This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • neilson1984 Neilson Lopes De Carvalho
    2021-01-16 20:55:51 -0200 Thumb picture

    Novos projeto da OLD GAME jogos prensados de PS1!!!

    Meus caros amigos @jcelove @mastershadow @fonsaca que vão curtir apreciadores de RPG rsrs!

    24
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 3 pontos

      AI SIM me pega na fraqueza! Já ta pronto???

      14 replies
    • Micro picture
      fonsaca · 3 months ago · 3 pontos

      Carai! Que massa! Agora eu entro em falência, hahahha! Eu gosto do trabalho deles, legal que vão de PS1 tbm. Tentei comprar do tal do Miguel PS1, mas os caras são de Pernambuco e o frete daria 93 reais pra mim... hahahha!

      3 replies
    • Micro picture
      thiagoreis · 3 months ago · 2 pontos

      Eles têm algum de 3DO também ?

      1 reply
  • jcelove José Carlos
    2020-10-25 22:48:17 -0200 Thumb picture

    5 Jogos em que pode chegar ao final com a passagem do tempo

    Medium 3834629 featured image

    O tempo é um fenômeno que afeta e porque não dizer, controla nossas vidas, dada a brevidade da nossa existência aqui na terra. Tudo que fazemos acaba sendo ditado de um jeito ou de outro pelo tempo e dependendo da sua idade ele é praticamente um bem extremamente valoroso e escasso.

    Alguns games tentam reproduzir a ação do tempo dentro do gameplay para dar um ar mais "realista" e imersivo a aventura e desde Harvest Moon no Snes temos exmplos de jogos em que assim como na vida real, as ações do personagem virtual lutam contra a passagem das horas do dia e assim temos um cenário que não "espera" pelo jogador pra fazer as coisas acontecerem (como os eventos nas cidades de Harvest moon ou ações dos NPCs em Shenmue e Deadly Premonition) ou que acompanham o tempo real em que o jogador se encontra pra alterar elementos do jogo como na série Animal Crossing ou no obscuro porém altamente recomendável se você curtir JRPG, Far East Eden Zero (Snes). 

    Geralmente essa passagem de tempo transcorre inifnitamente enquanto o jogador estiver jogo, não nessessariamente o empurrando a narrativa (como acontece na maioria dos jogos open Wolrd no estilo GTA) mas em alguns casos esse tempo está intimamente ligado ao avanço da aventura e em dado momento, o jogo pode terminar mesmo que o jogador não faça nada. Neste artigo vamos ver 4 exemplos de jogos em que ficar parado tem leva a um final (obviamente ruim) onde o tempo é seu maior adversário. 

    Em 3 deles esse final ruim é um dos finais do jogo, com direito a tela de crédito e tudo, podendo se considerar como um zeramento, nos outros dois é basicamente uma tela de game over.

    The last Express (PC, Android)

    Este obscuro Adventure point'n click em primera pessoa foi o ultimo grande trabalho do lendário Designer Jordan Mechner, criador de jogos importantíssimos para a indústria como Karateka e Prince of Pérsia. Assim como seus irmãos mais velhos era um projeto ousado para sua época utilizando elementos únicos como o uso da Rotoscopia (técnica em que se filma movimentos de atores e se desenha "por cima" para fazer uma animação) e a passagem de tempo que seguia implacavelmente a partir do momento em que o jogador assumia o controle do astuo protagonista Robert Cath, que se infiltrava no famoso expresso do Oriente para encontrar com um amigo mas acabaria se metendo numa rede de intrigas que culminaria na primeira grande guerra mundial. 

    O jogo media o tempo com um relógio interno e os passageiros (que conversavam em suas  líguas nativas) tinham uma rotina baseada nele. O jogador precisava colher o máximo de pistas o mais rápido possivel, entendendo essa rotina para conseguir avançar pois caso chegasse nas paradas das cidades seguintes sem avançar na história o protagonista morria de alguma forma cruel, ou era preso gerando um bad end bem frustrante. Se ficar parado nos primeiros 5 minutos do jogo já se  cai no primeiro final ruim (que é um game over na verdade).

