Medium picture

artoriasblack Leandro alves

Pessoas estúpidas acreditam em qualquer coisa, ao invés disso, acredite em si mesmo. Joseph Joestar


mais de 5 anos atrás 2013-08-12

Mega Man Zero Collection

Megaman Zero Collection é uma coletânia dos 4 games lançados para o Game Boy Advance. com alguns extras conseguidos se completar as fases ou terminar um dos quatro jogos. jogo de gênero plataforma/ação.

a história dos games embora diferentes, tem um elo em comum, os Cyber Elfs. pequenos e fofinhos programas de computador que concedem habilidades extraordinárias desde mudar o tempo, até mesmo reernegizar um robô desligado há muito tempo. no primeiro game, Ciel, líder da resistência procura um lendário Reploid para combater a tirania de X-copy, a cópia de Megaman X. numas ruínas enquanto ela e seus guardas-costas são atacados, Ciel encontra Zero adormecido, com a sua fodástica armadura da série X, destruída. Ciel faz que uma Cyber Elf o acorde de seu sono. e daí o game começa. nesses games, os humanos não são ameaçados, mas sim os robôs

Zero não possui os mesmos movimentos que tinha na série X. mas tem umas vantagens. como agora ele usa além de sua espada, uma lança, uma pistola de plasma e um bumerange escudo. e ele pode evoluir essas armas se as usa-las muito, nas fases se pode apanhar os elfs e são muitos e se dividem em três categorias. os chefes do game são muito bem feitos e tem uns que são pauleira de enfrentar, como o Phantom. e a batalha final contra Zero e X é muito memorável. arrisco dizer que a que mais você lembrará dos quatros jogos.

em Megaman Zero 2, se passa 3 anos após a batalha contra X. num deserto, zero é atacado por inimigos, consegue derrota-los, porém Zero se cansa do combate. sorte que a Ciel, junto com uma nova base da resistência com um comandante chamado Elpizo, que embora meio afetado, ele só quer derrotar a Neo Arcadia, só que ele descobre os Dark Elfs, elfs muito poderosos que o corrompem, o X-copy aparece no game e velhos inimigos de Zero aparecem para dar uma força...ou não. novamente o game é excelente assim como o anterior.

Megaman zero 3 dá uma nostalgia, pois a primeira fase, é a queda da base Eurasia em Megaman X5, que para mim, é o melhor da série X. no fundo da base, Zero descobre uma nova ameaça que fora dita no fim do jogo anterior, Dr. Weil e uma maquina suprema, que segundo Weil, é o verdadeiro Zero e o nosso herói é só uma cópia...será mesmo?

como uma vez ouvi no anime Slayers: as vezes a cópia supera o original

os Dark Elfs aparecem também no jogo, para deixar Zero com ainda mais problemas.

e finalmente no Megaman Zero 4, nosso heroí finamente enfrenta o Dr. Weil. esse quer fazer um Ragnarok, um fim do mundo para que com a limpeza, se possa fazer um mundo melhor...com ele está Craft, um humano que se tornou um robô que aceitou isso, para se tornar forte para defender a terra e a mulher que ama...mas claro, algo acaba dando errado. essa versão é que tem mais carga emocional, mas não muita. e o final é de emocionar.

sobre a trilha sonora, são razoaveis, nenhuma delas é marcante. os gráficos do game estão muito bonitos, faz jus a fama do NDS.

devo admitir que estava de preconceito com esse game, com o visual novo do Zero. mas os games lembram os da série passada. acho que é das ultimas franquias que honram o nome Megaman.

8.5 8.5 10
Nota Geral
9.0 Jogabilidade
7.5 História
6.5 Música
8.5 Gráficos
todos os jogos lançados num só game
se equipara a série X
menos armas para o Zero
visual do heroí

15 de usuários gostaram desta crítica.


Outras críticas do mesmo autor:

Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...