• darlanfagundes Darlã Fagundes
    2018-10-14 08:22:23 -0300 Thumb picture
    35
    • Micro picture
      muser · 3 dias atrás · 2 pontos

      Parece o Jason, o menino...

    • Micro picture
      ederpezawm · 3 dias atrás · 2 pontos

      É você Sloth?

    • Micro picture
      topogigio999 · 3 dias atrás · 2 pontos

      Logo após chegou o conselho tutelar e acabou a brincadeira kkkkk

  • miss_dani Dani Patiné
    2018-10-11 07:48:40 -0300 Thumb picture

    [Off] Sábado vai fazer uma semana...

    Que o ator Scott Wilson, intérprete do patriarca Hershel Greene de The Walking Dead nos deixou. Hershel era um personagem que eu gostava muito, por seu modo generoso, sábio e conselheiro, mesmo em meio a um ambiente tão hostil. Triste saber que o ator sofria de leucemia e que agora partiu, aos 76 anos.

    Deixo aqui meu registro e uma foto ruinzinha que tirei do Pop Funko do Hershel :(

    R.I.P Scott Wilson (29/03/1942 - 06/10/2018)

    43
    • Micro picture
      juray · 6 dias atrás · 2 pontos

      Nuss,,,, igualzinho!

      1 resposta
    • Micro picture
      ogawara · 6 dias atrás · 2 pontos

      R.I.P. =/

      1 resposta
    • Micro picture
      juray · 6 dias atrás · 2 pontos

      Ahhhhh! E eu adorava esse personagem também no TWD... fiquei MUITO triste quando ele morreu na série! E agora ele se vai de verdade, né? ='(

      1 resposta
  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-09-24 17:56:14 -0300 Thumb picture

    O que podemos aprender com o fechamento da Telltale Games?

    Medium 3673566 featured image

    OBS: Imagens meramente ilustrativas

    No dia 21 de setembro deste ano, 2018, o mundo dos games entrou em polvorosa após a notícia da falência da Telltale Games. A empresa já passava por uns perrengues já há algum tempo (chegarei a isso daqui a pouco), mas ninguém esperava que algo assim iria acontecer. Além de todas as demissões (com direito a violações de direitos que chegaremos daqui a pouco), todos os projetos em desenvolvimento até então foram cancelados (menos o Minecraft Story Mode), INCLUINDO A TEMPORADA FINAL DE THE WALKING DEAD, QUE SÓ RECEBERÁ METADE DOS EPISÓDIOS PREVISTOS!!!!

    Tudo isso deixou o pessoal bem p*to com a situação. Muitos discutem o porquê da falência ter ocorrido, mas como não sou um especialista em negócios (e também por não haver muita informação disponível), vou partir para outro caminho: ao invés da clássica "receita para o desastre", vamos ver, como está no título (dã), o que a gente aprendeu com todo essa desgraça.

    Vamos começar com o motivo principal da falência (precisamos saber disso para elencar o que nós descobrimos depois):

    O Motivo da Falência

    OBS: Vale lembrar que falência é quando uma empresa não consegue mais arcar com suas dívidas e precisa vender suas propriedades físicas e intelectuais para que o faça, e isso geralmente ocasiona o fim da empresa.

    Segundo tweets de ex-funcionários da Telltale, a empresa faliu pois, após o recebimento do GOTY no antigo VGA pelo TWD original, os chefões se empolgaram demais e a empresa cresceu muito além do que poderia. Isso, somado ao fato de que apenas o TWD original deu algum lucro a empresa, gerou em diversos prejuízos ao longo dos anos e muitas demissões (como visto no artigo acima). A empresa não fez muita coisa para impedir isso (funcionários eram contratados poucas semanas antes da falência, e continuava lançando jogos episódicos a granel), e o resultado é o que nós vimos alguns dias atrás

    A falência da empresa veio pela incompetência e trouxe caos, arrependimento, e uma pitada de violações de direitos trabalhistas. Segundo esses mesmos tweets, os funcionários não receberam qualquer indenização e foram notificados de suas demissões no dia 20-21 e tiveram que deixar o prédio da Telltale às pressas. No entanto, nem todos os funcionários foram demitidos: atualmente, uma equipe tapa-buraco de 25 pessoas continua na empresa para finalizar The Walking Dead e Minecraft Story Mode. Nem preciso dizer o destino dos 25 após terminarem os jogos.

