de The Last Guardian. Eu lancei uma comunidade para quem gosta de escrever sobre games, https://pyre.com.br/, e adoraria conversar contigo para saber o que te levou a escrever na Alvanista. Como posso entrar em contato contigo?

  • andre_andricopoulos André Zanetti Andricopoulos
    2019-06-22 10:38:13 -0300 Thumb picture
    Post by andre_andricopoulos: <p>THE LAST GUARDIAN é um dos games que mais tive p

    THE LAST GUARDIAN é um dos games que mais tive prazer, ao lado de RIME, em jogar! É raro encontrar games que emocionam, e certamente THE LAST GUARDIAN vai te emocionar do início ao fim. 😍 ... Review 10!🐶

    O Ultimo Guardião.

    Review by: @thecriticgames

    OBS: Cuidado com o spoiler do fim do game na ultima linha.Fumito Ueda é um dos gamer designs mais reconhecidos do mercado atual...

    Keep Reading →
    16
    • Micro picture
      fabiorsodre · 5 months ago · 3 pontos

      Ta na fila! Já pra fazer um ano! kkkkk

    • Micro picture
      thecriticgames · 5 months ago · 2 pontos

      Como eu falei ali no final, as lagrimas nele são sinceras, e fiquei feliz de não ter que usar o recurso covarde que histórias do tipo usam.

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...