• vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-30 23:55:29 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[553311]</p><p>Da capela vamos para um corr - Alvanista

    Da capela vamos para um corredor com algumas estátuas de esqueletos se curvando em reverencia. 

    O corredor é curto e já leva direto para a sala do boss, Dracula.

    A batalha é bem mais difícil que no jogo anterior, dessa vez ele fica teleportando de um lado para outro, envolto em bolas de fogo que o protegem e são lançadas contra mim.

    Com o tempo aprendo a desviar de seus ataques e vou atacando até que finalmente o derroto.

    Então Castlevania é mais uma vez destruído, enquanto Christopher e seu filho fintam o horizonte.

    Belmont's Revenge, supera em vários aspectos seu antecessor e é sem dúvidas, um ótimo Castlevania, agora partirei para o terceiro e último Castlevania do Gameboy.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    14
    • Micro picture
      santz · 6 meses atrás · 2 pontos

      É só decorar os pontos seguros que esse Dracula já era.

      1 resposta
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-30 23:32:56 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[553306]</p><p>O caminho leva até a capela - Alvanista

    O caminho leva até a capela (Chapel) com vitrais bonitos e salas grandiosas.

    Chegando ao final da capela, nos deparamos com o boss, Soleiyu Demon.

    Filho de Christopher, dominado por Dracula.

    A batalha é frenética, ele também possui um chicote e é muito rápido, além de soltar 3 lanças que sobem e descem semelhante ao movimento do machado.

    Eu chicoteei o mais rápido que pude e fui soltando o machado quando ele pegava distancia para usar a sua própria subweapon.

    Após derrotá-lo, Soleiyu recobra a consciência e diz que como Dracula não poderá usar o seu poder, usará o poder dos 4 espíritos dos 4 Castelos.

    Devemos nos apressar!

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    12
    • Micro picture
      santz · 6 meses atrás · 2 pontos

      Batalha tensa mesmo e é de longe a mais divertida.

      2 respostas
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-30 22:49:55 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[553291]</p><p>Dracula's Castle Entrance é - Alvanista

    Dracula's Castle Entrance é como o nome diz, a entrada do Castelo do Dracula, tem um corredor com estátuas belíssimas, um belo trabalho para o gameboy.

    Após várias salas para uma "entrada", chegamos ao boss, Bone Dragon King.

    OBS: Não consegui encontrar imagens no mesmo estilo das que vinha usando.

    Estranho por eu estar num corredor estreito, quando uma serpente dragão de ossos, começa a sair dos buracos do chão e teto, e a fase começa a me empurrar para a direita. Caso eu fique preso  levo bastante dano, então tentei ficar sempre a frente do boss e ir golpeando sua cabeça quando ele saia do buraco.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    13
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-29 06:30:45 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[552711]</p><p>No último dos quatro castelo - Alvanista

    No último dos quatro castelos, Plant Castle, usei muito o machado, há muitos inimigos que o atacam enquanto está pendurado nas cordas, o machado salvou minha vida, e no boss, Kumulo and Nimbler, não foi diferente.

    Duas estátuas que golpeiam com tridentes e lançam bolas de fogo, aqui não há muito segredo, o ponto fraco é a cabeça de cada uma das estátuas, usei novamente o machado, fiquei na plataforma central esquivando ou destruindo as bolas de fogo quando necessário.

    Após derrotar o quarto boss, no centro do mapa, surge o Castelo de Drácula e uma animação do mapa e das fases restantes vem em seguida. 

    Essa parte me lembrou bastante megaman, onde após derrotar os Robot masters iniciais, a fortaleza do Willy aparecia e um mapa rudimentar mostrava a quantidade de fases restantes.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    13
    • Micro picture
      santz · 7 meses atrás · 2 pontos

      O machado é realmente um salva vidas. Usei praticamente só ele o jogo inteiro.

      2 respostas
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-29 05:26:32 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[552704]</p><p>Continuando, fui até&nbsp;Ro - Alvanista

    Continuando, fui até Rock Castle, uma fase sem muitos desafios.

    Há uma parte interessante, onde apagando as velas a fase fica no escuro e uns "tatus" começam a adar.

    Logo chego até a sala do boss, Iron Doll.

    Um cavaleiro de armadura pesada, a batalha é tranquila, basta deixá-lo longe de você o máximo possível e quando ele estiver bem perto, subir nas cordas das laterais. Usei o machado e o acertei algumas vezes até que sua armadura se quebrou.

    Revelando sua verdadeira forma, um corpo magro e cadavérico, porém ágil. Fiquei em cima da corda até ele ir pra direção oposta, descendo o acertei mais algumas vezes com o machado, abaixando quando ele soltava raios da sua lâmina.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    13
    • Micro picture
      santz · 7 meses atrás · 2 pontos

      Essa parte que fica apagando a luz foi um desafio contra a minha ganância. Toda hora eu apagava a sala.