    Esse foi o resumo do motivo da falência da empresa. Só essa recapitulação nos mostra 3 coisas:

    O trabalho na indústria dos games pode ser pior do que se imaginava

    Todos sabem que fazer um jogo é complicado: leva anos, é preciso se dedicar, e ainda há a pressão dos prazos impossíveis. Já saíram alguns artigos no jornalismo de games, como esse do The Verge (que, ao que tudo indica, não teve grande repercussão na época), sobre práticas de trabalho tóxicas nos games (nesse caso, na própria Telltale), mas com as revelações acima, o artigo foi redescoberto, e junto dele, diversas preocupações.  Eu até pensei em enumerar os pontos aqui, mas no meio das minhas pesquisas, eu encontrei 4 artigos a respeito (infelizmente, todos em inglês) que acho que serão o bastante para acender uma luz na preocupação do pessoal:

    -Esse do Polygon

    -Esse da Eurogamer

    -Essa também do The Verge

    -Esse da Techspot (de onde tirei algumas informações)

    Creio que seja o suficiente. Mas tem algo que faltou nesses artigos, que também é um dos itens para se aprender:

    Ritmo industrial (ou "callofdutyzação") não é garantia de sucesso

    Esse ritmo que eu mencionei é algo que impregnou a indústria dos jogos "maiorzão" nos últimos anos, e sempre era dita como algo lamentável (embora do ponto de vista do público, e não da empresa/funcionários), mas que funcionava, e isso felizmente se provou errado. Mas vamos aos fatores disso:

    Eu falei anteriormente que a Telltale lançou TWD, venceu o GOTY da maior premiação dos games, e começou a crescer (mesmo que demais). Pois bem, ela veio com os jogos novos seguindo o mesmo esquema do TWD, o mesmo motor gráfico e até mesmo uma narrativa parecida. No entanto, isso foi problemático por 2 razões: The Walking Dead em 2012 já tinha sofrido críticas dos jogadores por ter um final único (as escolhas apresentadas pelo jogo não o mudavam em quase nada); não só esse problema (que é grande coisa considerando a proposta do jogo), mas tem a saturação. Combine isso com vários jogos ao ano (wikia da Telltale aqui. Perceba na lista de jogos publicados como desde a fundação eles publicavam vários títulos ao ano) e temos críticas e avaliações negativas aumentando ano a ano, enquanto as principais concorrentes (Quantic Dream, Supermassive Games e Dontnod) só melhoravam jogo após jogo. A Telltale até tinha seus defensores no início, mas depois de um tempo os haters venceram os fanboys, que já não tinham muita coisa para defender.

    Dando o gancho para o terceiro (e último) ponto, uma das coisas mais criticadas pelos "odiadores" era a prática de negócios da Telltale, que incluía o Passe de Temporada. Falando nele...

    Passe de Temporada precisa ser revisto

    Rockstar Games, a inventora dessa polêmica prática (pois é)

    Confesso que eu era um dos que defendiam o Passe de Temporada, pois era (pelo menos na teoria) como assinatura de mangá: vinha tudo no pacote só (quiçá custaria menos que comprar separado) e ainda podia ter um bônus no meio! Agora eu tive que rever essa prática...

    Além de terem as óbvias deformações(Passe anual e até pseudo-passes [que não liberam todo conteúdo] é um exemplo disso), ainda criou-se mais esse problema: como os jogos episódicos ficarão caso a empresa acabe no meio da produção? No caso do TWD, a solução foi cancelar os dois episódios finais e fazer o que dá no segundo episódio (que ainda não saiu, mas já posso prever grandes mudanças no roteiro). Mas existem casos um pouco mais complexos até em jogos mais convencionais (leia-se "jogos completos sem episódios"), como no caso a seguir:

    Final Fantasy XII esteve em desenvolvimento por quase 6 anos, e isso por uma série de motivos. Um deles foi a troca de diretor: no meio do desenvolvimento (e perto do lançamento, que estava cotado entre 2004-2005), Yasumi Matsuno  precisou ser substituído devido a motivos inexplicados até hoje (a lenda mais comum é a que ele teve problemas de saúde devido a excesso de trabalho), e os diretores substitutos, Hiroyuki Ito e Hiroshi Minagawa (outras figuras importantíssimas da Square Enix, pesquisem se quiserem saber o que eles e o Yasumi fizeram lá na empresa) fizeram diversas alterações na história, sendo a mais conhecida a mudança de protagonista. Além disso, eles colocaram o designer veterano Akitoshi Kawazu no time, que é conhecido por fazer RPGs não convencionais como Romacing SaGa e Legend of Mana. Nem preciso dizer a quem os fãs atribuem pela bagunça que é o terceiro ato...

