This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • 2021-01-12 10:10:53 -0200 Thumb picture

    Combo#303 [PS1](1997): Tales of Destiny & Tomba!

     O segundo jogo da série Tales trouxe uma nova história de fantasia. Controlamos o garoto Stahn que descobre uma espada mágica falante e no decorrer de sua aventura vai se deparar com outras armas e amigos que se unem a sua equipe. O jogo utiliza o mesmo sistema de combate apresentado em Tales of Phantasia, só que mais focado em combos e com os colegas do grupo mais ativos. - Tales of Destiny parece muito com seu antecessor, até parece um jogo de SNES. Os gráficos são bem feitos, mas nada que impressione tanto, bem como as músicas. O combate continua gostoso de jogar e é tudo bem dinâmico. A história se desenrola de forma lenta e vários personagens vão sendo apresentados no decorrer da aventura, cada um com sua personalidade e características.

    Nota pessoal: ★★★☆☆

    ----------------------------------------------------------------------

    ----------------------------------------------------------------------

     Tokuro Fujiwara deixou a Capcom para criar sua nova empresa de games, a Whoopee Camp e seu primeiro jogo foi um belíssimo game 2D de plataforma. O bracelete de ouro de Tomba foi roubado pela gangue dos porcos rosa Koma e temos que explorar toda a ilha para tentar recuperar o bracelete. O jogo adota uma estrutura não linear e Tomba deve completar uma série de missões para prosseguir com a aventura. Em algumas etapas, Tomba pode pular para o plano de fundo e escalar paredes. - Um jogo de plataforma belíssimo e cheio de conteúdo. Tomba vai adquirir vários itens e equipamentos conforme vai completando as dezenas de missões que o jogo oferece. A jogabilidade é meio estranha no começo, mas com o tempo, dá para pegar o jeito.

    Nota pessoal: ★★★☆☆

    @andre_andricopoulos, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @noyluiz, @marlonildo, @volstag, @manoelnsn, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @sergiotecnico, @srdeath, @melkorbelegurth, @avmnetto, @spider, @denis_lisboadosreis, @fredson, @hyuga, @wcleyton, @bobramber, @carlosneto, @thiagobrugnolo, @rensan, @eduardo_wrzecionek [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    46
    • Micro picture
      thiagobrugnolo · 7 days ago · 4 pontos

      Esse Tales of Destiny ainda lembra bem o Phantasia, realmente ele tá mais pra um jogo se Snes. Joguei o Tomba em um CD de demonstração no ps1, pelo inicio achei um jogo bacana.

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 7 days ago · 3 pontos

      TOMBA é sensacional

      1 reply
    • Micro picture
      armkng · 7 days ago · 2 pontos

      Tales of Destiny é um excelente jogo de rpg...eu só não finalizei esse game xD
      mas o jeito dele é muito bom e a história é fantástica

      1 reply
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-08-24 23:54:43 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>No capítulo anterior de Destino de Tháles...</p>

    No capítulo anterior de Destino de Tháles...

    Ludon, o famoso vilãozinho de merda, fugiu cavalgando um dragão (ou sei lá que diabos é aquela coisa).

    Então Tháles resolve perguntar para o Rei Tibérius sobre os chéques na conta da Michele... digo, digo... resolve perguntar para onde estaria indo se esconder dessa vez  o bosta do Queiróz, digo... do Lydon, e o cagueta dedura é claro, ele está indo pra Phandaria! (bem que podia ser pra Pandaren né).

    E como é que a gente chega lá? quem disse "de navio" ganhou um graveto cheio de bostaaaa!! êêêê!
    Caralho, nem o Cabral e o Colombo andaram tanto de navio na vida!!!

    Pelo menos dessa vez o rolê é diferenciado, quando anunciam que estamos sendo atacados por uma frota de navios inimigos, jogamos uma homenagem aos clássicos Galaga e Galaxian da vida (ambos da Namco aliás).

    Enfim chegamos em Frostheim, e daqui seguiremos a pé até Phandaria, Fayte não segue com a gente, decide voltar pra Aquaveil pra ajudar a reconstruir sua cidade, então agora é hora de procurarmos armaduras e armas novas nessa cidade e quem sabe descobrir mais sobre o paradeiro do paga pau do Lydon.

    Mas não antes de deixar esse print mais importante do que tomar banho e lavar atrás das orelhas!!!
    Gente, anotem, tatuem isso, FUR CAPE!!