    Mizzurna Falls (Playstation)

    Esse é outro jogo antigo e obscuro pacas. Desenvolvido pela saudosa Human Entertainement, empresa criadora de clássicos únicos como a série CLock Tower, SOS, The Fireman (todos esses no Ps1) o game trazia conceitos extremamente a frente de sua época com uma cidade inteira pra se explorar e interagir com NPCs e um esquema de passagem de tempo que empurrava a narrativa impetuosamente, com muita coisa acontecendo durante os 7 dias de duração da história e nenhuma delas esperando pelo protagonista, o jovem estudante Matthew, que se via na obrigação de investigar o misterioso desaperecimento de sua melhor amiga durante o natal na pequena cidade interioana que da nome ao jogo.

    O game era um Adventure investigativo onde se devia colher pistas e descobrir a verdade em torno do acontecido antes do ultimo dia (31 de dezembro), caso Matthew chegasse nesse dia sem coleta-las ele recebia um telefonema e o jogo terminava com uma triste notícia. Dai temos o jogo mais rápido pra se "terminar" nessa lista pois como o tempo avança em até 5 horas a cada vez que se salva, basta ficar salvando sem parar até terminarem os dias pra ver o fim do jogo, como pode-se observar nesse IMPRESSIONANTE Speedrun que um Gênio fez do jogo;

    SOS (Super Nintendo)

    Outro jogo da Human, esse também obscuro, apesar de ter sido lançado no ocidente, diferente do Mizzurna Falls. 

    Baseado no filme "O destino de Poseidon", o jogo traz uma premissa similar a Titanic, com um transatlântico gigantesco vai a pique após ser açoitado por uma enorma onda e virar de cabeça para baixo.

    O jogado escolhe entre 5 personagens, cada um com sua própria história de fundo, profissão e interesses próprios e tem 60 minutos reais para encontrar o caminho para a sala de máquinas e conseguir escapar, se possível salvando outros sobreviventes no caminho. Caso salve 5 incluindo o personagem ligado ao que se escolheu, se chega ao final bom, caso salve apenas a si mesmo temos um final ruim, e caso fique parado ou não alcançe a saida a tempo, rola o nada desejado bad end que assim como no The Last Express é basicamente uma tela de game over tmbém. 

    Abaixo pode-se conferir mais uma speedrun GENIAL desse incrível game:

    Harvest Moon (Série)

    A clássica série de fazendinha, tem desde o primeiro o esquema implacável de tempo ditando os eventos do jogo, desde a plantação e estações do ano a rotina dos NPCs que interagiam com o jogador e assim como na vida real, se ele ficasse parado no tempo o mundo não esperaria por ele, dai geralmente se tem uma meta para se chegar nos primeiros 2 anos do jogo onde o jogo mostra um dos finais dependendo do que se conquistou, podendo resultar na majestosa fazenda bem sucedida, com um fazendeiro bem casado, próspero e feliz, OU um empreendimento falido com o jogador sendo espulso ou abandonado por todos. pra isso basta ficar parado por esse período de 2 anos que o jogo temina. Assim como no Mizzurna, o jeito mais rápido de fazer é salvar o jogo (que aqui também é algo que se faz ao dormir), a diferença é que é um processo bem lais demorado e tedioso já que mesmo com o tempo do jogo bem mais acelerado que na vida normal, ainda terão de ser 2 anos.

    Você pode conseguir facilmente pular todo esse tempo e ir direto pro final seguindo os passo desse MARAVILHOS tutorial de speedrun, fica a dica!

    Valkyrie Profile (Playstation, PSP, Android)

    Grande clássico da Tri Ace, VP é um dos JRpgs mais amados do PS1, tanto por sua estética e ambientação únicos quanto pela narrativa e gameplay que continuam sem igual até hoje.

    No jogo seguimos a missão da Valquiria Lenneth, que precisa ir a Midgar recrutar almas de guerreiros vaoloros, os einherjar, e encaminha-los para a deusa Freya que os guiará com Odin no inevitável Ragnarok.

    Diferente dos outros jogos citados nessa lista, o tempo em VP não avança continuamente, apenas quando se entra e sai das Dungeons ou quando a Valquiria descansa, o que torna necessário ter uma boa gestão do que fazer e quando fazer para que se consiga chegar aos melhores finais. No entanto, caso o jogador seja relapso/incomentente, falhado em recrutar os guerreiros e fracasse na avaliação que Freya faz a cada capítulo, eventualmente a DEOSA vai se cansar e descer na terra pra tirar satisfação e dar uma lição na Lenneth, o que resulta num inevitável massacre já que é impossível se vence-la nessas condições e resultando no famigerado final C do jogo. Basicamente é o mesmo esquema dos outros jogos da lista, basta salvar após a primeira dungeon, entrando e saindo das seguintes que logo a pontuação da Lenneth chega a zero e rola esse final.