    (Que eu não sei como é pois ainda não passei do tutorial... vou ir até o final só para constatar)

    Embora a influência dessas mudanças seja negada pelos desenvolvedores, muitos fãs duvidam disso pelas mudanças acachapantes de um momento a outro e- já deu pra entender né? O diretor saiu e a coisa foi radicalmente diferente

    No caso de jogos episódicos, isso é ainda mais complexos. Nos piores casos, o jogo pode ficar assim mesmo, inacabado. Mesmo que outra empresa se voluntarie para terminar o jogo, ainda há algumas dúvidas válidas, como: a equipe será mantida? Se não, quem serão os substitutos? Podem haver mudanças no roteiro? Reajustes de preço ocorrerão?

    Essas são só algumas dúvidas possíveis...

    Conclusão

    Certamente não é bacana quando uma empresa entra em falência, mas sempre que isso acontece, é bom não cair no conto de só falar bem do morto; é importante reconhecer seus erros e acertos (por menores que sejam, na minha opinião), para que situações assim não voltem a acontecer. RIP Telltale

    Espero que tenham gostado do artigo. Novamente peço desculpas pela ausência, mas garanto que até o final do ano retornarei com tudo aqui.

    Abraço e até mais !)

    65
    • Micro picture
      leopoldino · 23 dias atrás · 3 pontos

      Não mudaram o motor gráfico nem mecânica de jogo, assim o pessoal perde o intetesse rápido. Tem que ser igual Street Fighter, fazendo sempre igual mas com algumas diferenças.

    • Micro picture
      cartsugo · 23 dias atrás · 2 pontos

      Triste, estava esperando pelo game do Stranger Things...

      2 respostas
    • Micro picture
      manhundead · 23 dias atrás · 2 pontos

      Li uma matéria extensa na Kotaku US sobre isso hoje, pena os últimos jogos não terem refletido em vendas na mesma intensidade da popularidade deles, e uma lição importante sobre a logística por trás das coisas e a necessidade de conhecer seus limites.

  • gus_sander Gabriel Macêdo
    2018-08-19 01:00:26 -0300 Thumb picture
    A crítica está ótima, assim como outras já feitas p - Alvanista

    A crítica está ótima, assim como outras já feitas pelo mesmo autor. Confesso que haviam algumas características nesse que me surpreenderam, segundo o que dizes, já outras nem tanto.
    Acho que seria um pouco inviável criarem muitos caminhos divergentes no jogo, muito trabalho para basicamente o mesmo resultado final. Isso acontece em basicamente todas as séries da Telltale que até agora tivemos uma continuação ou não, salvo poucas exceções.
    Por fim, parabéns pela bela crítica. Como um todo, só me instigou mais a querer jogá-lo kkk, pena que PC de verdade é uma coisa que a vida não me deixa ter rsrs

    A essência pura e inconfundível de ‘The Walking Dead’

    Crítica por: @filipessoa

    — Simples, lindo e emocionante, ‘The Walking Dead: The Game’ nos mostra que, em um mundo dominado pelos mortos, os ...

    Continuar Lendo →
    26
    • Micro picture
      filipessoa · 2 meses atrás · 3 pontos

      Muitíssimo obrigado pelo feedback @gus_sander! Eu aceito linearidade quando o jogo "engana bem", mas quando força eu já acho vacilo kkk mas tirando isso é sem dúvidas um excelente jogo sim. Uma pena a situação do seu PC/Notebook, e fico mais indignado por que nem acho ele tão pesado pra rodar :-T

      1 resposta
  • harpoontv Harpoon
    2018-08-17 15:53:07 -0300 Thumb picture
    harpoontv fez um check-in:
    <p>ESTOU JOGANDO QUEM QUISER ACOMAPNHAR TAMO LÁ&nbs - Alvanista

    ESTOU JOGANDO QUEM QUISER ACOMAPNHAR TAMO LÁ 

    https://twitch.tv/harpoontv

    7
  • jclove José Carlos
    2018-08-12 13:08:03 -0300 Thumb picture

    Top 10 dia dos pais

    Medium 3660938 featured image

    O bom filho sabe que todo dia é dia de homenagear aquele que taí sempre dando apoio e inspiração, seja ele o genitor ou alguém que assumiu esse papel de igual forma. 

