This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • rafaelssn Rafael Nogueira
    2019-09-04 14:17:17 -0300 Thumb picture
    Post by rafaelssn: <p>Por&nbsp;<a href="https://www.deviantart.com/dyl

    Medium 657618 3309110367

    Por Neil Cervantes

    30
    • Micro picture
      christopherfrancini · 5 months ago · 2 pontos

      Acho da hora quem sabe desenhar... Acho uns dos talentos mais tops dos seres humanoides....

    • Micro picture
      zsquall · 5 months ago · 2 pontos

      Arte sensacional

  • willguigo Willguigo
    2019-08-23 12:19:23 -0300 Thumb picture
  • joanan_van_dort Joanan Oliveira Batista
    2019-05-21 08:28:10 -0300 Thumb picture

    A HISTÓRIA DOS JOGOS DE LUTA - PARTE 1 - Poeira Jogos

    Documentário bem bacana o Poeira Jogos sobre a história dos jogos de luta. Os principais, as inovações, as revoluções e o estabelecimento do que hoje entendemos por jogos de luta e suas convenções. 
    Muito legal!

    9
  • raiden Raiden
    2019-05-12 11:36:38 -0300 Thumb picture
    38
  • old_gamer old_gamer
    2019-05-10 06:30:31 -0300 Thumb picture
    Post by old_gamer: <p>#img#[635474]Só passando para desejar bom dia a

    Só passando para desejar bom dia a todos!

    FDS chegou! 

    43
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 9 months ago · 3 pontos

      Bom dia meu caro...🤗
      Bom fds...😎
      Bom domingo...🐶
      Bom mesmo...seria acordar ao seu lado..."tomando você" (calma gente, piada interna e depois ele vai entender ao ver as notificações).😏

      2 replies
    • Micro picture
      tiagodantas · 9 months ago · 2 pontos

      Bom dia para ti também!!

      1 reply
    • Micro picture
      msvalle · 9 months ago · 2 pontos

      Bom dia! Hoje é sexta! \o/

      1 reply
  • 2019-05-08 23:53:00 -0300 Thumb picture

    167 - Street Fighter (Arcade)

    O primeirão, e mano, muito bizarro esse primeiro Street Fighter, mas é aqui que foi a origem de tudo, sério com dois hadouken é possível acabar com uma luta, ele tem lá suas dificuldades mas não chega a ser uma coisa absurda, aqui tem personagens que só apareceram nesse Street Fighter e nunca mais deram as caras em outro, e derrotar o Sagat aqui foi meio osso kkkkkkkk, enfim vale a pena conferir esse clássico. 

    Nota: Será que alguns desses personagens antigos podem retornar em um Street Fighter VI ?  

    11
    • Micro picture
      rax · 9 months ago · 2 pontos

      Acho o Primeiro Street Muito Bizarro também até hoje haha.Nem considero ele Jogável exdatamente (pra dar hadouken nesse game é quase um parto uashuahsuahsuh) mas acabei gostando dessa budega haha XD

      1 reply
    • Micro picture
      santz · 9 months ago · 2 pontos

      Ia ser bem da hora retornarem esse personagens, pois são mega clássicos. E a questão do Hadouken é verdade. Soltar 2 Hadouken já era.

      1 reply
    • Micro picture
      fonsaca · 9 months ago · 2 pontos

      O Lee, mestre da Chun-li, é mencionado no final dela ou dos gêmeos no Street Fighter IV. Eagle tem pra jogar no Capcom vs. SNK 2. E outros são protótipos de personagens futuros ou só umas versões diferentes.
      Logo, até onde sei, nem pesquisei isso direito, Geki, Retsu e Joe são os únicos que nunca mais deram as caras de alguma forma.

      1 reply
  • anduzerandu Anderson Alves
    2019-05-05 02:26:09 -0300 Thumb picture

    Registro de finalizações: Street Fighter

    Zerado dia 04/05/19

    Jogatina na casa de uns amigos hoje e enquanto o resto do povo não chega, lembrei que ele é super fã dá série Street Fighter e resolvi pegar a coleção de 30 anos da série pro PS4 e investir em zerar esse jogo que, se não for assim, eu nunca vou jogar.

    Os dois que já estavam aqui no sofá, inclusive o dono do jogo, torceram o nariz. "Esse jogo é um lixo, eu só joguei uma vez pra dizer que já joguei mesmo".

    Falei pro povo que seria rápido e já fui abrindo o jogo pra fechar a campanha rapidão.

    Começando a jogatina, você vê uma tela título que é um muro com umas pichações. Apertando Start o jogo já inicia a primeira luta, sem sequer deixar você escolher personagem. É o Ryu ou nada.

    Engraçado que existem 10 outros personagens contra os quais você luta na campanha e o Ken, que o segundo jogador usa caso vocês joguem Versus, mas enfim.

    A campanha sempre segue a mesma ordem de lutadores também, incluindo oponentes conhecidos e outros que só ficaram nesse jogo. Dos conhecidos, temos o Birdie, o Eagle e Sagat, entre outros.

    O gameplay é simples, já que além dos direcionais, usamos apenas dois botões: um pra ataque e outro pra defesa. Daí basta usar as combinações bizarras para fazer ataques especiais.