    Não sei você mas eu acho sensacional quando inventam mecânicas assim nos jogos, apesar de geralmente ser mais frustrante que divertido. 

    58
    • Micro picture
      mastermune · 6 months ago · 3 pontos

      Lightning Returns FFXIII também tem isso auehuehauehe

      4 replies
    • Micro picture
      mcalor · 6 months ago · 2 pontos

      Muito bacana. Mas deixa eu te perguntar. No The Last Express dá pra salvar entre as estações, ou se vc se ferrar tem que começar o jogo todo de novo?

      2 replies
    • Micro picture
      carlospenajr · 6 months ago · 2 pontos

      Quando a contagem de tempo é ainda "controlavel" que nem no VP, que é por turnos, ainda me agrada, vc fica com aquele tempo no fundo da mente mas é mais tranquilo, agora quando o tempo é real, que vc tem que ficar correndo, me irrita, já não basta a correria do dia a dia...
      A série Atelier é linda, adoro o esquema de alquimia dela, mas o esquema de tempo dele me irrita ao ponto de nem relar na série (e até tive que recusar o review do ultimo jogo da série por causa disso...)

      9 replies
  • sander_felipe Sander Felipe Gomes Basilio
    2020-08-14 14:18:16 -0300 Thumb picture

    ​O enigma do detonado: usar ou não usar?

    Medium 3820615 featured image

    É muito comum termos aquelas dúvidas enquanto estamos jogando um jogo, ou até mesmo ficamos empacados em alguma parte. E agora? Algumas pessoas, irão buscar respostas na internet, através de fóruns, wikis, entre outros aspectos. Mas e quanto àqueles conhecidos walkthroughs? Há algum problema em consulta-los? Isso diminui a experiência do jogo ou a competência do jogador?

    Walkthroughs (ou detonados, no português) são escritos que contém informações, dicas e explicações sobre jogos. Existem de vários tipos: alguns oficiais, outros escritos por jogadores, alguns que são sobre o jogo inteiro ou sobre alguma mecânica do jogo (como subir de nível mais rápido, como conseguir todos os itens do jogo, etc.). Mas então, vale a pena usar de tais ferramentas?

    Primeiramente, creio que as pessoas que escrevem esses detonados deveriam ganhar um prêmio. Eles (e aqui eu cito os bem escritos) são tão completos e organizados, demonstrando um exímio trabalho de pesquisa e de inúmeras horas de jogo gastas para que a criação dele fosse possível.

    Segundo, creio que, antes de pesquisar qualquer tipo de detonado, todo jogador deveria experimentar o game por conta própria, tendo a sua experiência e testando suas habilidades. Isso significa que é proibido pesquisar por alguma ajuda? De maneira alguma. Significa que, em minha opinião, todo jogador deve colocar, primeiramente, suas habilidades em teste, de modo que a experiência de jogar (sendo ela de um jogo fácil ou difícil) seja única. Caso realmente se precise procurar por algo mais específico ou por alguma mecânica de jogo, o que impede de dar aquela velha olhadinha?

    Uma experiência que tenho para compartilhar é com o jogo Valkyrie Profile, para o Playstation 1. É um jogo maravilhoso, com uma jogabilidade incrível, um trabalho de voz impecável, entre outros variados aspectos. Lembro que tentei jogar o jogo pela primeira vez e não me importei em desvendar o que os personagens falavam (meu inglês não era tão bom naquela época). Isso acarretou em eu conseguir o final C do jogo (o pior de todos) que é quando você não envia nenhum guerreiro para ajudar na guerra (eu nem sabia que tinha que mandar!). Freya vem e diz que você está fazendo um trabalho terrível e decide exterminá-lo. Sim, esse é o final. Não tem como ganhar dela.

    Joguei o jogo novamente, tendo mais atenção aos diálogos e fazendo o requisitado por Odin. Dessa forma, consegui fazer o final B, no qual você vai até a luta principal contra os Vanir. Fiquei bastante satisfeito comigo mesmo por conseguir fazer tal façanha.

    Porém, descubro que há outro final a ser feito. Como fazê-lo? O jogador deve fazer uma série de ações que acarretarão na luta final contra Loki. Porém, são atos bastante específicos e, sinceramente, eu não me lembro de o jogo dar qualquer dica sobre fazer os mesmos. Além disso, Valkyrie Profile tem uma dinâmica de jogo que torna isso ainda mais difícil: você gasta uma espécie de tempo para entrar nos locais e, quando acaba esse tempo, você prossegue para o capítulo seguinte, fazendo com que o jogador pense muito bem antes de entrar em certos locais que parecem não haver nada.

