This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • herbertviana Herbert Viana
    2019-10-22 17:56:36 -0200 Thumb picture
    herbertviana checked-in:
    Post by herbertviana: <p>Check-in mega atrasado. Apenas marcando a finali

    Check-in mega atrasado. Apenas marcando a finalização desse game de plataforma. Thomas Was Alone é visualmente é bem simples, mas apresenta ótimos puzzles e uma história interessante.

    21º jogo finalizado no ano, 43º no Xbox One.

    11
  • 2019-10-07 08:16:33 -0300 Thumb picture
  • marlonfonseca Marlon Fonseca
    2017-09-29 22:04:27 -0300 Thumb picture
    marlonfonseca checked-in:
    Post by marlonfonseca: <p>Jogo finalizado #1594 - Thomas Was alone (Xbox O

    Jogo finalizado #1594 - Thomas Was alone (Xbox One)

    As, os jogos Indie. Como não amá-los, Essa técnica em usar a simplicidade de forma genial me encanta a cada pérola que eu desbravo nesse segmento.

    Esse é mais um dos exemplos. com um,a proposta simples mas de execução impecável temos aqui uma parábola de amizade, companheirismo e programação.

    Outro fator brilhante: a narração não só traz a história como faz simples blocos de cores e formas diferentes possuírem personalidades tão profundas e díspares.

    Querem saber? Joguem. Isso aqui é genial.

    9
  • gv_silva Gabriel Vieira da Silva
    2017-07-04 17:44:36 -0300 Thumb picture
    gv_silva checked-in:
    Post by gv_silva: <p><strong>Conquista Steam 100% - #5</strong></p><p

    Conquista Steam 100% - #5

    Finalmente terminado depois de muito tempo parado na minha lista de jogos.

    O que dizer desse jogo que possui o minimo de gráfico, porém que consegue ser cativante e empolgante mesmo assim. Tem uma trilha sonora muito boa, e uma história interessante. O narrador do jogo é fantástico, divertindo o jogador e soltando algumas referencias legais.

    Enfim, mesmo simples, é um jogo fantástico, gostei muito de toda experiencia que tive ao jogar. Para quem curte jogos indies, é uma boa escolha de jogatina.

    2
  • zandryx Elisandro Vianna
    2017-04-17 12:01:59 -0300 Thumb picture
    zandryx checked-in:
    Post by zandryx: <p>Que jogo mais doido, é por isso q eu gosto desse

    Que jogo mais doido, é por isso q eu gosto desses jogos indies rs

    Adoro como a história é contada e quando vc menos percebe tá chamando cada quadradinho pelo nome (ps: Claire ♥)

    100%teado #6

    Eu comecei jogando o Okami pra tentar conseguir os 15 troféus para a badge, mas como surgiu um infortúnio contratempo, acabei deixando ele de lado e corri pra esse joguinho q tinha acabado de comprar na flash sale rs, tinha 5 troféus exatos então ai vai o/

    Logo vou voltar pro Okami e depois Diablo III, to com tanto jogo p jogar q se eu pudesse jogava todos ao mesmo tempo @_@

    Meu hall de 100%s está assim

    @platinadores

    9
  • mateusmassa Mateus Melo Massa
    2016-11-14 22:13:10 -0200 Thumb picture
  • edknight Eduardo Botelho
    2016-10-03 07:40:27 -0300 Thumb picture
    edknight checked-in:
    Post by edknight: <p>Sabe quando você tem um monte de joguinhos no vi

    Sabe quando você tem um monte de joguinhos no videogame, procura alguma coisa e diz que "não tem nada pra jogar"? Eu tava desse jeito, então resolvi brincar um pouquinho com os jogos que tinha instalado no Vita mas que mal encostei. Um deles foi o Thomas Was Alone.

    Os puzzles são muito fáceis. Não achei que esse jogo ofereceu desafio até a fase final. Na verdade, tem um desafio sim: Os quadradinhos transparentes com bordas pretas, que não sei se servem pra alguma coisa além de ganhar troféus. Não é difícil pegar esses quadradinhos, é difícil enxergar eles, acho que peguei uns 6 ou 8 (deve ter o dobro disso)

    Mas apesar de ser bem fácil, o jogo é legal. Não imaginei que ia curtir um jogo com a história de um grupo de quadradinhos navegando por fases coloridas. Apesar dos "personagens" serem todos formas retangulares, todos eles tem uma personalidade bem distinta, que combina com seus "poderes" (a Claire, o quadradão azul, se comporta como se fosse uma heroína, e no momento em que ela vai se sacrificar pra evitar que os amiguinhos se afoguem, descobre que ela bóia;ou o John, que é maior que todos e pula muito mais alto, e por isso se sente superior, até conhecer a Sarah, uma baixinha que pula tanto quanto e ainda tem pulo duplo; Ou o John, que é o menorzinho e mal consegue pular, por isso tem um complexo de inferioridade que só consegue vencer na fase que tem um espacinho muito pequeno pra passar e só ele consegue, então ele vê que tem alguma utilidade para o grupo).

    Depois que os personagens conseguem chegar em seu objetivo, chega a segunda geração de personagens, sem cores, e com eles um novo modelo de puzzles, onde os personagens per se mudam de habilidade conforme você avança na fase.

    6
  • dandan_g_rous Dandan G. Rous
    2016-07-06 02:06:41 -0300 Thumb picture
    dandan_g_rous checked-in:
    Post by dandan_g_rous: <p>Quando &nbsp;<b style="font-style: italic;">Refl

    Quando  Reflexão, Poesia e Games se encontram.

    "mundo" 3,0  ainda, mas q jogo lindo, e o que ele passa como reflexão é incrível.

    Cada narrativa nova, minha mente vagueia em reflexão sobre eu mesmo.

    Que foda.

    10
  • seta Wellington Lopes
    2016-05-24 23:36:58 -0300 Thumb picture
    seta checked-in:
    Post by seta: <p>Finalizado.</p><p>Blá blá bla. Bem divertido o j

    Finalizado.

    Blá blá bla. Bem divertido o jogo. Puzzles ligeiramente desafiadores, gráficos simples e uma boa história com personagens cativantes. Entretanto a segunda parte do jogo (as duas últimas sequências de capítulos) não é tão boa, com personagens sem graça e história confusa.

    7.9/10

    6
  • andycarlos Andy Carlos
    2016-01-29 14:08:51 -0200 Thumb picture
    andycarlos checked-in:
    Post by andycarlos: Fase 3.9, dificuldades a mil

    Fase 3.9, dificuldades a mil

    0

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...