    Teoricamente os comandos são os mesmos dos jogos seguintes, como o Hadouken, shoryuken e tatsumaki, o que o próprio jogo mostra na lista de comandos quando você aperta Start e abre um menu do emulador da coletânea.

    Já na prática as coisas são diferentes. O Hadouken, que deveria ser o mais fácil, dificilmente sai! Tive mais facilidade com os outros dois, mas são golpes difíceis demais de acertar aqui senão na sorte mesmo.

    Os inimigos são bizarros e nunca dá pra prever seus movimentos. As vezes eles simplesmente ficam parados aceitando seus golpes, e outras eles vão com tudo pra cima.

    Conforme você avança na campanha, mas difíceis eles ficam também. O primeiro combate é mais justo, logo a IA sobe de forma significante  a cada avanço e dá menos brechas. Alguns inimigos podem levar muitos golpes pra morrer mas te matar com 3 socos! 3 sequinhos ridículos!

    É um jogo bem injusto e mal feito.

    O mais bizarro de tudo, no entanto, é a animação dos personagens. É tudo feio e preguiçoso e rola MUITO frameskip. Muuuuuito.

    É uma mistura de combate lento com lutadores teletransportando a todo momento pois muitas animações estão faltando! Isso ficou muito evidente na luta contra o Adobe, a que eu recomendaria assistir no YouTube.

    Street Fighter é bem quebrado, mas ao menos tem continues infinitos. Ainda assim, cada round é um sacrifício e eu usei savestate do emulador sempre que vencia. Nas primeiras batalhas eu já tava muito irritado.

    Resumindo: Street Fighter é o jogo que começou uma geração, mas de uma forma ruim. O fato de as pessoas ignorarem sua existência e seguirem do 2 pra frente faz todo sentido, pois é como um título inacabado.

    De bom: a ideia geral é boa, como os personagens e tal. Continues infinitos. Fases bônus variam a jogabilidade.

    De ruim: parece um protótipo. Cheio de frameskip ou animações não terminadas. Hitboxes zoadas. Lutas injustas que você perde com 3 golpes. Sem escolha de personagem ou estória.

    No geral não há o menor motivo pra jogar ou tentar emular esse jogo. Melhor só ver no YouTube mesmo, mesmo se você for super fã, como meu amigo é.

    13
  • gan0nd0rf Luis Gomes
    2019-03-20 08:34:18 -0300 Thumb picture
    Post by gan0nd0rf: <p>#img#[624723]</p>

    39
  • 2019-02-26 12:54:03 -0300 Thumb picture
  • 2018-10-18 08:25:28 -0300 Thumb picture

    #115 - Street Fighter [Arcade] 1987

     A Capcom aposta em seu primeiro jogo de luta, gênero ainda pouco explorado nos Arcades. O lutador Ryu deve viajar para 5 países para derrotar 2 lutadores de cada um e provar sua força. No último país, ele vai enfrentar dois lutadores de Muay Thai, Adon e o mestre Sagat. O jogo permitia que o segundo jogador desafiasse Ryu, usando o lutador Ken. Caso saísse vitorioso, tomava o lugar do primeiro jogador e continuava a jornada pelos outros países. Além do joystick padrão para controlar o lutador, o gabinete foi pioneiro a vir com 2 botões pneumáticos, um para soco e outro para chute. Quanto mais forte o jogador socasse esses botões, mais forte era o golpe do lutador. Devido a quebra de várias máquinas, esse sistema foi substituído por Arcades de 6 botões de ações.

     - Um jogo extremamente inovador e diferente. Ao invés de personagens pequenos e com pulos altos como em Yie Ar Kung-Fu, temos lutadores grandes e que dão saltos mortais. A luta é uma melhor de 3 o fato de permitir 2 jogadores lutando um contra o outro é inovador. Este jogo também foi o primeiro a apresentar golpes especiais usando combinações de botões. Podemos disparar esferas de energia (Surge Fist), um gancho aéreo (Dragon Punch) ou chute giratório (Hurricane Kick). Esses golpes especiais tira bastante sangue do adversário, que pode decidir a luta em poucos segundos, mas os oponentes também possuem técnicas especiais poderosas. A trilha sonora do jogo é fraca, mas os gráficos são bonitos, especialmente os cenários de fundo.

    Nota pessoal: ★★★★☆

    @andre_andricopoulos, @filipessoa, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @velhoretrogamer, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @luizkorynga, @marlonildo, @joanan_van_dort, @zak_yagami, @volstag, @manoelnsn, @shuichi, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @fredson, @kb [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    48
    • Micro picture
      joanan_van_dort · over 1 year ago · 2 pontos

      A revolução nem sempre vem em bons jogos hehehe

      3 replies
    • Micro picture
      leandro · over 1 year ago · 2 pontos

      Eu tinha conhecido primeiramente o SF II. Esse daí, lembro bem até hoje, conheci e joguei em um carnaval de rua, lá bem no início dos anos 90, em um botequim abarrotado de gente. Valeu apenas por ter conhecido e só rs

      1 reply
    • Micro picture
      darlanfagundes · over 1 year ago · 2 pontos

      Já viu a versão fan bet'em'up dele?! Muito bom cara...esse é toscão, talvez se eu tivesse jogado na época até gostasse...rsrsrs

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...