This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • sidsales Sidnei De Sales
    2019-11-17 11:33:20 -0200 Thumb picture
    sidsales checked-in:
    Post by sidsales: <p>Zerado em 10/2019, finalmente.&nbsp;</p>

    Zerado em 10/2019, finalmente. 

    0
  • 2019-11-08 01:42:33 -0200 Thumb picture
    subzero_amarelo checked-in:
    Post by subzero_amarelo: <p><strong>Finalizado!</strong></p><p>2019 - <stron

    Finalizado!

    2019 - #56

    Geral - #112

    Limbo é o jogo simples mais genial que já joguei. O jogo inteiro é só resolução de puzzles e conta com dois botões e a movimentação do personagem. Basta isso pra fazer um jogo sensacional. Não é à toa que ganhou vários prêmios.

    Estou zerando ele pela segunda vez na vida, e reparei que da segunda vez que se joga esse jogo, ele perde um pouco da "magia" inicial. Uma vez que você já sabe como resolver alguns puzzles, a experiência de quebrar a cabeça pra sair de certas situações já não fica mais a mesma. Eu empaquei um pouco só nos puzzles finais mesmo, o resto do jogo eu já sabia. Ainda assim, recomendo forte pra todo mundo esse aqui. É uma experiência ótima pra quem gosta de videogames ou não.

    4
  • miguelpardal Miguel Pardal Alexandre
    2019-09-20 12:11:44 -0300 Thumb picture

    Finalizado

    20/09/19

    ( acho que não tenho muita imaginação )

    15
  • 2019-09-03 18:40:07 -0300 Thumb picture
    Post by floyd21: <p>Krai, faz tempo que eu não entro aqui! Peguei um

    Krai, faz tempo que eu não entro aqui! Peguei uma fucking gripe e tô nisso desde sábado e por algum motivo eu quis jogar Limbo e isso é preocupante.  Eu terminei ele hoje. É bem curtinho por assim dizer e gostei, só senti falta de uns desafios, tipo alguns como o último puzzle.

    1
  • 2019-07-18 18:21:03 -0300 Thumb picture
  • bobramber Jefferson Da Silva Prado
    2019-07-08 13:22:12 -0300 Thumb picture
    bobramber checked-in:
    Post by bobramber: <p>Finalizei +- com umas duas ou três jogatinas. O

    Finalizei +- com umas duas ou três jogatinas. O jogo é curto, mas como todo bom puzzle, tem parte em que empacamos e, após descobrir a solução, nos achamos meio besta por ser 'óbvio'.  Haha, adoro esse sentimento.

    Não sou muito profundo em captar a história, principalmente nestes jogos em que ela é contada sem texto. Depois fui dar uma lida sobre as principais teorias - afinal é interpretativo - e fiquei abismado com uma delas. Não vou dar spoiler, mas tudo fez mais sentido no jogo então, tornando a experiência extremamente rica e tornando este em um game CURTO que recomendo!!!

    6
  • edfalcao Ed Falcão
    2019-07-05 09:11:33 -0300 Thumb picture
    edfalcao checked-in:
    Post by edfalcao: <p>Que jogo! Ninguém entende o final, mas eu amei (

    Que jogo! Ninguém entende o final, mas eu amei (talvez por causa disso).

    Os puzzles são muito inteligentes, ficando no exato meio-termo entre "impossível" e "calma que vai. A direção de arte ficou bastante única até hoje, acho difícil a Playdead conseguir algo tão icônico de novo, a ponto de fazer a gente bater o olho e, de cara, dizer "é Limbo!".

    Com certeza merece a fama que tem!

    13
    • Micro picture
      ryou · 5 months ago · 2 pontos

      Acha difícil vir algo tão icônico, é? Bem, não sei se encaixa como "icônico", mas Inside foi com toda certeza bizarro.

      1 reply
  • filipessoa lipherus
    2019-07-02 16:15:57 -0300 Thumb picture
    filipessoa checked-in:
    Post by filipessoa: <p>🏁&nbsp;<strong>Jogo finalizado.&nbsp;</strong></

    🏁 Jogo finalizado. 