    Mas como fiz uma listinha de mães bacanas no dia das mães, nada mais justo que uma dos papais dos games também. Dessa vez não consegui deixar apenas em 5 e vamos lembrar de 10 bons paizões dos GAEMS.

    Terry Bogard (Garou Mark of the Wolves)

    O lobo lendário, além de ser um dos personagens mais icônicos dos jogos de luta, assumiu o papel de pai que deveria ser do seu arqui inimigo, Geese Howard após a morte dele. 

    Terry cuidou de Rock Haward da melhor maneira que pode e ainda o ensinou a lutar e desenvolver os talentos que este herdou de seu pai biológico, passando pro rapaz os valores e lições necessários para que ele fosse um homem honrado.

    Harry Mason (Silent Hill)

    Talvez um dos pais mais famosos dos videogames, Harry não poderia faltar em uma lista desse tipo. O escritor vai literalmente ao inferno em busca de sua filha, perdida na tenebrosa cidade  Silent Hill. Como todo bom pai, ele não mede esforços nem se intimida com a fauna sinistra de monstros e rituais satânicos do lugar e só sai de lá com ela.

    Heidern (The King of Fighters)

    Mais um da série "pai é quem cria", temos  outro pai adotivo de jogo da SNK.  Heidern é o comandante do Ikari Team. Numa das missões de sua equipe ele encontrou um vilarejo totalmente destruído onde todos os habitantes foram brutalmente assassinados e apenas uma jovem garota sobreviveu. Heidern adota Leona e percebendo o talento nato da menina a cria como uma soldado do seu time, ensinando suas técnicas de luta pra ela e ajudando a superar seu passado e controlar o sinistro poder que reside dentro dela.

    Joel (The Last of us)

    Outro pai meio clichê até ja que ninguém esquece do Joel. A trama de Tlou começa mostrando o grande trauma que ele sofre com sua filha e se desenvolve com a relação de pai e filha que nasce na relação dele com a Ellie durante o jogo. Ao fim do game, ele transforma a garota numa verdadeira sobrevivente, apta a vencer as dificuldades daquele mundo e é capaz de fazer qualquer coisa pra mante-la viva.

    Kazuma Kiryu (Yakuza)

    Pensei até em fazer uma lista só do "pai é quem cria" de tanto pai adotivo que coloquei aqui. Kiryu, o mafioso boladão de bom coração da série Yakuza é mais um destes casos, tendo  adotado a pequena Haruka após tentar ajuda-la a descobrir o paradeiro da mãe e descobrir que ambos os pais da menina estavam mortos.  Apesar de não ser lá o melhor referencial possível, Kazuma faz o que pode pra dar a melhor criação e condições da menina realizar seus sonhos.

    Mike Haggar (Final Fight)

    Além de campeão de luta livre Haggar é prefeito da violenta Metro City e paizão capaz de enfrentar uma cidade inteira de bandidos pra resgatar sua filhinha na base da porrada quando ela é sequestrada pela gangue Mad Gear. A intenção era intimidar o prefeito lutador mas só serviu pra apressar o fim da bandidagem e a superlotação do hospital público da cidade ja que o prefeitão destruiu com os meliantes até salvar a moça.

    Lee Everett (The Walking Dead)

    Lee era um condenado que viu o apocalipse zumbi acontecer enquanto estava sendo levado a prisão. Além da liberdade o novo mundo o fez encontrar com a pequena Clementine a quem ele assume a responsabilidade de proteger custe o que custar. Apesar de pouco tempo juntos Lee transmite para a garotinha ensinamentos que a marcam pro resto da vida e forjam as bases pra a verdadeira sobrevivente em que ela se torna nos outros jogos.