      1 resposta
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-29 04:37:09 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[552699]</p><p>Segui para&nbsp;Cloud Castle - Alvanista

    Segui para Cloud Castle, uma fase muito divertida de se jogar, inicialmente repleta de cordas para escalar e posteriormente correntes movidas por engrenagens.

    Chegando na sala do boss, Angel Mummy.

    Uma parede repleta de ossos, que criam vida, numa espécie de centopeia do inferno que trocam ossos entre si.

    A batalha parecia complicada, até eu achar um savespot, na extrema esquerda, fiquei atirando o projétil do chicote e eventualmente esquivando das bolas de fogo e me abaixando para não ser pego pelos ossos voadores.

    Uma observação, não encontrei nenhum item de cura na fase, então se chegar aqui com baixa vida e sem os upgrades do chicote, será morte na certa.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    14
    • Micro picture
      santz · 7 meses atrás · 2 pontos

      Até os frangos escondidos na parede estão bem distribuídos, consegui encontrar bastante. Essa parte das engrenagens eu passei um baita perrengue. A pressa é inimiga da perfeição.

      2 respostas
  • vinicios_santana_3 Vinicios Santana
    2018-05-27 06:59:03 -0300 Thumb picture
    vinicios_santana_3 fez um check-in:
    <p>#img#[552228]</p><p>Sequencia direta do Castleva - Alvanista

    Sequencia direta do Castlevania Adventure.

    15 anos se passaram desde que Christopher derrotou Drácula, 

    Mas como dito, ele não morreu e sim fugiu. Dracula está fraco e precisa de um sacrifício para voltar a ativa, então seus lacaios sequestram Soleiyu Belmont, filho de Christopher.

    Então 4 castelos surgem e devemos procurar nosso filho.

    Inicialmente já vejo algo que destoa do jogo anterior, a opção de poder escolher qual fase jogar, achei válido nesse contexto.

    Mas as diferenças, com seu antecessor não param por ai, dessa vez Christopher é bem mais ágil, comecei o jogo  e nos primeiros passos já percebi quão mais fluida está a movimentação,  as subweapons e corações também retornaram.

    Escolhi o Crystal Castle, um cenário aparentemente grego, me senti num jogo dos cavaleiros do zodíaco. POR ATENAAAA!!!!

    Graficamente o jogo mantem o mesmo estilo de seu antecessor, o que não é ruim, e ainda da um retoque em alguns sprites de monstros.

    Agora consigo deslizar pela corda, para descer mais rapidamente, ainda é difícil pular dela, mas tudo bem.

    Chegamos ao boss, Darkside.

    Um mago aparentemente invulnerável, mas que ao se teletransportar, vira um cristal e fica vulnerável.

    A batalha é simples, basta tomar cuidado com os raios e atacar quando ele estiver em forma de cristal.

    Bom, é isso, até o próximo check-in. 

    12
    • Micro picture
      santz · 7 meses atrás · 2 pontos

      A música dessa fase foi a que mais gostei.

  • katsuragi Jefferson Trindade
    2018-05-25 00:32:45 -0300 Thumb picture

    Uma Trilha Sonora SUPERBA!

    Instigado pela finalização recente do @santz nele, eu me recordei o quão lindo e belo Belmont's Revenge é num geral, para mim.
    No entanto, eu gostaria de destacar acima de tudo a trilha sonora dele. 

    Belmont's Revenge é um dos poucos casos onde, a trilha sonora INTEIRA do jogo é simplesmente REPLETA de peças finas da melhor qualidade sonora que você poderá ouvir vindo do Game Boy.

    Sendo sincero, a trilogia inteira dos Castlevania de Game Boy possui uma trilha sonora excelente, mas Belmont's Revenge vai além. MUITO além. A ponto de pegar para mim, o posto de melhor trilha sonora composta no console até hoje.
    O que me faz imaginar, POR QUE DIABOS a Konami nunca re-utilizou nenhuma das faixas do jogo ? São todas simplesmente ESTUPENDAS!

    Um outro exemplo fino, Belmont's Revenge chegou a  incorporar a arte do próprio J.S Bach em sua trilha sonora. Música de J.S Bach incorporada e renderizada em 4-bit num jogo de Game Boy! Isto é um trabalho simplesmente FANTÁSTICO. A faixa em questão que incorpora a música deste artista é o tema de batalha contra Soleiyu, Chromastiche Phantasie.