    Qual foi a solução para fazer o bendito final A? Um bom e velho detonado, que usei muito satisfatoriamente e que guardava com muito carinho.

    A conclusão é que os walkthroughs enriquecem o mundo dos games e os tornam mais acessíveis, além de revelar verdadeiros pesquisadores do mundo dos jogos. Por isso, antes de falar mal dos detonados, pensemos em todo o esforço que o indivíduo teve para fazê-lo. 

    48
    • Micro picture
      darlanfagundes · 8 months ago · 3 pontos

      Isso me deu uma saudade do cacete das revistas... mais especificamente de uma revista que tive. A lendária Gamers Book com o detonado de Final Fantasy VII... Eu amava demais aquela revista...e nem sei onde ela foi parar...acho que me roubaram...rsrs.
      Eu sempre fui a favor de detonados, mas sempre tento pelo menos a primeira vez de qualquer jogo na dificuldade mais difícil(quando possivel) e só então vou pro detonado...

      1 reply
    • Micro picture
      denis_lisboadosreis · 8 months ago · 2 pontos

      Detonado bem escrito dá até mais vontade pra jogar jogos que seriam no máximo medianos. Por anos, com a falta de acesso no país à toda forma de conhecimento, não só de idiomas estrangeiros, limitavam muito a experiência com os jogos. Detonados bem escritos são raros e preciosos, não à toa que hoje se pirateia versão digital de revistas antigas de videogame.

    • Micro picture
      artigos · 8 months ago · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • jefersonnakayama JefersonNakayama
    2020-05-13 21:29:03 -0300 Thumb picture
    Post by jefersonnakayama: <p>Mais uma série em live episódio final de Valkyri

    Mais uma série em live episódio final de Valkyrie Profile, bora lá conferir galera!!!

    0
  • carlospenajr Carlos Pena
    2020-04-25 20:35:47 -0300 Thumb picture

    Conquistas pro Valkyrie Profile

    Medium 703430 3309110367

    Alguem se sentindo masoquista?
    Só digo a ultima conquista: 100% das vozes XD

    Fui...

    13
    • Micro picture
      ederpezawm · 12 months ago · 2 pontos

      No meu save antigo que tenho que fiz muita coisa, com 64 horas de jogo esta com 69% das vozes.

      3 replies
  • jcelove José Carlos
    2020-03-28 12:51:05 -0300 Thumb picture

    Rankeando todos os JRPGs do PS1 (lançados nos Eua)

    O Erick e mais uma listinha totalmente pessoal, como toda lista do tipo acaba sendo.hehe

    Saga frontier no D achei justo demais, mas deu um desgosto qdo ele confessou que não conseguiu terminar FFT nem Vagrant (vagrant no tier C foi demais pra mim XD). Da pra ver que faltam alguns jogos como os ports de FF IV-VI e Chrono Trigger.

    Achei o template, vou fazer  aminha

    https://tierlists.com/create/complete-list-of-ps1-jrpgs

    22
    • Micro picture
      emphighwind · about 1 year ago · 2 pontos

      Eu não gosto de como estas tier lists só consideram jogos que saíram nos Estados Unidos, eu tava pensando em fazer um destes tierlistmaker de todos os JRPGs de todas plataformas, mas preguiça falou mais alto.

      1 reply
    • Micro picture
      carlospenajr · about 1 year ago · 2 pontos

      Essas listas eu nem curto muito pq é pessoal demais e, na real, meu gosto é muito peculiar, como nunca que colocaria os SaGas no D XD
      Mas pelo menos ele colocou o WA2 no A, então ta blz, mas de não ter fechado o FFT ou Vagrant não rola hhahahahaha

      5 replies
    • Micro picture
      zefie · about 1 year ago · 2 pontos

      NÃO CAI NESSA JC! Mexer com esse site de tierlist é pior que mexer com gacha. Mostraram isso pra mim no ano passado no meio do trabalho, passei quase 2 horas nisso ao invés de trabalhar hahahahahaha

  • mastermune Herik Santos
    2019-12-28 12:29:09 -0200 Thumb picture

    Desafio dos 7 dias que não faltam pra 2020

    O negócio era fazer esse @desafio faltando 7 dias pra 2020, faltam 3 dias, mas whatever, vou fazer mesmo assim.