    No âmbito geral, gostei da minha experiência com Limbo. É um jogo com muitas peculiaridades e características das quais até então eu só tinha ouvido falar, mas nunca experimentado. Fui muito feliz pensando que iria entender toda a história quando chegasse no final mas ele acabou mais me confundindo do que ajudando. Vi algumas teorias a respeito dele e não me restaram dúvidas de que é, de fato, um jogo com tema de solidão e morte. Mas fico firme com a impressão de que ele trata de outro tema também: perseverança. Por que é preciso muito disso no jogo inteiro pra resolver aqueles últimos puzzles e (principalmente) tentar desbloquear todas as conquistas. E falando nelas...

    Como podem ver acima, fui atrás de todos os coletáveis para desbloquear uma fase secreta super criativa que é quase toda guiada pelo som. Isso valeu muito a pena pois não consigo me lembrar de ter jogado nada igual aquilo antes e também, caso não tivesse ido atrás dos coletáveis, não teria encontrado a minha fase favorita de Limbo

    Contudo, infelizmente não consegui os 100% pois era necessário desbloquear uma conquista que exigia completar o jogo todo com cinco ou menos mortes, missão essa que achei bem difícil e pouco compensadora. Tentei ela? Tentei. Mas não deu. Vida que segue, engrenagem pra frente.

    Provavelmente eu escreva uma análise mais detalhada sobre ele já que estou gostando de retomar velhos hábitos, então me aguardem com mais coisinhas de Limbo. E sim, fiquei um pouco pilhado para jogar Inside mas ele ainda terá o seu momento. 

    See ya! 

    33
    • Micro picture
      fredson · 5 months ago · 2 pontos

      Oh, no final das contas você ficou igual eu nas conquistas/troféus. Que bom que gostou da fase escura, hehehe.

      1 reply
    • Micro picture
      ryou · 5 months ago · 2 pontos

      E lembre-se que a conquista de finalizar com no máximo 5 mortes também exige que seja de uma vez, ou seja, nada de salvar pra continuar mais tarde.
      Se tu continuar jogando, logo pega prática e será capaz de finalizar o game em 1 hora e sem mortes (na parte final da gravidade talvez morra uma ou duas vezes, mas ok).

      1 reply
    • Micro picture
      thiagoreis · 5 months ago · 2 pontos

      Mano, quem no mundo que faz essa conquista de terminar esse jogo com menos de 5 mortes ?? é impossível mano kkkk...

      4 replies
  • filipessoa lipherus
    2019-06-26 16:14:25 -0300 Thumb picture
    filipessoa checked-in:
    Post by filipessoa: <p><strong>II&nbsp;</strong>—&nbsp;<strong style="b

    II — Chuva e máquinas

    Continuo caminhando pelas áreas fúnebres deste joguinho maravilhoso. As aranhas sumiram (por enquanto) e agora meus novos inimigos públicos são: água, pedras gigantes que eventualmente me esmagam e parasitas cerebrais que limitam minha movimentação mas que são alérgicos à claridade. É, isso tudo não poderia ser mais estranho.

    Uma coisa que está se manifestando gradativamente no Limbo é a eletricidade em conjunto com maquinários velhos e sinistros que vão de simples alavancas até mecanismos complexos envolvendo pressão de água. E falando no diabo: água. Não é exagero dizer que desde que cheguei na zona "industrializada" desse mundo caótico, eu me afoguei mais vezes do que poderia contar em infinitas vidas. 

     A chuva começou de maneira repentina na metade na metade do jogo e, até o presente momento, ela não cessou. Os puzzles envolvendo ambientes que vão se alagando pelas águas são bem complicadinhos de solucionar de primeira sem morrer pelo menos uma vez antes. Achei todos eles ótimo pois são bem pensados e a morte do jogo não é severamente punida o que atenuou minhas prováveis frustrações tentando não morrer e resolvê-los ao mesmo tempo.

    Em dado momento eu passei por uma caverna extremamente escura e acabei chegando em um local escondido iluminado como se fosse a clareira de uma floresta. Confesso que não entendi o propósito da existência desse lugar além de pegar uma conquista por tê-lo achado. Foi então que aproveitei o momento para refletir sobre o próprio limbo, pensar no que diabos está acontecendo ao meu redor e, por último mas não menos importante, tirar um print estiloso. :-)

    @Nota mental: Vermes malditos, vermes malditos, me levam pra aqui e pra aculá...