    Quando vamos saindo do porto, o povo nota que a Mary (a ciumenta) saiu de fininha, provavelmente triste ou com ódio mesmo, já que o Tháles ficou de paquerinha na despedida da Fayte, logo a gente encontra ela e isso meio que me pareceu só um gancho pra algo que venha a rolar futuramente.
    Bem, a cidade é fria e graças a tudo que é sagrado, não é uma cidade infinita pra gente se perder e tals, uma garotinha comenta que as pessoas costumam se perder na floresta e morrerem congeladas... certo.... tô sabendo... FUR CAPE né? ceeerto...

    Bom, subindo no mapa logo ao sair da cidade, só tem dois lugares que encontrei, em uma florestinha meio a esquerda, onde rola essa batalha onde temos que salvar uma pessoa... resumindo, ao salva-lo, voltamos com ele pra cidade e ele entra pro grupo, ele também tem uma espada falante aliás

    Agora o cara conta sobre os dois caminhos, e explica que seria burrice continuar por aquele caminho onde o salvamos, porque os soldados iriam nos encontrar.... e o outro caminho que resta é subir até encontrar uma entrada de uma caverna... beleeeeza... como várias pessoas já falaram, o frio é insuportável, as pessoas se perdem, morrem, FUR CAPE lembra? então... não achei a buceta da tal FUR CAPE e subi mesmo assim pra ver o que rolava...

    OK... então vamos subir pro tal lugar que mata a gente se não usarmos a FUR CAPE... sem estar com a FUR CAPE... pra ver o que rola... mas isso fica pro próximo episódio deeeeeeeeee.... O Destino de Tháles!!

    26
    • Micro picture
      santz · 5 months ago · 2 pontos

      A Namco sempre gosta de fazer referência a suas clássicas dos Arcades. E faz bem, são clássicos eternos que merecem ser reconhecidos.

  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-08-13 19:51:50 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>No capitulo anterior do <strong>Destino de Thále

    No capitulo anterior do Destino de Tháles...

    Batista amargurado por estar num jogo chato, se mata na frente de todo mundo.
    E Tháles e sua turminha do barulho resolvem sair daquela espelunca labiríntica antes que morram de desgosto também.

    Quando retornamos a cidade finalmente, vemos que não era só na mansão que a chatice atacou, esse fenômeno existe no jogo todo, só espero que ele vão vaze pelos prints e torne a galera do Alvanista em gente chata também bahahahahaha

    Então entramos no navio do Fayte, o filho do governador assassinado da cidade, ele resolve ajudar a gente no transporte, essa viagem pelo menos não tem grandes complicações, apenas um Boss já na reta final do caminho.

    Chegando em Terazzy, o lugar onde supostamente é nosso próximo rolê, temos que encontrar outro barqueiro, ele levará a "entradas" alternativas para estabelecimentos fechados (que ao conseguirmos finalmente entrar, os vendedores não nos atenderão do mesmo jeito) e também para uma entrada subterrânea para podemos seguir mais um pouco de vai e vem com puzzles chatos.

    Quando você finalmente chegar nesse lugar, verá 12 portas do zodíaco, se entrar na sequencia errada, te que ir tudo novamente... E apesar de seguir a ordem dos signos, não começa pelo primeiro signo, mais dica que isso eu acho mancada eu falar.
    E só digo uma coisa, a preguiça de pesquisar na internet a ordem dos signos (é, eu não sei não, ohh mestre da astrologia!), me arrependi de não prestar tanta atenção na saga das 12 casas dos cavaleiros do zodíaco hahaha.

    Finalmente Tháles encontra Lydon, o cara que tanto andou aprontando por aí, e ele está junto (ou influenciando) o próprio rei!

    Depois de uma trêta louca cheia de soldados e o próprio rei, arregaçamos eles todos na pancada, essa imagem acima foi quando um dos meus personagens evocou o próprio cão, e ele botou pra nóis beber.

    Na confusão, Lydon foge e a gente segue atrás dele, ouvindo um barulho de algo, que me lembrou um motor... ou um ronco... ou um peido de monstro demorado...