    Barret Wallace (Final Fantasy VII)

    Representando os pais dos Jrpgs temos aqui um dos mais babões da série Final Fantasy. Barret quer ver o mundo mudar, mas acima de tudo quer um mundo em que sua filha (olha só, adotiva também) Marlene possa viver em paz. Pra isso ele ele topa bater de frente com corporações do mal, bancar o terrorista e até ir em missão suicida contra uma entidade que quer destruir o mundo. paizão!hehe

    Barry Burton (Resident Evil)

    Barry é "O" paizão do S.T.A.R.S. team. Faz de tudo pra apoiar seus colegas e tem acima de tudo amor incondicional por suas filhinhas. Isso inclusive é usado contra ele no primeiro jogo (toma spoiler) ja que Wesker aproveita essa "fraqueza" dele para manipula-lo, sequestrando as meninas. No  RE Revelations 2 vemos Barry novamente voltando a ativa disposto a encrarar qualquer perigo pra salvar sua filha mais nova que foi sequestrada novamente e se vê ajudando (e sendo ajudado) pela pequena e misteriosa Natalia

    Browser (Super Mario)

    Pra fechar a lista, ninguém menos que um dos mais mais antigos dos GAEMS, Browser, o eterno inimigo de Mario e do reino dos cogumelos vive atormentando a princesa Peach ajudado pelos seus 8 filhinhos que sempre estão dispostos a tomar um cacete do Mario pra defender seu papai, logo não pode ser um pai ruim né?hehe

    Só fica aquela eterna discussão sobre quem seria a mãe dessa prole e pq a Princesa Peach se deixa capturar tantas vezes....mistérios dos gaems ameeegans. XD

    Feliz dia dos pais a todos os papais da rede!!

    59
    • Micro picture
      katsuragi · 2 meses atrás · 4 pontos

      Boa lista, J!
      Caramba, tu acabou comigo me fazendo lembrar do Lee mais uma vez.
      Deus, como a primeira temporada de TWD é FORTE.

      1 resposta
    • Micro picture
      santz · 2 meses atrás · 3 pontos

      O Bowser dá um castelo novinho para cada filho. Isso que é pai.

      1 resposta
    • Micro picture
      gus_sander · 2 meses atrás · 2 pontos

      Ótima lista!!

      1 resposta
  • 2018-08-10 14:56:47 -0300 Thumb picture

    Talk - Coldplay (The Walking Dead)

    O VÍDEO ABAIXO CONTÉM SPOILERS, EU NÃO COSTUMO POSTAR VÍDEOS ASSIM, MAS A MÚSICA ENCAIXOU TÃO BEM QUE EU NÃO RESISTI!! @gusgeek

    19
  • harpoontv Harpoon
    2018-08-06 13:59:47 -0300 Thumb picture

    THE WALKING DEAD FINAL CHAPTER

    ENTÃO FAMÍLIA EU VOU ESTAR JOGANDO O THE WALKING DEAD FINAL CHAPTER NO DIA DO LANÇAMENTO E POSSIVELMENTE IREI FAZER UM SORTEIO NO MESMO DIA. Vocês estariam afim de assistir ?

    6
    • Micro picture
      filipessoa · 2 meses atrás · 2 pontos

      Infelizmente eu ainda estou atrás nas temporadas e não posso assistir pelos spoilerzão :-/

    • Micro picture
      harpoontv · 2 meses atrás · 1 ponto

      Tenso na true eu tava querendo jogar denovo ne
      Mas nao sei se vo jogar ainda

  • raccoon Ronaldo D'Arcadia
    2018-08-04 23:56:59 -0300 Thumb picture

    Desafio dos 30 Dias

    9 - cena triste

    São tantas cenas tristes marcantes, é complicado escolher uma só como a mais triste. Fico nesse momento com o final da dupla de amigos Clementine e Lee.  

    26
  • shucrute Cleidson Ferreira
    2018-08-03 15:04:20 -0300 Thumb picture

    Desafio dos 30 Dias

    Dia 21: Jogo com melhor história
    @desafio

    Ta aí um jogo que ninguém dava nada e foi praticamente o jogo do ano pra muita gente! Não pela jogabilidade mas exatamente pela história e a forma como ela é contada. É um jogo extremamente emotivo e brutal. Até hoje, por melhor que a Telltale saiba contar histórias, nenhum jogo lançado por ela conseguiu superar a 1ª temporada de TWD.

    17
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 3 meses atrás · 1 ponto

      Muito boa mesmo...

    • Micro picture
      filipessoa · 2 meses atrás · 1 ponto

      Eh impressionante como eu me lembro de cada detalhe do ato final desse jogo ;-;

Carregar mais postagens

Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...