    Alguns dizem esta faixa ser totalmente medonha, outras dizem ser triste. Afinal, é um pai confrontando seu filho que foi apoderado pelos poderes das trevas. Então ela soar triste me parece ser mais de acordo, não ?
    Enfim, a música em questão de Bach do quão essa faixa incorpora é a  Toccata and Fugue in D Minor

    Novamente devo ressaltar, é simplesmente SENSACIONAL como os compositores se deram ao trabalho de fazer isso.
    Quando um jogo é feito com carinho, coisas fantásticas são simplesmente criadas assim. E é por isso que pra mim, Belmont's Revenge é uma das gemas que mais brilham dentre a biblioteca do Game Boy. Não por Castlevania ser uma das minhas 5 franquias favoritas, não por eu amar o jogo.

    Mas simplesmente por que ele É sensacional.

    15
  • luchta Ewerton Ribeiro
    2018-05-24 23:27:38 -0300 Thumb picture

    Os Castlevanias do Gameboy!

    Alucard dá uma olhadinha nos três jogos do Gameboy antigão, verdes igual vômito de ressaca! Será que algum deles vale a pena?

    10
    • Micro picture
      katsuragi · 7 meses atrás · 2 pontos

      Sim, dois deles valem até demais e o primeiro de todos, vai de pessoa em pessoa, eu gostei dele até um pouco.

      1 resposta
    • Micro picture
      santz · 7 meses atrás · 2 pontos

      O primeiro eu achei bem bosta, mas sei que é um dos primeiros jogos de GB, mas o II é muito massa, principalmente a OST. O 3 ainda tenho que jogar.

      1 resposta
  • santz Santz
    2018-05-21 14:55:30 -0300 Thumb picture

    Jogo finalizado nº: 309 - Um verdadeiro Castlevania clássico de bolso

     Me lembrei que estava a um bom tempo sem jogar nada da série Castlevania, então dei continuidade a minha eterna caçada contra o Dracula. Dessa vez, fui para a continuação do jogo de GameBoy, onde o filho de Christopher Belmont é amaldiçoado pelo vampiro e se transforma num demônio. Podemos escolher qual fase desejamos começar, como nos jogos do Mega Man, e após derrotar o chefe de cada uma, partimos para o castelo final para enfrentar o Dracula. Os gráficos receberam um excelente upgrade com relação ao jogo anterior, onde temos mais detalhes nos sprites e no fundo.

     A jogabilidade de Christopher recebeu uma leve melhoria. Dessa vez, ele não cai super reto para baixo, além disso, as plataformas exigem bem menos do jogador. Há somente 2 armas secundárias, o machado e a água benta, mesmo sendo pouca, já é mais que no jogo anterior. O enredo é bem mais elaborado e a trilha sonora ficou muito massa. No geral, é um game muito melhor que o primeiro de GameBoy, mas ainda dá para tirar mais do potencial do portátil da Nintendo.

    54
    • Micro picture
      thecriticgames · 7 meses atrás · 2 pontos

      Eu me lembro até hoje, o primeiro game da saga que joguei foi o Castlevania: The Adventure, joguei muito no meu tempo de Super Game Boy no SNES, e de tanto ter jogado ele me maravilhei com as melhorias dessa sequencia, claro não mudou o jogo ainda é um coco, mas me divertiu muito ele.

      1 resposta
    • Micro picture
      katsuragi · 7 meses atrás · 2 pontos

      Ele é uma evolução tremenda em cima do que o Adventure pecou.
      Adventure não é um jogo ruim, mas ele tem uma única coisa que atrapalha toda a experiência: cada hit levado diminuia o nível do chicote em 1.
      Se Power ups aparecessem constantemente, TALVEZ não seria um problema, mas não é essa a questão, estes geralmente só dando as caras no começo da Stage ou após morrer. Isso atrapalha demais o jogo e cria uma dificuldade falsa pra quem não tem costume.
      Já Belmont's Revenge consertou tudo isso ao meu ver e consegue ser um jogo excelente, sendo o melhor dos 3 de GB pra mim. Legends também é bom mas O Gameplay dele não é melhor que este. haha
      A trilha sonora é sensacional mesmo e, a ideia dos Castelos tematizados de forma diferente, foi algo que eu achei muito massa também. A seleção de fases também foi algo bem divertido de se ter.
      Um ponto importante de Belmont's Revenge é que, diferente de outros Classicvania, por ele ter este sistema de seleção de fases, todas tem a mesma dificuldade padrão, não aumentando conforme você avança, como funcionaria num Classivania comum. O que torna o jogo um dos mais balanceados na franquia nessa questão.

      1 resposta
    • Micro picture
      vinicios_santana_3 · 7 meses atrás · 2 pontos

      OH, vou adicionar a minha lista de futuros jogos a terminar.

      4 respostas

Carregar mais postagens

Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...