    Chegando no topo do lugar, ainda da tempo de ver um monstro passando, então o Lydon realmente fugiu... (e então o ronco era mesmo o peido do monstro? hummmm)

    Mas pra onde teria fugido o paga pau? quem sabe Tháles dá sorte e encontra alguém vivo, sim, quem sabe o rei ainda está vivo e pode falar pra onde o maluco teria ido... mas isso fica pra próxima postagem.
    Mano, esse post ficou mil vezes mais legal do que a jogatina, espero que ninguém se entusiasme pra jogar, porque vão querer me matar depois hahaha.

    28
    • Micro picture
      jcelove · 5 months ago · 2 pontos

      Po ta dificil voltar pra ele com essa sua empolgaçao mesmo.hehe

      1 reply
    • Micro picture
      santz · 5 months ago · 2 pontos

      As partes finais do jogo quando o bicho tá pegando, o jogo fica bem massa.

      3 replies
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-08-11 22:47:00 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>No ultimo capítulo do <strong>Destino de Tháles<

    No ultimo capítulo do Destino de Tháles...
    Tháles e seus amigos entram pelos fundos em um lugar muito bizarro, lá tudo é um vai em vem (coisa mais normal nesse jogo aliás), e aqui encontramos vários lugares alagados, e para passar, precisamos mover alavancas e torneiras, empurrar caixotes no lugar certo e etc...

    Pelo andar do jogo, acho que já posso dizer que ele é uma experiência relativamente bem sucedida da transição que existiu dos consoles 16 Bits) com uma limitação de espaço que impedia a criatividade até certo ponto) e a geração seguinte que chegou com o CD como mídia, o que proporcionou uma liberdade cavalar de se criar muita coisa, muito detalhe, que não necessariamente foi bem utilizada, pelo menos não nesse jogo, penso isso tudo porque esse game saiu em 97, e o Super Nintendo por exemplo foi descontinuado oficialmente em 99, creio que se esse jogo tivesse saído no Super Nes ou no Mega Drive, e portanto fosse mais "capado" nessa quantidade de detalhes, seria o melhor jogo do mundo.

    E sim, estou descontente com o andamento do jogo, não com a história e nem com gameplay exatamente, nem com dificuldade nem nada, só com o vai e vem maçante, com as inúmeras viagens de navio, com a quantidade de casas e quartos e salas e etc que você pode entrar, e pra nada! simplesmente eles tem personagens que falam coisas, mas nada que mude a história, ou a experiência, ou que te dê itens novos, cansa demais.

    Isso torna o jogo ruim necessariamente?
    Não, só o torna ruim pra mim, pro meu gosto.

    E isso significa que eu vou parar de jogar ele?
    Não... não ainda...
    Eu tenho jogado pouco, de savepoint em savepoint, coisa que varia, mas acho que em média aparece um a cada 10 ou 15 minutos de jogatina, meu tempo total de jogo não lembro agora, mas deve ter passado de 20 horas, imagino que estou super longe do final também, em outros jogos isso me alegraria, mas nesse sei lá, ando cansadão dele.

    Mas enfim... Karyl, o (ou a) menestrel, que parece uma velha quando estpa na tela, mas parece um cara nas batalhas, e parece uma moça nos icones, eeeeeeee tem uma namorada, resolve ficar tocando o orgão (calma, não é esse orgão que você pensou, mente suja!) para desbloquear uma passagem, então, com o grupo desfalcado partimos pra mais um pouco de labirinto e quebra cabeça...

    Eu falei quebra cabeça? mano... essa porra aqui é infernal, cada placa tem um som, tipo animais, gente reclamando e etc, eis que você tem que tocar na ordem certa pra conseguir abrir mais uma passagem, demorei, mas consegui.

    E tudo isso pra você encontrar uma merda de válvula (vulgo torneira mesmo), pra voltar até o(a) Karyl, e achar a merda do lugar pra por essa porra de válvula...

    Bom, no final de tudo você encontra o Batista... e claro que tem uma luta...

    Achei ele dificinho até, mas fritei a fuça dele com meu ataque mais poderoso várias vezes e deu tudo certo.

    Depois de cinco horas rolando o texto de uma puta conversa chata do caralho, o Batista lembra que está usando a tiara que pode mata-lo eletrocutado, e adivinha só o que ele faz? sim, ele tira a tiara e se mata.
    Então só resta a Tháles e sua turminha ir embora desse lugar chato e torcer pra que tudo melhore na próxima postagem.