    Eu não sei quem criou o desafio, se alguém souber, dá um @ nele aqui, por favor O.O

    Fui desafiado pelo @manoelnsn doidão, então bora lá!

    TEMAS:

    Dia 1 - Melhor introdução.

    Dia 2 - Melhor batalha de larga escala (guerra).

    Dia 3 - Melhor luta.

    Dia 4 - Melhor duelo de espadas.

    Dia 5 - Cena mais triste.

    Dia 6 - Melhor duelo final.

    Dia 7 - Melhor encerramento.

    E pra cada dia do tema serão necessários apontar 4 escolhidos: um filme, um jogo, uma animação e uma menção honrosa. Eu sou horrível pra fazer listas, kkkkkkkkkkkkkkkkk!!

    ► DIA 1 - MELHOR INTRODUÇÃO

    Filme...

    NÃO ADIANTA FINGIR QUE VOCÊS NÃO CONHECEM ESSA INTRO, PORQUE VOCÊS CONHECEM SIM!!!!!

    Apesar desses filmes novos do Star Wars serem todos CAGADOS, Star Wars sempre foi meu amorzinho Nerd ♥

    Jogo - Valkyrie Profile

    How Nostalgic...

    Além do Prólogo que é muito bom, a intro, tocando essa música maravilhosa, a Lenneth andando pelo campo de Lilies Mortais, o cenário, mostrando toda Asgard... preciso nem falar que esse jogo é maravilhoso!

    Animação - Hunter x Hunter

    "Monstros... Criaturas exóticas... Imensas Riquezas... Tesouros escondidos... Enclaves Malignos... Terras inexploradas...

    A Palavra "desconhecido" guarda Magia, e algumas pessoas são atraídas por essa magia. Essas pessoas são conhecidas como... HUNTERS!!!!!"

    Maaaaaluco... essa intro, seguida daquela opening maravilhosa da animação da Mad House me faz arrepiar todas as vezes que assisto! E ela já te introduz que será um anime cheio de aventuras e mistérios, isso é muito legal!! 

    Menção Honrosa...  Breath of Fire III

    Essa música, mostrando o Dragon Mural, é bem curtinho, mas eu acho uma das melhores intros de jogo que já vi!

    TÁ FEITO O DIA DE HOJE! Eu desafio o @_gustavo, @hanzy e @bahamut, que voltou recentemente, pra esquentar de novo no Alva!!!! Amanhã tem mais!! xD

    22
    • Micro picture
      _gustavo · over 1 year ago · 2 pontos

      Vlw por marcar, eu já tinha começado o meu que me marcaram, mas desisti no meio, não gostei das minhas escolhas e não achei nada pro dia 2 kkkkkkkkkkk

      2 replies
    • Micro picture
      manoelnsn · over 1 year ago · 2 pontos

      Rapaz, pegou pesado aí. BOF 3 tem uma das melhores intros mesmo!

      1 reply
    • Micro picture
      hanzy · over 1 year ago · 2 pontos

      Mlk me arrepiei com suas escolhas, são ótimas introduções mesmo!
      Vou ver se faço mais tarde kkkk mas acho que falta menos de 7 dias pra 2020

      1 reply
  • 2019-11-03 05:36:21 -0200 Thumb picture
  • thejosephkorso Helton Carvalho
    2019-10-09 00:12:05 -0300 Thumb picture

    Inktober 2019 | Day 8

    Medium 664072 3309110367

    Hoje o bagú-yo foi loko. Tanto que decidi mudar o logotipo pra representar o que foi o dia hoje.

    Fui atrás de algumas canetas e não me arrependi de ter comprado-as. Fazia muito tempo que não mandava uma hachura. Na finaleira tava quase pintando. Aí me lembrei que é ink, não paint.

    @manoelnsn, pedido não pode ser despedido.

    It shall be engraved upon your soul.

    11
  • 2019-08-25 21:08:11 -0300 Thumb picture

    Valkyrie Profile - As três valquírias

    Hrist, Lenneth e Silmeria... Qual a sua preferida?

    by @manoelnsn

    14
    • Micro picture
      chronoxplay · over 1 year ago · 2 pontos

      Eu nunca joguei não, mas está na minha lista para jogar. Qual das três vc prefere? As três estão nesse jogo?

      5 replies
    • Micro picture
      santz · over 1 year ago · 2 pontos

      Nem sei quem são as outras, mas vendo as fotos, fico de Lenneth mesmo.

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...