    @Nota mental #2: Eu consegui ver letras do alfabeto no mundo do jogo! 

    31
    • Micro picture
      kleber7777 · 6 months ago · 3 pontos

      " Foi então que aproveitei o momento para refletir sobre o próprio limbo, pensar no que diabos está acontecendo ao meu redor". Quando vc terminar, pode me marcar no post e me conta o significado de tudo. Eu não entendi nada. Hahaha
      Inside eu até arrisco palpitar mas Limbo não.

      1 reply
    • Micro picture
      ryou · 6 months ago · 2 pontos

      Após pegar todas as conquistas (que inclui até mesmo terminar o jogo) essa área da última imagem é aberta e você pode explorar o local e pegar a verdadeira última conquista.

      1 reply
    • Micro picture
      fredson · 6 months ago · 2 pontos

      Já que estava refletindo sobre o Limbo, isso me lembrou que uma vez li uma história que alguém escreveu sobre esse jogo. E foi uma coisa absurdamente foda de se ler. Vou ver se acho pra você depois.

      Esse lugar das velas é o seguinte, cada vez que você acha um ovinho brilhante, uma delas se acende. Quando tiver todas acesas, a porta ao lado se abre. E lá é uma área extremamente difícil de passar. Tão escura que muitas vezes você tem que se orientar apenas pelo som.

      1 reply
  • filipessoa lipherus
    2019-06-24 10:57:31 -0300 Thumb picture
    filipessoa checked-in:
    Post by filipessoa: <p><strong>I <em>(Prólogo)</em>&nbsp;</strong>—&nbs

    I (Prólogo) — Entrando num verdadeiro LIMBO

    Eis que decidi recomeçar minha jornada nos jogos single-player com Limbo. Escolhi ele por saber que é uma experiência curta mas muito interessante e era justamente o que eu precisava pra "aquecer". Outra razão foi pra ter a oportunidade de falar pro resto da minha vida que Limbo, por ironia do destino, me tirou do limbo de jogos sem final alá Dead by Daylight.

    Logo de cara já fiquei babando pelo estilo visual monocromático e granulado. Me passou a sensação de estar vendo um daqueles filmes super clássicos (e talvez seja isso mesmo!). O preto e branco e a quase ausência de música de fato estão me fazendo sentir como se estivesse em um limbo.

    Até aqui o jogo já me incomodara bastante com mortes horripilantes e uma constante agonia de ver seres nas sombras maiores e/ou mais rápidos do que o meu silencioso personagem. Destaco também a iluminação que deixa tudo mais sombrio (com exceção dos meus olhinhos brancos inapagáveis).

    Os puzzles são bem criativos e estão me entretendo o bastante para não tentar interpretar o que está realmente acontecendo nesse jogo e, por conta disso, sinto que a história se manterá aberta e sujeita à mil e uma interpretações. Meu personagem, assim como todo mundo nesse jogo, são mudos então o que me resta é continuar sobrevivendo nesse lugar sombrio e torcer para encontrar uma luz no fim do tún... quer dizer, limbo.

    @Nota mental: Quem ter aracnofobia e fica incomodado com cenas tipo aquela da aranha no Senhor dos Anéis é melhor tomar distância desse jogo por que mermão... a(s) bichinha(s) é(são) insistente(s).

    54
    • Micro picture
      ralfrisi · 6 months ago · 2 pontos

      Escolheu um excelente título para iniciar, não vou falar mais nada para não estragar a experiencia!!

      1 reply
    • Micro picture
      filipessoa · 6 months ago · 2 pontos

      Estava com muita saudade de fazer check-ins! Agora vou adotar um padrão de só colocar as TRÊS IMAGENS que mais descreveram minha experiência até o presente momento em que estou no jogo. Fazendo isso fica mais fácil pra todo mundo ler sem tomar muito tempo e oferece boas informações para uma crítica no futuro, se houver.

      3 replies
    • Micro picture
      sergiosamsa · 6 months ago · 2 pontos

      Quase comprei esse na atual flash sale da psn...está por 6 reais, mas acabei comprando outros...mas quer saber, tô quase voltando lá pra pegar antes que encerrem a promoção, rsrsrs

      2 replies

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...