Medium picture

papm22 Galard Malvic


over 3 years ago 2016-08-29

Inside

O que dizer deste jogo que acabei de zerar e queria pelo menos mais umas três horas dele? Que jogo incrível! intenso, perturbador e reflexivo

INSIDE é o segundo jogo da Playdead e sucessor espiritual de LIMBO, outro jogo igualmente impressionante.  E do que se trata INSIDE? Basicamente é um jogo de puzzle e plataforma em "2,5"D, sob uma ótica simplista e perturbadora. Mas não se enganem, a simplicidade é a maior virtude do game ...

História:

Assim como no jogo anterior, o jogador controla uma criança, desta vez com um pouco mais de idade, sem nome, sem voz que está andando para algum lugar e muitas vezes perseguida cruelmente pelo que parece ser um regime autoritário, ou que passa por alguma situação de calamidade. Percebe-se isto logo no início do jogo mesmo que jogo nunca te disponha de qualquer outra coisa escrita que não os seus menus e o nome do jogo: INSIDE. Arrisco a dizer que a narrativa é tão interpretativa que até o nome do game  a compõe para que o jogador compreenda o que está ocorrendo. E acredite: você não irá compreender sem que elabore algumas teorias para supor o que se passa. E prestem atenção ao final. Ele é simples, bizarro e tocante ao mesmo tempo. 

E a narrativa silenciosa de INSIDE é sem dúvidas um dos dois fatores determinantes para a sua compra. Ela é interpretativa e não recomendo para qualquer pessoa, mas sem dúvidas é um dos pontos mais fortes do game.

Jogabilidade:

Novamente, a simplicidade da jogabilidade faz com que este seja o ponto mais forte do game em minha opinião. O jogador só pode andar para frente e para trás, pular e interagir com alguns objetos. E é só isto que irá precisar para resolver os puzzles do game. E nem preciso dizer que não há qualquer tutorial. É tudo visual e intuitivo. E ainda conta com uma excelente física que interfere nos puzzles. O único problema é que na parte final o jogo fica bem menos desafiador, mas nada que atrapalhe a experiência do player.

Gráficos:

O jogo usa e abusa de uma palheta de cores simplista e sombria, com muitos tons acinzentados e negros, mas não monocromático. Conta com excelentes animações e bom uso de efeitos de chuva, sombreamento e principalmente de água fazem do game praticamente impecável. O único problema que percebi é que toda a escuridão do jogo pode te atrapalhar às vezes para resolver um ou dois puzzles, o que me obrigou a alterar o contraste do game uma ou duas vezes. Não são os gráficos mais elaborados do mundo, mas são belos e bem construídos.

Som:

Aqui é onde eu achei o jogo mais fraco. Ele tem boas músicas e faz um ótimo uso do silêncio e dos efeitos sonoros. Só que achei simplório demais e a trilha sonora poderia ser mais presente.

Concluindo: um dos melhores games de 2016, compra certa. Há poucos pontos negativos e os que existem, não são determinantes. As únicas ressalvas são a curta duração (zerei em 2:30, aproximadamente e em uma primeira jogada!) e que o jogo pode oferecer um baixo fator replay, uma vez que resolvidos os puzzles, não há uma outra forma de resolvê-los.  Contudo a fantástica experiência de jogo e sua história intrigante compensam cada centavo gasto dos R$ 36,99 que investi no jogo. Jogaço! 

9.5 9.5 10
Overall
10 Gameplay
10 Story
9.0 Music
9.0 Graphics

0 of users found this review helpful.


Outras críticas do mesmo autor:

Keep reading → Collapse ←
Loading...