    19
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-07-30 23:32:32 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>Continuando a grande aventura do Destino do Thál

    Continuando a grande aventura do Destino do Tháles... calma, CALMA! eu sei, só estou brincando com o título, com o nome que inventei, igual quando chamam o Link de Zelda, CALMA! (Só avisando antes porque hoje em dia tá foda a coisa e não quero que me confundam com um imbecil, só com um louco mesmo)

    Continuando... Tháles e sua turma encontraram policiais facistas enquadrando as crianças no morro, elas não estavam fazendo nada de errado, mas os tiras corruptos não queriam nem saber.

    Tháles não atura isso, e como era de se esperar, chega peitando os meganhas... a briga é rápida, os caras não dão nem pro cheiro.

    Bom, após a encrenca toda, a policia está passando um pente fino pra encontrar os arruaceiros, então é preciso dar um jeito de passar despercebido, e tentar caçar o vagabundo do Batista, procurando pelas casinhas da cidade, encontramos um lugar que aluga barcos, a dona diz que o barqueiro está lá fora, então depois de seguir pela escadaria logo a frente, encontramos a pessoa.

    Apesar do nome parecer feminino, e do visual ser o de uma velha, Karyl pelo que entendi é um barqueiro e menestrel, um personagem engraçado que tem desprezo pelo Batista e pelo governo vigente.

    Karyl então entra pro grupo e leva a galera de barco pra uma entrada que ele conhece...

    Lá, encontramos uma moça, Leianna, esposa do próximo lord da cidade, é bom falar com ela, pra ganhar uma soneca e recuperar completamente o life de todos.

    Depois da soneca, seguimos por uma área um pouco complexa, mas nada super difícil, mas isso fica pra próxima postagem.

    22
    • Micro picture
      jcelove · 6 months ago · 2 pontos

      J´ta bem mais longe que eu, procurando vontade pra voltar ainda.hehe

      1 reply
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-07-23 11:01:49 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>Mais um pouquinho de progresso, aliás, bem pouco

    Mais um pouquinho de progresso, aliás, bem pouco, tenho jogado muito Death Stranding e acabo jogando pouquinho esse daqui.

    Depois de altas aventuras labirínticas dentro dos navios (ô parte mais chata da porra!), fui parar na cidade lá que eu tinha que ir, é... não lembro o nome.

    Ahhh sim, é a mesma cidade onde eu já estava antes, da trêta voltamos embora com o Batista preso, ganhei um passeio com a Ilene, é uma parte engraçada, pois as outras meninas do grupo ficam enciumadas e vão seguindo sempre a distância, se escondendo em moitas e etc hahaha

    Eis que o Bolson... digo, eis que o Bandido fugiu, sim, o Batista, o cara que estava no navio que trouxemos de volta, fomos então atrás dele, pega navio de novo... viaja de navio de novo... chegamos na área nova, onde fica a cidade de Sheeden, batalhas mais ardidinhas no mapa, mas não tanto, eu devo ter evoluído muito meu personagem antes.

    A cidade é forrada de soldados facistas que se comportam como soldados facistas (um beijo pra propaganda progressista, calma galera, direita e esquerda pra mim é a mesma merda, tudo bonito no papel, mas na prática sempre dá merda porque os políticos são tudo a mesma merda, isso foi só piada interna mesmo), enfim... e as mulheres nessa cidade estão lutando pra conquistar seu devido lugar na sociedade, a gente vê muita gente argumentando coisas ou até te perguntando o que você pensa a respeito (beijo pra propagaaaaan...... zzzzzz...)

    A cidade não é tão grande como a anterior, mas mesmo assim toda porta que você tenta abrir, abre! todo canto tem mais canto, se tornando outro lugar grande... é muito bonito a variedade e criatividade, mas acaba atrasando o desenrolar da história, isso eu não gostei muito nesse jogo não.
    No final, nenhuma loja te vende nada, o lugar é muito podre graças aos soldados estarem bancando os tiranos clássicos, e pra piorar, não existem barcos que possam sair da ilha também, graças a quem? melhor eu nem falar, pode parecer propaganda progressista infiltrada por ninjas!
    Alguém comenta existir uma caverna que leva até onde precisamos ir, em outra ilha é claro... (espero que lá tenham menos cidadãos de bem).

    O visual lá dentro é muito bonito, a única coisa ruim é que existem várias bifurcações sem saída, eu tava quase fazendo um mapa num papel já, quando consegui sair, no final não é tão complicado, mas exige mais atenção hahahaha

    E logo na saída existe um monstro bloqueando, nada tão  complicado, mas recomendo que não se saia até encontrar um monolito que contem um encantamento, esse encantamento te dá um especial muito legal e mais poderoso que o resto dos especiais até o momento.

    Uma vez fora da caverna, não tem erro encontrar a nova cidade, e lá... adivinha só o que encontramos? mais soldados de merda... (prrrrrrr...)

    Aqui pelo menos as lojas e o hotel funcionam, então recomendo dar uma passada nelas e comprar armas e roupas mais fortes, dando um rolê procurando pelo próximo passo, encontro os cidadãos de bem praticando bullying com a criançada do vilarejo, claro que nosso personagem vai pegar uma padra e tacar na cabeça da criança né? ué, não é isso que ele deveria fazer? hummmmm... a gente compra a briga é claro, mas isso fica pra próxima postagem.

    Ahhh, mas antes de ir...

    O que será que esse soldado quer empurrando bebida pra mocinha??
    Maldito The Last of Us 2 lacrador!! não, pera!

    29
    • Micro picture
      raiden · 6 months ago · 3 pontos

      @juninhonash odeia esse jogo.... Né? Kkkk

      1 reply
    • Micro picture
      jcelove · 6 months ago · 2 pontos

      Se me lembro parei depois de voltar pra cidade. To vendo se animo pra continuar

      1 reply
    • Micro picture
      igor_park · 6 months ago · 2 pontos

      Cuidado com a palavra Lacrador no texto, você pode trazer o Olavista da alva para sua postagem kkkk.

      1 reply
  • volstag Guilherme De Assis Pinto
    2020-07-07 23:07:49 -0300 Thumb picture
    volstag checked-in:
    Post by volstag: <p>Depois de trocentos anos (588 dias mais precisam

    Depois de trocentos anos (588 dias mais precisamente segundo o Alvanista)... resolvi continuar esse jogo que estava largado num canto da memória do meu PSP.
    Mas acontece que eu tinha posto todo o conteúdo do meu MemoryStick desse PSP que eu tava jogando, em outro, na verdade, na memória do PSP GO, eis que por terem desbloqueios diferentes, a função de printar a tela em jogos de PS1 não tava mais funfando, ai fui habilitar, mas conflitava com alguma outra coisa e travava tudo... acabei voltando pro meu PSP velho de guerra esse jogo, e pronto... mais rápido.

    Meus prints até chegar en Fitzgald foram pro espaço, mas daqui pra frente estão ok... e isso me fez ver a postagem logo abaixo, então aproveito pra perguntar... e ae @jcelove terminou? abandonou também?

    "Entrei de gaiato no navio... ô! entrei... entrei... entrei por engano..." - VIANA, Herbert.
    E bora zarpar no navio né, confesso que devido o tempo que fiquei sem jogar, nem faço ideia mais do que era pra fazer ou pra onde eu estava indo... e isso dá uma desanimada de continuar, mas mesmo assim segui viagem pra ver no que ia dar.

    Fomos atacados por piratas, agora o lance é invadir os navios um por um e ir eliminando todo mundo, e isso é a coisa mais sebosa e chata que fizeram, porque fica repetindo o rolê em todo barco, fora que os mini labirintos que eles são são chatos demais!

    Pra piorar, a merda da bateria desse PSP está descarregando rápido, e eu não lembrava disso... mas descobri da pior forma, quando estava vencendo o ultimo chefe do ultimo navio, o console desliga na minha cara!
    Aí você me fala "E por que não correu carregar, da tempo, eu faço isso e blablabla..."
    E eu te respondo: "eu tava cagando! não tinha como levantar correndo"

    Enfim... eu consegui jogar tuuudo de novo a parte dos barcos e vencer o cara, mas isso fica pra próxima postagem, já que o meu PSP acaba de descarregar de novo na minha cara enquanto eu postava isso e não me deixou por os outros prints.

    32
    • Micro picture
      katsuragi · 7 months ago · 3 pontos

      O MELHOR TALES OF DE TODOS

      3 replies
    • Micro picture
      jcelove · 7 months ago · 2 pontos

      Putz man, ta parado no psclassic, nem lembro direito, acho q depois dos piratas.

    • Micro picture
      wilford_fernandes · 7 months ago · 2 pontos

      mto dificil retomar um rpg depois de muito tempo.. perdido na historia e pra onde ir .. auehueahuaeh

  • jcelove José Carlos
    2019-10-02 21:19:17 -0300 Thumb picture
    jcelove checked-in:
    Post by jcelove: <p>Tentando continuar mas ta muito chato.</p><p>#im

    Tentando continuar mas ta muito chato.

    A parte de tomar os navios piratas é maçante! Várias áreas exatamente iguais com batalha a cada passo e um labirinto na ultima parte. Já larguei umas 2 vezes mas vamos ver se saio agora.

    21
    • Micro picture
      carlospenajr · over 1 year ago · 2 pontos

      Esse Tales, apesar de ter sido o primeiro que eu joguei, não curti muito ele, certeza que não cheguei a fechar ele :/
      Só fui curtir a série no Eternia, mas fiquei anos sem relar nela, só voltei no Graces F do PS3 XD

      2 replies
    • Micro picture
      gennosuke6 · over 1 year ago · 2 pontos

      Só não te xingo por ser o de PSone, pq se estivesse reclamando do remake de PS2... hauahuahuahuahua. =D

      2 replies
    • Micro picture
      santz · over 1 year ago · 2 pontos

      Ele tem umas partes meio chatas mesmo, mas a história é muito massa.

      1 reply
  • jcelove José Carlos
    2019-09-21 23:19:42 -0300 Thumb picture
    jcelove checked-in:
    Post by jcelove: <p>As escolhas mais lógicas pra tirar da lista de p

    As escolhas mais lógicas pra tirar da lista de pendências no PSclassic ram Chicken run e o Echo Night, mas mesmo com vários rpgs maneiros e mais curtos resolvi tentar continuar esse tales e ta começando a ficar divertido.

    Passei da parte do monstro marinho e a Philia encontra Clemente, outra espada falante, que a escolhe como mestra pelo simples fato dela ser uma garota jovem o bonita, a Rutee diz que a espada tem o espírito de um veio tarado.hehe

    Aliás, curti muito a Philia. Achei que ela seria uma healer fracona, mas a frerinha tem magias muito boas.

    Avancei um pouco mais e parei na parte em que tem que tomar os navios dos piratas e ja tinha passado por 3 e apareceu mais. Meio chatinho pq são todos iguais, mas to pegando todas as batalhas, ta até divertido esse esquema de lutinhas.

    31
    • Micro picture
      _gustavo · over 1 year ago · 3 pontos

      Tales of é sempre sucesso

      3 replies
    • Micro picture
      gennosuke6 · over 1 year ago · 2 pontos

      Coisa linda d+! *o*

      1 reply
    • Micro picture
      ntampinha · over 1 year ago · 2 pontos

      "Rutee diz que a espada tem o espírito de um veio tarado." - kkkkkk, Mestre Kame, é você? 😂

      1 reply
  • the_muriel Muriel Soares
    2019-08-11 09:44:22 -0300 Thumb picture

    Desafio: Uma semana de música - Dia 7

    Vamos para ao ultimo dia do @desafio, que fui indicado pelo seu @manoelnsn

    Uma homanagem ai a todas as aberturas de tales of :v

    Regras

    1 - Postar uma musica por dia, durante uma semana, seguindo a seguinte lista:

    Dia 1: Música tema de uma franquia;
    Dia 2: Música tema de jogos específicos;
    Dia 3: Música tema de alguma área/momento aleatório de um jogo;

    Dia 4: Música tema para chefões;
    Dia 5: Música tema de final boss;
    Dia 6: Músicas de encerramentos
    Dia 7: RODADA BONUS: Música completamente a sua escolha, tema de personagem, tela inicial, save room, tela de pause: VOCÊ ESCOLHE!
    2 - Comente em cada um dos dias o por que de estar escolhendo essa música!

    3 - Marque uns três amiguinhos para eles fazerem também.

    14
    • Micro picture
      mastermune · over 1 year ago · 3 pontos

      AMO todas as openings de Tales Of. E as animações são incríveis!!!

    • Micro picture
      _gustavo · over 1 year ago · 1 ponto

      As intros de Tales of são foderosas, eu preciso terminar o Berseria, até o @mastermune já terminou e eu não hsuahsauhsauhsus

      2 replies

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...